14 de agosto de 2015

A história se repete: anistia beneficia amotinados e baderneiros, enquanto as Forças Armadas ficam a ver navios

CCJ do Senado aprova projeto que anistia bombeiros e policiais militares

Iolando Lourenço 
Edição:Armando Cardoso
A Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ) aprovou hoje (12) projeto de lei (PL 17/15) da Câmara que concede anistia a bombeiros e policiais militares de vários estados envolvidos em movimentos grevistas. A CCJ também aprovou requerimento para apreciação do projeto em regime de urgência pelo plenário do Senado. Com isso, a proposta deverá ser votada nos próximos dias e, se não houver alteração, seguirá à sanção presidencial.
O projeto altera a Lei 12.505/11, que concedeu anistia a policiais e bombeiros militares dos estados de Alagoas, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Piauí, Rio de Janeiro, Ceará, Rondônia, Sergipe, Bahia, Mato Grosso, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Roraima, Santa Catarina, Tocantins e Distrito Federal.
O texto aprovado pela CCJ inclui policiais e bombeiros militares dos estados do Amazonas, Pará, Acre, Mato Grosso do Sul e Paraná, que também foram punidos por envolvimento em movimentos reivindicatórios.
Relator da matéria na CCJ, o senador Jader Barbalho (PMDB-PA) manteve a justificativa dos autores da proposta, deputados Edmilson Rodrigues (PSOL-PA) e Cabo Daciolo (sem partido/RJ), que argumentaram que as péssimas condições de trabalho e a baixa remuneração têm levado policiais e bombeiros militares a participarem de movimentos reivindicatórios em vários estados.
Os autores do projeto também alegaram que o Ministério Público Militar “vem enquadrando tais militares em dispositivos do Código Penal Militar”.
No parecer, Jader Barbalho destacou que “a anistia não abole o crime. É um perdão do Estado, aplicado a fatos passados e que extingue a punibilidade”. Segundo ele, o projeto não inclui os crimes comuns eventualmente praticados.
"O texto é claro e repete leis anteriores no mesmo sentido, ou seja, não se incluem os crimes definidos no Código Penal e nas leis penais especiais. O foco são crimes militares e infrações disciplinares, em razão de participação em movimentos reivindicatórios das categorias”, afirmou o senador.
Agência Brasil/montedo.com

Comento
Ficamos assim: os PMs violam Constituição, promovem motins e ações armadas,  invadem prédios públicos, casas legislativas e levam temor à população de seus estados. O Exército é chamado, recompõe a ordem com grave risco e extremo desgaste dos envolvidos nas operações.
Sem exceções, os policiais militares alcançam grande parte de seus objetivos, obtém expressivas vantagens salariais e, passados poucos anos, os líderes das revoltas são anistiados.
Enquanto isso, os integrantes das Forças Armadas, garantidoras da normalidade democrática em momentos de grave crise, são tratados à pão e água e vêem seus vencimentos minguarem cada vez mais.
E - como diria meu amigo 'Chapa Quente' - vida que segue.

23 comentários:

Anônimo disse...

Quem não chora não mama !!! Eles correram atrás e conseguiram.Aqui em MG, conhecido meu 3ºSgt da PM indo pra reserva está ganhando em torno de R$ 12.000,00 !!! Assim desanima qualquer militar do EB !!!

Anônimo disse...

Fazer o quê né!!??

Anônimo disse...

Os policiais e bombeiros tem CHEFES que os representam,que brigam por eles enquanto nas Forças Armadas os chefes vão a coquetéis e formaturas querendo simplesmente se manter no cargo !

roberto barros disse...

é sempre assim......as FFAA apagam o fogo, eles ganham o que eles querem e eu sou S Ten com 28 anos de serviço e ganho menos que um soldado PM de brasília, infelizmente quem deveria lutar por nós estão lá em brasilia ganhando diárias, viagens ao exterior, transferência de 2 em 2 anos, promoção a cada 4 anos...resumindo ... estamos jogados as traças....

Anônimo disse...

O erro não está nem nas PMs, nem na classe política. O erro está na postura servil das Forças Armadas. Se as Forças Armadas não se valorizam, quem irá valorizá-las?

Anônimo disse...

13 AGO
Reuniões setoriais do Executivo Federal não progridem

http://blogs.odia.ig.com.br/coluna-do-servidor/

Anônimo disse...

É o estado refém do medo e de quem porta armas e combate os criminosos. A parte mais fraca parece ser a hierarquia e a obediência. Na greve, vi graduado xingar e "peitar" comandante na frente de todos, inclusive, jornalistas.O resultado: o comandante foi transferido de comando, por "solicitação" dos grevistas; quando teve a oportunidade de falar de maneira certa, falou bobagem inflamando ainda mais os grevistas e demonstrou a fraca preparação para comandar uma organização explosiva e, hoje, sem muito controle. Agora eles sabem o caminho para resolverem os seus problemas. Qualquer coisa vão entrar em greve, ameaçar, deixar a população desamparada e depois serão perdoados. Alguns senadores estão votando a favor, pois os PM's são seus "servidores" quase particulares que não deixam movimentos sociais invadirem suas propriedades e são atendidos rapidamente quando solicitam e estão de olho nas futuras eleições.As Forças Armadas, infelizmente, ainda não tem uma liderança forte e corajosa para defender e exigir as reparações necessárias. Estão reféns dos investimentos e compras bilionárias em andamento. Os salários vão aguardar a META(?)do governo a ser alcançada(??).

Rogério - JF disse...

Militares da FFAA fiquem tranquilos, os chefes/comandantes estão preocupados!!!!!

Anônimo disse...

Há muito tempo, desde que o PT assumiu o governo, que vejo o ERRADO ficando o CERTO e o certo , errado. Isto é característica PTista. Já via isto no tempo da faculdade. FFAA, por causa de seus comandantes comprados pelo PT, está fadada à miséria. Vergonhoso!!! Cadê aqueles que dizem nos representar, por exemplo, Bolsonaro?! Aqui vemos que um cabo no seu primeiro mandato está fazendo um bocado de coisa pela sua classe. Então, não justifica deizer que o Bolsonaro está sozinho, lá. Quando quer fazer, faz.

Anônimo disse...

Quanto ao colega que referiu-se ao 3Sgt da PM de MG que está indo para a reserva ganhando quase 12 mil, os oficiais do EB, dedicados ou não, comprometidos ou não, também vão para a reserva ganhando isso, então esse problema não é deles. Esse é um problema, inerente às praças, que vão para a reserva endividados e ganhando menos que um SD da PM. Porque eles, os oficiais, demonstrariam interesse em mudar essa realidade? Porque se expor, ao invés de mandar subordinado descontente sair? Porque criticar o sistema quando se tem a possibilidade de ser transferido para qualquer lugar, com PNR a espera (as vezes mobiliado), ganhando 3x mais que a praça, cujas despesas são as mesmas...? É muito fácil criticar os descontentes quando se está em zona de conforto. Porque comprometer a possibilidade de uma cadeira em um ministério (quem sabe uma continha no exterior...) por problemas de subordinados? Melhor é participar de coquetéis, fazer cara de paisagem e deixar a vida seguir...Infelizmente, assim pensam nossos chefes, isso não é novidade.

Anônimo disse...

ELES POSSUEM REPRESENTANTES, A CLASSE VOTA EM SEUS REPRESENTANTES. ENQUANTO OS MILITARES DAS FFAA, VOTAM POR INVEJA DO CANDIDADO MILITAR, NO TIRIRICA, JOÃZINHOS, PEDRÃO, ETC ...

Acesse ...
www.partidomilitar.com.br

(Diretório Nacional) -
(12) 9.8137-5676 TIM (12) 9. 9785-7641 whatsapp Guaratinguetá /SP
:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Pesquisei e passo no 0800. Espero que o amigo divulgue. Grato.

=> Como encontrar um deputado, acesse ...

http://www2.camara.leg.br/

* Vc pode ter certeza que podemos contar com eles. ( Cadê Vc Jair Bolsonaro)

=> Deputados Federais da PM, BM, PF ...

* Cadê a Bancada das FFAA ???

- Alberto Fraga (DEM-DF) - Cel PM-DF
dep.albertofraga@camara.leg.br
https://pt-br.facebook.com/albertofraga.oficial
...................................
- Capitão Augusto (PR-SP) - PM-SP
dep.capitaoaugusto@camara.leg.br
https://pt-br.facebook.com/capitaoaugustooficial
...................................
- Cabo Daciolo ( Sem partido ) - BM-RJ
"André Gab. Dep. Cabo Daciolo" ,
"Dep. Cabo Daciolo"
https://pt-br.facebook.com/benevenuto.daciolo
...................................
- Izalci (PSDB-DF) - Ex ten R2 do EB
dep.izalci@camara.leg.br
https://pt-br.facebook.com/izalci
...................................
- Tenente Lúcio (PSB-MG) Ex Ten R2 do 36º BIMtz
dep.tenentelucio@camara.leg.br
https://www.facebook.com/tenentelucio1
...................................
- Jair Bolsonaro (PP-RJ) Cap R1 EB
dep.jairbolsonaro@camara.leg.br
https://pt-br.facebook.com/jairmessias.bolsonaro
http://www.bolsonaro.com.br/
...................................
- Capitão Fábio Abreu (PTB-PI) Cap PM-PI
*** não está em exercício ***
Secretaria de Estado da Segurança Pública do Piauí
https://pt-br.facebook.com/capfabioabreupi

- Eduardo Bolsonaro (PSC-SP) - PF
dep.eduardobolsonaro@camara.leg.br
https://pt-br.facebook.com/bolsonaro.enb
...................................
- Cabo Sabino (PR-CE) Cb PM-CE
dep.cabosabino@camara.leg.br
https://pt-br.facebook.com/pages/Cabo-Sabino/697004213668375
...................................
- Subtenente Gonzaga (PDT-MG) PM-MG
dep.subtenentegonzaga@camara.leg.br
https://pt-br.facebook.com/subtenentegonzaga
...................................
- Major Olimpio (PDT-SP) - PM-SP
dep.majorolimpio@camara.leg.br
https://pt-br.facebook.com/olimpio.major
...................................

( Divulgue. Abra mentes atrofiadas. )

Anônimo disse...

Militares o que anistiou foi ação politica, mediante lei. A promoção dos QE também foi mediante lei. Entendam que só com representação parlamentar e que teremos melhorias. Todas as classes ou grupos sociais se organizaram para tirar o governo militar o único que não se organizou e justamente o que estava no poder.
Nós temos assessoria parlamentar para representar as FFAA e os generais, para a tropa punição disciplinar e assedio moral, quem reclama e traidor.
Não adianta ficar falando das PM e BM, eles tiveram sacrifícios e força para chegar aonde estão.

Anônimo disse...

A preocupação no momento e em equipar as Forças Armadas. Queremos viaturas novas, mochila nova, cantil novo e algum projeto milionário de enriquecimento de urânio, avião novo.
Salário para quê?

Anônimo disse...

Na reportagem diz claramente " cabo Daciolo". Foi quem correu atrás e "mexeu os palitos" pra coisa sair. Quem fala no congresso/senado, de forma efetiva pelas FA, principalmente na questão salarial ? ....

Anônimo disse...

Os comandantes estão deveras preocupado com o futuro. Afinal, dizem, que vão diminuir os ministérios e vão sobrar menos cargos a disposição para os indicados. Com as promoções rápidas para as patentes mais elevadas, acho que vai faltar lugar para colocar esse pessoal todo. É muito "cacique" para pouco índio.Até agora nenhum "sangue guerreiro" para ter a coragem e exigir a correção imediata dos salários. Nas formaturas e quartel, nossa, pareciam outros.

Anônimo disse...

PMs e bombeiros tenham pena de mim, ganho pouco mais sou limpinho! (militar do EB que vos fala).

Anônimo disse...

Enquanto uns ganham porque lutam pela classe, as FFAA ficam fazendo dia de uniforme que aconteceu hoje...
Uma piada o dia do uniforme.
As FFAA não ganham aumento de salario porque ficam fazendo palhaçada, e o povo vê isso acontecer, acham que isso faz o povo a nosso favor? Nunca...
Temos o que merecemos por ter nossos comandantes e por não nos unirmos e requerermos nossos direitos. Cade a nosso adicional de periculosidade. Qualquer policial, guarda municipal e segurança privada ganha. Nós não.
Sou oficial e tó indo embora pois esta cada dia pior a piada de ser das FFAA, acham que somos palhaços...

Anônimo disse...

A Polícia Militar há muito tempo é militar só no nome, e é assim que deve ser. Polícia é Polícia, FFAA é outra coisa, se eu nas FFAA não consigo lutar pelo que é justo e comprometo a família e saúde por migalhas, tudo em nome de supostos pilares da instituição mas que, só funciona quando não me beneficia, não posso querer arrastar as PMs para o mesmo caldeirão. Se for pensar em Lei, antes disso, veja todas as que não são cumpridas no que tange as FFAA. Polícia fardada sim, militar não.

Anônimo disse...

O Cabo Daciolo está fazendo mais em 06 meses de mandato do que o Bolsonaro e família em mais de 25 anos de carreira política... mas isso se justifica, pois não temos visão política, vejam só: O Cabo Daciolo foi preso e eleito Dep Federal com mais de 49 mil votos, enquanto que o Sgt Feliciano, preso também por se manifestar por melhores salários para sua categoria, obteve apenas pouco mais de 4 mil votos... enquanto que o Bolsonaro, que não faz nada pra ninguém a não ser a família obteve mais de 1 milhão de votos... merecemos ou não estar na M...?

Anônimo disse...

E viva o dia do uniforme.
ontem meu chefe falou que meu delta e o meu 3A estavam gabarito. Ele falou tambem que isso peaaria na minha avaliação somativa.
hum........ ganhei o dia . Não me critiquem, vcs sabem como é. ......Sou Sub da turma de 90 Inf, preciso desse conceito pra ser promovido a QAO.Depois de sair Ten, poderei cagar, pois vou sair Capitão de qualquer jeito mesmo.
Essa é a regra do jogo. Ninguém ta enganado

Rogério - JF disse...

O único responsável pela situação de miséria dos militares é o próprio militar, faz da urna pinico e depois quer reclamar. Estou cansado ver Kelma Costa, Sr Genivaldo e Ivone Luzardo brigando pelos militares e em contrapartida veja os votos que obtiveram nas últimas eleições.

Anônimo disse...

Que comentário deprimente! Fala sério.!

Anônimo disse...

E, esse chefe, achando que está fazendo um grande trabalho como "líder", olhando uniforme dos outros. Vai ser alfaiate, então. Tanta coisa importante para se preocupar. Ele poderia até ter perguntado:" você teve dinheiro para manter esse uniforme impecável? Me dá uns bizus como se faz isso!" É por isso que os milicos estão como estão.Bajulações em cima de bajulações e nada de concreto para corrigir os erros.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics