12 de novembro de 2015

FX-2: primeiro caça Gripen NG entra na fase final de produção

Caça-bombardeiro encomendado pela Força Aérea Brasileira está programado para voar em 2016
Thiago Vinholes
O primeiro Gripen NG, o futuro caça da Força Aérea Brasileira (FAB), está quase pronto, informou a Saab nesta terça-feira (10), durante o Dubai Airshow. Em entrevista ao site FlightGlobal, Ulf Nilsson, gerente da área de negócios de aeronáutica da fabricante sueca, revelou que as três seções principais da aeronave necessitam apenas de um pequenos ajustes antes de serem unidas.
Como informou Nilsson, o primeiro protótipo da nova geração do Gripen está dentro do cronograma para entrar na fase de testes, a partir de 2016. O gerente da Saab, entretanto, ainda não informou uma data específica para o primeiro voo do caça, que por enquanto tem 36 unidades encomendadas pela FAB (com opção futura para até 108) e outras 60 da Suécia.
O executivo da Saab também destacou a participação brasileira no projeto, por meio de engenheiros da Embraer e outras empresas nacionais que participam do desenvolvimento. “Eles (os brasileiros) chama o Gripen NG de uma aeronave brasileira. Eles estão comprometidos com o programa”, contou a reportagem.

Gripen no Oriente Médio
A Saab é uma das tantas fabricantes aeronáuticas presentes no Dubai Airshow, que vem se destacando nos últimos anos como um dos maiores eventos sobre aviação no mundo. O Gripen é o principal produto, sobretudo na nova versão NG, que recentemente despertou o interesse de nações como Bélgica, Finlândia e Croácia.
No Oriente Médio, a empresa sueca busca uma aproximação com países da região, onde ainda tem pouca atuação. Nações como Arábia Saudita, Kuwait e Emirados Árabes Unidos são alguns dos maiores compradores de armamentos tecnológicos no mercado mundial.
AIRWAY/montedo.com

Nenhum comentário:

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics