13 de outubro de 2016

Cadete da Aman é assassinado no RJ

Publicação original: 12/10 (13:22)
Atualização: 12/10 (6:30)
Um cadete da Aman foi morto na noite desta terça-feira no bairro Santíssimo, zona oeste do Rio. Aluno do terceiro ano, Willian dos Santos Filho deixava a namorada em casa na estrada dos Sete Riachos, quando o casal foi abordado por três homens armados. O militar tentou fugir, mas teve o carro atingido por vários disparos, vindo a falecer no Hospital Albert Schweitzer, em Realengo.
Segundo informações de familiares, o carro de Willian pode ter sido confundido com o de milicianos que passaram no local no dia anterior.

7 comentários:

Anônimo disse...

Uma vida jovem ceifada precocemente para a bandidagem que corre solta no Rio de Janeiro. Como aquele povo vota mal.

Anônimo disse...

Bandido é que não falta!!! A guerra cívil já começou por aqui!!!

SIDRACK FILHO disse...

Que os DIREITOS HUMANOS deem paz de espírito a esses delinquentes vítimas da sociedade, se sobrar espaço de tempo que mandem um cartão a família do Cadete, falando do erro do Militar em sair a rua.

Amauri disse...

Infelizmente, virou rotina o assassinato de pessoas de bem no Estado do Rio de Janeiro. Se fosse um marginal, os "Direitos dos Manos" estaria cobrando solução do Governo........

Anônimo disse...

Isaías 57:1-2

"O justo perece, e ninguém pondera isso em seu coração; homens piedosos são tirados, e ninguém entende que os justos são tirados para serem poupados do mal. Aqueles que andam retamente entrarão na paz; acharão descanso na morte."

Que Deus conforte os corações da sua família e de seus amigos.
Vá com Deus Wiliam...

Anônimo disse...

Mas um MILITAR vitima da violencia de Milicianos ou PMs. "O poste esta urinando no cachorro"

Comadantes Inertes e praças sem porte de arma.

Anônimo disse...

Quem crer em Jesus Cristo terá a vida eterna.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics