28 de dezembro de 2012

'Severinos' contra a dengue no MS

Soldados do Exército entram na ‘guerra’ contra a dengue em Corumbá

Mariana Anunciação com assessoria
Em parceria com a Prefeitura de Corumbá, o Exército Brasileiro vai disponibilizar um grupo de militares para auxiliar as equipes do CCZ (Centro de Controle de Zoonoses), na mega ação de combate à dengue, desencadeada no final de novembro na cidade.
A participação dos soldados já era aguardada pela Secretaria de Saúde e, a partir do dia 7 de janeiro de 2013, eles auxiliarão os agentes de endemias nas visitas domiciliares, para um trabalho preventivo e educativo.
A confirmação da participação dos soldados do Exército Brasileiro foi feita no final da tarde de quinta-feira (20), pela coordenadora geral de Vigilância em Saúde da Prefeitura, médica veterinária Viviane Ametlla. Conforme ela, a presença dos militares será importante e vai facilitar o trabalho junto com a população, principalmente pelo fato de que as forças militares têm um prestígio enorme na região.
Os soldados vão reforçar as equipes do CCZ da cidade, que já conta com mais 50 agentes de endemias que foram empossados agora em dezembro. São novos servidores públicos aprovados no concurso de novembro de 2011, que foram convocados pelo prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT), para reforçar os trabalhos contra a dengue, visando evitar uma epidemia na cidade.
Outra informação da coordenadora é que a partir do dia 3 de janeiro, o CCZ inicia um novo Levantamento Rápido de Índice de Infestação por Aedes aegypti ( LIRAa), trabalho que vai nortear as ações de combate ao mosquito transmissor da dengue na região urbana de Corumbá. Será o primeiro levantamento de 2013. No último, realizado em novembro, apontou uma incidência de 2,2% de infestação predial na cidade.
Leia mais.
MidiaMax/montedo.com

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics