8 de fevereiro de 2016

Profissão, Militar. Porque vale a pena: militares do Exército resgatam idoso perdido há 4 dias na selva amazônica

Operação Resgate – Militares do 54º BIS resgatam ribeirinho desaparecido
GBS2
Humaitá (AM) - Em pleno período de carnaval, militares do grupo de busca e salvamento do 54º Batalhão de Infantaria de Selva, liderados pelo 2º Ten Áustria, saiu às 06h00 de sábado (06) em missão de busca e resgate do senhor Benedito (77), habitante local de uma comunidade ribeirinha às margens do rio Madeira, perdido na selva há 4 (quatro) dias. 
GBS9
As buscas começaram de sua casa, que dista a quase duas horas de marcha do local do desembarque. Por volta das 15h30min o Sr. Benedito foi encontrado pelos militares do 54º Batalhão de Infantaria de Selva à beira do “Lago das três casas” bastante debilitado, e após avaliação inicial e primeiros socorros, foi conduzido de voadeira até a cidade de Humaitá-AM, onde já havia uma viatura ambulância aguardando para levá-lo ao hospital.
cats
acriticadehumaita/montedo.com

12 comentários:

Anônimo disse...

http://www.tribunadonorte.com.br/noticia/voca-sabia-fab-tem-vagas-para-civis-em-voos-para-diversas-localidades-do-paa-s/336980

Anônimo disse...

Tbm gosto pois temos tfm no horário de expediente futebol....né o expediente sexta ...e o salário até que dá P viver muito bem.

Anônimo disse...

Logo logo os mi mi mi aparecem para criticar 3,2,1

Anônimo disse...

Nobre serviço este reaizado pelas FFAA de realizar busca e salvamento.
Infelizmente muitos ainda tem a coragem de dizer que não fazemos nada.
Falta amadurecimento e estudo de muitos para ver a real finalidade das FFAA que não é somente defesa e sim a garantia da soberania nacional, que envolve defender os valores e a vida dos brasileiros.
Parabens aos militares pela missão bem sucedida.

Anônimo disse...

Vendo mais esta missão do querido 54º BIS, onde tive o orgulho de pertencer nos anos 90, onde naquela época várias vezes fomos empregados nesse tipo de missão, inclusive com resgates de corpos nas profundezas do Rio Madeira e seus afluentes, com isso a população puderam fazer o enterro digno dos seus ente queridos, parabéns mais uma vez a guarnição que participou de mais uma missão do Glorioso Batalhão Cacique Ajuricaba.

Anônimo disse...

Solicito mandar esta reportagem para a Rede Globo, já mencionei este este pensamento, vamos divulgar mais as nossas missões, o povo brasileiro tem o direito de saber e conhecer mais de nosso trabalho em todas as Regiões do Brasil, só assim obteremos muito mais respeito e consideração, pois muitos não conhecem nosso trabalho, como por exemplo:
- Construções de pontes improvisadas;
- Resgates de pessoas perdidas em todas as regiões do Brasil;
- Combate a Dengue, Zica, e todas as moléstias que aparecem em grande escala; e
- Construções e recuperações de Estradas em todo território nacional e por aí vai ....

Nossos órgãos de comunicações tem o dever de informar nossos feitos, a população brasileira tem o direito de saber.

Anônimo disse...

Sempre dou nota mil para esses militares. Eles elevam o valor do EB junto as comunidades.Eles acham até índio que se perde na selva. São fera!
Não se preocupem, a presidente valoriza muito vocês.Se não fossem as Forças Armadas ela não estaria mais lá e o país estaria estagnado, parado.Ela só não gosta quando o assunto é dinheiro para o salário. Aí ela prefere jogar fora para o MST, algum sítio ou alguma "bolsa perdição".

Anônimo disse...

Da para ser feliz sim com com nossa salário. Tá bom demais. Dinheiro não eh tudo tbm tem o gosto de ser militar.

Anônimo disse...

As Forças Armadas são muito úteis ao país, apesar da falta de conhecimento da maioria da população, que acreditam que militares ficam apenas dentro de quartéis fazendo TFM, jogando bola e ganhando um alto salário.

Essa percepção errada é passada pelo fato da maioria do nosso contingente ficar em grandes cidades, como RJ, SP, PA, Recife, Campo Grande, etc. Com isso a população, quase sempre os menos esclarecidos, acham que a vida do militar é só TFM e jogar bola. Essa percepção inclusive é daqueles militares de carreira ou temporários que não tiveram a oportunidade de servir em regiões inóspitas, onde as Forças Armadas são a única presença do Estado. Já presenciei militares questionando a nossa utilidade a Nação.

Servi no 2º B Fron (Cáceres - MT) e participei de inúmeras ACISO junto as populações ribeirinhas, essas ações eram a única presença do Estado junto a essas populações, eram apoios de médicos, dentistas, farmacêuticos, etc. Com o passar dos anos começou a se juntar nesses ACISOS outros órgão públicos, o que passou a permitir a prestação de outros serviços como expedição de certidão de nascimento, casamento, e no caso da fronteira de naturalização de estrangeiros casados com brasileiros e brasileiras, etc. Além de prestar apoio a Policia Federal que não tinha efetivo para cobrir a fronteira e solicitava apoio para responder as ocorrências.

Depois tive a oportunidade de comandar Destacamento de Fronteira onde eram as únicas presenças, o Destacamento servia de porto seguro para a população local, socorro de picada de cobra, acidente com faca, enxada, foice, vacinação e também como apoio a educação, onde funcionava escola de ensino fundamental.

Nós dias atuais além desses apoios já tradicionais temos o combate a dengue, zica, chikungunha, operação de pacificação, reconstrução de ponte, asfaltamento feito pelos BEC, solicitação de apoio em doação de sangue, apoio para campanha de doação de medulas, etc.

Portanto somos muito importantes SIM!

Anônimo disse...

Quanto ganha um aspirante ? depois de passar longos 7 anos ralando ?

Anônimo disse...

Realmente, dinheiro não é tudo...ou, melhor, não é nada... quando se vive lá no meio da floresta usando só os meios existentes. Vejam o exemplo dos índios.Como pode, né? Nus, alguns com poucas roupas, isolados dos shoppings, escolas, supermercado. Sem televisão a cabo, carro,o McDonald's, cinema 3D, tênis da moda. Já imaginou, a patroa sem WhatsAPP, os filhos sem o Facebook e você sem celular ou Tablet? Inimaginável.E o jogão no final de semana? Agora, se você vai morar em alguma cidade, experimenta fazer compras sem dinheiro e nem cartão.o Dinheiro é o que rege a vida de hoje. Pode até não ser fonte de felicidade para alguns mas, quando está presente em abundância, ajuda pra caramba.Portanto,se todos tem reajustes dignos, os milicos também devem ter. Os senhores Ministros dos Três Poderes, que ganham mais de vinte mil, por acaso não deveriam ter?

Anônimo disse...

tem muito hipócrita arrotando que dinheiro não é tudo, que tem vocação para a carreira militar mas se esquece que militar paga aluguel, tem esposa e filhos e esses se alimentam, se vestem, estudam, ficam doentes como qq paisano. Se o militar está feliz com a situação atual com certeza deve estar levando um extra nos diversos desvios que observamos todos os dias nas diversas OM da instituição. Os militares honestos reclamam pq o seu dinheiro é macho, ele não se multiplica, não dá cria.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics