14 de abril de 2015

Wagner: 'Forças Armadas não acolhem intervenção militar!'

ACOLHIMENTO ZERO
'FORÇAS ARMADAS NÃO ACOLHEM INTERVENÇÃO MILITAR'
MINISTRO MINIMIZA MANIFESTAÇÕES QUE PEDIAM REGIME MILITAR
Jaques Wagner: acolhimento zero (Mateus Pereira)
Um dos ministros mais próximos da presidente Dilma Rousseff, o petista Jaques Wagner, da Defesa, disse nesta segunda-feira, 13, que "a cada manifestação, o conjunto do governo tenta auscultar as demandas populares e pôr em marcha algum tipo de ação que possa vir ao encontro delas". No dia seguinte de mais uma série de protestos, menos numerosos que os do dia 15 de março, Wagner afirmou que os movimentos que pregam intervenção militar no País têm "acolhimento zero" nas Forças Armadas.
"Não vejo acolhimento nenhum em relação a isso. Acho que é remanescente. A Segunda Guerra terminou, mas ainda se encontram adeptos daquele movimento (nazismo e fascismo). A sociedade é plural. Evidente que não posso concordar com alguém que prega o fim das instituições. Tem acolhimento zero no seio dos comandos e das Forças atuais", disse Wagner, depois de participar de cerimônia de passagem de comando da Escola Superior de Guerra (ESG), no Rio.
Leia também:
Intervenção militar? Fala sério!
"Os militares não pensam em intervenção", diz Clube Militar.
O ministro disse que "não há o que colocar" sobre o pedido de impeachment da presidente, principal bandeira dos movimentos. "Desde as manifestações de 2013 o governo vem trabalhando naquilo que brota das ruas. Poucos políticos têm tamanha determinação quanto a presidente no combate à corrupção. A gente vive um exemplo positivo de que investigações estão ocorrendo e as instituições continuam funcionando. É demonstração nossa de maturidade", declarou. "Como governo democrático, se posiciona acolhendo as manifestações e registrando que poucas nações conseguem ter essa convivência entre a manifestação popular e as instituições. As manifestações acontecem e as instituições continuam serenamente dirigindo o País", afirmou o ministro da Defesa.
Wagner recebeu a noite uma delegação americana que participará da feira de defesa e segurança LAAD, a partir desta terça, no Riocentro (zona oeste). (AE)
DIÁRIO do PODER/montedo.com

13 comentários:

Anônimo disse...

E o revanchismo da Sra. Presidenta! Nos, brasileiros temos que nos adequar a realidade, mas o governo não esquece o passado e quem sente o impacto negativo é justamente a classe trabalhadora. Os militares estão desesperados. As contas do mês não fecham e estamos endividados até o pescoço! Dilma, Jacques Wagner, PT fora todo mundo!

Anônimo disse...

Realmente, por enquanto as Forças Armadas não acolhem golpe militar, estão só engolindo "sapos", os "príncipes" transformados pela bruxa.

Anônimo disse...

As forças armadas estão na UTI. A sociedade só lembra de gritar pelas forças armadas na hora de se servir das mesmas. Em 30 anos de revanchismo, não vi nenhum setor da sociedade levantar a voz em favor dos militares, de seus direitos, de suas famílias, de sua cidadania, de sua dignidade.

Anônimo disse...

A força está falida ainda fazem isso kkkkkk http://www.militaresbrasil.com/2015/04/13042015-justica-militar-condena-ex.html

Anônimo disse...

É isso mesmo. As Forças Armadas é que estão precisando de intervenção:
- MILITARES ENDIVIDADOS;
- NÃO TEM DINHEIRO PRA COMIDA;
- NÃO TEM DINHEIRO PRA CORRESPONDÊNCIAS (CORREIOS);
- NÃO TEM GASOLINA...

Ten Reis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ten Reis disse...

Como falar em regulamentos e Constituição Federal no momento atual que o país está passando, com tanto roubo e com o comunismo entrando cada vez mais no nosso país? o governo sempre rasgou a Constituição na nossa cara e na cara do povo brasileiro, o povo é soberano está na constituição. Não atender a vontade popular é pura covardia...infelizmente deixamos de ser disciplinados e nos tornamos covardes. As Forças Armadas se omitem a não defender as instituições e a não atender a vontade popular.

Anônimo disse...

ENTRE AS DIVERSAS PERDAS, DEVEMOS LEMBRAR QUE O FUSEX ESTA SENDO DISTRUIDO, POIS EM DIVERSAS CIDADES, AS CLINICAS CONVENIADAS ESTÃO DEIXANDO DE ATENDER OS MILITARES E DEPENDENTES POR SIMPLES FALTA DE PAGAMENTO DOS SERVIÇOS PRESTADOS. O DINHEIRO DO FUSEX FOI DIRECIONADO PARA O CAIXA UNICO E NÃO É REPASSADO. SÓ QUE ESTE DINHEIRO NÃO PERTENCE AO GOVERNO, NÃO EXISTE INADIPLENCIA, NOS DESCONTAM SUA PARCELA, FAZEMOS REEMBOLSO DE 100% DE TODO MATERIAL DESCARTAVEL, PAGAMOS MAIS UM PERCENTUAL SOBRE OS PROCEDIMENTOS E NÃO TEMOS QUEM NOS ATENDA PQ NÃO PAGAM AS CLINICAS. ISSO É AFRONTANTE. FALTA DE RESPEITO. E ESTA PESSOA VEM DIZENDO QUE ESTA TUDO BEM?
TODOS ESTÃO SATISFEITOS?
QUE NOME TEM QUANDO SE PAGA PARA TER UM SERVIÇO E ELE É NEGADO?
ESCREVO EM MAIUSCULAS PARA QUE MEU GRITO SEJA OUVIDO.
INDIGNAÇÃO PROFUNDA COM TODOS OS PARTICIPANTES DESTE ABANDONO.

Anônimo disse...

As FfAA não aceitam ladrões, corruptos e outros.

Anônimo disse...

O grande erro do FUSEx é o seguinte. Ele é um fundo de saúde, portanto deveria recolher todos os nossos descontos mensais e gerir com esse montante o funcionamento das atividades inerentes a saúde dos militares do EB, porém os recursos arrecadados com nossos suados descontos, não vão para um fundo específico, e sim para o caixa único da união. Sem falar que ainda pagamos 20% de tudo o que utilizamos. Da maneira como funciona nunca vai dar certo mesmo.

Anônimo disse...

É bom que saibam que no HCE quem está se candidatando a realizar uma simples ultrasonografia agora em abril, só será atendido em finais de julho ou agosto. Isso é um descaso. Para não dizer humilhação para com o infeliz que é obrigado a descontar esse maldito FUSEX todo mês e ainda pagar 20% em todos os procedimentos. Isso é uma falta de respeito para com o contribuinte desse fundo. Uma vergonha para nós e nossos dependentes.

Anônimo disse...

Os intervencionistas estao na 2a Guerra? Voces ,governos ,estao em 1917! Bandidos! Não vão largar nem a carcaça! E certamente que se alguém das FFAA estivesse acolhendo o pedido de alguns gatos pingados eles falaram! Oras ,ministro comunista duma figa ,aeroporto há tão poucos que valorizam nossas FA e porque voces caprichada na lavagem cerebral! Confio em Deus ,porem !

Anônimo disse...

MILITARES DA ATIVA NÃO PODEM SE PRONUNCIAR POLÍTICAMENTE, SEM PUNIÇÃO. NESTE CASO EXISTE NAZI-FACISMO, COMO DIZ O MINISTRO, POR PARTE DO GOVERNO, UMA VEZ QUE NA DEMOCRACIA DIZEM QUE ESTAMOS E NÃO MUDAM ESTA CONDIÇÃO DO MILITAR DA ATIVA, MANTENDO A CASERNA NA MUDES. E FALANDO PELO MILITAR CALADO, COMO SE ESTE FOSSE. MAS SE O MILITAR ENTENDESSEREALMENTE DE POLÍTICA ENTENDERIAM QUE ELES FAZEM PARTE DO ESTADO QUE DEVEM TER O PODER DE INTERVENÇÃO SEM A SOLICITAÇÃO DO POVO QUANDO NA PAZ, PERCEBEREM QUE ESTÃO MUDANDO OS PARÃMETROS DO ESTADO SEM A AUTORIZAÇÃO DOS RESPOSÁVEIS PELA SUA MANUTENÇÃO E SEM O CONSENTIMENTO DO POVO, PRINCIPALMENTE AQUELE QUE PROVE A SUBSISTÊNCIA DO PRÓPRIO ESTADO. EM SUMA O QUE TRABALHA, PRODUZ RENDA E O QUE É FONTE DE RENDA.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics