6 de abril de 2016

'Braço Forte' : operação do MP desarticula empresa de segurança que atuava como milícia no RS. Dois militares do Exército entre os presos.

Pelotas (RS) - Em uma operação batizada de 'Braço Forte', o Ministério Público da cidade do sul gaúcho desarticulou nesta terça-feira (5) uma quadrilha formada pelos proprietários e  funcionários da Nasf, uma empresa privada de segurança, que agiam como uma milícia e  são acusados de praticar crimes de tortura, lesões corporais e danos ao patrimônio.
Um dos proprietários é tenente da reserva da Brigada Militar Nelson Antônio Silva Fernandes. Ele foi uma das 15 pessoas presas. Entre os presos estava o tenente-coronel André Luis Pithan, comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM), que foi solto posteriormente após pagar fiança. O oficial portava uma arma de forma irregular. Também foram presos dois sargentos temporários do 9° Batalhão de Infantaria Motorizado.
Com informações do G1/RS, Diário Popular e Canguçu Online

8 comentários:

MESSIAS DIAS disse...

Tudo bandido fardado.
Tem aos montes nessa nossa dita Federação

Anônimo disse...

O RS está agindo corretamente, não deixando que aumente esse tipo de grupo como aconteceu no RJ. A milícia, como o tráfico também, é uma praga que, se não exterminada logo no início, fica muito difícil de acabar, é o problema do RJ. Não se iluda com milícias, pois, no final, ela acaba se misturando com o tráfico porque seus integrantes são escravos do dinheiro e da ostentação. Milicianos se tornam "juízes" sem dar chance de defesa às pessoas!!!

Anônimo disse...

Lamentavel ver militares se envolver em situações como esta. Pois os baixos salarios das FFAA não justifica modificar o carater e a indole de uma pessoa, não justificando tal ato e envolvimento.

Anônimo disse...

SENHORES, Alguem mais percebeu que as opções de TRANSFERÊNCIA POR NIVELAMENTO foram reduzidas/ anteontem tinham 50 opções e hoje só apareceram 28, muitas no RS e SP e até algumas do RS sumiram.

bom, sumiram fortaleza, santa maria, natal, recife, joao pessoa, florianopolis, e brasilia que eram minhas primeiras opcoes

ALGUEM MAIS TEVE ISSO?

Anônimo disse...

oque nenhum oficial do exército
Messias deve ser mentira

Militar atento disse...

Perdeu negão, já me escrevi, kkkk

MESSIAS DIAS disse...

Bandido não tem círculo.
É bandido e merece desprezo e prisão.
Todos sem exceções tem que ter o mesmo tratamento, ou seja, "PAU NELES"

Anônimo disse...

O "Militar atento" que se "escreveu", olhe o sucem e vai ver uma surpresa: "pedido rejeitado pelo sistema"

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics