24 de novembro de 2016

É aí que eu me refiro! PF tem 21 vereadores e quer eleger cinco deputados federais

Es aí uma boa resposta aos luminares que passaram a campanha toda comentando aqui no blog que eleger vereadores não contribui em nada para as demandas dos militares,  já que estas são de âmbito federal.

Federação da PF elege 21 agentes em Câmaras de Vereadores
Entidade estabeleceu ainda uma meta política: quer eleger por baixo cinco deputados federais em 2018 para lutar pela categoria nas pautas nacionais

Resultado de imagem para eleições 2016Brasil - Será mais difícil em pelo menos 21 Câmaras de Vereadores os edis enganadores protagonizarem na surdina atos nada ortodoxos. Em suma, haverá olheiros experientes e coldre na cintura.
A Federação Nacional de Policiais Federais elegeu 21 agentes vereadores nestas cidades. O grupo se reuniu ontem pela primeira vez e a entidade estabeleceu ainda uma meta política: quer eleger por baixo cinco deputados federais em 2018 para lutar pela categoria nas pautas nacionais.

Na rota
Para os novos vereadores e a Fenapef, não há “melhor forma de interferir nos projetos de segurança pública e de neutralizar tentativas de desmonte da Polícia Federal”
O DIA/montedo.com

20 comentários:

Anônimo disse...

LIÇÕES NÃO APRENDIDAS. ATÉ QUANDO MEU DEUS !!!!

Pobres alienados, desinformados, obscuros, egoistase invejosos militares das FFAA, sem vis´~ao de futuro. Gente que não faz a diferenaça para o bem geral. Penem !!!!

Cada um no seu quadrado, olhando seus umbigos e em busca de vantagens pessoais.

NUNCA SEREMOS MAIS DO QUE SOMOS.

Anônimo disse...

Se fizer um levantamento no TSE (dá muito trabalho), encontraremos pelo menos uns 200 vereadores das PM pelo Brasil.

Acordem leões de alojamento. Comece apagando a luz do seu alojamento quando sair. Na sua casa Vc apaga.

Fingidores egoistas.

Anônimo disse...

Vote em militar, deixe de ser invejoso. Se tem capacidade, se candidate e não fique puxando o tapete do companheiro.

Anônimo disse...

Pois é Montedo !

Disponibilizamos e temos o trabalho de pesquisar e passar no 0800 em todas as eleições, uma relação dos candidatos das FFAA com antecedência e diariamente, e só vemos gente do mal, egoistas, invejosos comentando e fazendo campanha contra. A maioria é incapaz de divulgar para seus alienados contatos, bem como, nem siquer pedem votos dentro da sua propria casa.

O infernos os aguardam gente do mal.

Anônimo disse...

Uma maioria de alienados, egoistas e invejosos, prejudicam uma minoria de mentes abertas e sintonizados nas necessidades urgentes de uma maioria absoluta.

Anônimo disse...

Eles da PF devem ser muito organizados e possuem um banco de dados e os candidatos devem certamente, se falarem e se articularem para as eleições seguintes.

Inteligencia.

Anônimo disse...

Já sugeri nesse Blog, após as ultimas eleições, que os candidatos eleitos se contactassem, falassem entre si e traçassem planos para elegermos mais deputados federais. Será que estou sonhando ?

O Blog podia fazer uma convocação desses candidatos e solicitar os respectivos ZAPs ou seja fazer o meio de campo (intermediar o dialogo entre eles ), embora tenham sido eleitos sem os votos dos militares em suas cidades.

Pensamento coletivo e união, pois só não chegamos a lugar algum.

Lições não aprendidas.

Anônimo disse...

O descrédito é grande, infelizmente. Em eleições anteriores vi candidaturas de militares serem anulados por diversos problemas. Votei em um e quando fui checar, ele estava inelegível. outros eram só lobos em pele de cordeiro. Mas ainda acredito que as coisas podem e vão melhorar para os candidatos militares. As vezes, os nossos melhores defensores não são militares. Para fazer justiça com os milicos, não precisa ser militar.

Anônimo disse...

"Aqueles que nao se interessam por politica serão governados por aqueles que se interessam"...Tem gente que até se ofende se vc chegar e falar na possibilidade de se unir e votar em um candidato militar.

Anônimo disse...

Parabéns a todos os Oficiais do QAO Exército Brasileiro, pelo dia do Quadro Auxiliar de Oficiais.
O EB se vale de larga experiência dos seus Subtenentes, para qualificar o seu quadro de Oficiais. Uma experiência vitoriosa e gratificantes.
Forte Abraço a todos QAO.

Anônimo disse...

Somos um bandao de alienados!!!

Nada mais.

Ten Inf

Anônimo disse...

Se fôssemos unidos colocariamos 27 deputados federais, 27 estaduais e ainda vereadores. Com uma bancada desta teríamos voz ativa no congresso, mais confiamos que o comando preocupava conosco, aí deu no que deu. Porém não é tarde, vamos transferir nossos títulos e apoiar nossos candidatos, principalmente candidatos praças, porque é a classe que mais está sofrendo no momento. Lembre do exemplo fos QEs, se fosse através do comando seriam 3 sgt até hoje!

Anônimo disse...

Infelizmente, quando os militares das FFAA se derem conta da falta que é ter representantes politicos como interlocutores com o governo e legislativo, já será muito tarde.
O prejuizo em relação as outras carreiras com representantes sindicais, associações e que possuem bancadas politicas já e gritante.

Anônimo disse...

Enquanto a gente ficar votando no Bolsonaro é sua família, nunca conseguiremos eleger mais companheiros...
Nunca mais voto nele!!!

Anônimo disse...

Nesse caldeirão do inferno, milico não elege milico...

Léo disse...

E nós , das Forças Armadas, sequer atualizamos os nossos títulos eleitorais para votarmos.E, o que é pior ainda, quando um de nós tenta se eleger, a qualquer cargo político, é alijado pelos outros.Consequência? Não termos absolutamente nenhuma resposta positiva com relação ao principal: Os nossos vencimentos ridículos.

Anônimo disse...

Pelo visto só tem combatente comentando, começando pelo Montedo.
Vamos lá, bem calmamente, para vocês entenderem:
Polícia Federal, polícias militares, políciais civis, bombeiros militares, QUAL A INTERSEÇÃO ENTRE ESTES CONJUNTOS? TODOS POSSUEM ASSOCIAÇÕES DE CLASSE-PELAMORDEDEUS- não é tão dificil de entender o porquê de seus interesses convergirem em uníssono! Pronto, começou a tremedeira! Vá-te-retro! Como está, não mudará nada, a classe é desunida e "inconscientemente se mantêm assim, bovinamente"!
Vai ter vários pensadores do zap zap discordando, mas venham com argumentos convincentes e rebatam a premissa inicial.

Anônimo disse...

Os militares por formação, são orientados a não se envolverem na política. São regulamentos ultrapassados, que na ótica de hoje, ferem direitos do cidadão. Tudo é proibido e tudo tem que ter a permissão de um mais graduado. Felizmente hoje, temos mais facilidades de informação e aprendemos que a política, por mais chata que seja, será ela que vai dar rumo ao futuro do país. Só temos que decidir qual rumo queremos: deixar que usurpadores tomem conta do cofre da Nação e do futuro de seus filhos ou pessoas capazes sejam colocadas no poder e coloquem as coisas nos eixos.

Anônimo disse...

É preciso que todos:
- transfiram seus titulos e de seus familiares;
- que exijam de todos os seus dependentes diretos que votem em candidatos das FFAA;
- se empenhar no boca a boca com alienados da ativa, inativos e pensionistas;
- ampla divulgação dos candidatos por e-mails, e redes sociais;
- que deixem de ser invejosos, pois qualquer que seja o militar, ele será mais util que o joãozinho da sua cidade, afinal ele será militar a vida toda e sempre receberá essa esmola;
- Etc ...

Vida que segue ... quem viver verá.

Rogério da Silva Gomes - 1ª Sgt disse...

As Policias Militares que tem hoje salários maiores que o das Forças Armadas e mantiveram seus direitos como por exemplo: Triênios, licença especial e promoção ao ir para a reserva, são Instituições que possuem representantes Praças. O salário inicial de um Sodado do Distrito Federal é de mais de R$ 7.000. O salário de um Soldado da Polícia militar de Minas Gerais é superior a R$ 4.000,00, contra R$ 3.000,00 de um 3º Sargento, (3º Sargento) das Forças Armadas, sem citar o tempo de promoção deles ( interstício). Temos que ter vergonha e tomar coragem, pois é humilhante a situação dos Militares das Forças Armadas. Aqui no Rio de Janeiro, um Coronel da Polícia Militar, se aposenta com 48, 50 anos de idade e 30 anos de serviço, ganhando um salário de R$ 24.000,00, muito mais que um General de Exército que se aposenta com mais de 40 anos de serviço e 60 anos de idade. É triste, mas é a realidade.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics