31 de janeiro de 2013

Com extinção do BRABATT 2, Brasil inicia redução de tropas no Haiti

Brasil inicia redução gradual de tropas na missão da ONU no Haiti

O governo brasileiro anunciou nesta quarta-feira uma redução gradual de suas tropas na Missão das Nações Unidas para a Estabilização do Haiti (Minustah), conforme foi estipulado pela ONU, informou o Ministério da Defesa.
A redução gradual, segundo um comunicado, ocorre três anos depois do terremoto que deixou mais de 230 mil mortos no país caribenho. "Com a nova troca de contingentes, que deverá ser concluída na primeira semana de junho, o Brasil voltará a contar com um único batalhão na capital Porto Príncipe", disse a nota.
Atualmente, o Brasil conta com 1.910 militares no Haiti e com o fim do Batalhão de Infantaria da Força de Paz (Brabatt 2) o efetivo militar se reduzirá para 1.450 integrantes, o mesmo contingente de antes do terremoto de 2010.
O único batalhão que permanecerá no país ficará sob o comando do coronel Zenedir da Mota Fontoura, que desembarcará no Haiti com a tropa militar no dia 7 de junho..com
Terra/montedo

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics