24 de julho de 2015

BA: Secretário quer Exército envolvido no combate à explosões de caixas eletrônicos

SSP quer bancos e Exército envolvidos no combate às explosões de caixas eletrônicos
Imagem ilustrativa
Salvador (BA)  -Ao inaugurar o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep), nesta sexta-feira (24), no município de Capim Grosso, centro norte do estado, o secretário estadual da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa, sugeriu que os bancos, o Exército e o Ministério da Justiça participem efetivamente do combate às explosões de caixas eletrônicos na Bahia, tipo de crime que está acontecendo em todo o País.
“Se vocês observarem o noticiário nacional, vão ver que explosão de caixas eletrônicos se tornou um problema muito recorrente no Brasil inteiro, no Pará, Maranhão, São Paulo, Paraná”, disse Barbosa, enfatizando que o governo estadual, além de ações repressivas e de inteligência, vem buscando envolver os bancos na questão, para que o setor invista em tecnologia, a fim de impedir a ação dos criminosos.
Segundo o secretário, “não tem cabimento, hoje, com a possibilidade de instalação de itens como entintamento de cédula ou destruição de cédula, os bancos não fazerem esse aporte tecnológico para evitar o aumento da prática delitiva. Isso tem que ser uma preocupação conjunta”. O Exército, na avaliação de Maurício Barbosa, também precisa entrar nessa campanha.
“Não dá para admitir que toneladas de explosivos sejam transportadas pelas nossas rodovias sem a mínima atenção, sem a mínima custódia por parte das empresas. Ou seja, cabe à Segurança Pública zelar pela segurança? Cabe. Agora, todos os participantes têm que fazer isso, inclusive o Ministério da Justiça, colocando limites legais para que essas empresas que trabalham com explosivos e as instituições financeiras façam a sua parte”.
SECOM BA/montedo.com

3 comentários:

Marco Balbi disse...

Minha sugestão para o secretário; vai trabalhar e pare de fazer proselitismo petista no estado! Ou então acabe com os caixas eletrônicos no Estado!

Anônimo disse...

Engraçado todos adoram criticar as FFAA, porem quando precisa chama as FFAA, poem as FFAA para fazer o que o governo deveria fazer com a policia, com a saúde, com a engenharia e com todos os setores...
É uma falha da secretaria de segurança que não assume o seu papel de trabalhar e depois quer jogar a culpa nos demais...

Anônimo disse...

Militares do EB, vamos fazer a nossa parte colocando um soldado com fuzil na frente de cada caixa eletrônico deste país.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics