9 de março de 2015

Compra dos caças sob suspeita: MP investiga favorecimento à empresa que empregou parentes de oficiais da FAB.

FORNECEDOR ÚNICO DE COMPONENTES
MP INVESTIGA FAVORECIMENTO NA COMPRA DOS CAÇAS
CONCORRENTES TIVERAM O MESMO FORNECEDOR, QUE DÁ EMPREGOS A PESSOAS LIGADAS À FAB
A concorrência entre Dassault, Boeing e Saab pelo contrato de US$ 4,5 bilhões para vender à Aeronáutica brasileira 36 aviões-caça virou alvo de investigação do Ministério Público. Segundo parecer do MP, o fato mais preocupante sobre a compra bilionária é o envolvimento da fabricante de componentes aeronáuticos AEL Sistemas, com sede em Israel e filial no Brasil. Curiosamente as três empresas que disputavam o contrato escolheram a AEL como a fornecedora dos componentes.

NEPOTISMO
O parecer do MP aponta que parentes de integrantes da Aeronáutica foram escolhidos para trabalhar na filial da AEL Sistemas no Brasil.

‘LUIZINHO’
A Polícia Federal investiga a contratação pela AEL Sistemas no Brasil de um cunhado do ex-comandante da Aeronáutica Juniti Saito.

FILHO DO CHEFE
O departamento de Inteligência da PF apura contratação de um jovem, “Gilberto”, que também teria parente de alto escalão da Aeronáutica.

FATURAMENTO MÁGICO
Outro indicativo é o faturamento da AEL Sistemas no Brasil: R$ 300 mil em 2003. Mas em 2011 já havia saltado para R$ 54 milhões.
DIÁRIO do PODER/montedo.com

11 comentários:

Anônimo disse...

A matéria poderia dizer se existe outra empresa no Brasil que possa fazer o mesmo serviço.

Anônimo disse...

E vamos que vamos. Enquanto isso no andar de baixo: escala de serviço de 24 por 24, catanho de banana e mariola com pão, almoço com carne de monstro, falta de PNR, falta de médicos nas OMS de saúde, salário aviltante, etc. Honestidade, espírito de corpo, pundonor, moral, camaradagem? Que nada. Farinha pouca meu pirão primeiro. Isso é uma vergonha.

Anônimo disse...

E vamos que vamos. Enquanto isso no andar de baixo: escala de serviço de 24 por 24, catanho de banana e mariola com pão, almoço com carne de monstro, falta de PNR, falta de médicos nas OMS de saúde, salário aviltante, etc. Honestidade, espírito de corpo, pundonor, moral, camaradagem? Que nada. Farinha pouca meu pirão primeiro. Isso é uma vergonha.

Anônimo disse...

Será? A PF e MP não fazem "pegadinhas". Se for confirmado, desde a escolha antecipada dos Rafales, por Lula,os interesses particulares acima dos interesses da nação estão destruindo a tão honradez dos meios militares.Vergonhoso.

Anônimo disse...

E tocou o "barata-voa" na FAB !

Anônimo disse...

Colocação de parentes dentro é coisa antiga e que acontece a tempos...
Veja os sgts e oficiais temporarios, a maioria tem pexada dentro para entrar...

Anônimo disse...

Cadê o "NINJA"? Será por isso que ele só sorria e balançava a cabeça?

Anônimo disse...

Desvio de conduta de alguns militares da FAB,nem por isso devemos concluir que a Instituição seja corrupta. Isso acaba com a nossa ideia de que só os políticos(e de preferência petista) são corruptos.

Anônimo disse...

Todos sabem que grande parte das empresas que "ganham" licitação para fornecer ao EB, por exemplo, tem parentes de militares empregados ou, em alguns casos, os proprietários - de fato - dessas empresas são militares do "alto escalão".

Talvez não tenha muito a ver com o assunto, mas isso me lembra quando era aluno no Rio de Janeiro. Nos idos dos anos 1990 somente uma pizzaria era autorizada a fazer entregas nas escolas militares e quartéis de lá. Adivinhem por que?? Era de propriedade de parentes do então Comandante da DE. A justificativa oficial era que "essa pizzaria já era conhecida e era mais confiável". Ah, tá. Entendi.

Anônimo disse...

Brasil está um "caldeirão" só de corrupção. Será que não tem uma única compra com concorrência que não esteja contaminada? dese jeito a única coisa que aumenta é a miséria.

Anônimo disse...

E no que deu a investigação sobre a venda de mansões em Brasília para os "estrelados", exclusivo, feito pela POUPEX a precinhos camaradas e com todas as facilidades negadas aos demais contribuintes da instituição? E na POUPEX, já resolveram os casos dos funcionários indicados? Nas formaturas ouvimos rosnados,fora delas, ouvimos ronronados bajuladores.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics