26 de julho de 2017

Raul Jungmann diz que ministros vão se revezar no RJ durante permanência das Forças Armadas

Ministro da Defesa, Raul Jugmann (Crédito: Antonio Cruz/EBC)
Em entrevista no CBN Rio, o responsável pela pasta da Defesa disse que o rodízio foi uma determinação do presidente Michel Temer para assegurar as operações. O ministro também afirmou que, nos próximos dias, um decreto de Garantia da Lei e da Ordem deve ser editado para legitimar a permanência das Forças Armadas no estado. Jungmann avaliou que há dois problemas no Rio: 'a criminalidade e aquela parte do estado que foi capturada pelo crime'
O ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmou, em entrevista ao CBN Rio, que o presidente Michel Temer determinou que ele e os ministros da Justiça, Torquato Jardim, e do Gabinete de Segurança Institucional, general Sergio Etchegoyen, estejam permanentemente em rodízio no Rio de Janeiro para assegurar o funcionamento das ações de segurança. Ele revelou que virá ao estado esta semana para esclarecer o que espera receber de colaboração das autoridades.
“Já esta semana devo ir ao Rio para ver como estão rodando os preparativos, para dar uma explicação à sociedade e às autoridades sobre como vamos atuar e dizer o que esperamos de colaboração.”
Raul Jungmann afirmou que o crime está impregnado no poder público em várias esferas do Estado. Ele avaliou que, no Rio de Janeiro, há cerca de 800 comunidades que dominam territórios e, por isso, têm condições de eleger seus representantes.

Ouça a entrevista na íntegra:


“O Rio de Janeiro tem dois problemas: a criminalidade e aquela parte do estado que foi capturada pelo crime.”
O ministro da Defesa afirmou que as Forças Armadas vão começar a atuar muito em breve no estado, mas não divulgou o início das ações. Segundo ele, é preciso utilizar o 'elemento surpresa' para golpear a criminalidade.
"As ações acontecerão quando houver operações da polícia. Em outros momentos, ela se deslocará para outro lugar. Em outros momentos, haverá patrulhamento quando se fizer necessário. É um mix de ações voltado apara atingir e reduzir a capacidade operacional da criminalidade. É isso que vira o jogo".
O ministro também disse que, nos próximos dias, deve ser editado um decreto do presidente Michel Temer para dar legitimidade à ação das Forças Armadas. Jungmann ainda afirmou que as operações serão baseadas em informações de inteligência, com o intuito de desestruturar as quadrilhas. O ministro afirmou que haverá sequência de operações integradas entre as polícias com apoio do exército até o fim de 2018. No entanto, não haverá anúncio do tempo de cada ação, como ocorreu em grandes eventos.
O ministro lembrou que, apenas nas Olimpíadas, o custo para a transferência de 23 mil homens foi de R$ 3 bilhões. Raul Jungmann chamou esse tipo de operação, com data para início e fim, como 'férias para bandido'. Por isso, ele afirmou que é preciso saber onde está o comando do crime para, de fato, ter condição de reduzir a criminalidade.
CBN/montedo.com

36 comentários:

Anônimo disse...

Vai ser igual aquelas festas surpresas que o aniversariante finge não saber de nada.
Os trouxas andam pra lá e pra cá, ficam sussurrando nos ouvidos e no final passam com o bolo na mão na frente do desgraçado...
Daí, sem graça, gritam - SURPRESA!!!

Anônimo disse...

Tá certo, Ministro! Conte conosco e não esqueça do nosso reajuste.

Anônimo disse...

Acredito ser muito difícil, para não dizer impossível guardar segredo sobre qualquer coisa dento dos quarteis.
Por outro lado, guardar segredo sobre mudanças e soldos...podem ter o mesmo motivo, para inglês ver.

Anônimo disse...

E o salário ?

Anônimo disse...

Kkkkkkkkk perfeito

Anônimo disse...

Já estão mudando as informações. Antes, seria o uso massivo das FFAA e, agora, nem para patrulhar as ruas eles serão usados. Somente a parte de inteligência agindo com as PM e PF. Seria bom parar de falar e agir. Depois se explica, se der certo.

Anônimo disse...

Ações tardias para o combate a criminalidade vão exigir grandes sacrifícios e expor as FFAA a todo tipo de arapucas dos criminosos e milícias. Enquanto o Rio estava entregue aos marginais, o ex governador frequentava restaurantes, hotéis e joalherias luxuosos pelo mundo.E onde estavam os vereadores e deputados estaduais? Dormindo ao som dos tiros?

Anônimo disse...

Gostaria de saber se os gravatinhas comedores de pedra do QGEx vão ser voluntários para ir para lá como eram para ir para o Haiti.

Anônimo disse...

Milicada, alegrai-vos, o que é de vocês está guardado.Vão substituir a PM nos morros e favelas e ainda não vão poder dar nenhum tiro nesses santinhos, defendidos pelo Direitos dos Manos.E ainda faltam as recompensas.Diferentemente das PMS, após enfrentarem os "inocentes" não poderão usar armas por não terem o tal porte de armas como as PMs.Terão o aumento do tempo de serviço para 40 aninhos, e um reajuste salarial, para ficarem igual às outras carreiras de Estado.Exemplo: o piloto de um jatinho de caça,caríssimo,à nação, ganhará igual ao piloto do avião da PF.Podem acreditar e comparar.É assim que o mundo gira,é assim que gira o mundo.
É MENTIIIIIRA.

Anônimo disse...

O que que tem a ver "ministro" do GSI???

Anônimo disse...

Aos colegas para conhecimento do que iram encontrar no RJ


http://www.alertatotal.net/2017/07/policia-marcada.html

Anônimo disse...

Na verdade, o RJ tem 3 problemas, o terceiro se chama Rede Globo de televisão, espera um soldado colocar a mão ou precisar matar um "de menor" pra proteger a população que vão ver o escândalo da emissora. Ou então tocar um dedo em um dos artistas ou jornalistas globais que vivem se entupindo de drogas na cidade, os institutos de DHs vão fazer a festa. É meio que lógico que estão usando o exército pra politicagem, pois se realmente estivessem preocupados com segurança pública estariam revisando algumas leis que não deram certo e a forma de combater a criminalidade no país, mas resolveram criar um ambiente fictício na Zona Sul do RJ até 2018, ano que o PMDB vai tentar se reeleger. E também não precisa ser muito inteligente pra saber o que vai acontecer, os traficantes vão tirar umas férias ou vão migrar pra outros lugares mais distantes.

Anônimo disse...

Como pode os chefes das forças armadas, instituição armada do pais, permitir que eles e suas forças seja esculachadas por politicos corruptos......as FFAA estão perdendo sua moral por conta de comandantes covardes.

Anônimo disse...

Sabe nada, inocente! Para guardar segredo é que existem as reuniões de certos escalões. Tem de haver mesmo diferença a quem falar certos assuntos, e nas FFAA funciona assim. Agora, o problema aí é quando passar os planos para as polícias do nosso estado, pois andam combinadas com a bandidagem e não querem, na verdade, que as FFAA venham trabalhar nas ruas. Vai atrapalhar "suas jogadas"! Também não adianta "dar em cima" só dos traficantes, deveria pegar também esses milicianos, principalmente os da Zona Oeste, porque não há diferença no modo de exploração da população entre tráfico e milícia.

Anônimo disse...

Ok... tudo muito lindo, mas vão fechar as saídas antes de operar ou vão somente redistribuir a bandidagem com os outros estados. Esse povo acuado vão correr em outras direções e enfernizar nas cidades pequenas. Espero que seja uma operação organizada em que os militares não vão ser submetidos à situações constrangedoras, como foi a ação da Maré.

Anônimo disse...

https://www.stm.jus.br/informacao/agencia-de-noticias/item/7559-sargento-do-exercito-e-absolvido-em-1-instancia-por-crime-de-lesao-corporal-dolosa-qualificada-e-de-explosao

Anônimo disse...

Exército Posto Ipiranga !!!

Anônimo disse...

http://g1.globo.com/rj/regiao-dos-lagos/noticia/um-ano-apos-queda-de-caca-no-mar-do-rj-marinha-confirma-morte-de-piloto.ghtml

Anônimo disse...

Ah se não fossem os Severinos (faz tudo) da nação !!!!

http://hipernoticias.com.br/ultimas/tre-mt-fecha-parceria-com-o-exercito-para-ampliar-atendimento-da-biometria-em-cuiaba/78400

Anônimo disse...

No Antagonista:
"Brasil 26.07.17 15:49
O Antagonista soube que Sérgio Etchegoyen cogitou nomear um general para o comando da Polícia Federal, mas 'descobriu' que a lei não permite." Estão pegando tudo o que é possível. O salário está baixo e não vai ter jeito.

Anônimo disse...

Sem Palavras, vamos esperar.

Anônimo disse...

A bandidagem via acabar???? ha ha haaaaa... Se os vagabundos forem incomodados, irão partir para outras áreas.Atenção Minas,São Paulo e Espírito Santo, preparem-se pois se o plano de "expulsar" marginais ao invés de prendê-los e varrerem os morros cariocas à procura e apreensão de armas e munições for idêntico ao que já fizeram, vocês serão as vítimas da vez!Não prendem ninguém e quando prendem soltam por falta de provas consistentes.Nossas fracas e benevolentes leis fazem o seu belo papel de proteger os criminosos. Vejam o caso dessa traficante que nunca foi presa e que agora inspirou uma novela que ,aliás,está fazendo sucesso.O absurdo é que a "ex-traficante que nunca foi presa",réu confessa, é agora "escritora" e sendo convidada a participar de programas de TV.Tá livre por quê??? Resposta: Nossas "leis" de M...!

Sub Terfúgio disse...

E o salário , ó!?

Anônimo disse...

Que venham logo ! Quanto mais soldados para nos auxiliar , melhor . Aqui no RJ o que não falta é bandido para prender.
só não podem mexer na minha escala de 24×72 de of de dia.
Subtenente PMERJ Guedes

Anônimo disse...

Kkkkk

24/72 é para fracos! Quero ver aguentar 24 e depois ir pro expediente.
Seu sub PM fraco

Sgt EB

Anônimo disse...

https://oglobo.globo.com/mundo/eu-sou-seu-chefe-diz-macron-comandante-do-estado-maior-21605873

Anônimo disse...

Conheço todas as técnicas de persuasão, manipulação de massas e lavagem cerebral, posso afirmar com toda certeza que " eles " usam toda hora contra nós e a população... Lobo em pele de cordeiro .:

Anônimo disse...

Vão de boa...com os "ministros"se revesando, ninguém terá coragem de atirar em algum soldado.
Tem gente que foi cinco vezes ao Haiti passear, mas nunca pisou no Rio,,,o haitiano precisa mais que o carioca.

Anônimo disse...

Mandar mais homens para o RJ nada irá resolver,enquanto houver leis que protegem bandidos,dando-lhes "DIREITOS", principalmente se forem de menores,enquanto que nós perdemos o direito à vida.Um menor pode mudar o destino de uma Nação através do voto ,mas não pode responder pelos seus atos que destróem vidas e famílias????Pergunto: Para que mais homens se não podem atirar/matar bandidos? Talvez suas diárias poderão ajudar outros servidores do RJ que estão sem receber seus salários.

Anônimo disse...

Até parece uma missão cansativa, essa dos ministros. Vai de carro luxuoso com motorista até o aeroporto,se tiver alguma solenidade tem coquetel e petiscos, embarca num jatinho da FAB e vai para o extenuante revezamento. No destino, já estão esperando com todas as mordomias, etc, etc, etc. Enquanto isso, os "severinos" no meio do "caldeirão", nos seus alojamentos de luxo e com diárias substanciais e pagas adiantadas(KKK). A cada semana uma lorota, uma versão e uma enrolação. Quanto a equiparação com outras categorias de estado, fica para outro dia, outra equipe fantasiosa. Continuam achando que a maioria é burra e ignorante.

Garivaldino Ferraz disse...


Que coisa triste, não é mesmo Anônimo de 26 Jul 17-10:52 e 27Jul 17-10:00!!
A missão do Haiti está terminando e tu não conseguistes ir nenhuma vez (ou quem sabe querias voltar e não deu?).
Mas não fique só na mágoa! Dá uma estudada, te habilita em algum idioma estrangeiro, pode ser que descoles alguma missão.
Só não fiques demonstrando essa antipatia pelos outros que tiveram melhor sorte. É feio e não é atitude de militar.

Anônimo disse...

Ótimo. Para o Haiti Brasília esvazia. Para a Maré quase ninguém. Quero ver quando for pra África.

Anônimo disse...

Até que eu acreditaria em alguma solução, contanto que esses ministros, durante esse extenuante revezamento, ficassem em uma UPP no meio de uma comunidade problemática. Claro que entrariam e sairiam em carro blindado, tipo caveirão.

Léo disse...

O alto-Comando Está revitalizando,restaurando as sucatas velhas,os tanques Urutus e o Cascavel para adequá-los,se é que é possível, com os recursos mixurucos disponíveis.Enquanto isso, os vencimentos de um Soldado da PM do DF pagam os vencimentos de três Sds reengajados do EB.Os vencimentos de um Cb da mesma PM pagam quatro Sds do EB.Os vencimentos de um Subtenente daquela PM pagam um Sub do EB,mais dois terceiros SGTs.Nenhum General do Exército sente vergonha dessa situação deplorável,não? Nenhum General se sente desprestigiado por comandar um Exército de quase maltrapilhos,na sua maioria endividados,empobrecidos ? Nenhum General se toca por receber-sem as diárias que eles não permitem acesso aos seus subordinados- menos que um Coronel das PMs de vinte e um estados, do arrombado Brasil? Um Major da PM do DF recebe mais que um General do EB.Nenhum General se sente envergonhado com essa situação deplorável,não é? Mais uma vez ,rumo ao RJ.Será que Nenhum General sente vergonha em pagar 2% de um soldo farroupilha ,ao dia de risco de vida trabalhado,aos seus subordinados?Uma Vergonha!!!

Anônimo disse...

Então faça concurso para a PM DF , mas vc vai ter que estudar muito mais para encarar um concurso dificílimo da PMDF , além de ter que fazer uma faculdade antes , é claro !

Anônimo disse...

Quero não , deixo isso pra vcs , super tropas federais kkkk

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics