7 de março de 2015

'Amazônia é prioridade número um', diz comandante do Exército.

Em Manaus, general Villas Bôas destacou principais desafios de gestão.
Projeto do Sinsfron foi destacado por comandante do Exército.
General Villas Bôas assumiu o comando do Exército brasileiro em janeiro (Foto: Jamile Alves/G1 AM)
General Villas Bôas assumiu o comando do Exército brasileiro em janeiro (Foto: Jamile Alves/G1 AM)
Jamile Alves
Do G1 AM
A Amazônia é a prioridade estratégica número um do Exército Brasileiro. Foi o que garantiu o general Eduardo Dias Villas Bôas, que assumiu o comando das Forças Armadas em janeiro deste ano. Durante visita à sede da Rede Amazônica, nesta quinta-feira (5), ele apontou a qualidade da internet e o acesso terrestre por rodovias como os principais desafios para a atuação militar na região.
O general chegou ao Amazonas nesta terça-feira (3). Ele acompanhou a visita do ministro da defesa, Jaques Wagner, por São Gabriel da Cachoeira (município a 852 km de Manaus) e ao Pelotão de Fonteira instalado na Aldeia Yanomami de Maturacá.
Segundo o general Villas Bôas, o Exército deve manter suas prioridades voltadas à região amazônica. "O Exército vai continuar olhando para esta região a partir do estabelecimento de que a Amazônia é a prioridade número um. Isso foi estabelecido na estratégica nacional de defesa e a prioridade continua. Até por isso ocorreu a visita do ministro, para que ele tenha uma percepção das peculiaridades da Amazônia e das demandas que a região exige", disse.
De acordo com ele, alguns projetos específicos para a região devem receber ênfase. O principal deles, conforme Villas Bôas, é o Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteira (Sisfron), que é um sistema integrado de sensoriamento, apoio à decisão e de emprego operacional, com o foco em fortalecer a presença e a capacidade de ação do Estado na faixa de fronteira.
A implantação do Sisfrom na Amazônia está prevista para 2016, segundo o general. "O Sistema busca incorporar tecnologias para aumentar a capacidade de vigilância e monitoramento da fronteira. Pretendemos também melhorar as infraestruturas básicas das nossas unidades, principalmente as unidades de fronteira na parte de infraestrutura, comunicações, transporte e a parte de saneamento básico", completou.
O general informou ainda que a tecnologia deve auxiliar no combate ao narcotráfico. "Diante do gigantismo das fronteiras no Brasil - ao todo 17 mil km, sendo 11 mil km de fronteira na Amazônia -, houve um entendimento de que somente com tecnologia avançada nós teríamos capacidade de ter uma atuação efetiva", informou ele ao ressaltar a implantação experimental do sistema em Mato Grosso.
O general Villas Bôas apontou ainda os principais desafios a serem vencidos na região. "A internet ainda é uma dificuldade muito grande que o Exército tem nessa região. Por exemplo, nós temos um grande projeto de ensino a distância para as fronteiros e o gargalo realmente é a transmissão de dados, que é limitada. Além disso há a dificuldade de locamoção e então percebemos a real importância do que seria a BR-319 para a Amazônia não só para o desenvolvimento, mas também do ponto de vista estratégico e da defesa", pontuou.
Para melhorar a transmissão de dados de internet pela região amazônica, o general destacou a implantação do projeto "Amazônica Conectada", que constitui o lançamento de cabos subaquáticos ao longo das principais calhas dos rios para garantir a conexão de transmissão de dados mairo potência. O projeto deve começar a ser implantado ainda em abril.
G1/montedo.com

28 comentários:

Anônimo disse...

ENTREI NO EB NOS IDOS DE 1960, E ESTE DISCURSO SOBRE A AMAZONIA JÁ ERA VELHO. TUDO IGUAL A DANTES NO QUARTEL DE ABRANTES. NADA ESPERAR DE QUEM NADA TEM PARA DAR. DESCULPEM, ESQUECI O GUARDA-CHUVA.

Anônimo disse...

O pagamento dos direitos trabalhistas (quinquênio, insalubridade, adicional noturno, horas extras) também são prioridades. Isonomia já!

Anônimo disse...

Prioridade, sim. Do jeito que o governo trata as nossas riquezas, só vai ter ela. Mas estão devastando, queimando e nada de concreto para estancar isso. Traficantes, guerrilheiros, entidades "religiosas" estrangeiras e ONG's já estão por lá. Me digam apenas uma,quero só uma, das milionárias multas aplicadas aos madeireiros ou fazendeiros que foi paga? Houve reflorestamento? A área devastada tem algum plano de recuperação? Se alguém pagou, onde está o dinheiro? A natureza reage como estamos vendo: enchentes históricas, secas,tempestades.Só falta nevar.

Anônimo disse...

O Exército tem que fazer "milagres" para exercer a soberania na região. Estamos no mundo globalizado, que para mim não é muita vantagem se não for país rico,e não dispomos de comunicação eficiente via satélite?O governo central é que não está muito interessado em dar apoio e salário adequado. Para eles, quanto mais necessidade tiver, mais dinheiro será liberado sem fiscalização.

Anônimo disse...

Prioridadde é mão amiga dentro de casa e braço forte fora.

Prioridade é a construção de PNR, que consomem 30, 40, 50% do vencimento líquido do militar e tem GU com 10 PNR a mais de 40 anos para um universo de 110 ST/Sgt.

Prioridade é a votação da MP do Mal ou uuma LRM nova. Pois não estamos lutando por novos direitos, mas sim querendo os velhos direitos de volta.

A tal MP do Mal (LRM ) pode se chamar também como MP dos demônios. No grupo de Estudo da dita cuja, só tinha militares cm mais de 30 anos de Sv e com os anuênios, posto acima garantidos. E baixou o sarrafo para umuitos aos 44 Min do 2º tempo.

Perdemos o posto acima em 28 Dez 00 e em 2002, o Cmt da Força aumentou o intersticios em 50%. Ou seja duas pauladas no lombo.

O Montedo já postou no Blog, o Noticiario do Exercito de 1999, antes da publicação da tal MP do Mal, no qual dizia que os direitos seriam assegurados, mas não foi. No rodapé do tal NE estava escrito: INFORMAR E ESCLARECER É DEVER DE COMANDO. kkkk

Informo: A SITUAÇÃO DOS MILITARES ESTÁ FEIA.

O tal reajuste de março, parcelado em 3 veses serviu pra quê ?????

E o reajuste anterior de 2008, parcelado em 6 vezes serviu pra quê ???

Assinado,

Um Severino.

Anônimo disse...

E o reajuste de março próximo ! Serve pra quê ? Já era a inflação comeu tudo.

Anônimo disse...

Quem dá prioridade para os militares e mesmo assim foram sacaneados pelos alienados nas últimas eleições, são:
- Sra Ivome;
- Sra Kelma;
- Sgt Genivaldo
- Sra Mírian

http://www.amarpfa.com/

Esse pessoal do vídeo abaixo estão correndo atrás mesmo sem o mandato que negamos a eles.

http://www.militaresbrasil.com/2015/03/04032015-mp-22152001-para-ser-colocado.html

Cadê a nossa bancada militar ?

Qual o seu papel nisso ?

pediu votos em casa ?

pediu votos para os conhecidos e parentes ?

Divulgou por e-mail, face, zap zap a relação dos candodatos militares disponibilizada a todos 60 dias antes das eleições ?

Fez o que de útil ?

Ai como sempre, ficam reclamando os próximos 4 anos e fazem tudo de novo nas proximas eleições. Votam no pedrinho da esquina, mas não no militar.

Cadê a nossa representação política ?

3º Sgt QE R/1 PERIVALDO disse...

Sr Montedo - Hoje é dia do Fuzileiro Naval. Cadê a matéria alusiva ao dia??

Eles merecem uma homenagem em seu blog

Sargento Perivaldo disse...

a prioridade é proteger o país desses que estão nos levando à falência pelos motivos que o mundo todo já sabe... até os Ets.

Chapa Fria - Natal disse...

E as evasões Cmt não é sua prioridade não? E as condições morais de seus subordinados cumprirem seus compromissos não é sua prioridade não Cmt? Aquele na briga pelo direitos de seus subordinados não tem o direito de comandar!!!!

Anônimo disse...

É O MAIS DO MESMO.

EU DISSE ISTO AQUI MESMO NESTE ESPAÇO.

ESTE GEN ESTÁ AI PARA FAZER O MESMO PAPEL QUE SEU ANTECESSOR. OU SEJA, NÃO FAZER NADA E AINDA DESFILAR POR AI BRINCANDO DE SOLDADINHO COM AQUELA CENA PETETICA DO JW DE JIM DAS SELVAS.

INFELIZMENTE, NOSSOS GEN JÁ NÃO SÃO O MESMO.

ENQUANTO ISTO, SO A TROPA SOFRE E A SOCIEDADE QUE UM DIA VAI PAGAR PELA FALTA DE UM EXÉRCITO FORTE E EFICIENTE, GRAÇAS AO MEDO E A COMPLACÊNCIA DO ESCALÃO SUPERIOR.

SELVA...

Anônimo disse...

Errou General. Essa prioridade pode ser sua, não é a do Exército Brasileiro. Uma vez que o Exército Brasileiro é formado por militares que o integram, seres humanos, a prioridade desses militares como um todo é a prioridade do Exército Brasileiro. O senhor observou sua tropa na realidade antes de identificar uma prioridade? Para que servem tantos cursos feitos por nossos comandantes se não se mostram capazes de identificar problemas que até um soldado EV com alguns meses de serviço consegue ver?

Anônimo disse...

Blá, blá, blá. E a tropa continua sangrando.

Anônimo disse...

Gen Vilas Boas assumiu o comando da Força faz tempo suficiente para ter dirigido a seus comandados, mas ainda não o fez!!! FAto: ele não tem absolutamente nada para falar à tropa, nada que a tropa deseja ouvir e que faria alguma diferença no aspecto motivacional.

Anônimo disse...

Senhores, na minha pequena experiência de EB, os únicos sistemas que funcionam nos quartéis, ao contrário dos SIVAM e SISFRON da vida, são o "SIFU" e "SIVIRE". Os demais só servem para justificar a criação de comissões e grupos de trabalho, assim como dar uma atividadezinha a quem não tem e não quer ter o que fazer!

Ponto final.

Anônimo disse...

Anônimo de 12:45 disse tudo!

Anônimo disse...

Novas moscas no nosso panorama.

Anônimo disse...

O novo comandante do Exército merece confiança, pois serviu na Amazônia por diversas vezes, ele sabe o que fala. A esperança é a última a morrer. Brasil acima de tudo e abaixo de Deus!!

Anônimo disse...

Mais do mesmo. Quando valorizarão o maerial humano.

Anônimo disse...

Este senhor não passa de mais uma laranja podre do sistemas não existe mais caudilhos, se ele fosse daqueles pelos duros que nasceram nos pagos primeiro ato dele seria pega todos que estão nos quadros de acesso e promove do primeiro ao ultimo e reduz este interstício longo das praças e trazia a tropa para seu lado, mas tem um idiota que via dizer não existem vagas para todos general, eu disse se ele fosse pelo duro e caudilho diria aqui quem manda sou eu o presidente e seus cupinchas que paguem a conta se ele não sabe como fazer eu tiro ele de lá e mostro como se faz, e não estaria com discursinho ridículo politicamente correto pois foi isso que matou o exercito, como isso não vai acontecer, a não ser em livrinho de estorinha, será em breve mais um indo para uma boquinha na petrobras da vida.
dizia um antigo praça o último que sair apaga a luz e joga a chave fora deste mato não sai mais coelho este coitado ja esta dominado pelo sistema.

Anônimo disse...

Achei que era eu a prioridade número um.... Falaram esses dias que eu era um "Talento Humano"... rssss
Faltaram com a verdade de novo...

Ten REIS disse...

Resolver a questão da Amazônia não é tão difícil...basta vontade política e um pouquinho de estudo por parte do Alto-Comando. As capitais dos Estados estão abarrotadas de Unidades militares pra que? relocar algumas dessas OM que estão nas capitais para a Amazônia e fazer a Força realmente exercer sua função constitucional já ajudaria bastante. Dinheiro para isso tem, mas falta vontade de ambas as partes.

Anônimo disse...

E QUEM SERVE NA AMAZONIA SABE A BOCADA QUE É SERVIR EM UM LUGAR ABANDONADO PELAS AUTORIDADES BRASILEIRAS, FALTA PNR, PARA OS MILITARES( PRINCIPALMENTE OS PRACINHAS) QUE TÊM QUE PAGAR ALUGUEIS CARÍSSIMOS EM ÁREAS INÓSPITAS E INSALUBRES, FALTA ATENDIMENTO MÉDICO ADEQUADO, QUAL MÉDICO QUER SERVIR EM UM LOCAL QUE FALTA ATÉ PENICILINA?, FALTA EDUCAÇÃO PARA OS FILHOS, ATRASO DA EDUCAÇÃO EM ATÉ 3 ANOS DA VIDA ESCOLAR, FALTA BOM SENSO DAS AUTORIDADES MILITARES COM SEUS SUBORDINADOS, PORÉM, SOBRA DESVIOS DE RECURSOS, SOBRA MISSÕES BOCA PODRE, PARA AQUELES PRACINHAS QUE SE ATREVEM A SERVIR NA FRONTEIRA ONDE NÃO SE TÊM EQUIPAMENTO EM CONDIÇÕES DE CUMPRIR MISSÃO E SOBRA VERGONHA NA CARA DE NOSSOS COMANDANTES QUE SABEM A SITUAÇÃO CALAMITOSA QUE VIVE A FAMÍLIA MILITAR EM ÁREA DE FRONTEIRA E NADA FAZEM PARA AO MENOS AMENIZAR A SITUAÇÃO, PORÉM, RESTA AO MENOS A GARANTIA DE ACRÉSCIMO DE 8 MESES A CADA DOIS ANOS SERVINDO EM ÁREA DE FRONTEIRA, PARA AQUELE QUE DESEJA IR PARA A RESERVA REMUNERADA TRABALHAR; PARA AO MENOS FORNECER UMA CONDIÇÃO DE VELHICE DIGNA PARA ELE E AQUELES QUE O AMAM, POIS, ESTAMOS ABANDONADOS PELA INSTITUIÇÃO E PELA PÁTRIA.

Anônimo disse...

O Tio Sam está morrendo de rir desta piada.
Tem um montão destes aí que, quando o bicho pegar, vão correndo vestir o pijama.

Anônimo disse...

Olhem, eu já tive uma experiência do excelente apoio dos que vão servir em algum destacamento perdido na fronteira norte. Primeiro, antes da viagem, só saiu uma grana adiantada para deixar para a família porque fui empentelhar o chefe e só saí de lá quando consegui algum. O cara ainda me perguntou para que eu queria dinheiro para comprar e levar remédios? Imagine! Depois o inesquecível: passei Natal e Ano novo com a maravilhosa ceia de biscoito Maria e Q-suco. Isso só foi possível porque padres da missão indígena forneceram a deliciosa refeição. Os nossos chefes nem mensagem de Natal e Ano novo mandaram.E, para fechar com medalha de ouro,aparece outro chefão passeando e ganhando diária e quando viu que a munição do local estava quase no limite da validade,coisa que le já sabia, queria levar tudo com ele e deixar o destacamento sem nada. Ainda bem que o subão, chefe,explicou que isso não poderia. Imaginem um cara desse como Ministro.

Anônimo disse...

Talvez a melhor solução seja compartilhar essa região com outras nações. Com certeza os militares para lá designados receberão tratamento de qualidade e igualitário.

Anônimo disse...

O que me dá inveja mesmo é essa farda do general. Novinha, gola engomada, dupla, ou com intertela, sei lá como se chama. Pois eu, como simples sargento, sou cobrado para andar bem aprumado, mas só posso comprar farda nova a cada três anos e mesmo assim - tenho de admitir - dou uma "furtadinha" nesse auxílio fardamento e "desvio" parte dele para quitar umas dividazinhas. Aí não sobra muita coisa.

Também, imagina o auxílio fardamento de general!

Queria saber de quem foi a idéia brilhante de atrelar esse auxílio ao soldo. Os oficiais compram a mesma gandola que eu compro!

Deveria existir gandola de oficial e gandola de praça, esta mais simples e barata que aquela. Assim, essa "indexação" do auxílio fardamento ao soldo seria JUSTA, CORRETA e MORAL!!!

Anônimo disse...

PRIORIDADES? Sim prioridade no EB é General visitar quartéis longe pra ganhar diárias. E Nós "SÓ SE FOR DANCE" com faxinas nos finais de semana e treinamento para a formatura. RIDÍCULO !!! Pensam que todos são bobos !

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics