18 de outubro de 2016

Da série: 'Morro e não vejo tudo!"

Enquanto isso, em algum PC do Brasil...

27 comentários:

Anônimo disse...

Só quer direitos, será que cumpre os deveres ?

Anônimo disse...

Deixa o Subão dormir

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Afinal a reserva é dele

Anônimo disse...

Tá certinho....
Tem sem noção que não respeita a sagrada hora da Tora.
Ass: Morfeu.

Anônimo disse...

Sub contando os pontos para o QAM, deixa ele sossegado.

Anônimo disse...

Papo reto!

Anônimo disse...

Só uma observação: o autor é um Capitão, Cmt Cia.

Cassius Clay disse...

Só a tora revigora

Daniel - MB disse...

Isso não passa de uma brincadeira entre companheiros, vi piores e outras ainda mais criativas!

Anônimo disse...

Todo mundo pensa logo em sub. Mas é capitão...

Anônimo disse...

É a externalização do tratamento humano nas fileiras do EB. Trate seu superior com respeito e seu subordinado com bondade. Ai, estar a prova da demagogia Full

As. O anjo caído

Anônimo disse...

No wathzap esta foto tem assinatura, com carimbo e tudo, e não é de um subão, mas de um Cap Cmt Cia.

Anônimo disse...

Quem falou q esse cara é sub?? Capitão o camarada...

Anônimo disse...

Talvez o militar recolhido a esse PC seja pago para trabalhar a partir das 13:30 e não em tempo integral.

Anônimo disse...

Se o carro dele estiver pegando fogo, a mãe dele vier a óbito ou o cmte do quartel acabou de dar meio expediente, só o avisem às 13:30,isto é um ordem!

Anônimo disse...

Subão estudando para o chqao e contando os pontos.

BRAZ .M disse...

Isso são instruções em tom de brincadeira, mas os recalcados já partem pro conflito.

Anônimo disse...

Isso aí tá mais para "causos" da caserna,pô!

Anônimo disse...

Sbentendo que todos no quartel sabem ler,faltou o seguinte ítem:Se quiser sacanear,ou for o Recruta Zero!

Anônimo disse...

Cap lobinho estundo pra ESAO...

Anônimo disse...

Terceiro Sargento papirando pra sair do caldeirão verde!!Só o Papiro Liberta!!!!!

Anônimo disse...

Brincadeira entre um militar e seus subordinados. Vi acontecer coisas semelhantes em várias unidades. Os páraquedistas costumavam colocar placas de "proibida a entrada de pé preto". Mas hoje em dia tá difícil ser militar. As coisas típicas da caserna estão morrendo, simplesmente porque nós não as alimentamos. Somos burocratas. Um corridão de calça e coturno é sempre questionado, só reclamam de joelho. Estamos virando pilotos de birô mesmo.

Anônimo disse...

Toca nesta porta e verás a brincadeira, Bulli, perdeu perdeu o final de semana, Bulli!!

Anônimo disse...

Netflix,wattsap,Facebook....tudo isso precisa silêncio,concentração

Anônimo disse...

Está escrito. Quem escreve é bom em mexer as mãos.

Anônimo disse...

Falta acrescentar, com prioridade total, a visita da esposa.
Se baseando nessa estória, real ou não, houve um caso em uma unidade hospitalar, onde o médico que, era "caxias" demais, não tolerava que fosse perturbado na hora do almoço, exceto se fosse paciente acidentado grave. Em dia desses, no plantão, hora do almoço, deu entrada na emergência um paciente que não era vítima de acidente mas precisava de uma avaliação médica. Tentaram acioná-lo por telefone, mas como não era "acidentado", ele mandou esperar.Depois que terminou o almoço, se dirigiu à emergência e quando perguntou pelo paciente, este acabara de falecer, e era o pai dele. A equipe de plantão não o conhecia.

Anônimo disse...

Esse mundo tá ficando cada vez mais chato....
O cara tava só deixando um recado sacana pra que não interropam o horário de descanso....nossa famosa hora da Tora.
Realmente tem um monte de sem noção que não respeita o horário de intervalo de almoço das pessoas.


Esse tal de "politicamente correto" tá um saco!!!

Anônimo disse...

Só a tora revigora!

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics