4 de janeiro de 2017

Reforma da Previdência: Marinha estuda proposta de transição gradual para os 35 anos de serviço

Publicação original: 4/1 (19:07)
Editado: 4/1 (11:38)
Com o aumento do tempo mínimo para 35 anos praticamente definido pelo Governo, as Forças Armadas começam a elaborar propostas de regras de transição visando atenuar os efeitos do acréscimo compulsório de mais cinco anos na carreira dos militares.

O novo Pacote de Abril
O Planalto deve encaminhar a proposta ao Congresso em abril e, até lá, todas as tratativas com a cúpula militar devem estar encerradas. Face a pífia representatividade parlamentar dos militares, é de se imaginar que o pacote governamental será aprovado na íntegra. 

Regra de transição
Internamente, a Marinha trabalha com uma proposta de transição gradual, que beneficia os militares com mais tempo de serviço. Confira:

Cenário dos sonhos
Caso a proposta da Marinha seja avalizada pelo Exército e Aeronáutica, este - certamente! - seria o melhor cenário possível dentro da conjuntura, porém, é bom não alimentar esperanças quanto à sua concretização. A julgar pelas regras de transição propostas pelo Governo para as aposentadorias pelo INSS, que são aplicáveis somente a homens a partir dos 50 anos e mulheres a partir dos 45, as condições impostas aos militares deverão ser bem mais severas.

Dos males, o menor
A vantagem de uma proposta como essa é iniciar uma negociação a partir de um patamar amplamente favorável, o que aumenta as chances de obtenção de regras de transição um pouco mais amenas.

É tudo com os generais
Em suma, o destino dos milicos está na capacidade de negociação dos altos-coturnos. Oremos.

105 comentários:

Anônimo disse...

Duvido que esta farsa da previdência atingirá os heróis das FORÇAS AUXILIARES, eles sim tem COMANDANTES que não se vendem por cargos comissionados! E cag*^$# para se fazer de bom mocinhos para a sociedade, cumprem o seu papel institucional e pronto, ainda possuem o Posto Acima, interstício de dois anos para praças, depois do serviço de escala vão para suas casas, e previu nos novos editais 40 hs semanais! Detalhe a MISSÃO deles é real, não é campo de pow..pow ...pow!

Anônimo disse...

"Bem aventurados os subtenentes e sargentos que fogem e se escondem das missões, pois o que desembocar e for eficiente, será sempre servo no reino dos oficiais"
- QE 17:1

Anônimo disse...

Creio que essa proposta se fosse acatada pelos ladravazes não seria das piores. O Alto Comando das Forças Armadas deveria estudar uma proposta única para as três Forças Singulares. Se faz necessário um planejamento para apresentação de no mínimo três propostas A, B e C. Como não temos representatividade, a negociação estão nas mãos dos Generais das três forças. Senhores Generais! Vê se desta vez, não nos decepcione. Basta a "MP do Mal" que o Alto Comando da época aceitou sem negociar.

ST cansado de ser enganado pelos políticos, ladrões e seus comandantes.

Anônimo disse...

O militar aposenta muito cedo, a maioria com menos de 50 anos de idade. Isso é um absurdo.Eu mesmo, sou S Ten e entrei com pedido de Reserva essa semana e estou com 44 anos idade (deixa os civis saberem disso). Fiquei 14 anos em Loc A (8 meses a cada biênio). Sou Praça de 91. Sou um beneficiado com a Lei atual, mas não posso concordar que um militar aposente com menos de 50 anos de idade, mesmo com todas as suas peculiaridades. Tem que mudar sim. E já, senão o sistema quebra.

Anônimo disse...

A questão mais crítica é a salarial...O militar aceita ficar um pouco mais( a proposta dá marinha é boa) mas não aceita nem se conforma com salários vexatórios,o que se espera de nossos Comandantes é que briguem por valorização salarial aproveitando esse famigerado Projeto de Lei !!

Anônimo disse...

Melhorar os soldos dos militares das FFAA ou votar a PEC 245 nem pensar, porem para exigir mais colaboração com a reforma da Previdência aí tudo bem.

Anônimo disse...

Mimimimimi...se acha errado porque pediu reserva então? Vc representa o típico Brasileiro....lamentável

Anônimo disse...

Estica, encolhe, puxa, solta, tira direitos, põe de volta, aumenta tempo de promoção, diminui, etc. Virou bagunça. Se os militares forem aceitar a qualquer hora mudanças que os políticos fazem para a propaganda governamental, então ninguém saberá o que acontecerá na semana seguinte, antes de pedir reserva. Já prejudicaram muito na da MP do mal, e que ainda não foi votada.Agora vem de novo com essa lorota de "contribuir" para tapar buraco dos rombos do governo? No quê os militares contribuíram para o rombo da previdência civil? Até para tapar "buraco" financeiro os militares entram de graça?Estão querendo desviar a atenção do descalabro das contas públicas usando os militares, de novo? E os responsáveis pela má administração e responsáveis por esses rombos, vivem felizes para sempre?

Anônimo disse...

Anônimo de 4 de janeiro de 2017 10:15, já que está tão indignado e acha injusto o pouco de direitos que temos, fique na ativa, porque pediu reserva, fique até os 54 anos. Se vc realmente é militar das FFAA sabe que Subtenente o regulamento permite, problema seu. Agora não fique dando ideia de rato, dando de bom moço.
Pronto falei...

Gilmar. disse...

Também sou S Ten e sou Praça de 93. Se você acha um absurdo o militar das FFAA ir para reserva com menos de 50 anos por que pediu reserva? Continue cumprindo expediente até completar, no mínimo, seus 50 anos de idade. Não seja hipócrita e nem tenha moral de cueca.

Anônimo disse...

Esse ST do comentário de 4 de janeiro de 2017 10:15 é um brincante... kkkkkkk... Como um sujeito beneficiado pelo sistema pode criticá-lo? Esse comentário é fake puríssimo, só pode .... kkkkkkkk

Anônimo disse...

Pessoal, como tudo nas FFAA funciona ao contrário, o melhor é dizer que essa proposta da Marinha é a pior de todas e não queremos... kkkk

Anônimo disse...

E votar a LRM então nem se fala! Instituição falida!

Anônimo disse...

Vocês acham que nossos comandantes estão preocupados com a tropa? 2017 vem rachando em cima de nos... quem não aguentar corra!

Anônimo disse...

Estou desde 1988 esperando uma melhora salarial. E até agora nada, militar é para se ferar, quer defender o Brasil, dar a própria vida, que dê o problema é seu e de sua família.

Anônimo disse...

Não entendo porque não fizeram a mesma proposta na implantação da medida provisoria do mal 2001: que cortou promoção posto acima e outros. Essa transição deveria ter ocorrido à época, muitos foram ceifados nos seus direitos "sem dó nem piedade" - faltava 6 meses para completar 30 anos e aí?? Absurdo! o que fizeram.

Anônimo disse...

Nós nunca tivemos Comandantes do Exército, é sim políticos com Cargos Comissionados eleitos a este Cargo por simpatia dos seus presidentes...estes ainda tem a petulância de dizer Amo o Exército...cadê os 28%...nossos direitos...não fazemos greve...mas não temos quem nos representa.

Anônimo disse...

eu tenho pena é da sua esposa e filhos, q passaram grande parte da vida no meio do nada, pra ter q ouvir depois de tudo, q eh normal....ME POUPE!!

Anônimo disse...

Isto está igual àquela história do preso e o bode: "O cara foi preso, inocentemente, e o colocaram na prisão junto com um bode. Ele começou a reclamar do fedor do bode e gritava para tirar o bode de lá. Então, assim fizeram, e ele continuou preso mas feliz." É questão de "amaciar" a mente apenas!

Anônimo disse...

É só vc retirar seu pedido de reserva.... ah, mas pros outros não pode, pra mim pode... o nome disso: Hipocrisia

Anônimo disse...

Mais uma vez vão mudar?
Montedo, permita incluir esse artigo abaixo. Para ler completamente entrem em:http://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2017/01/cavalo-comove-familia-de-vaqueiro-morto-ao-se-despedir-do-dono-na-pb.html

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Ernesto Caruso

De início, vale lembrar-se do presidente Castelo Branco (1964/1967) que ampliou o tempo de serviço dos militares das Forças Armadas, de 25 para 30 anos, conforme a Lei nº 4.902/1965, coerente com a realidade: Art. 12. O militar passa para a Reserva... Art. 13. A transferência para a Reserva, a pedido, poderá ser concedida: ao militar da ativa que contar, no mínimo, 30 anos de efetivo serviço.

Regra de transição: Art. 60. Fica assegurado ao militar que na data de 10 de outubro de 1966 contar 20 ou mais anos de efetivo serviço o direito à transferência, a pedido, para a Reserva Remunerada a partir da data em que completar 25 anos de efetivo serviço.

Anteriormente, pela Lei nº 2.370/1954 e Art. 13, “A transferência para a reserva, a requerimento, só poderá ser concedida ao militar que contar, no mínimo, 25 anos de efetivo serviço...”

Houve quem recorresse, não tendo os vinte anos de serviço, mas diante da “expectativa de direito”, fundamento aceito, cumpriu-se a nova regra normalmente.

Tal fato foi trazido à tona nesta oportunidade em que a Nação debate a necessária reforma da previdência (PEC 287/2016), face ao descompasso entre o arrecadado pela União e os compromissos em manter assistida parte da população que se aposenta ou é pensionista.

A Carta Magna de 1988 faz distinção entre os servidores públicos (Sec. II, Art. 39), os militares dos Estados — policiais e bombeiros — (Art. 42) e, os militares das Forças Armadas (Art. 142), cada conjunto com as suas especificidades. E assim, devem ser apreciadas com as evoluções naturais e as necessidades que satisfaçam a sociedade como um todo.

As atividades dos servidores públicos civis são mais bem conhecidas fruto do relacionamento com a sociedade e das reivindicações rotineiras próximas da legislação que rege as atividades privadas entre empregadores e empregados.

Anônimo disse...

PTralha detectado.
Deixe de patifaria FAKE.

Anônimo disse...

E por falar em cargos comissionados vocês ja atentaram na quantidade de milicos que pedem reserva para Brasília? Por que? Uma cidade com o custo de vida mais alto do País, além de oferecer péssima qualidade de vida. Será se consultarmos os os cpf de comissionados encontrarmos boquinhas de milicos e familiares? Quais são os motivos dessas boquinhas? Uma boa reflexão!

Anônimo disse...

Eu passei a viver melhor quando desisti de ver reajustes no nosso salário. Me desgastei muito sonhando com salário melhor. hoje não acredito mais no sistema. Se tiver que piorar..... vai piorar tenham certeza disso. Quando a situação do país está boa.... não temos aumento de salário pois não é o momento ..... quando a situação está ruim ..... não é o momento ... e assim vamos colhendo as migalhas que caem da mesa dos poderosos....

Anônimo disse...

As Forças Armadas são assim

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Ernesto CarusoErnesto Caruso é Coronel de Artilharia e Estado-Maior, reformado.

http://www.alertatotal.net/2017/01/as-forcas-armadas-sao-assim.html

Postado por Jorge Serrão às 07:47:00 04/01/2017

Anônimo disse...

Ler os comentários aqui nos últimos tempos tem me dado nojo. Se as pessoas que comentam aqui representam os militares das forças armadas desse país, não sobra nada de tudo que acreditei em vocês até hoje. Lamento, não por vocês, mas por mim e por outros que sempre tiveram as forças e seus integrantes no mais alto conceito.

Anônimo disse...

Absurdo, de novo. Os militares das Forças Armadas novamente irão pagar pelo erro dos políticos, pois essa bagunça que esta no país é tudo culpa deles. Não existem leis eficientes, atuais, imparciais. Bastam ver a Lava Jato. Muitos deles já estão cumprindo pena em suas próprias casas. Ridículo, tenho vergunho do meu país.

Cleto disse...

Vc envergonha os militares.
Selva!

Anônimo disse...

Enquanto isso, os DIGNOS MILITARES BRASILEIROS, na maioria do seu efetivo, foram levados a viverem na M com a pior remuneração do funcionalismo público, devido à SUBMISSÃO por parte de uma classe política corrupta e revanchista. Ainda chamam de CRISE os ROMBOS dos cofres público da nação, cometidos pelos políticos ladravazes, cínicos e mentirosos; e o que é pior, tudo isso, com os sacrifícios financeiros impostos a classe militar. Veja a famigerada MP 2215 (LRM), que usurpou direitos dos militares e seus pensionistas, que está enterrada nos porões do Congresso há mais de 15 anos, levando a perda do poder aquisitivo da classe em torno de 45%. Veja também, as correções MESQUINHAS de salários, como se fosse um cala-boca, sem contemplar os guardiões da nação com uma correção JUSTA, IGNORANDO O ART. 37, INC. X DA CONSTITUIÇÃO, que prevê a revisão anual dos soldos e pensões. Isso tudo com a conivência dos comandantes militares, pois nada fazem para alterar esse quadro caótico nos vencimentos da classe e seus pensionistas. Então vejamos: o vencimento de um CORONEL da ativa (Militar com 25 anos de serviços e com todos os cursos que a carreira impõe) é INFERIOR ao do MOTORISTA do Senado; onde o vencimento LÍQUIDO de um SUBOFICIAL, da ativa, com 30 anos serviço corresponde aos HUMILHANTES R$ 5.500,00; Bem menos que um soldado da PM-DF ou Policial Rodoviário Federal em INÍCIO de carreira, SENDO QUE O DINHEIRO VEM DA MESMA FONTE PAGADORA: A UNIÃO! Onde o vencimento de um GENERAL, com mais de 45 anos de serviço, é IGUAL ao salário de um AGENTE DE SEGURANÇA, de Portaria do Congresso. Sabidamente, os militares pertencem a uma categoria que não foi feita para viver na riqueza, na ostentação, mas em contrapartida, também NÃO JURARAM a viver na MENDICÂNCIA. O MILITAR JURA DEDICAR-SE INTEIRAMENTE AO SERVIÇO DA PÁTRIA E DEFENDÊ-LA COM O SACRIFÍCIO DA PRÓPRIA VIDA, MAS NÃO JURA A PASSAR PRIVAÇÕES, MUITO MENOS A SUA FAMÍLIA!

Anônimo disse...

Se a marinha colocou o encouraçado na água, agora vai!

conde de monte cristo

Anônimo disse...

35 anos é pá de cal na carreira!!! Uma das ultimas coisas boas da carreira é possibilidade de aposentar cedo, muitas vezes já cheio de problemas de saúde e psicológicos que a pressão e maus chefes que temos o azar de pegar proporcionam.

pra que elevar pra 35 anos? pra satisfazer aos politicos moral de cuecas, que se aposentam com 8 anos de mandato?

Será que os Oficiais generais das FFAA vão se dobrar a essa falacia dos governo? O que os militares tem a ver com a corrupção e péssima gestão dos recursos da previdencia social dos civis?

E os prejuizos (GOLPE) que já sofremos com a tungada da MP 2215, a MP do MAL???

Anônimo disse...

Como foi frisado no texto do post, nossa representação parlamentar é pífia logo estamos nas mãos dos altos coturnos. Não me importaria em trabalhar mais uns 2 ou 3 anos desde que melhorassem os salários. Mas nem me iludo. Na real só nos que vamos agasalhar essa reforma de previdência. Os civis, pm e outras categorias não vao aceitar, fora o fato que eles tem representação.

Anônimo disse...

Ao anônimo de 4 de janeiro de 2017 10:15

Deixa de ser ridículo militar, não respeita a própria família pelo qual impôs alguns anos de sacrifícios, privações vivendo no meio do nada e esta por sua vez deu-lhe apoio necessário para o cumprimento de suas missões . Despreza o próprio refúgio a família o que diria dos seus irmãos de arma. Não venha aqui achincalhar seus companheiros com lorotas. Fique na ativa té a compulsória, até cair os dentes, deixa de ser hipócrita.

Sub véi cansado e sem esperança

Anônimo disse...

Ainda não entendí: querem reformar a previdência e querem que os militares contribuam com a reforma. Como se faz isto se os militares não tem previdência? Não seria mais recional criare m um sistema de contribuição previdenciária e acabar com o eterno desconto para a pensão, cujo o qual, nunca teremos retorno? Para onde vai o desconto do efetivo temporário? E a cota compulssória que somente os oficiais tem direito?

Anônimo disse...

Aumentam o tempo de serviço... e o interstício das Praças, fica no mesmo, aumenta ou diminui? Alguém aí tem alguma ideia? Porque nas Praças é só fumo no rabo, enquanto a carreira dos Oficiais continua inalterada...

daniel r disse...

O governo é esperto ou os militares são bobos? Agora, a discussão fica em torno de uma reforma na Previdência dos militares e a valorização salarial fica esquecida? O alto comando deveria bater o pé contra essa reforma, e se o governo insistisse os militares deveriam cobrar uma contra partida com um reajuste salarial no mesmo mês que fosse aprovada a reforma na previdência. Eu fico triste com alguns comentários de militares que escrevem que estão indo cedo para a reserva. Se você está com vontade de continuar peça a reserva e continue como voluntário, sem receber por isso. A maioria dos militares vai para a reserva e começa a trabalhar em negócio próprio, fazendo bico ou como empregado pois o salário é muito pouco.

Anônimo disse...

redução das OM e do efetivo, eu apoio! Sobrarão mais recursos para nós...
E melhorias salariais e operativas.

Anônimo disse...

Cumpra expediente até a morte cara de pau, agora com 44 anos pede reserva e fala isso. Você é muito cara de pau. Um péssimo exemplo. Faça o que digo, mas não faça o que eu faço. Lá na frente eles vão deixar o salário da reserva menor que os da ativa. Aí você vai chorar magoas, que não dar pra comprar remédio.

Anônimo disse...

Parabéns para Marinha, dos mares o menor, essa transição proposta seria a mais justa, que os Cmt do EB e da Aeronáutica abracem a causa e que só aceitem os 35 anos com a contrapartida proposta, caso contrário, que fique como está.

Anônimo disse...

Esse ano de 2017 vai ser o ano do capeta pros militares !!!

3ºSgt / 2013

Heloisa Sardinha disse...

Se dependermos,desses atuais comandantes,estamos é fundidos para sempre

Anônimo disse...

Fico 40 anos-mas quero a prisao de todos os criminosos do senado e camara, membros do judiciario, ex-presidentes, governadores, bandidos assassinos, tem graça bandidos decidindo o futuro do Brasil, meu e de minha familia...deste jeito,me desculpem os ainda iludidos, mas a única saida para o Brasil e o aeroporto.

Anônimo disse...

Gostaria de saber sobre como ficarão os interstícios.

Anônimo disse...

O problema nosso na atualidade são a quantidade abusiva de temporários encostados que ficam 2 ou 3 anos servindo e depois alegam problemas psicológigos ou fisicos, sempre coluna, joeho, ombro ou qualquer outro problema para se aposentarem em tenras idades sem dar nada em troca para nosso meio, quando na ativa passam o tempo todo indo de junta a junta médicas, onde, sempre faltam médicos a acabam passando para a reserva remunerada com muitas vezes menos de 4 ou 5 anos de serviço, onde vivem se arrastando pelas OM, e debochando da nossa cara, isso é um abuso conosco e com a sociedade e como quase a totalidade dos militares tem medo da justiça e de advogados, raríssimos são os comandantes de OM que não permitem essas aberrações em suas OM, tomando atitudes firmes, isso sim é uma vergonha e atenta contra a nossa categoria.

Anônimo disse...

A sua familia ficou isolada e ainda acha que eata errado.

Anônimo disse...

Jovem entre 18 e 25 anos nao sejam militares, estudem e sejam homems livres. A historia conta que praças foram chicoteados e tinham baixos soldos e hoje o que mudou foi o chicote que agora é a tortura psicologica e salarial encima dos praças. Só ganha mais que lixeiro porqie professor ja recebe mais. Jovem sejam inyeligentea e estudem para carreira fiscal, pois os autitores da receita federal conquistaram 53% de aumento no ultimo DOU do ano com salarios entre 14 e 20 mil inicial. O 1sgt velho ja nao aguenta mais tirar serviço...mi ha familia sofre, pelo salario, pela ausencia e pela falta de escola publica para meus 3 filhos e minha casa propria pois hoje moro em uma comunidade e gaço moto taxi para colocar o minimo na mesa.

Anônimo disse...

Estudos comprovam 72% de déficit salarial nas forças armadas. Nossos chefes aceitam isso e não brigam por melhoras. A disciplina está enraizada de tal maneira que acreditam que devem dizer amém ao presidente de república por ser o chefe supremo das forças armadas. Enquanto isso a tropa morre a míngua. As forças auxiliares já ganham mais que nós a muito tempo. Soldados dá PM ganham igual sargento das FA. O mínimo que se espera é que por ocasião das reforma dá previdência, seja corrigido o déficit salarial. Pois caso contrário temo pelo fim dos pilares dá nossa instituição. Paciência tem limite.

Anônimo disse...

ou é FAKE, ou vc é um brincante ou foi um cara "escorador" e sugador dos outros.
o nome guarnição especial cat A já significa adversidades. foi um acochambrador isso sim

Anônimo disse...

Então pq pediu reserva. Volta pra ativa. Se beneficiou e agora diz que errado. Padrão de militar. Menos um na ativa com esse pensamento

Anônimo disse...

duvido o Montedo falar de Ociosidade nas FFAA

Anônimo disse...

O anônimo de 4 de janeiro de 2017 10:15...muito hipócrita né? Reclama que militar vai para reserva muito novo e...pasmem....pede reserva com 44 anos !!!! É por causa de hipócritas iguais a você que existe a desunião nas FFAA.

Anônimo disse...

Nuvens negras pairam sobre nossas cabeças! Temo que a situação piore se não essa tal de refofma não for bem planejada. Como ficarão a Pensão Militar, o Fusma e os descontos por dependentes? Se incluírem mais descontos sem uma correção nos salários a coisa vai ficar mais complicada para o nosso lado.

Anônimo disse...

Porque o Ministro da Defesa não faz um pronunciamento ao público em geral dizendo com todas as letras, que os militares já fizeram uma reforma geral em 2001, estando portanto 15 anos adiantados em relação a esse tema? Ou será que a MP que nos tirou praticamente todos os direitos não pode ser levada em conta? Que eu saiba essa verdadeira reforma feita em 2001 foi exclusivamente para os militares. Aos comandantes de hoje só faltam duas virtudes: Raciocínio e Coragem de falar.

Anônimo disse...

Ociosidade é o que você vem escrever neste espaço de um assunto sério.
Você nem sabe o que é tirar um serviço/expediente, quanto mais a diferença de um capacete e um pinico.

Anônimo disse...

Vamos levar fumo mais uma vez, alguém duvida? Que venha 35 agora e depois 40, depois inss, depois sus...e mais!

Anônimo disse...

Carreira militar é umas das piores escolhas pros jovens...FA é uma instituição falida e ridicularizada pela classe política.

Anônimo disse...

concordo com o amigo acima, reduzir para melhor empregar. E é verdade, pra que tantos Npor se tem sub a vontade?
ah tah, comandar.
puts... comandar pelotoeszinho meia boca?

Anônimo disse...

Quem mandou não estudar para ser oficial!!!!! Inveja mata!!!!

Anônimo disse...

só se for aí na sua guarnição forgrande e cheia de quartéis. como no RJ, SP e RS que são lotados de om por metro quadrado.
No geral se trabalha muito.

Anônimo disse...

Como sempre a turma de 96 será prejudicada novamente. Lembram ?

Anônimo disse...

Então estude , faça uma faculdade e passe para alguma força auxíliar, ficar aqui reclamando e olhando o quintal do vizinho não adianta nada. Mas vê se conclua uma faculdade para ser Sdpm , pois com nível médio o máximo que vc consegue é ser escravo nas forças armadas !
Sgt Gomes

Anônimo disse...

Viram isso?


Major da PM “ENQUADRA” Capitão do Exército

https://www.youtube.com/watch?v=ELB2g4Hsft4

Anônimo disse...

Já está na hora desses nossos chefes tomarem vergonha na cara e lutarem pelos seus subordinados que estão a míngua com péssimos salários, plano de saúde ineficiente, horas e horas de trabalho, etc... Os senhores estão demonstrando serem inimigos de seus subordinados. Está na hora de dar um basta nessa humilhação que os senhores estão fazendo conosco. Tudo tem limites. Não aguentamos mais tanto sofrimento, tanta humilhação que os senhores estão nos proporcionando. Somos simples assalariados que não podemos complementar nossos vencimentos com polpudas diárias e quando formos para a reserva não teremos boquinhas no Governo, na Poupex, etc...

Anônimo disse...

Inveja de ser oficial??? Faz-me rir...Carimbador de papel dá receita, ganha mais que quatro estrelas, então devemos ter inveja do pessoal da área tributária, isso sim....

A FOTOGRAFIA disse...

Precisamos ter uma bancada no congresso. Se elegermos um deputado federal por Estado e um senador militares teríamos como lutar por nós e pelo país.

Anônimo disse...

Esperar o que de mais um Ministro comunista, socialista, bolivariano etc... etc.. etc..Para aqueles que não sabem: o ministro das FFAA é um dos fundadores do Foro de São Paulo. ACORDA FFAA!

Anônimo disse...

Meus amigos, sem dúvida, essa proposta mostra que há uma preocupação com a transição, que é um avanço em relação a MP do Mau. Porém, não concordo em dizer que é melhor dos mundos.
Não é.
O justo, tendo em vista que essa medida (aumento de tempo de serviço) não economiza nada, é valer para quem está iniciando a carreira. Só e somente.
Se o iniciante na carreira militar achar que não vale a pena, não entra. Agora, modificar uma regra da profissão, que foi decisiva na opção de ser militar, ou não, é, no mínimo, um desrespeito social e humano. Não dá para aturar, inclusive achar que é o melhor dos mundos essa regra de transição.

Anônimo disse...

Isso mesmo, o caminho é pela política, só lembrarem dos qes. Confiar no comando é barro!

Anônimo disse...

"Bem aventurados os subtenentes e sargentos que fogem e se escondem das missões, pois o que desembocar e for eficiente, será sempre servo no reino dos oficiais"
- QE 17:1


kkkkkkkkkkkk...sábias palavras mestre, trecho retirado da bíblia dos golpistas! ao qual faço parte.

Anônimo disse...

Sgt gomes, camarada cabe a mim e somente a mim decidir ficar na instituição ou não, pois entrei pelo portão das armas, por meio do dispositivo constitucional chamado concurso público federal. Portanto discordo da situação atual das fas e não aceito nenhum energúmeno me dizer "pede para sair"!

Anônimo disse...

Depois que Haquearam o Major QCO Leonardo, o coitado nunca mais apareceu...

Anônimo disse...

Sd EV foi considerado a pior profissão em 2016.

Não é surpresa, recebimento ABAIXO do SALÁRIO MÍNIMO...

Anônimo disse...

O fato de termos uma fraca representatividade no congresso é única e exclusivamente culpa nossa. Pois quando nos deparamos com candidatos de origem militar, a primeira coisa que ouço de muitos milicos. " ala! JÁ TÁ querendo se dar bem! Eu não boto nele! Pessoal, sou Praça do exército com25 anos de serviço e o que mais me intristesse é ver oficiais batendo boca com praças aqui parecendo um bando de amadores. Temos que nos unir em prol de um objetivo comum. E deixar diferenças e discussões ridículas que não levam a nada!

Anônimo disse...

"Precisamos ter uma bancada no congresso. Se elegermos um deputado federal por Estado e um senador militares teríamos como lutar por nós e pelo país."

Do pensamento à ação há uma distância muito grande...

Mauro Oliveira disse...

Nossa, Sgt Gomes! Realmente! SDPM com nível superior é extremo desvio de finalidade. E V.Sa.? Sendo Sargentaço, deve possuir PhD em Ciências Polícias em HARVARD. Seu Néscio! Praças das FFAA já possuem nível superior, em sua grande maioria. Quando vcs entram em greve, nós, verdadeiros patriotas, ocupamos seus vazios. Paisano fardado.

Anônimo disse...

Reforma fajuta! Só para justificar para essa classe política delinquente. Basta restabelecer o que nos foi roubados pela MP DP MAL (2215-LRM). O militar sempre teve o posto acima ao passar para a reserva remunerada e nunca faliu os cofres públicos. Tiraram todos os direitos dos militares, mas as outras categorias do funcionalismo público federal não mexeram em nada. A classe militar e seus familiares estão nessa M devido aos comandantes das forças serem subservientes e covardes.

Os Lourenços disse...

A proposta é boa, mas como querem efeitos financeiros imediato, provavelmente não será aceita.

Anônimo disse...

Se isso vingar é bom que seja concedido um ótimo aumento de cala boca ....afinal em tempos de crise...convulsão social. ...greves de PM .... somos o último recurso do governo.

Anônimo disse...

Aumento do tempo de serviço para 35 anos, e muitos achando que o suboficial da marinha ao final desses 35 anos seria promovido a 2º Tenente. Vão achando q as forças irão sair promovendo graduados a oficiais.

Aumento de interstício

Alterações na CARREIRA DAS PRAÇAS do CPA e QAP
Ao aumentar-se para 35 anos a idade limite para a transferência para a reserva a Marinha apresenta solução bastante simples. O implemento de mais um ano de interstício para cada graduação...
http://www.sociedademilitar.com.br/wp/2017/01/reforma-geral-em-limites-de-idade-e-planos-de-carreira-de-militares-marinha-apresenta-suas-propostas.html

Libório Pinto disse...

Eu sou da Força Aérea, já cumpri os trinta anos de serviço,más me preparei antes em vários aspectos, principalmente o psicólogo, p que nunca confiei em melhoria salarial,aproveitei as horas vagas para fazer bicos e por isso conseguí uma relativa tranquilidade,então me dirijo à todos vcs dizendo que;quem tiver coragem para fazer algo diferente para ganhar um dinheirinho que faça ,p que os nossos altos comandos têm medo das reações dos políticos,se resolverem fazerem algo

Anônimo disse...

Se tivéssemos uma bancada numerosa(pagamos o preço por não elegermos representantes da classe) não estaríamos tão apreensivos e pessimistas com relação a essa reforma.

Anônimo disse...

9anos como 3°cão,9 anos como 2°cão+9anos como 1cão+8 como subão... vai motivar os novos integrantes kkkkkk...

Anônimo disse...

PM - MG reabre Concurso Público com 1.350 vagas para Curso de Formação de Soldados

https://www.pciconcursos.com.br/noticias/pm-mg-reabre-concurso-publico-com-1350-vagas-para-curso-de-formacao-de-soldados


Polícia Militar - MG divulga novo Concurso Público para admissão ao Curso de Soldados 416 vagas

https://www.pciconcursos.com.br/noticias/policia-militar-mg-divulga-novo-concurso-publico-para-admissao-ao-curso-de-soldados

Anônimo disse...

Tá certo...
É superior...
Errado se fosse o contrário.

Anônimo disse...

Sequer tentaram mostrar que os militares no plano atual trabalham muito mais que os civis regidos pela CLT, aqueles segurados do RGPS(INSS); os regidos pela CLT tem cômputo em dobro do serviço noturno, e a hora extra, gera também tempo para cômputo de aposentadoria; e se falar em atividade periculosa ou insalubre além de receber mais ainda tem tempo especial para ser convertido em comum e obter aposentadoria mais cedo. ACHARAM MELHOR FAZEREM MÉDIA COM O GOVERNO SACRIFICANDO AINDA MAIS A CARREIRA DOS GRADUADOS. LAMENTÁVEL.

Carlos Cesar
Refº MB Ilhéus/BA

Anônimo disse...

Serviço de psicologia que me aguarde!!!

Anônimo disse...

É uma verdadeira pena, mas os militares só sabem reclamar de salários. Poderiam está ganhando 10.000 um 3ª Sgt e 30.000 um ST, mas estariam reclamando que é pouco, estariam precisando de aumento e etc. Senhores vamos agradecer com o salário que recebemos, mesmo alguns alegando que seja pouco, mas pelo menos, todo o 2º dia útil do mês está depositado em nossas contas bancárias. O maior problema que os militares em geral estão com seus contracheques comprometidos por empréstimos, em compensação não abrem mão de alguns bens, como carro, celular de última geração para filhos e esposas, jóias, viagens e outros mais. para sanear suas contas. Vamos parar e pensar um pouco e não estamos ganhando tão mal assim. Mas um Auditor da SRF e outras carreiras ganham mais, sim, mérito deles e mais que justo. Coloquem suas esposas para trabalharem isso ajudará no orçamento de casa, elas não podem ficar como dondocas dentro de suas casas aguardando o maridão chegar do trabalho. Por exemplo, o militar sai de um aluguel e passa a morar num PNR, ele deveria pegar este valor e colocar numa poupança ao invés de gastar comprando móveis novos ou ficar fazendo demais gosto familiar. Senhores não interpretam mal, não estou dizendo que nós militares devemos passa forme, andar como mendigos e etc, mas poremos os pés no chão. Não vamos ficar nos iludindo com aumento salarial. Não precisa disso, mas se pelo menos nossos Cmt baixasse uma portaria para diminuir o tempo de promoção já estaria ótimo, entre 5 a 6 em cada graduação, dividiria em 3 partes a turma pronto, sem que haja capote de outras, somente dentro da turma. Com vinte anos de serviço o praça já seria um 2º tenente, estaria resolvido nossos aumentos salariais mais as correções anuais de + ou - 5%. São simples as coisas mas é falta de vontade de nossos Comandantes. Como também já fiz sugestão de nossos filhos independente do sexo permanecerem com o FUSEx após seus 21 ou 24 anos se estudante, descontaria 50% por dependente do valor principal, é claro se o militar quisesse, senão pagaria por fora um plano de saúde para seus filhos ou ficaria com o SUS

Anônimo disse...

Se fossem verdadeiros patriotas iriam agora devolver esse salário de quem passa o dia resolvendo os problemas que vcs mesmo criam em seu meio ADMINISTRATIVO, inclusive entrando no Monte do em pleno expediente. Chorão.

Anônimo disse...

Greve de quê?De fome?

Anônimo disse...

Vem da mesma fonte mas são serviços diferentes. Por esse pensamento que vc merece seu salário

Anônimo disse...

Cumprir expediente que poderia ser feito em 2 horas,formatura,tem, cri cri e Cabo de guerra não é trabalho

Anônimo disse...

Fale por si só, se você é assim o problema é seu.

Comentário ridículo.

Wilson Mendes disse...

Vejo com tristeza as manifestações de companheiros, com posicionamentos de sindicalistas, buscando apenas um salário melhor, ou algumas benesses que não têm. acho isso lamentável. Fiz uma carreira de 35 anos de serviço efetivo e 39 anos na contagem de anos de serviço. só não fiquei mais, por força da compulsória. Tinha muito ainda a dar para a instituição, Não aceitei voltar como PTTC, porque acho que não tenho o perfil para ser apenas um funcionário de uma repartição, sem compromisso com as decisões, e com a atividade fim. Agora não venham choramingar, por migalhas como mulherzinha desprezada, sejam homens e tragam sugestões plausíveis. Quem administrou bem a carreira está bem hoje, olhem para trás e vejam se sua situação agora não é fruto de suas próprias escolhas. as FFAA não é berço de chorões, é uma instituição para homens honestos, inteligentes, perseverantes, argutos e com tendência ao auto sacrifício. Se não és assim, vá para outro lugar, aqui por certo não é o seu lugar - Abraços Cap Mendes

Anônimo disse...

Meu irmao serviu e conheci um pouco do sistema militar. fazem guardas de 24 horas ou seja 3 periodos de 8h direto e ao amanhecer o dia se forem rapidos conseguem tomar um banho antes de começar outro periodo e 8 horas de instruçao do recruta. ou seja 32 horas direto no trabalho,sem ir para casa. enquanto a PRF e Policia Federal são compensados por folga ou hora extra para reparar periodos maior que suas 8 horas diarias as FORÇAS ARMADAS operam diferente usando o mesmo que trabalhou na madrugada para dar instruçao de dia. Para economizar e manter a guarda das armas nacionais e istruçao dos recrutas sem aumentar o efetivo. economizano em horas extras. simplesmente é assim. Hoje a compensaçao deste trabalho é contabilizado em menor tempo de serviço para sair do serviço ativo e permanecer na reserva pronto. precisamos divulgar isto aos jornalistas que nao tiveram a oportundade de servir, sendo dispensados. ficando assim só este efetivo reduzido tomando conta de tudo paraa nos. Jornadas diferentes dos civis federais. Isonomia salarial com outras carreiras federais é o minimo

Anônimo disse...

Desculpem, mas essa carga horária atribuída aos militares é exclusiva dos praças, pois esses sim concorrem a escala de serviço durante toda a carreira. Os oficiais que fazem sempre muita questão de demonstrar em tudo que somos diferentes, que oficiais são de um grupo e praças são de outro, deveriam agora ter um pouco mais de vergonha na cara ao atribuir a si próprios essa carga horária, pois são beneficiados em tudo, tiram serviço até o posto de primeiro tenente, depois disso é berço esplêndido mesmo, inclusive nas missões chamadas boca podre. O praça, seja antigo ou moderno está sempre sujeito a tudo de ruim que a vida militar impõe, inclusive a essa extrema carga horária. Tenho dito.

Anônimo disse...

Vc deve ser um oficial de escritório e não sabe nada dá situação dos praças, seu comentário foi ridículo.

Anônimo disse...

Jovens façam o da PM MG, caso passem façam o curso superior depois.
Pesquise na internet curso superior de curta duração. Vocês irão encontrar com 3, 4 e 6 meses, para poder tomar pose.

Anônimo disse...

Estou na ativa, por isso estou na incômoda situação de "Anônimo", entretanto, nessa condição, faço uma crítica dirigida ao Cap Mendes.
Reparem que a critica dele é para quem reclama, de forma geral, nesse blog. Chama pejorativamente de sindicalistas as pessoas que usam esse fórum para colocar para fora as suas tristezas, frustrações e, principalmente, compartilhar os sentimentos comuns.
Sou militar e, acima de tudo, um ser humano. Chorei quando nasci e chorei quando não conseguia resolver os problemas por mim. Foi dessa forma que fui alimentado e cuidado nas minhas necessidades primárias (frio, fome, dor etc). Portanto, não há o que discutir a necessidade de reivindicar ("reclamar"), pois ela é humana e vital.
Ninguém gosta de ver o seu pai ou a sua mãe serem xingados, por isso se reage. Aqui está o problema.
As pessoas confundem. As FFAA não nossos pais, são apenas instituições de segurança que empregam pessoas com um objetivo. Possui regulamentos, porque não é natural a ação, lá encontramos obrigações e direitos para pessoas cumprirem. Entretanto, não se deve perder de vista o fundamento. As FFAA não são nada sem as pessoas. Eu disse NADA.
Em minha carreira, sempre fiz tudo o que me mandavam e, normalmente, sem concordar com essas ordens, pois as achava absurdas, mas as fazia. Não era de graça, antes, porém, ponderava e tentava assessorar as chefia e... era amaldiçoado por isso. Não me importava, pois sabia que ia pagar um preço, e pagava. Não tive punições, mas tinha a antipatia dessas mesmas chefias. Não tive as oportunidades das "bocas ricas" que muitos colegas tiveram. Porém, acreditem, não me sinto nem um pouco injustiçado. Porque sabia que não era a instituição, eram os seres humanos agindo. Eles não gostam de ser contrariados e eu sabia disso. Se eu paguei o paguei um preço, problema o é meu, me responsabilizo.
O trabalhador da iniciativa privada e pública dificilmente se "queimam" por melhores condições de trabalho, deixa essa árdua tarefa para os sindicatos, que são importantíssimos nessa função (apesar de todas as mídias dos ricaços passarem a mensagem que eles são vagabundos).
Pergunto, e nós militares? Quem irá nos defender? Quem são os nossos “sindicatos”?
Os nossos representantes são os Generais mais antigos, com belíssimas carreiras. Disseram amém a vida toda as suas chefias e hoje usufruem todas as prerrogativas e obrigações do posto. São essas pessoas (diferentes de nós) que nos defendem. Elas não sentem o que os subordinados sentem, mas são elas que têm essa função. Resultado, desamparo. Isso mesmo, nos sentimos desamparados, e o que é pior, amordaçados, proibidos (por lei) de reclamar (chorar).
Mas veio a internet, com possibilidade de poder expor o choro contido (blogs como esse), para, pelo menos, poder botar um pouco para fora o que sentimos, sem fazer mal a ninguém.
Portanto, caro Cap Mendes, se você ama as FFAA como seus pais, parabéns pelo seu sentimento, respeito, mas grande parte das pessoas não sente assim. Elas consideram as FFAA como importantes instituições nacionais, que nada fazem se não tiverem as pessoas para cumprirem as suas missões. Deve-se, no mínimo, respeitá-las no seu direito de ser...humano.



Anônimo disse...

A modéstia do Cap Mendes me emocionou, quanto ao ST com 44 anos indo para a reserva, ele sabe que não tem conceito para sair QAO, mas com certeza volta como PTTC , mais um pra embromar no expediente e ficar a toda hora dizendo: Porque no meu tempo... TC QCO Leonardo

Anônimo disse...

Ridículo Praça Véio, deve ser aqueles figurões que pintam o cabelo e o bigode!

Anônimo disse...

TC Leonardo, como é pertencer a um quadro que tem menos respeito do que SD EV? Vc paga de militar e de porta voz do EB mas é tratado como lixo radioativo por outros militares

Anônimo disse...

35 anos otimo!!!! Paguem nossas horas de serviço como extra e contém as horas extras trabalhadas. Um Praça vai p casa com menos de 24 anos de serviço.

QE CIDADÃO disse...

Cade a Promoção dos QE Para Sub Ten igual e na AERONALTICA , Se somos iguais Temos que ser Iguais, Ja mandaram trocar as divisas , tão chamando agente de guarda de ESTACIONAMENTO, ja viram o tamanho das divisas parece letreiros de porta de motel, querem que compremo fardas novas, divisas e um bando de bandulaqueiras novas mas não aumentam o auxilio fardamento, ja viram o novo preço das fardas. VERGONHA

Anônimo disse...

Inveja e frustração favorecem doenças crônicas e letais...

Anônimo disse...

AERONÁLTICA é de doer os culhões !

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics