2 de setembro de 2015

Reajuste dos militares deve ser de 25,5% em quatro anos. 5,5% em 2016.

REAJUSTE DIFERENCIADO
Fontes do governo informaram à coluna que os militares terão de fato um reajuste diferenciado em 2016. Contudo, os estudos apontam que o índice será maior para os 69 mil recrutas, para tornar a carreira militar mais atrativa. O nível intermediário também terá correção especial para melhorar valores muito defasados.

EXPANSÃO DA FOLHA
A expansão da folha de pagamento dos militares será expandida em 25,5% em quatro anos. Para 2016, será de 5,5%. Haverá um aumento linear para os 669 mil militares e mais um índice especial para o pessoal da base. Atualmente, o soldo de recruta é R$ 642 e há preocupação com evasão de militares ao longo da carreira.
Coluna do Servidor (O Dia)/montedo.com

31 comentários:

Anônimo disse...

OBA.......................QUANTO DA DE MARGEM PRA SUBÃO!!!!
#sopelamargem
#quesituaçãodegradante

EMM disse...

Estamos tentando decifrar, esse índice que será dado a BASE, qual BASE, BASE AÉRIA, BASE ADMINISTRATIVA OU BASE NAVAL OU AINDA BASE ALIADA DO PT.

Anônimo disse...

5,5% para uma previsão de quase o dobro de inflação...aumentos diferenciados de outras carreiras (MP e Judiciário 41% e reclamando)...a mais mal remunerada carreira pública federal...e cheia de cobranças (ex: tenho uma amiga no Judiciário fluminense que entra 11h e sai às 17h, se dá plantão, este é regiamente remunerado, etc). Acabei de ver no portal da Transparência um 2 Sgt com líquido de aprox. 4.500,00 (milagrosamente sem empréstimo). Quem vive com isso no RJ, Brasília, São Paulo ou qualquer outra cidade média ou grande? Ainda mais com fila de PNR de 5 anos (quando tem), sem auxilio-moradia, sem auxilio-educação (MP e Judiciário têm), gosto da minha profissão, mas assim só usando de "trampolim" mesmo. Ridículo o Cmdo aceitar sem chiar um "aumento" desses.

Anônimo disse...

Militares não tem data base para reajuste de salários, só tem data marcada para voltar para a Base Naval, para a Base de Submarinos, para a Base de Fuzileiros, para a Base Aérea, tem que ser tudo na Base do improviso, e se basear no que os chefes querem! Aí a sua base, que é a sua família, fica para depois!

Anônimo disse...

Quando o comando só sabe cobrar ,é este o resultado !

Consciência disse...

Não me canso de alertar: notícia do "O Dia" é "papo de corredor" (vulgo "bizu"). Zero credibilidade...

Anônimo disse...

Carreira atrativa???? Estão de sacanagem, tem oficial superior caindo fora. SD PM ganhando mais que ST. O que faria alguém optar pela carreira militar? Demência, só se for.

Anônimo disse...

Vamos continuar pagando para trabalhar.Preocupados com a evasão, mas só agora? No ano que vem já tem um ROMBO de 30 bi ou maior e vocês acham que vai ter dinheiro e um índice de inflação menor? Esse Governo não tem a menor vergonha de continuar mentindo e destruindo a economia do país. Só pensa em arrecadar, inventar mais impostos para que continue jogando dinheiro fora. Lembrem-se que a META da presidente Dilma ainda não foi alcançada(??)e ainda vai dobrá-la.Os militares vão ter trabalho dobrado pois as outras categorias vão parar.

Anônimo disse...

Desatrelaram os militares dos civis e ficaram boiando sem destino. Não tem data base, não tem sindicato, não tem liderança, não tem força. Agora que os civis estão lutando por índice, os militares conquistam um índice negativo, na mesma data base dos civis. Continuam sem destino.

Anônimo disse...

Gente quando se diz 'base' é em relação aos recrutas, puro e simplesmente. Nada de futuras ações na justiça como aconteceu com os 28,88%. Mas que os praças deveriam ter um aumento de uns 10% maior que os oficiais, isso sim seria justo.

Anônimo disse...

Tenho que me acovardar. Se me derem 100 reais já me dou pro satisfeito. Aqui estou tirando serviço por um botijão de gás, uma semana de leite ou então uma semana de pão francês na padaria

Anônimo disse...

Esse reajuste dá quanto para primeiro sargento em 2016?

Anônimo disse...

Nível intermediário engloba os sargentos? Alguém sabe?

Anônimo disse...

E ainda ficam comentando que o comandante do exército é um homem humilde, simples, que almoça com os subordinados, ou então ficam fazendo homenagem para general que morreu etc, etc. Senhores, não temos motivo algum para nos orgulhar de general nenhum, nem da ativa, nem da reserva. Não vejo nenhum, repito NENHUM deles colocar a cara na janela e berrar que seus subordinados estão passando necessidades. Já foi decretado o "cada um por si" há muito tempo, e quem quiser que acredite nessa "valorização" que os nossos pseudos chefes tentam demonstrar, melhorar a formação da ESA, ou criar cargos honrosos para nossos subtenentes. Pelo amor de Deus, chega de fanfarronices.

Anônimo disse...

Se aumenta, RECLAMAM! Se não aumenta RECLAMAM! E assim segue os militares brasileiros! Se alguém não quiser o aumento porque é pouco, pode passar pra mim que eu aceito.

Cleber Manoel disse...

Kkkkkkkkkkkk tá mais para a base aliada do Pt....... o que os militares não observaram que este partido dos infernos quer dividir as opiniões dentro dos quarteis e jogar os militares uns contra os outros.....esta é a estratégia do comunismo......Abram os olhos,miha gente.. ..ninguém é melhor que o outro na tropa.....todos são irmãos de farda....a hierarquia e a disciplina jamais poderão ser abaladas.

Anônimo disse...

Injusto. A inflação vai comer tudo ao longo dos anos.

Anônimo disse...

Enquanto isso o INSS onde um recém aprovado em concurso de nível médio, ganha mais do que um 1 Sgt com quase 20 anos de sv, estão parados há mais de 2 meses e nós aqui discutindo 25% em 4anos , senhores não podemos fazer greves e nem ter sindicato, a única solução que a grande maioria ainda insiste em não entender é eleger representantes votar em candidatos militares, ter uma bancada, nas ultimas eleições foi lamentável os companheiros de MG não darem seu apoio a Sra Kelma Costa, uma Gerreira, nós com o nosso efetivo faríamos tranquilamente 10 Deputados Federais, militar vota no tiririca, mas não vota em outro militar aquela velha história do caldeirão!! Na época das eleições acompanhei as incessantes publicações aqui no Blog alertando sobre os candidatos militares nos estados, um trabalho de divulgação e conscientização do Montedo que a maioria não entendeu a importância, agora vida que segue e bora reclamar pelos próximos 4 anos leões!

Anônimo disse...

Que matéria sem lógica. Recruta não tem carreira e serviço obrigatório. Vai segurar quem não está preso?

Marco Balbi disse...

Nunca vi tanta bobagem num texto tão curto. Qual é a do jornal O Dia?

Anônimo disse...

É que esse O Dia não tem nenhuma credibilidade no que pública e nem se preocupa em conhecer sobre o que divulga.... Notícia pífia
2° Sgt 2002

Anônimo disse...

A carreira não está atrativa nem para os oficiais que se acham a elite, quiçá paras as praças que tem o potencial de ir a luta em busca de salários melhores, assim como uma valorização melhor na carreira. É isso aí praças, estudar é a melhor solução.

Anônimo disse...

Bem só vejo duas saídas:
- Estudar para um concurso mais disputado que a ESA (que é nível médio) e abandonar o barco ou;
- Sair da zona de conforto que as transferências tão para alguns, com a falsa ilusão de estabilidade financeira e batalhar para eleger políticos que sejam favoráveis a causa militar.
O problema é que muita gente só vivi para reclamar, até parece que estudou tudo que tinha q estudar para a ESA e não tem mais munição para isso.
Jogar pedra nos outros é muito facil as isso está na essência do der humano, que só muda com sua evolução.

Anônimo disse...

"Contudo, os estudos apontam que o índice será maior para os 69 mil recrutas, para tornar a carreira militar mais atrativa" ... "Atualmente, o soldo de recruta é R$ 642 e há preocupação com evasão de militares ao longo da carreira."....!!!????
Até concordo que o soldo do recruta é uma afronta, mas a carreira tem de ser atrativa é para oficiais e sargentos. A evasão significativa é de oficiais e sargentos, que são a espinha dorsal das forças armadas. Que comandam, coordenam, fiscalizam e gerenciam as Forças Armadas!
Quem tem filhos em idade escolar e despesas significativamente maiores são os quadros das forças armadas, os profissionais.
Se essa "dica" obtida pelo O DIA for correta, eu disse SE... penso que a evasão dos profissionais vai continuar. Parece até que é mais uma medida demagógica, eleitoreira e com objetivos "bolivarianos" do famigerado PT!

Anônimo disse...

É por isso que sempre me diziam...

"Quem come papel não carrega pedra."

Como sempre escutava: Guerreiro, só o Papiro Liberta.
Fui soldado, fui cabo...
E vi que realmente a situação era estudar.
Senhores, estudem. Sempre há tempo. Todo ano o pessoal deve ver amigos dando o exemplo.

Ex-militar, Auditor Fiscal.

Anônimo disse...

Se oficiais e sargentos são a espinha dorsal das forças armadas, recrutas são buchas de canhão?
Me desculpem! O Brasil tem hoje cerca de 600 mil presidiários. O custo federal por cada preso é de cerca de R$ 4.000,00 mensais. Já com o estudante de ensino superior o custo mensal é de cerca de R$ 2.000,00.
Já o custo por presidiário por estado varia.
Bom, e aí? A prioridade será a carreira militar ou a carreira do crime?

Anônimo disse...

Aumentar o salário de recruta para evitar evasão?kkkkkkkkkkk. Que jornalismo mais desavisado. Não sabem que o recruta presta serviço militar obrigatório. Eu quando prestei o serviço inicial em 1983 recebia uma ajuda de custo que mal pagava o ônibus e um lanche de vez em quando, nada mais, e nem por isso pude me evadir, visto que era e é um serviço obrigatório. Se querem evitar evasão então só pode ser para o efetivo profissional, visto que realmente os salários de hoje não atraem mais ninguém. É melhor financeiramente,ser cobrador de ônibus na sua cidade natal, do que ser sargento do exército do outro lado do país. Pensem nisso.

Anônimo disse...

ANONIMOS??

enquanto nos são oferecidos está esmola parcelados em 4 anos, um Suboficial da (PMMG ) final de carreira recebe uns R$ 13.000,00. Isto sim seria um salario digno para um militar sobreviver, sem precisar ficar neste aperto que estamos, os nossos CMT não preocupam com os ( bonecos), somos apenas mais um no taboleiro.

Anônimo disse...

Por isso todos os militares estão abandonando a força e partindo para o Marketing de Rede.. eu serei o próximo depois de 12 anos não projeto nenhum crescimento no EB, sou diamante UP! e vou libertar muitos irmãos de farda..... Reclamar não adianta, mãos à obra, o último apaga a luz.

Altevir Stall disse...

Senhores! Quanta lambança! Base.... recruta. Evasão....Of e Sgt. Correção no ecalonamento vertical...Capitão, 2º e 3º Sgt para corrigir distorções. À partir de quando?.....nem Deus sabe.

Anônimo disse...

Por isso que quando me alistei no serviço obrigatório fiz um propósito a mim mesmo: sairei daqui concursado! Servi o EB por 4a 10m 27d.

Fui soldado, fui cabo e hoje sou Policial Militar de Minas Gerais. Quando estava na Academia de Polícia eu vi 2º Sgt EB fazendo curso pra Sd PM.

Muitos praças e of do EB me diziam que soldado descansa carregando pedra, mas eu descansava carregando livros, como resultado, hoje tenho 2 cursos superiores e 1 técnico e sou servidor público.

Então companheiros, façam um trampolim, estudem!

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics