12 de abril de 2015

Continência para a parede...

Relevância é tudo

Dia destes, um general em visita a uma tradicional guarnição de fronteira esmerava-se em ensinar ao efetivo profissional a forma correta de apresentação do militar a um superior hierárquico. 
O empenho foi tanto que sua excelência, revivendo seus tempos de aspirante, resolveu realizar uma demonstração. 
Atônita - ops! - digo, atenta, a tropa assistia enquanto o estrelado prestava  repetidas continências para a parede à sua frente.

16 comentários:

Anônimo disse...

Eu já vi comandante de unidade, durante treinamento de formatura, ensaiar o cumprimento às autoridades presentes, prestando continência e estendendo a mão a cada uma delas (imaginárias) e apertando a mão de cada uma, tudo isso na frente da tropa em forma, que aguardava imóvel num solaço de rachar. Quem sabe faz ao vivo kkkkkkk

Anônimo disse...

Nobre Montedo,este é mais um dos "causos"(piada)de caserna?Tô rindo de orelha a orelha,pô!Valeu!

Anônimo disse...

É como diz o velho ditado: Morro e não vejo tudo.

Anônimo disse...

Oxe o general ta certo.... como ele não tem nada pra fazer e nem o q reenvindicar em prol de sua tropa.. tem q fazer algo pra justificar sua visita e, consequentemente, suas diárias. .... Então: q tal uma instrução de continência! ? SENTIDO!

Anônimo disse...

Era para ser engraçado?

Anônimo disse...

Fala sério!! Esses caras prestam continência pra busto, e já vi prestar continência até para o quadro do Sampaio. Gente, por favor, a tropa não aguenta mais ver essas baboseiras.

Anônimo disse...

Anônimo 12 de abril de 2015 20:04 - Caro, com essa crise financeira pela qual passamos, aqueles que podem fazer algum bico pra ter uma vida decente que faça, contudo não temos que achar graça em nada, e se possível lutar-mos para sair dessa vida quase miserável que passamos, principalmente com esse salário ridículo que ora recebemos.

Anônimo disse...

Aposto que isso só pode ter sido no sul ... Aposto que este post não sera publicado .

Anônimo disse...

Pior que isso só mesmo fazendo continência ao terreno durante a parada diaria

Anônimo disse...

nao tiro a razao do Gen afinal, a parede 'e mais antiga que Ele, kkk

Anônimo disse...

Vai ver que quando vão brigar ou sugerir aumento para a tropa eles falam as paredes.

Anônimo disse...

E os treinamentos de formatura com os "tempos" das leituras para treinar a imobilidade?

Anônimo disse...

Na maioria das vezes, nesses treinamentos para formatura, quem menos precisa treinar é a tropa.

Anônimo disse...

ENQUANTO ELES BRINCAM DE SOLDADINHOS OS MILITARES FICAMOS SOFRENDO AS CONSEQUÊNCIAS.

Anônimo disse...

O cara vir aqui ridicularizar a continência ao terreno é brincadeira. Você está na profissão errada.

Anônimo disse...

A continência ao terreno é uma forma de reverenciar os militares que morreram em ato de serviço.

Cap Com / 2002

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics