9 de dezembro de 2016

Major do Exército morre em acidente no interior do Ceará

Publicação original: 8/12 (12:32)
Major do Exército morre em acidente na Serra do Facão, em Boa Viagem
O militar perdeu o controle do veículo e saiu da pista. Esposa e filho da vítima saíram ilesos do acidente

Boa Viagem (CE)  - O major do Exército Brasileiro, Domingos Sávio Silva Costa, morreu após capotamento no km 170 da BR-020, na Serra do Facão, em Boa Viagem, interior do Ceará, no início da tarde desta quarta-feira, 7. O militar perdeu o controle do veículo e saiu da pista. Outras quatro pessoas estavam no carro, entre elas a esposa e o filho de cinco anos da vítima.
De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a esposa do militar, Rita de Cássia Rufino Costa, e o filho do casal saíram ilesos do acidente. Duas ocupantes do veículo tiveram fraturas nos membros inferiores e foram socorridas ao hospital.
O POVO online/montedo.com


9 comentários:

Anderson disse...

Maj Sávio daqui do CMF, militar competente, educado, humilde e excelente pai de família! Uma grande perda! Que Deus e a bondosa corrente espiritual amparem a família e ele que agora está no plano verdadeiro, o plano espiritual.
1º Sgt Art Cabrera

Anderson disse...

Maj Sávio daqui do CMF. Militar educado, competente e humilde, excelente pai de família! Grande perda pra todos! Que Deus e a bondosa corrente espiritual apoiem ele e sua família. Ele está vivo no plano espiritual agora, sendo tratado e recuperando a consciência, quando ver que a vida não acabou ficará alegre e feliz.

Anônimo disse...

Tiago IV: Diz: "vocês são como neblina que aparece por um pouco de tempo e depois se dissipa". Deus conforte os corações dos familiares deste irmão de farda. A vida é muito breve, como esta escrito na palavra sagrada. Até 1998 eu era um cidadão que só pensava em juntar grana, materialista ao extremo e não ajudava ninguém. Eu olhava o subordinado por cima do ombro, me achava o cara. Lembro que um militar estava com doença na família e os soldados fizeram uma lista de ajuda. Eu na época recém tinha recebido auxilio fardamento e neguei R$ 1.00 (um real). Passado um mês recebi diagnóstico de câncer de próstata. Lutei e me salvei, porém mudei e hoje sou outra pessoa. Não ligo mais para aparência, ajudo o próximo, não ostento mais e sou muito feliz. Final de ano, momento de reflexão. Estamos todos embarcados em um trem, não sabemos o dia e hora que vamos descer para vida eterna, ou seja onde é nosso final de linha. Viva o presente, o passado já se foi e o futuro não sabemos. A vida é assim imagino este irmão de farda quantos planos tinha junto com sua família para o final do ano e de repente tudo interrompido. Vamos fazer uma reflexão. Porque e para que estou nesta terra? Que o Pai celestial receba este irmão de braços abertos que pelos comentários citado era uma pessoa nota 10.

Anônimo disse...

Deus em suas infinitas bondade e misericórdia o ampare a a família.
Vá em paz, fiquem em paz.

Carlos da Silva Lopes Lopes disse...

Lamentável.

Anônimo disse...

Descanse na Paz e Luz de nosso Criador, grande irmão.

Anônimo disse...

Hoje vivo o contrário. Minha esposa está com depressão. Tentou suicídio uma vez contra si é outra contra meus dois filhos. Tudo sem sucesso. Meus Cmg e Subcomandante me negaram ajuda. Mandaram que eu fosse ao psiquiatra mais antigo da guarnição e comprovaram que eu não mentia. Os companheiros diziam que eu era um golpista mas nunca viam na minha casa. O que o homem plantar isso colherá. Aman, Esceme, esa ou qualquer outra coisa não te faz melhor. Os regulamentos são frios. Ajude, ajude. Morei em Alegrete e muitos suicídios que vi ali foram por falta de um ombro amigo e por excessos de críticas e humilhações.

Anônimo disse...

Amigo, no nosso ambiente predomina o mal, a inveja, o egoismo, o meu pirão primeiro. Como tem gente ruim. Ore muito ao sair de casa e ao entrar na OM, ore dentro do carro antes de ir para o alojamneto, todos os dias.

Feliz Natal.

Anônimo disse...

Acontecem muitos suicidos no EB, mas não tomamos conhecimento e nem a imprensa. A maioria dos militares são frouxos e não comentam oque acontece nas OM que servem. Uns bundões, pois pra sacanear os colegas ai sim.

Qual o problema se o medroso, dizer aqui, que houve um suicidio ou acidente com arma ou viatura ?

Frouxidão total. Que vergonha.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics