29 de abril de 2012

Capitão do Exército atropela PM ao fugir de blitz no RJ

Capitão do Exército atropela PM ao ser abordado na blitz da Lei Seca
Oficial foi perseguido e acabou preso na zona norte do Rio
Agentes da Operação Lei Seca prenderam na madrugada deste domingo (29) o capitão do Exército Edmar Tadeu de Souza Pereira, durante uma blitz na estrada do Galeão, na Ilha do Governador, na zona norte do Rio de Janeiro. Ao ser abordado durante uma blitz, o oficial acelerou o carro que dirigia e atropelou um policial militar que participava do cerco.
O capitão do Exército foi perseguido e detido pelos agentes da Operação Lei Seca e encaminhado para a 21ª DP (Bonsucesso).
O motorista sofreu infrações por se recusar a fazer o teste do etilômetro (perda de sete pontos na carteira e multa de R$ 957,70), por transpor o bloqueio (infração gravíssima, perda de sete pontos na carteira e multa de R$ 191,54), por estar com a Carteira Nacional de Habilitação vencida (infração gravíssima, perda de sete pontos na carteira e multa de R$ 191,54) e por não estar com a documentação obrigatória do veículo (perda de três pontos na carteira e multa de R$ 53,20). O carro foi levado para o depósito público.
O agente atropelado passa bem e fará exame de corpo delito nas próximas 72 horas.
iG/montedo.com

25 comentários:

Anônimo disse...

o correto é cap Mat Bel do EB Edmar Tadeu de Souza Ferreira - turma de 98 (quase major), instrutor da EsIE, responsável pela formação dos futuros sgt do exército.

Anônimo disse...

O nome correto é Ferreira e não Pereira.
Instrutor da EsIE.

Belo exemplo para os alunos.

Anônimo disse...

o culpado por isto são os generais que deixaram chegar neste ponto! cap com habilitação vencida e sem documentos do automóvel? no mínimo, o rapaz está sem grana para cumprir com seus deveres. Servir no RJ é castigo para qualquer militar que não tenha PNR.

ESTAMOS DE OLHO

Américo disse...

Vixe, o salário do homem não vai dar pra pagar tantas multas.
Cá pra nós, que vergonha para um capitão do EB.

Anônimo disse...

Como dizem aqui em Manaus, VAI PEGAR A MERENDA dele kkkkkkkkkkkkkk

Espero que seja também, no mínimo exonerado da Escola, e continuar pagando seus pecados aí no RJ kkkkkkkkkkkk.

Esse cidadão está capitão, ele não é, apesar de vestir farda igual a maioria.

Que vexame, só lamento.

Américo disse...

Los Hermanos:
http://www.youtube.com/watch?v=e-Fhs-s7K2g&feature=related#

Jorge EB disse...

O camarada em questão é um Oficial da AMAM de 1998 da Arma de Material Bélico e atualmente exerce o posto de Capitão do Exercito Brasileiro como Instrutor da Escola de Instrução Especializada ( ESiE ), prestes a sair Major, o referido militar é responsável pela formação de diversos alunos em futuros sargentos do EB, esperamos que a sua conduta ilegal sirva de exemplo a não ser seguido, pois macula com a imagem de diversos militares que mesmo com salário miserável, vivem fiéis as leis, a honestidade e a simplicidade ( miserabilidade) decorrente da condição atual da carreira militar, imposta pela chefia do poder executivo.

Anônimo disse...

E o S2 só quer saber de verificar se os Cb/Sd vão de meios próprios para o quartel para cortar o Aux Transporte. E ainda há lugares em que esses militares são proibidos de entrar no quartel se estiverem pilotando moto. Por que será que não fiscalizam se as deidades estão com a documentação dos veículos em dia? Que eu saiba, esses documentos são necessários para a concessão do selo de estacionamento das OM. É o pau que bate no Chico dando anistia para o Francisco.

Anônimo disse...

concordo com o anônimo das 19:58. A culpa disso é dos generais! onde já se viu um cap das FFAA sem dinheiro para pagar a Habilitação!!!!

Anônimo disse...

Se o capitão chegou a este ponto, imagina as pessoas com patentes inferiores a ele e que vivem no castigo, digo, punição, aliás, Rio de Janeiro.

Anônimo disse...

Fala sério a culpa disso é dos Generais ?!?! Vamos colocar então a culpa de todas as mazelas da humanidade nos generais brasileiros !!!
A culpa é única e exclusiva deste capitão, outra coisa, antes de sermos militares somos cidadãos (embora muitos achem que somos semi-cidadãos)como qualquer brasileiro, então me digam quem aqui nunca andou com a habilitação vencida e/ou IPVA vencidos tendo ou não dinheiro para quitar a dívida.
Se ele dentro do EB for um excelente profissional então deve sim continuar como instrutor do CFS da EsIE.
Ninguém aqui é perfeito então vamos deixar de sermos um pouco hipócritas.
E antes que venham me detonar,aviso que sou sargento de 1997 e detesto estrelado como muitos aqui !

Anônimo disse...

NÃO QUERO DEFENDER NINGUÉM, MAS NA ESIE NÃO SE FORMA MAIS SARGENTOS, AGORA É NA ESLOG.

Anônimo disse...

ao anonimo 8:51,
eu nunca andei com habilitação vencida e ipva atrasado, sou cabo QE. A sorte que minha esposa trabalha e ganha o dobro que eu! Então, a culpa é sim dos generais que deixaram chegar neste ponto! Vc como 2° sgt da TU 97, se tivesse cometido estes delitos (infrações) seria injustiçado dentro do EB (talvez até excluído do quadro de instrutores da EsIE). Na minha OM, o cmt proibiu os militares de entrarem com seu carro no interior da OM (IPVA vencido) e puniu sd NB sem habilitação ao se envolver em acidente de trânsito. A regra deve ser igual para todos! Errado? Não me diga que o caso é diferente!!

Anônimo disse...

Ao Cb estabilizado e não QE porque QE são sargentos do quadro especial, eu já andei na mesma situação deste oficial na minha OM a encheção de saco é com o pessoal de moto visto que é grande o número de acidentes com motos aqui em Recife e mesmo assim é só para ver se o militar é habilitado nada mais.
Já servi na vila militar do RJ e lembro que para se pegar o selo da 1 DE exigiam a documentação do veiculo mas não lembro se deveria estar ou não em dia mas para estacionar na OM nada disso era exigido.
Lembro que o Exército NÃO é órgão de fiscalização de trânsito e nem tão pouco tem atribuições de Força Auxiliar para fiscalizar se seus militares estão ou não com IPVA ou CNH em dia.
Sorte sua que tua senhora trabalhe e ganhe o dobro de você muitos militares não tem essa sorte.
Devo lembrar que vivemos em uma democracia o que o senhor acha que os generais devem fazer ? Tomar o poder ? Nova ditadura ? fala sério !!!!!!
Injustiça dentro do EB já vi por vários motivos mas por infração de transito é novidade para mim.
É lamentável sim a atitude do oficial que atropelou um servidor por isso ele deve pagar mas pelo fato de estar todo errado com sua CNH e IPVA ai não tem nada haver condenar o cara.
Outra coisa generais não são salvadores da pátria quer um salvador da pátria é só votar em representantes decentes para o legislativo !!!!!!!

Sgt/97

Anônimo disse...

Mau elemento é mau elemento.Não importa círculo social. Agora, junte aí uma patente(que se acha muita autoridade), bebida, arrogância e teremos uma "bomba" ambulante. Pelo visto os amiguinhos deixaram ele trafegar no quartel com os documentos vencidos.Cadeia neles também. Tratamento diferenciado, por que? Ele nã teria que dar exemplo?. Já ví coisas ridículas dessas cobranças de "plastiquinho" no vidro. Em uma certa organização, o militar fardado, da unidade, indo para formatura que é obrigatório, era proibido de entrar se não tivesse o adesivo no vidro. Porém, qualquer criatura, civil, mesmo que fosse um bandido, se tivesse o dito cujo no vidro do carro, entrava sem ser molestado e ainda era cumprimentado com uma bonita continência e SELLLVA!. Aí eu pergunto: se eu tivesse com carro emprestado de parente? ISSO é BRASIL!

Anônimo disse...

Publicar nome errado de oficial virou moda ou ...... Façam uma busca na net de fatos notórios e não os encontrará.

Anônimo disse...

Como fogem do príncipio da finalidade. Dai o tal plastiquinho........

Anônimo disse...

Capitão do Exército "Edmar Tadeu de Souza Ferreira".

Anônimo disse...

para o sgt 97,

vc fala demais, parece advogado do diabo, um cara na posição dele (do cap sem grana, habilitação vencida) deve dar o exemplo. É rotima em todas as OM do Brasil, retirar na 2ª Seção o plástico para entrar na Unidade. Detalhe: cobram exercício 2012 pago. Vc falou, falou, falou e não comentou a transgressão do militar. Resumindo: o capitão cometeu transgressão, pois sempre ouvi estas palavras dos meus superiores: vcs são militares 24 horas por dia, fardado ou não, devem representar a clase, muito bem representado! se fosse um sgt no caso deste cap, estariam dando risada e agilizando a punição do coitado.

Anônimo disse...

Burrão por estar com carteira vencida! O resto é a velha estória do caldeirão na qual muitos não puxa o que está prestes a sair do fervo.

Anônimo disse...

Essa e outras eu conheço: quizeram tratá-lo como qualquer um fazendo teste. Recusou e o guarda joga-se na frente. Erro, não somos qualquer um. A nós militares não cabe sequer revista, só em flagrante. Este é princínpio, a boa fé, como pode ser nosso fim.

Anônimo disse...

o cfs de logistica, desde 2011, está na ESLOG.. a ESIE apenas ministra cursos de ESPECIALIZAÇÃO para oficiais e sgt.

Anônimo disse...

A culpa é dos Comandantes!
Comandantes do Capitão bêbado e do ST ladrão!
Ou seja, bando de moral de cueca!
Atrás do teclado são todos umas virgens!

Anônimo disse...

Ao anônimo de 30 de abril de 2012 18:08.

Vc deve conhecer todas as OM do país para dizer " É rotima em todas as OM do Brasil, retirar na 2ª Seção o plástico para entrar na Unidade. Detalhe: cobram exercício 2012 pago."
Olha vc deveria vir aqui na minha OM dar aquela "mijada" no cmt de OM por não estar fazendo isso, alías, na minha OM anterior também não davam selo plástico nenhum mas espera ai se vc disse que isso é procedimento das OM do Brasil independente de ser EB, MB, FAB ou Forças Auxiliares, então, tive muita sorte de passar por OMs com comandantes omissos e que não exigiam de seus militares selo plástico.
É por pensamentos assim que eles montam na gente, tem muito sgt que odeia oficial até em sonhos mas na hora da partidinha de futebol e do churrasquinho é o primeiro a estar lá juntinho do oficial.
Infelizmente já vi situação piores cujo os autores foram sargentos e não deu em nada os estrelados passaram a mão na cabeça, até hoje eu não entendo o porque fizeram isso e olha que a "praça" não era bem visto.
Volto a afirmar que o oficial deve pagar pelo fato de ter atropelado um servidor salvo engano um PMRJ agora se o cara estava bêbado, IPVA e CNH vencidos ai cabe ao Estado fiscalizar e cobrar dele e não a instituição EB.
O senhor há de concordar comigo que nossos regulamentos são bem arcaicos e se nossos "comandantes" levarem eles ao pé da letra nossa vida vira o inferno, então se vc NÃO gosta de ser cobrado a luz do regulamento então não exija que outros sejam, por favor não seja desunido.
É por pensamentos assim que as FAs estão na pindaíba.
E uma mensagem para encerrar: "general não é salvador da pátria quer salvar o país e as FAs vote de maneira correta e inunde a caixa de email dos nossos legisladores com exigências e questionamentos"

Sgt/97

Anônimo disse...

sgt de 97,
o que vc falou do sgt que não era bem visto na sua OM e os estrelados passaram a mão aO COMETER UMA TRANSGRESSÃO. é um caso para cem (1:100), portanto concordo com o outro anônimo. A regra deve ser a mesma para todos! A CULPA É DO COMANDANTE OMISSO.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics