8 de abril de 2016

Fuzis do Exército são furtados do museu da Aman

Cinco armas foram levadas, segundo Academia Militar das Agulhas Negras.
Uma delas foi recuperada pela PM na cidade vizinha Volta Redonda.

Do G1 Sul do Rio e Costa Verde
A Academia Militar das Agulhas Negras (Aman), em Resende, RJ, instaurou um inquérito para investigar um furto de, pelo menos, cinco fuzis de uso exclusivo do Exército. O crime aconteceu na segunda-feira (4), mas a informação só foi divulgada pela instituição nesta sexta (8).
De acordo com nota oficial da Aman, foram levadas armas históricas que ficavam expostas no museu da academia. Ainda segundo o comunicado, o local foi periciado e foi constatado que o “furto ocorreu mediante eliminação dos dispositivos de segurança e arrombamento”.
Um fuzil foi recuperado pela Polícia Militar na cidade vizinha Volta Redonda, RJ. Outros órgãos de segurança pública também estão dando apoio às investigações.

Confira na íntegra o comunicado da Aman:
A Academia Militar das Agulhas Negras informa que, na data de 4 de Abril, houve furto de armamentos históricos, utilizados como peças de museu.
Os armamentos subtraídos estavam armazenados em instalação adequada para esta finalidade, entretanto o furto ocorreu mediante eliminação dos dispositivos de segurança e arrombamento do local.
Os Órgãos de Segurança Pública estão apoiando as buscas e parte do material já foi recuperado pela Polícia Militar em Volta Redonda – RJ.
G1/montedo.com

9 comentários:

Anônimo disse...

Piada pronta.

Anônimo disse...

E os arapongas(s2)? Só sabem bisbilhotar a vida alheia através do facebook? E quem acompanha a vida eles?

Anônimo disse...

Eliminaram câmeras e alarmes? Não tem sentinelas no quartel? Área tão chique e desguarnecida? Aí tem gente que conhece o local muito bem.

Anônimo disse...

Isso é uma vergonha acontecer no berço de formação de nossos oficiais, se lá acontece esta fragilidade na segurança imagina em outros lugares onde apresenta efetivos menores. Um museu com peças militares jamais deveria deixar de ser monitorado e acompanhado por guia.

Anônimo disse...

Cada vez mais eu me decepciono com as FFAA. Estão "dando muito mole!"

Léo disse...

Chamem a PM para proteger a AMAN.Vergonha!

Léo disse...

A casa da minha mãe é mais segura!!!

Anônimo disse...

Será que vão contratar empresa terceirizada de segurança para vigiar o local? Não conheço mas faço uma pergunta: quem faz a segurança por lá?
Vou comparar com uma pergunta idiota do Lula ao visitar Israel, que tem até um certo sentido: Num país de Judeus, quem vai as compras?
Então, numa academia de oficiais, quem faz a segurança, já que oficial é para mandar?

Anônimo disse...

Realmente lamentável,pois sempre a culpa cai nas costas do velho e burro sargento que depois de fazer faculdade, posgraduaçao e levar todo o peso nas costas de tantos incompetentes, ainda o pobre do sargento com mais de 40 anos de idade e tirando serviço ainda deve levar culpa disso, pois com certeza a escala deve apertar e tudo mais...

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics