2 de julho de 2017

Virou moda: mulher invade Palácio do Jaburu e é detida por militares do Exército

Mulher pula cerca e invade Palácio do Jaburu; Temer estava no local com família
Uma mulher "aparentemente embriagada" pulou a cerca de proteção e invadiu a área externa do Palácio do Jaburu na madrugada deste sábado (1) em Brasília. O palácio é a residência oficial da vice-presidência da República, mas é lá que o presidente Michel Temer vive com a família na capital federal.
De acordo com o GSI (Gabinete de Segurança Institucional), a mulher pulou a cerca por volta das 3h com sinais de embriaguez. Militares que fazem a segurança do local atiraram para o alto e depois detiveram a invasora no estacionamento interno do Jaburu, que não teria ficado ferida.
Temer estava com a família no Jaburu na hora do incidente. Na manhã deste sábado, o presidente viajou a São Paulo para encontrar-se com seu advogado e amigo, Antonio Mariz. O objetivo é discutir a estratégia da defesa de Temer no Congresso e no STF.
Segundo o GSI, ela foi identificada, levada para a Superintendência da Polícia Federal em Brasília, assinou um Termo Circunstanciado e foi liberada.
É a segunda invasão a uma das residências oficiais do governo federal em menos de uma semana. Na noite de quarta-feira (28), um adolescente de 15 anos pegou o carro dos pais escondido derrubou o portão de acesso e invadiu o Palácio da Alvorada, residência oficial do presidente da República em Brasília.
Os soldados do Exército que fazem a segurança do local chegaram a atirar contra o veículo, que só parou dentro do palácio após quebrar uma vidraça. O jovem fugiu do veículo e foi localizado pelos seguranças no terceiro pavimento do local. Ele não ficou ferido e foi liberado após assinar um Termo Circunstanciado na delegacia.
No fim de fevereiro, Temer e a família chegaram a se mudar para o Alvorada, mas ficaram pouco mais de uma semana no palácio e decidiram voltar para o Jaburu. Na época, um assessor presidencial disse que Temer "não se adaptou ao local".
O GSI não informou se haverá mudança no protocolo de segurança do local após os incidentes.
UOL/montedo.com

13 comentários:

Anônimo disse...

Tchê. As porteiras desse palácio estão abertas. Quem será o próximo a ter fama por isso ?
Sucesso aos senhores

Anônimo disse...

Por que o Exército é que realiza a segurança e não a polícia federal? Ah, é porque a escala é apertada e só os milicos que podem sofrer com ela!!!

Anônimo disse...

Não era a Dilma?

Anônimo disse...

Olhando de fora, chega-se a conclusão que o povo brasileiro que não presta. Aquela ilusão do brasileiro ser um povo pacífico, mentira! um lugar no mundo que se mata mais que em muitas guerras. Divididos entre coxinhas e mortadelas, sul e norte, negros e brancos, mulheres e homens, ladrão bom e ladrão mau e por ai vai...E o Braço forte contra o povo, mão amiga só para os poderosos, então aparece alguém dizendo que não há saída fora da Constituição...quer dizer que ser bandido está na Carta Magna.

Anônimo disse...

Tá a pampa isso aí em

Anônimo disse...

Parabéns aos militares do Exército que mesmo recebendo o menor vencimento das Carreiras de estado, ainda defente seu chefe maior ! Que Deus permita que aprovem logo a minuta do edital para o Quadro Especial de Oficiais para que os 1o Sgt e Sten sejam honrados em suas casas com aprovação ao CONCURSO INTERNO PARA OFICIAL, tenho um pri.o da FAB que fez faculdade e hoje como 1o Sgt se formou oficial...sendo orgulho para sua familia. Misericordia !!! Nao aguento ser mais praça !!!

Subão 911 disse...

Chorão. Transforma esse choro em melhorias na segurança.

Anônimo disse...

Se vcs citarem as palavras DIGNIDADE e INTERVENÇÃO correm o sério risco de serem censurados.

Anônimo disse...

Com certeza petista cabeça oca.

Anônimo disse...

Comunista ou esquerdista com certeza. Pau na moleira dessa inutil. Deveria ta em casa dormindo e não causando problemas.

Anônimo disse...

https://www.campograndenews.com.br/cidades/capital/militar-do-exercito-acaba-preso-ao-insultar-policiais-em-abordagem

Anônimo disse...

Primeiro, foi um moleque doidão, agora uma mulher bêbada. O próximo deve ser o Lula depois de um porre já pensando que voltou a ser presidente.

Anônimo disse...

Senhores, sem bairrismos ou corporativismos, convenhamos, se um garoto e depois uma mulher conseguem "invadir" a residência oficial do presidente da República, imaginem se o Brasil possuísse grupos terroristas do quilate de um ISIS, por exemplo.

Somos ou não somos amadores?

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics