8 de maio de 2017

Proposta para Forças Armadas depende da aprovação da reforma

Edna Simão
O governo deve encaminhar ao Congresso Nacional a proposta de mudanças nas regras de "aposentadoria" dos militares entre junho e julho. A expectativa é de que o texto seja finalizado até o fim do mês. Porém, o entendimento, até o momento, é de que é preciso aguardar a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287, que trata da Reforma da Previdência Social, pelo menos na Câmara dos Deputados para que enviar as mudanças para os militares.
A tramitação das duas matérias poderia contaminar ainda mais o ambiente político, atrapalhando a aprovação da reforma da Previdência, considerada prioritária para sustentabilidade das contas públicas no médio e longo prazos pela equipe econômica.
Como tem dito os representantes do governo, as Forças Armadas, assim como acontece em vários países, devem ter um regime diferenciado de aposentadoria. A intenção, no entanto, é aproximar, ao máximo, as regras dos militares daquelas que serão exigidas da maior parte da população. As regras dos militares ainda poderão provocar mudanças futuras na aposentadoria especial dos policiais, que caso aprovado pelo Congresso, terão uma idade mínima de aposentadoria de 55 anos.
Os ministérios da Fazenda e Defesa já realizaram cinco reuniões para debater a proposta dos militares, mas não há um texto fechado. Em estudo estão o aumento do tempo de serviço do militar de 30 para 35 anos, a idade mínima para passarem para a reserva e a cobrança de uma alíquota de 11% de contribuição para os pensionistas, que hoje são isentos. Pode haver ainda aumento no percentual descontado dos salários para contribuir com a previdência.
O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, tem ressaltado que os militares serão atingidos pela reforma que estabelece o novo regime geral com idade mínima de aposentadoria de 65 anos, mas haverá especificidades inerentes à categoria.
No geral, os militares teriam que obedecer, por exemplo, o teto do novo regime de previdência, ou seja, o valor máximo de aposentadoria do INSS, que atualmente é de R$ 5.531,31, deixando de passar para a reserva com o benefício equivalente ao salário dos militares da ativa. "Há particularidades que nos militares têm que ser consideradas", disse recentemente Padilha ao Valor ao ser questionado sobre se a idade mínima de aposentadoria dos militares poderia ser de 65 anos.
O ministro da Defesa, Raul Jungmann, tem defendido um regime diferenciado de aposentadoria. O argumento normalmente utilizado é que, ao contrário de outros trabalhadores, eles não podem se sindicalizar e greve, não têm Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e, mesmo quando entram na reserva, podem ser convocados para trabalhar.
Quando encaminhou a PEC 287 foi encaminhada ao Congresso, em dezembro, o governo Temer foi alvo de inúmeras críticas por deixar de fora os militares, cujo déficit com aposentadorias e pensões é expressivo. O rombo da previdência dos servidores públicos federais, inclusive militares, somou R$ 77,1 bilhões no ano passado - sendo R$ 34 bilhões apenas dos militares. As Forças Armadas, porém, só consideram como déficit a despesa com pensões, em torno de R$ 13 bilhões.
Valor Econômico, via DefesaNet/montedo.com

102 comentários:

Anônimo disse...

R$ 5.531,31, esse será o valor dos proventos de um general, daí virá o escalonamento vertical, se passar a reforma da previdência como querem os "amigos" dos militares, idade será entre 65 e 80 anos,afinal os militares não fazem nada e se aposentam muito novos.
Por que não colocam juntas as PECs 249 e 287 para votação?
E o desconto que fazemos para a Pensão Militar não vale?
Então só resta muita vaselina, porque o fumo vem aí, tá decidido.
Mas ainda há uma esperança, para compensar,um substancial reajuste a partir de junho.

Anônimo disse...

Eu vou sifu, mas vou rir muito aqui da milicada que desejou a queda da "comunista". Fica temer, te amamos. Serás ótimo para nós.

Anônimo disse...

QUEM ESTÁ SURPRESO???
isso já estava desenhado desde que a dilma era "presidentA".
vão BRIGAR pra ferrar os civis e depois vai
ser moleza empurrar com toda força nos milicos...

valei-me São Papiro!

Anônimo disse...

...E mais uma vez vamos pagar as contas, nossos comandantes realmente abandonaram o campo de batalha, fracos, fracos está faltando pulso nisto senhores comandantes, onde se encontra o exército de Caxias, só ficam nas palavras e atitudes nada...

Anônimo disse...

Difícil situação a nossa

Anônimo disse...

Cade os comandantes?

Anônimo disse...

Com essa idade os quartéis irão se transformar em verdadeiros asilos da velhice, 65 anos idade mínima, aliado ao teto de 5.500,00, vai ter idoso que não vai querer ir para reserva pois perderá boa parcela dos vencimentos. Pelo menos acabará a nefasta categoria dos vampiros.(pttc).

Anônimo disse...

O pior é que o mais provável é isso que aconteça. Para quem já lidou ou sabe como funciona o mercado financeiro, sabe que o Valor Econômico possui fontes muito seguras dentro do governo. Ao final tomaremos uma lapada enorme, iremos para a reserva com teto da INSS e sem direito a PIS/PASEP, FGTS e etc. Ainda continuaremos a ser chamados de privilegiados. "ESSA A LUZ NO FIM DO TÚNEL, NO ENTANTO, É UM TREM EM ALTÍSSIMA VELOCIDADE E SEM FREIOS." É só aguardar e ver se estou errado. Tomara!

Anônimo disse...

tá... e a novidade?? Mais parece matérias requentadas!

Anônimo disse...

Esperar tanto, para sair perdendo...
Mais uma vez passaremos vexame público.

Anônimo disse...

Alguém me explica por que nós militares alegamos não receber FGTS mas, ao pedir reserva, recebemos uma quantidade muitas vezes maior que o próprio FGTS?
Sub véio cansado da hipocrisia - 1991

Anônimo disse...

De novo isso, podem aumentar para 35, 40, 60 anos de serviço, quem liga. Ja tô cansado de ouvir. Essa intituição falida chamada FA só vai sobrar temporários desavisados, ou vocês acham que alguém em sâ conciência vai prestar concurso pra seguir essa carreira brilhante. 90% dos sargentos que conheço tá papirando até pra concursos de prefeituras municipais, salários muito melhores e se tem algum direito. Aqui não temos direito a nada, só deveres. Quanto mais ruim está ficando mais eu vou papirando. Oque a gente vê pelos quartéis é um bando de temporários que não quer nada com nada, no último ano não respeitam mais ninguém, esse é o futuro. desde FHC está tentando destruir as FA, governo e mídia, somos a escória da sociedade, parece que o plano deu muito certo, agora será a cartada final, o último que apague a luz!!

Anônimo disse...

Enrolaram e no final que irá acontecer com os militares. Retrocesso, inativo recebendo menos que o da ativa,pensionistas e aluns de cursos de formação contribuindo, acho que na minha simples opinião se o governo propusesse um tiro na cabeça de cada um esses dos militares "chefes" sem titubear iriam aceitar, bando de fracos.

Anônimo disse...


Seria cômico, se não fosse trágico.

Não basta ser a pior remuneração entre todas as classes do funcionalismo público federal; também tem que ser a última a ter a sua aposentadoria definida.

Anônimo disse...

Olha o recalque. Da próxima vez, estuda mais e passa no concurso.

Anônimo disse...

Se conseguirem impor tantas desvantagens para nós, militares, caberá aos 3 comandantes das Forças e o MD entregarem seus cargos.
Porém, ainda há esperança: Os referidos líderes nos avisaram para que não acreditemos em notícias informais. Então, vamos ter que esperar os pronunciamentos oficiais.

Anônimo disse...

Uma coisa é certa: nunca mais as FAs serão como outrora. Quem vai querer ingressar em instituições que exigem tanto dos Deveres, enquanto não há muita contrapartida nos Direitos?

Anônimo disse...

Tem que botar esta corja toda para correr.

Anônimo disse...

Denúncia:

MONTEDO também posta comentários !

Ainda há pouco fiz uma postagem que ao ser publicada já veio acompanhada de outra postagem (que só pode ser do Montedo, pq não era possível ninguém mais ter acesso, devido as duas terem sido divulgadas juntas). Tal postagem do Montedo ironizava a minha. Todos tem o direito de rebater as mensagens, mas o Montedo tem a vantagem de ter acesso em tempo real.

Anônimo disse...

O governo Temer até parece o do Donald Trump, guardando as devidas proporções, claro. Mal assumiu e desembestou a querer aprovar medidas impopulares para ficar na história como o presidente que consertou a economia brasileira, que ele mesmo ajudou a jogar no buraco. Apoiou o PT por quantos anos? Não houve rebeldia nem ameças para deixar cargos negociados para que fizessem as mexidas na previdência e na CLT. Me engana que eu gosto.

Anônimo disse...

Agora eu quero ver se realmente temos COMANDANTES ou homens FROUXOS.....É esperar para ver.

keko marques disse...

Isso aí é velha e cinhecida "inquietação". Puramente operações psicológicas do inimigo, camaradas.

Anônimo disse...

General se aposentando com teto de R$ 5.500,00? Essa estou pagando para ver!!!

Anônimo disse...

Essa quadrilha do Temer vai nos atochar essa reforma de qualquer maneira. Nós merecemos mesmo. Bem feito pra nós. No

Anônimo disse...

Noticia requentada, apenas pra manter o Ibop do blog, fato!

Anônimo disse...

Meus caros amigos a situação vai ser a seguinte: aprovando o tempo mínimo de 35 anos, esqueçam reestruturação salarial, antes de mudar a "previdência " melhor aprovar a reestruturação, caso contrário chorem!

Anônimo disse...

Sempre foi assim é sempre será. Milico só se ferra. Já estou na reserva e portanto esse negócio 35 anos não me pega, mas o contracheque só encolhe. A milicada está afundada em consignado até o pescoço.

Anônimo disse...

Gente!
Para de crer nestes absurdos.
A mim, como praça, nem iria doer tanto estas mudanças, pois já somos acostumados a viver com pouco, no aluguel e com dificuldade.
O teto da previdência já já ultrapassa o vencimento de um ST, então para nós, praças, será até melhor.

Agora sei que isto nunca irá acontecer porque mexe com o ego "deles", jamais os generais deixaria subir a proposta de perda da paridade e da integralidade, pois isso não afeta às praças e sim aos oficiais, eles não são adestrados para viver com pouco.
Por isso estou tranquilo, pois duvido muito que isso passe.
Contudo, para nós seria melhor.

Praça véio!

Anônimo disse...

....Hoje comemorão o dia da vitória, daqui alguns meses vamos comemorar o dia da derrota, onde os próprios generais entregarão a tropa aos inimigos...

Anônimo disse...

Poxa Montedo, você ironiza as postagens do publico do seu site ?

Anônimo disse...

Quero só ver o que terá para os Sargentos do Quadro Especial: Carreira brilhante de 16 a 19 anos como Cabo, 7 anos como 3º sgt, agora depois da promoção a 2º sgt, ficarao mais 8 anos.....9....10.....11....e tem companheiro dizendo que está bom.

Anônimo disse...

Notícia "pão de queijo requentado" muito bla bla bla

Anônimo disse...

Fui movimentado e nunca consegui receber meu Ajuste de Contas e diárias da Operação Pipa. Fui obrigado a contratar um Advogado para poder receber e processar o Fiscal Adm que engavetou meu processo.

Anônimo disse...

Não veem que esta é notícia plantada para ver como reagem os militares. Essa jornalista deve estar a mando de alguma fonte, que quer jogar lenha na fogueira.
Não cutuquem a onça com a vara curta, já estão tramitando, nas redes sociais questionamentos sobre a eficiência e servidão de Generais. Falta pouco para o balde transbordar.
Bater continência para esses corruptos e esperar pelo ministério da defesa é o mesmo que a galinha criar dentes. Tem que haver pressão como disse o Sen Paulo Paim, se não eles não fazem nada.

Anônimo disse...

Acredito que os nossos Comandantes, homens sábios e inteligentes, que pouco ou quase nada fazem pela categoria, não deixarão isto acontecer, até porquê o Praça já se fode a vida inteira, vivendo mal com sua família, se privando de muitas coisas e endividado com empréstimos com juros altíssimos e prestações a perder de vista, quero ver um General, após anos de regalias e mordomias sobreviver com o teto máximo da Previdência atual do País, isso seria uma verdadeira utopia!!!

Anônimo disse...

Só resta saber se o EME vai mudar a portaria do TAF e incluir corrida com cadeiras de rodas. "quem não papira entra em forma pro aspira". Não reclame, estude! CFS 2005.

Anônimo disse...

Já tem um tempinho que fiz uma troca considerável em minha rotina, parei de reclamar e comecei a estudar.

Anônimo disse...

cade o projeto de reestruturação das carreiras?????????

Anônimo disse...

Facu acabo ano que vem e papirar ful pra outro concurso , só o papiro liberta , os lobinhos tudo já chegam fazendo faculdade , hj o eb virou apenas um trampolim #Esa2014

Anônimo disse...

Vlw Sub... Conversa com um paisano que trabalhou 30 anos na mesma empresa...veja se ele recebeu o msm que o sub velho que foi para reserva.

Anônimo disse...

Eu quero é mais. ainda acho pouco. um general indo p reserva com R$ 5.500,00... Essa eu pago p ver. Duvido eles não se coçarem.

Anônimo disse...

Porque os Comandantes das Forças Armadas não colocam seus cargos a disposição de algum senador, não mandam nada mesmo talvez seja melhor para os militares, pois o ministro da defesa é um civi, estou me sentindo um ridículo meus amigos me perguntam e aí cade o Exército de Caxias "BRAÇO FORTE MÃO AMIGA" de quem?

Anônimo disse...

Barro kkkk, são tantas promessas que estamos a deriva, especulações a mil, todos os dias em todos os sites militares á informações de todo o jeito, não sabemos em quem acreditar, quem viver verá.

Anônimo disse...

Vai dar M....

Anônimo disse...

Vamos dar um voto de confiança aos velhas guardas, acreditar que um dia chegaremos lá, a final de conta, a população já está abrindo os olhos para o cenário político-administrativo em que o país está mergulhado. Desistir jamais, perseverar sempre.

mário r Ricardo disse...

Soldado da PM tá ganhando mais que o pobre coitado do 3 sgt.

Anônimo disse...

Alguém esperava diferente ?? As outras carreiras que podem se defender através de sindicatos e associações já o estão fazendo. As FA, que não tem ninguém muito menos representatividade parlamentar, vai esperar o pessoal da economia e do planejamento ficarem com pena na hora que os comandantes passarem com o pires na mão.

Anônimo disse...

Em q mundo vc vive (PSEUDO)sub?
O FGTS se fosse pago aos militares seria em média 8X maior q a esmola ganha ao passarmos a reserva

Anônimo disse...

O que é interessante em tudo isso, é que teve muito general batendo no peito e dizendo que foi uma grande conquista o desmembramento das propostas de previdência. Tá arriscado que a proposta dos militares serem aprovadas, até como forma de resposta a todo esse rombo e a proposta geral perdurar em negociações, sofrendo uma série de emendas mais brandas.

Anônimo disse...

Acorda pessoal a matéria é sem nexo e feita por um incompetente. Não é porque é jornalista que não pode ser incompetente. Como um colega falou antes, matéria requentada.

Anônimo disse...

Matéria com muita incoerência!! Ao mesmo tempo que insinua que nós ficaríamos sujeitos ao teto do INSS e tendo que trabalhar até os 65 anos, fala também em respeitar as especificidades da carreira. Se o teto e os 65 anos forem aprovados pra nós, que especificidades estariam sendo respeitadas??? Tranquilizo os amigos dizendo que não vão mexer na manutenção da paridade e integralidade dos nossos vencimentos na RR. Até os servidores públicos federais que entraram antes de 2003 e que estavam sob uma pressão enorme para receberem o teto do INSS, após a modificação do texto da reforma, eles conseguiram manter a paridade e a integralidade quando se aposentarem.

Anônimo disse...

O PMDB de Temer deixou ser de socialista é? Kkkkk

Anônimo disse...

Vc é ou se faz de ignorante?
Peça a sua reserva em 2021 e veja se receberá valor maior.
Por isso não sairá QAO, não sabe fazer contas simples.
O temporário quando for embora após 8a receberá mais que você.

É Cada um que aparece...

2° Sgt ESA

Anônimo disse...

Pq ao menos não mudam nosso RDE e nos coloquem para descansar​após uma escala de 24 horas.
Sou 2° sgt QE e sinto a carga de 24h de serviço... Ahhh perai, eu durmo das 00:00 às 05h.
:/

Anônimo disse...

Coloquem ao menos um banco de horas pra gente. Pra compensar

Anônimo disse...

Ô coisa demorada tchê... Informem logo que mudará! Qual o estudo?

Anônimo disse...

O direito de manifestar é constitucionalmente garantido, podendo ser realizado em qualquer lugar do país. Entretanto, é necessário observar cada caso de manifestação, pois a mesma não pode infringir outros direitos também constitucionalmente garantidos, como o direito de ir e vir.

O Art. 5º, em seu inciso XVI da Constituição Federal dispõe sobre a "liberdade de reunião", condicionada à observância de outros direitos, cabendo lembrar que é vedado o ANONIMATO.

Anônimo disse...

Peguem a 2215 e transformaem em LEI. Os civis vão apoiar...
Essa disputa nós já perdemos mesmo, então transformar em lei será o ideal.
Ainda acredita m que temos pensão para filhas, posto acima, % por tempo de serviço, licença especial e etc.

Anônimo disse...

Aaaarrrrggggghhhhhh

Falem logoooooo!!!

Que angustiante!!!!

Anônimo disse...

Eu sou o único milico aqui que deseja que as coisas só piorem???

Anônimo disse...

Boa noite amigos, me despedi em 2014 após 9 anos da Força, mas ainda estou no grupo da minha turma e venho aqui pelo link que postaram.
Minha história não foi fazer concurso público, saí para trabalhar no escritório da família, após minha faculdade e prova do Conselho.

Desejo boa sorte aos amigos que permanecem. Só que me serviu (a maioria) e tirava serviço em duas 2 escalas 10/1, a cada 5 dias sabe o que passamos.

Que o governo reconheça a nobre Força.

Att, 2° Sgt

Selva!!!

Anônimo disse...

Sem poder de pressão e de mobilização será barro! E com os altos coturnos preocupados em não perder seus privilégios iremos nos ferrar mais uma vez! Albuquerque e Gleuber entregaram nossa carreira em troca de um cargo na Petrobras, resultado "pasadena" e o maior caso de corrupção do mundo de que se tem notícia!

Anônimo disse...

Os comandantes não irão brigar por nós, data venia pela quantidade de generais ocupando de cargo público comissionado!

Anônimo disse...

Enquanto isso os heróis PMs e demais forças de segurança pública não perderão seus direitos! Tem COMANDANTES honrados!

Anônimo disse...

Dúvidas que iremos levar fum.."contribuir" com a bendita reforma, mais uma vez!

Anônimo disse...

O PESSOAL AQUI MORRE ANTES DA HORA! nem parece que são macacos velhos! poxa vida pessoal, o ganho será muito maior na reforma. Entregaremos 35 anos, mas teremos anuênio e reestruturação de carreira como bônus. Acreditar é a primeira coisa que precisamos ter em mente. Chefe de pessimismo.

Anônimo disse...

Essa repórter tem que fazer uma reciclagem de língua portuguesa, isso sim.

Anônimo disse...

Tenho apenas 7 anos de serviço, mas já me bate o arrependimento de não ter papirado até agora nos horários livres. Eu vibro com essa instituição, vibro com as missões que já cumpri, mas vejo que somos muito subempregados. O sanha final de semana não é por uma crise na segurança ou assistência à defesa civil, o sanha é pq segunda ou até mesmo domingo vai ter visita de general. São sistemas que não trabalham como uma engrenagem, e coisas que seriam simples acabam nem saindo. E niguem pensa no reflexo sofrido pela tropa, reuniões e reuniões que definem sei lá o que, ou melhor, dificultam o acesso dos praças ao oficialato enquanto abrem as porteiras dos CPOR e NPOR e formam oficiais que além de não terem conhecimento militar nenhum não tem ensino escolar, já vi Of ganhando o dobro que eu escrevendo absurdos em documentos. Mas afirmo, vibro com essa instituição, mas alguns brasileiros nao merecem o exército que tem, e alguns comandantes não merecem a tropa que tem. Hj, com 7 anos de EB penso seriamente em não estabilizar, correr atrás do papiro perdido e nao me deixar ser levado para o barro.

3°sgt inf 2011

Anônimo disse...

Este Sr "Anônimo" provavelmente não é um Subtenente para falar uma besteira destas! São 4 remunerações de ajuda de custo! Pegue 8 por cento de suas remunerações desde sua data de praça e faça as contas! Irá perceber o qto está enganado! O valor será muiiito maior do que a ajuda de custo paga qdo da transferência para a reserva. Solicite ou faça as contas dos valores das horas extras, insalubridade, periculosidade e adicional noturno que teria recebido pelos serviços de 24 horas, acampamentos... etc ... sem falar das missões tipo no ... Alemão no RJ! FAÇA COBTAS POR CIMA E FICARÁ ESPANTADO COM OS VALORES EXTRATOSFÉRICOS QUE O SR SUBTENENTE TERIA RECEBIDO!!! Caso o Sr seja Militar... mas duvido ... deve ser algum Civil querendo por lenha na Fogueira!!!

Anônimo disse...

Vou prestar concurso pra coveiro aqui na minha cidade, e tomara que não tenha teste psicólogo !!!

Sgt Resenha

Anônimo disse...

Ex-Maridor da jornalista Fabiola Rabo de Arraia da Record é preso por trafico e drogas junto com dois militares da marinha em Manaus.

http://www.diariodosertao.com.br/noticias/policial/196650/ex-marido-da-jornalista-da-record-fabiola-gadelha-rabo-de-arraia-e-preso-por-trafico-de-drogas.html


Léo disse...

Imaginarei o impensável! O governo deixará de aprovar a Reforma da Previdência, por menos de cinco votos...Tragédia...Para quem? Chegará o dia no qual os canalhas que administram as finanças do povo não terão lastro para pagarem o miserável soldo dos cidadãos fardados...Quando eu era criança, um dia refleti que existiam militares e policias com finalidades bem definidas: as polícias militares ,especialmente formadas para coibirem os excessos dos pobres.As polícias civis, para atuarem nas duas camadas da sociedade que mais se destacam: a estadual para os pobres e a federal para os ricos.Interessante...Eu pensava,como criança:para os pobres, as algemas...As mão para trás,para os ricos. A cadeia putrefata para os furtos dos miseráveis...As mansões, para as prisões domiciliares dos donos da nação...Pobres ricos miseráveis!!! E quanto ao papel das Forças Armadas,o que que a criança pensava? Manter as algemas e as mãos para trás...Nada mudar.Apenas manter a regra do jogo...Os que mandam e escravizam e os que obedecem e são escravizados! Que imaginação eu criança tinha,hein?

Altevir Stall disse...

Vamos refrescar as nossas memórias: No dia 03 de março de 2017, por determinação do Presidente da República, Senhor MICHEL TEMER, a Comissão interministerial, composta por 09(nove) militares representantes do Ministério da Defesa e 11(onze) civis representantes do Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão, tendo um prazo de 04(quatro) meses, com início dos trabalhos na data acima mencionada, para estudar e apresentar proposta, através de relatório com subsídios, para implementação da Previdência das Forças Armadas. OBSERVAÇÕES: Convém lembrar que a comissão
ainda não concluiu os trabalhos. O que vem sendo noticiado pela imprensa é especulação. O General Villas Boas alertou o público interno que esta situação ocorreria. Lembrou que os interessados aguardassem a palavra oficial da autoridade competente.

MONTEDO: Fiz em formato de comentário....deixando a seu critério como achar mais conveniente, a publicação ou não, para o esclarecimento dos seus leitores. Fraternal abraço!

Anônimo disse...

Esperança é a última que morre, não é, amigo? Gostaria eu de ter uma esperança igual a sua. Um abraço, e boa sorte.

Anônimo disse...

Os erros do texto estão entre aspas " ":

1)...pelo menos na Câmara dos Deputados "para que enviar" as mudanças para os militares;

2)...O ministro da Casa Civil, Eliseu "Padilha, tem" ressaltado;
(a vírgula está separando o sujeito do verbo)

3)...eles não podem se sindicalizar "e greve";


4)Quando"encaminhou" a PEC 287 foi encaminhada ao Congresso,
(redundância do verbo ENCAMINHAR)

Anônimo disse...

Realmente com tantos erros no texto essa jornalista não tem credibilidade.

Anônimo disse...

POlícia legislativa 55 anos
Forças armadas 65 anos

Triste realidade pois já foi públicado há algum tempo o discurso de um general que disse: " Vou ter pena da situação dos militares ".

Léo disse...

A maior de todas as inquietações é ver meu contracheque ordinário cada mês,entregue pelo inimigo que me comanda.VENCIMENTOS HUMILHANTES, VEXATÓRIOS, VERGONHOSOS, ORDINÁRIOS E RIDÍCULOS...precisa maior inquietação e inimigo externo???

Anônimo disse...

E ainda tem gente que fala mal do Lula.

Anônimo disse...

Bom dia, oque esperar do Temer e do Padilha, dois ladrões que estão em suspeita, veja se eles são aposentados como parlamentares, devolvam oque vocês roubaram que sobrará dinheiro aos cofres públicos, ai pessoal pressão para avaliar as denuncias neles que cairam fora.

Outra bem interessante, quem elegeu o Temer para fazer estas mudanças, está no plano de governo essas trocas.

Anônimo disse...

Obrigado por reconhecimento campanha!

Selva!

Anônimo disse...

Faz sentido! Civis não sabem da MP2215/ 2001.

Anônimo disse...

Onde estão os Comandantes? Estão anestesiados? Acomodados? Nada fazem em nome da própria honra e de seus familiares!

Anônimo disse...

Tem razão, não acho ruim que dêem mais uma promoção, com média de 8a de serviço pro militar do QE. O pessoal que iria em 2022 terá que ficar mais um tempo. Acho justo promover a 1° sargento e o pessoal da reserva a 2°sgt.

2°Sgt Mat Bel / 2003.

Anônimo disse...

O lema deles é: "Quem for podre que se quebre"!

Anônimo disse...

"E ainda tem gente que fala mal do Lula."


Você deve está de brincadeira, não? Tudo isso que está aí foi obra de quem? do Chapolim Colorado?

Triste realidade: o brasileiro não tem memória mesmo!!

Anônimo disse...

O incrível é que nossos comandantes não ponderam em nada, realmente está faltando generais como os das gerações passadas que realmente defendiam os interesses da força,o governo desde Fernando Henrique até os de hoje tem nos tirados benefícios ! Onde está o embusteiro do Bolsonaro que não o vimos pronunciar nada a respeito,ele só sabe dizer que estamos F.......com esses governos

Anônimo disse...

Quando o Gen Etchegoyen era Chefe do DGP, ele e o Comandante atual do exército foram prestar esclarecimentos sobre vários assuntos na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional, dentro do Congresso Nacional. Salvo engano, o senador Aluísio Nunes Ferreira -PSDB-SP- e atual ministro das Relações Exteriores, era o presidente daquela comissão, na época referida.No final da fala do Gen Villas Bôas, ele se referiu de maneira superficial- como a gente diz: ia esquecendo...- ao senador sobre um tal relatório que os dois generais deixariam para o citado, sobre a situação financeira dos vencimentos de seus subordinados. Vejam no que deu o relatório de lamúrias sobre os nossos VENCIMENTOS VEXATÓRIOS, VERGONHOSOS, HUMILHANTES E RIDÍCULOS: o General Etchegoyen tornou-se ministro de Estado e o próprio senador Aluísio Nunes Ferreira - procurado nos idos de sessenta como criminoso pelo próprio Exército de Caxias - de quebra,Também hoje é ministro, senhores. E não é um ministro qualquer:é ministro das Relações Exteriores.É nada...Tá bom pra vocês ? E quanto aos resultados concretos do finado relatório ? Ora, o governo Temer- representado no mundo inteiro pelo senador Aluísio Nunes- estuda nos proporcionar o benefício de 40 anos serviços nos lombos para que o militar do exército tenha o direito de receber 100% do seu ridículo contracheque.

Anônimo disse...

Não se atormentem, seja um integrante da Polícia Legislativa Federal e ganhe R$ 17 mil por mês, além de auxílios, comissões e adicionais noturnos.E não se metem em encrencas tipo, morros e favelas do RJ.
É mole ou querem mais?

Anônimo disse...

Cara, você deve sofrer muito. Nem se identifica. Tenho pena de você.

Jccark Carvalho disse...

Acho difícil as mudanças passarem nos termos que estão, simplesmente porque os mais prejudicados seriam os " Estrelados" e isso eles não permitirão. Eles encontrarão uma forma de Fu.......as Praças e tirarem os deles da reta....é só aguardar pra ver.

Anônimo disse...

O Lula é um cara semi-analfabeto mas é super-esperto, como diria o Faustão. Malandro desde cedo, aprendeu a se dar bem contando mentiras e se fazendo de defensor dos trabalhadores enquanto pegava, às escondidas, as "contribuições" das empresas. Aprendeu que o Brasil é corrupto igual a ele e todos participam dessa fantasia de país sério.Para que tenha tanta coragem e firmeza em debochar por tantos anos dos militares, da Justiça e dos verdadeiros trabalhadores, ele deve ter muitas cartas na manga e amigos importantes que compartilharam a mesma ideia.As raríssimas autoridades que estão tentando combater essa situação, talvez não tenham tanta força como pensam, pois precisam lutar também contra os seus.

Anônimo disse...

Acho engraçado... Quando se falava em equiparação salarial entre o pessoal da ativa e a polícia do DF tinha um monte de cara da reserva se pronunciando na página, pedindo auxílio dos "companheiros" dos "irmãos da ativa"... Cadê o pessoal da reserva agora?? HIPÓCRITAS!!! Por isso essa profissão está falida e vai pro buraco cada vez mais!Só tem parasita e desunidos. Farinha pouca meu pirão primeiro!

Anônimo disse...

E agora quem poderá nos defender?
Uma coisa é certa não podemos ficar dependendo desses corruptos, que se aposentam com dois mandatos (08 anos) com vencimento integral e varias vantagens, além de terem roubado o nosso país e agora querem atolar nas Forças Armadas e no povo brasileiro, o poço secou e a culpa não é nossa. Temos que mostrarmos alguma reação, podemos começando a mandar e-mail para deputados e senadores e mostrarmos nosso descontentamento, pois acho que eles temem as FA.
JUNTOS SOMOS FORTES!

Anônimo disse...

Para manter direitos de alguns imexíveis, outros terão que pagar...

Anônimo disse...

Senhores, mas temos que concordar com o sub que somos uma das únicas carreiras que ainda recebe alguma coisa na passagem pra reserva. Todos os outros servidores públicos não recebem nada. E hora extra produzindo absolutamente nada poderia ser retirada. Só depende do EB

Anônimo disse...

Nada mais justo

Anônimo disse...

Sinceramente não consigo visualizar nenhum tipo de melhora e a tal reestruturação salarial é só um nome bonito pra ajustar nossos vencimentos com o teto previdenciário. O cenário dos militares é o mais complicado ao meu ver. O país tá numa pindaiba geral por conta de roubo e alguém terá de pagar a conta. Se os militares pensam que o povo se importa com eles, ledo engano. O povo so quer alguém pra pagar a conta. Atual presidente não almeja reeleição, logo jogará essa reforma pra b....de quem puder. Por último e mais grave, nossos comandantes não exitarao em torrar a tropa pra manter os benefícios, já deram amostras disso no passado. Tem camarada que ta ansioso pra saber o que mudará,digo, não fiquem. Tenho 20 anos de tropa e até hoje espero as melhoras, creio que não será agora aos 47 do segundo tempo,perdendo o jogo e com o juiz e os dois bandeirinhas roubando pro time adversário é que vamos virar o placar. Abraços

Anônimo disse...

Senhores raciocinem so um pouquinho amigos deste blog primeiro as policias Federal e policia rodoviaria federal e ṕoliciais dos estados irao com idade minima de 55 anos e a que vislumbro para nos como idade minima a ir para reserva posso estar errado, segundo os servidores civis da união para pegar integralidade e paridade terao que ir com 65 anos sem pedagio botaram com tdo neles, nesse segundo racioconio vislumbro para nos que teremos que ir com 55 anos para poder pegar integralidade e paridade mesmo que tenhamos 30 anos tempo fechado posso tb estar errado, os generais ja vao para a reserva com mais de 55 anos, os coroneis a maioria vai depois disso tambem, isso so afetaria os pracas que um sub com 45 anos tempo fechado teria que ficar mais dez para poder pegar a paridade e a integralidade, e o EB ganharia porque quem tiver tempo fechado ficaria mais tempo na força ou seja os QEs, Subs e QAOs ficarão ate os 55 anos ou seja o EB ira ganhar com profissionais que irão se aposentar mais tarde, como falei amigos posso estar errado mais vislumbro esse horizonte para nos, desde ja e uma opinião pessoal ok e so para constar estou com meu processo para a reserva pronto e aconselho a quem tem tempo fechado a fazer o mesmo, vamos esperar chegar na camara dos deputados para vazar algo porque infelizmente o EB nao nos da nenhuma dica concreta do que nos espera abs .

Anônimo disse...

Ué, mas não era a Dilma que "não gostava dos militares". E agora milicada, vamos aguardar o pronto do Comandante-em-Chefe das FFAA.

Anônimo disse...

Segundo o Adjunto de Comando aqui do quartel que conversa com os deuses do Egito, a mensagem é pra não acreditar nessas reportagens. Ele disse que o Rei Tuti e Akenaton estão brigando pelos seus servos, então aquieta-vos que no final o bem sempre vence, se não, não é o final.

Anônimo disse...

Amigos
Pelo o que entendi é o seguinte, a respeito da idade:
A expulsória atual começa de 44 anos até 65 anos.(conformo posto e graduação).
o tempo de serviço irá aumentar para 35 anos.
A idade da expulsória será elevada para 55 a 70 anos.
Idade mínima para passagem para reserva será de 55 anos (igual a PF).
Quem tiver os 35 anos de sv ou estar dentro do tempo naquela tabela de regra de transição irá para reserva, independente de ter 55 anos.
Como a idade da expulsória será elevada para 55 a 70 anos, não haverá mais o caso de o militar ir para reserva com apenas 25 anos de serviço (44 anos no caso do soldado, que entra com 18 anos).

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics