8 de dezembro de 2016

Planalto altera PEC da reforma da Previdência para beneficiar militares, diz jornal

Manobra
Segundo a Folha de S.Paulo, medida foi tomada após pressões dos ministros Raul Jungmann (Defesa) e Sergio Westphalen Etchegoyen (Gabinete de Segurança Institucional)
O projeto de reforma da Previdência, divulgado pelo governo federal à imprensa na terça-feira, é diferente do texto protocolado na Câmara dos Deputados. Segundo o jornal Folha de S.Paulo, a proposta de emenda à Constituição (PEC) teve pontos alterados em benefício de militares, policiais militares e bombeiros, permitindo que membros das Forças Armadas acumulem aposentadorias e pensões, direito que não poderá ser adquirido pelo restante da população caso a reforma seja aprovada.
De acordo com a publicação, o governo Temer fez as mudanças em resposta às pressões dos ministros Raul Jungmann (Defesa) e Sergio Westphalen Etchegoyen (Gabinete de Segurança Institucional). A alteração também deixa policiais militares e bombeiros fora das novas regras de acesso à aposentadoria.

Decisão em tempo recorde
No início da tarde desta quarta-feira, o deputado Alceu Moreira (PMDB-RS) afirmou que protocolará seu parecer pela admissibilidade da PEC da reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara horas depois de ser confirmado como relator da matéria no colegiado.
Segundo Moreira, a proposta não fere nenhuma cláusula pétrea da Constituição Federal, na medida em que não mexerá em direitos adquiridos.
— Sou The Flash — disse o peemedebista, em referência ao super-herói dos quadrinhos que possui poder de se mover em velocidade ultra rápida.
O parlamentar previu ainda que vai ler seu parecer na CCJ somente na próxima semana. A previsão do deputado é que o texto será aprovado na comissão antes do início do recesso parlamentar de fim de ano, que começa no dia 23 de dezembro.
Zero Hora/montedo.com

11 comentários:

Anônimo disse...

Jornaleco e reporterzinho de esquerda fazendo guerra de contra informação, e as FA que deveriam ser expert em inteligência tomando de goleada.

Anônimo disse...

Bom dia ! Montedo ! No texto que o deputado Alceu Moreira (PMDB-RS)pretende enviar a câmara por acaso está previsto a inclusão do auxilio moradia entre outros ?

Anônimo disse...

O g1 noticiou isso aí se os senhores forem nos comentários vão ficar perplexos com as respostas dos paisanos, metendo o pau nos milicos! A midia traz as informações de uma forma que dissemina o ódio na população impressionante!!!

Anônimo disse...

Sou idiota,bobão, burrinho, acredito que nossos chefes, hhhuuummm, iram mostrar a verdade, q pagamos ate morrer, nada é de graça, q alguns estão ate pagando para trabalhar pois muita despesas são pagas com o salario da esposa ou com trabalho em algum bico.
Assim q nossos chefes, hhhuuummm, fizerem este esclarecimento, hhhuuummm, mostrando a vida real, ................
Acordei, estava sonhando, suift suift

Anônimo disse...

Agora todos vão pensar que o governo beneficiou os militares. Repórter irresponsável que não procura se informar direito das coisas.Os civis vão jogar "pedras" nos militares mas esquecem das mazelas que eles são obrigados a resolver para que tenhamos ordem. A "ciranda" é a mesma de sempre, toda vez que alguma "pedra" não cai na cabeça dos militares.Os civis vão se mobilizar e vai acabar sobrando só para os milicos. Esse Brasil "calhambeque", que só funciona no tranco. Depois do cofre arrombado é que tentam colocar uma tranca e querem mais dinheiro para jogar fora.Quem não fez a administração correta, que pague e devolva o que levou.

Anônimo disse...

A FARSA: O DÉFICIT NO REGIME DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DOS MILITARES DAS FORÇAS ARMADAS - http://www.ternuma.com.br/index.php/art/3052-o-deficit-no-regime-de-previdencia-social-dos-militares-das-forcas-armadas-synesio-scofano-fernandes-07-07-2016

Anônimo disse...

Esse governo é uma comédia... Além de botar os civis para contribuir por quase 50 anos, eles querem jogar a população contra a gente...
Eles estão enganados, achando que a gente vai defender eles em caso de algum levante popular...

Anônimo disse...

Imprensa sempre jogando contra a gente...que novidade! Esses caras sobreviveram 30 anos apenas criticando as FA! Seção de comunicação social das FA só serve pra propagar aqueles embustes baratos em noticiários e revistas que se vc olhar de primeira, pensa que tudo ta funcionando!

Anônimo disse...

Logo um jornal petralha...não me impressiona.

Anônimo disse...

Essa Folha de Sao Paulo é o Extra aqui no Rio...sem notícias começa a divulgar qq coisa q faça essa porcaria de Jornalzinho vender...o repórter de início de carreira deve ganhar míseros 2 mil no maximo por mes e fica com raivinha publicando mrntirinhas pq nao teve e nao tem disposicao pra vestir uma farda.

Landorei disse...

Opa! Será que teremos um regime previdenciário? Do jeito que é, não temos nada a ver com Previdência! Agora vejamos o que deve ser incluído no nosso novo regime: promoções para militares profissionais (que passaram em concurso) até a idade máxima permitida; horas extras; insalubridade; periculosidade; auxílio moradia (inclusiva para quem está na reserva, pois jogador de futsal,vôlei,basquete,que estão na reserva também recebem "bicho"),isenção de imposto de renda(já que recebemos do tesouro, não temos que devolver,isso é abaixar os proventos) e o principal FGTS, queremos esse fundo que poderia nos dá uma moradia própria no final da carreira; já que juramos morrer pela Pátria, que continuemos a ficar sem aposentadoria, fiquemos na reserva mesmo. Antes que me esqueça: Cadê meu Adicional de Inatividade que escafederam-no sem ao menos justificar esse assalto por escrito? Eu já recebia o A.Inatividade e nos roubaram na cara de pau.Era comida dos meus filhos! (Continuam tentando matar mosca em cabeça de onça com um tapa)!Obrigado!

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics