18 de novembro de 2015

Da série: "Tá feia a coisa!"


26 comentários:

Anônimo disse...

Gostaria de saber se este comandante faz parte do grupo q esta decorando as om com luzes para o natal?
Estamos otimos, somos uma força? que mexe com força.
Esta é a vida que sempre quis, tomo suco e sou feliz.

Anônimo disse...

...estamos pagando para trabalhar ha muito tempo, eu uso telefone celular e particular para uso do Exercito, uso transporte proprio para trabalhar ja que o auxilio transporte é uma piada, mas compreendo os Comandantes ....mas não os 4 estrelas que por OMISSÃO deixam isto acontecer, e não lutam pelo nosso Exercito, eles amam suas carreiras e suas mordomias eles politicos barrigudos gostam é de usufruir.

Anônimo disse...

Colocando ordem na casa.

Anônimo disse...

Essas são as "economias" feitas só de birra, prá "dar o exemplo". Lembro de um chefe que, nos anos 2000, durante o apagão do governo FHC, a certa altura do expediente, gritava do seu aquário: "Ar-cond foraaaa!". Todos deveriam desligar os condicionadores de ar. Detalhe: estávamos em Manaus, no auge do "verão" amazonense.

Anônimo disse...

Carambaaa! Isso é TENEBROSO! Por coincidência, vi um programa sobre pesquisas e projetos de energia alternativas que países desenvolvidos, e organizados,já estão bem adiantados. Uso de energia solar capaz de atender uma grande cidade dos cassinos que fica no deserto dos EUA.Daria para garantir energia suficiente no período diurno para grandes instituições e ainda utilizar energia eólica.Mas, tudo está as mil maravilhas por aqui. Tudo se "planeja", se constroi dentro do preço e nos prazos estipulados. Vejam os exemplos das represas, dos linhões que não terminaram,do desvio do velho Chico, que está morrendo.

Amauri disse...

Qual é a novidade?!?!

Anônimo disse...

O cara que bota um aviso deste não tem noção alguma de eletricidade e/ou eletrônica. Isto, certamente, "irá tirar o Brasil da crise"! KKKK...
Ridículo!!! Coisa de jumento mesmo!

Anônimo disse...

Será que ele cumpre a determinação ??? Duvi deodó !!! Hoje o watt zap é ferramenta de trabalho dentro dos quartéis...A informação, pedidos dúvidas, ordens chegam ao vivo, isso é uma realidade.
Esse Cmt deveria instalar redes wifi pelo quartel, isso sim.

Anônimo disse...

OK. Então deixe de usar o carro funcional, deixar de ganhar diárias e viaje por conta própria, deixe de comer diferenciado, almoce com os praças, etc... Tudo isso e mais por amor a Pátria.

Anônimo disse...

"Anônimo disse...OK. Então deixe de usar o carro funcional, deixar de ganhar diárias e viaje por conta própria, deixe de comer diferenciado, almoce com os praças, etc... Tudo isso e mais por amor a Pátria."


Bem isso aí. É aquela máxima : Pros amigos os favores, pros inimigos os rigores. Só querem chegar na vez pra poder usufruir. Não são uma vírgula melhores que os políticos que temos.

Anônimo disse...

Enquanto isso o 8o BPE de São Paulo conseguiu a façanha de ter expediente integral em dezembro!

Anônimo disse...

Faz um ano que o computador da seção foi recolhido ao deixar de funcionar. Canibalizado, teve suas poucas peças funcionais aproveitadas em outros PCs. O meu notebook, levado inicialmente e inocentemente para quebrar um galho, é praticamente carga. Será que não poderia mais levá-lo ou ligá-lo à rede elétrica da OM? A economia relativa à não compra de outro PC deve superar algumas recargas do meu celular que é usado, inclusive, em prol do serviço.

Anônimo disse...

É como a vovó já dizia: "Pimenta no olho dos outros é refresco!"

Anônimo disse...

Desculpe meu caro, mas vc está levando seu notbook porque quer. Portanto, não há o que reclamar. Se fosse comigo faria o trabalho na máquina de escrever ou então na mão mesmo, pois enquanto seu chefe ver que você está suprindo a falta desse material com o seu notbook ele não fará nada pra adquirir outra CPU.

E mais, duvido que em outra repartição pública alguém leve material de casa para suprir as necessidades da administração pública. Dessa forma, vou te dar uma dica: peça ao seu chefe trazer o notbook de casa pra você trabalhar.

Avante!

Anônimo disse...

Ebaaaaaa!!!!!
Tomara que esta ordem chegue na minha OM,
Assim não posso mais usar meu notebook na seção....
Vão ter que providenciar um computador pra mim...
Ebaaaaaa........

Anônimo disse...

Mas diárias e passagens para os nossos "nobres" oficiais e jantares a custas da alimentação da tropa isso ninguém fala nada. Tenho uma proposta para economizar; já que, os que fazem a ECEME serão os futuros comandantes dos mais variados quarteis, eles deveriam ficar hospedados, quando viajarem, nos quarteis em que irão comandar e comer da boia que é dada para o soldado para começarem a conhecer a hierarquia de barriga.

Anônimo disse...

Os "SEVERINOS" são fera, mesmo:Comem poeira nas rodovias, trabalham sempre com fiscalização no calcanhar, não tem reposição salarial, suas verbas para investimentos e pagamentos de compromissos são desviadas para outros setores inoperantes,e na hora de economizar lá em Brasília, mandam todos não usar energia?. O Brasil é um pais estranho. Quando falta alguma coisa, aumenta-se o preço. Quando tem, aumenta-se o preço porque produzir gasta muito. A unica coisa que não falta é a pouca vergonha e vontade de se apoderar do dinheiro publico.

Anônimo disse...


Talvez não seja um exagero não se considerarmos que, em média, um carregador de celular (1 Watt de potência) ligado por 7 horas por dia gasta 0,21kWh por mês, o que equivale a R$ 0,08.

Anônimo disse...

Mas, tem dinheiro para movimentar militares que não solicitaram nenhuma transferência!!

keko marques disse...

O importante são as luzes natalinas. Essas têm prioridade.

Anônimo disse...

Essa ordem não fala sobre a utilização do celular por si só, mas o uso do celular conectado a rede elétrica pois recentemente ouve um curto circuito onde um soldado que utilizava o cel conectado a tomada faleceu eletrocutado.

Anônimo disse...

Enquanto isso uma OM da 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada, de Cascavel, faz expediente normal, sem comida para a tropa, um absurdo.

Anônimo disse...

mi mi mi gigantes no teclado, na hora de ir para campo sempre arranjam uma dispensa

Anônimo disse...

Ao anônimo de 19 de novembro de 2015 19:19 - Cabe fazer uma denúncia nem que seja anônima ao Ministério Público Militar dessa região.

Anônimo disse...

Isto é desculpa "esfarrapada"! Se o celular entrar em curto, é porque não houve manutenção por parte do dono, aconteceria em qualquer lugar o acidente. Se foi o cabo do carregador que entrou em curto, não daria choque porque a tensão zera.
Eu já soube de um caso em que um aluno do EB foi desligado por usar óculos, e a desculpa foi que já tinha acontecido de, num acampamento, um aluno de óculos caiu num poço quando atacado por abelhas e morrera. Parece meio fantasiosa, não?!

keko marques disse...

Ué, Ministério Público Militar no cmt. Vão ficar calados?

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics