10 de dezembro de 2016

Temer decreta uso das Forças Armadas em Pernambuco

Estado enfrenta crise de segurança pública que envolve cabos e soldados, que ameaçam entrar em greve
EVANDRO ÉBOLI
BRASÍLIA - O presidente Michel Temer ordenou em decreto publicado nesta sexta-feira as operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) em Pernambuco, que enfrenta uma crise de segurança pública que envolve cabos e soldados, que ameaçam entrar em greve. A GLO concede poder de polícia aos militares que serão enviados para o local do conflito. O ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmou que 2,5 mil homens seguirão até o final deste sábado para Recife. A GLO é utilizada em graves situações de perturbação da ordem. As Forças Armadas atuam também para preservar a integridade da população.
O presidente da Associação dos Cabos e Soldados de Pernambuco (ACS-PE), Alberisson Carlos, e o vice da associação, Nadelson Leite, foram presos em flagrante nesta sexta-feira por descumprirem ordem judicial que proibia bombeiros e policiais militares de se reunirem para discutir greve. A prisão aconteceu na Praça do Derby, na região central do Recife, durante discurso do presidente em um trio elétrico no local. Após se reunirem na Praça do Derby, os militares seguiram caminhando em direção ao Palácio do Campo das Princesas, sede do governo do estado. O ato diante do palácio foi encerrado por volta das 20h. No interior do prédio se encontram 600 homens do Exército.
O ministro recebeu um telefonema na quinta-feira do govenador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), solicitando o envio das forças.
- O governador tinha me ligado dias atrás falando sobre esse movimento grevista, que a situação estava muito extremada e pode ser que talvez precisasse desse apoio. Disse a ele que avisaria ao presidente Temer e seria montado um planejamento necessário. Ontem (quinta), o governador me ligou e entrou com o ofício solicitando a Garantia da Lei e da Ordem ao presidente. E foi baixado o decreto - disse Jungmann.
O ministro segue neste sábado para Recife, acompanhado do Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, almirande Ademir Sobrinho.
O Globo/montedo.com

28 comentários:

Anônimo disse...

Cadê o exército mercenário e muito bem pago do PT, chamado "força nacional de segurança"? Lá chegando iriam exigir champagne, banheiras com hidromassagem, diárias de 1000 reais para as praças, 2000 reais para oficiais, o remanescente da PM grevista para fazer a segurança do perímetro da área de alojamento deles, sob o risco de virarem grevistas e aderirem ao movimento, se não atendidos. Nessas horas todo mundo lembra dos "sanguessugas", que não "produzem nada", que vivem engordando e jogando futebol dentro dos quartéis... coloca os esquerdinhas revolucionários, a cut e o MST para fazer a segurança da população. Bando de hipócritas, incluindo a sra Mirian Leitão, que ao menos deveria se informar antes de falar m...

Anônimo disse...

SE A CAGADA É GRANDE, CHAMEM OS MILITARES...
MAS NÃO CHAMEM SE É PARA TRAZER UM PAGAMENTO JUSTO A TODOS...
FATOS IRREFUTÁVEIS:
- A PF não quer ir pra fronteira porque a diária é pouca, chamem os Militares, que vão ao preço de uma tabela que está defasada desde 1992;
- A PM faz greve porque o salário é baixo, chamem os Militares!
- A ANVISA não quer inspecionar gado no campo, chamem os Militares!
- Os corruptos ganham milhões e não constroem as estradas, chamem os Militares!
- As chuvas destroem cidades, chamem os Militares!
- Desabrigados? Chamem os Militares!
- A Dengue ataca? Chamem os Militares!
- O COB precisa treinar e pagar atletas? Chamem os militares!
- Ações humanitárias no Brasil e no exterior, transportes de donativos em tragédias? Chamem os Militares!
- Investigação e remoção de corpos em acidentes aéreos de grande porte? Chamem os Militares!
- Transportes de órgãos, presos, corpos de autoridades, ministros, etc.? Chamem os Militares!
- O Carnaval, Ano-Novo, ou qualquer festa com pouca segurança? Chamem os Militares!
- Copa do Mundo, Olimpíada (Consultem as providências da Olimpíada Rio 2016), Reunião de Presidentes, Jogos Mundiais? Chamem os Militares!
- Certeza de eleições livres? Chamem os Militares (Os Governos de 16 Estados da Federação requisitaram a permanência das Forças Armadas para as eleições 2016 – Ah! Distribuir urnas eletrônicas nos mais remotos locais do País? Chamem os Militares!
- Presidentes, Primeiros-Ministros e visitantes importantes de outros países vão chegar? Chamem os Militares!
- Estado incompetente e uma Polícia mal paga e despreparada? Chamem os Militares!
- Força de Pacificação do Complexo do Alemão, do Complexo da Maré já que a Polícia não tem capacidade pra resolver, chamem os Militares!
ALÉM DISSO: (NÃO TEM DIREITO A NENHUM DOS ITENS ABAIXO):
- Adicional noturno? Não tem!
- Periculosidade? Não tem! (Onde está a isonomia de tarefas que querem imputar em uma Reforma Previdenciária?
- Escalas de 24 por 72 horas? Não tem!
- Hora extra? Não tem!
- FGTS? Não tem!
- Os 28,86%? Jamais!
- Uma Lei de Remuneração? Está enterrada nos porões do Congresso como MP, há mais de quinze anos, com mais de 600 emendas.
- Reconhecimento? Não tem, exceto da Opinião Pública.
- Residência fixa? Não tem!
- Certeza de descanso no fim de semana? Não tem! Inclusive mal alimentados, pois fazem jus à somente R$ 8,25 / dia / Militar como Etapa de Alimentação. Vejam o valor de outras categorias visando o mesmo fim!
- Licença-Especial? Perderam!
- Salário adequado? Não tem! Vejam os reajustes de outras categorias e comparem com a dos Militares! A classe militar teve seu reajuste aprovado em determinada Comissão efetuada por apenas quatro (4) Senadores presentes à Reunião da referida Comissão;
- Reajustes com base na inflação? Nunca tiveram!
- Quer conhecer alguém que ama o Brasil acima de tudo e faz de tudo por ele? Aí sim, é o Militar!
- As Forças Armadas são um dos últimos pilares de patriotismo, seriedade, integridade e idealismo deste País. Elas homenageiam os Símbolos Nacionais e não se “envergonham” de cumprimentá-los com seu cumprimento (A continência regulamentar), apoiadas na Constituição e no Estatuto dos Militares). - O salário de um Primeiro-Sargento da ativa é muito inferior ao do Soldado (PM-DF); sendo que o dinheiro vem da mesma fonte pagadora: a União! - O salário bruto de um Coronel Aviador (Militar com 25 anos de serviços e com todos os cursos que a carreira impõe), é inferior ao do piloto de elevador do Congresso.
- O salário de um Oficial-General, com mais de 45 anos de serviço, é igual ao salário de um Agente de Segurança, de Portaria do Congresso.
O MILITAR JURA DEDICAR-SE INTEIRAMENTE AO SERVIÇO DA PÁTRIA E DEFENDÊ-LA COM O SACRIFÍCIO DA PRÓPRIA VIDA, MAS NÃO JURA A PASSAR PRIVAÇÕES, MUITO MENOS A SUA FAMÍLIA!

Anônimo disse...

A PM vai bater o pé e não vai perder direitos, vão entrar em greve, o EB vai substitui los, algum Gen vai ganhar algum cargo para se ou para família, depois tomaremos os 35 anos sem transição e mais algumas perdas. Como é bom ter escravos amordaçados!

Anônimo disse...

Em 2001 nosso Cmt jogou nossa carreira no lixo e depois foi comissionado como Conselho da Petrobras, aí nós já sabemos dos resultados. Passadena e Carreira Militar jogada no lixo! Dessa vez iremos perder mais, alguém deve se dar bem, eles também têm a poupex para deitar e rolar, ê EB, só quem conhece seus conchavos que te compra! Elitista e escravista!

Anônimo disse...

Miriam Leitão, favor tomar conhecimento!

Léo disse...

E os nossos VENCIMENTOS CONTINUARÃO VERGONHOSOS,VEXATÓRIOS E HUMILHANTES.Passará mais um governo,o do Temer, serão trocados os atuais comandantes das Forças Armadas, ganharemos de presente de natal 35 anos de serviço de guarda , Adjuntos,etc,etc e etc...Receberemos uma esmola,talvez em janeiro próximo, a qual não dará para cobrir sequer a inflação dos últimos 12 meses-,se não mudarem de novo para agosto de 2017-Lembram?- e tudo,tudo,tudinho ficará como exatamente como sempre foi: Militates das Forças Armadas endividados,empobrecidos,desmotivados,humilhados diante dessa mesma gloriosa Polícia Militar que ,em 20 estados, já recebe vencimentos muito melhores que nós.Pelo visto, o próximo estado a elevar os vencimentos para um patamar acima das Forças Armadas será o lindo estado de Pernambuco! REVOLTA E INDIGNAÇÃO SÃO OS NOSSOS SENTIMENTOS COM A OMISSÃO DE QUEM NOS COMANDA E QUE PERMITIU QUE CHEGÁSSEMOS A ESSE ESTADO DE PENÚRIA!!!

Anônimo disse...

PM em greve??? Pode? Mandaram passar lá no "Posto Ipiranga nacional" e pegar os "Severinos". Por isso, tanta "bondade" para com os militares para 2017. Preparem o bolso, vem cacetada aí, vão pagar o pato.

Anônimo disse...

As reportagens falam em transicao de 13 anos. Como seria isso na pratica ? alguem sabe ?

Anônimo disse...

Cada comentario de mangäo que vou te dizer uma coisa viu.....

Anônimo disse...

Realmente sou obrigado a concordar com muitos comentários aqui. Esta missão é da Força Nacional que foi criada para este fim. Cadê os caras??? A greve é de PMs de Pernambuco e a Força Nacional é composta de PMs. Será que a Força Nacional , como disseram aqui, cobrou diárias de 500 reais, hotéis 5 estrelas com direito a SPA e banhos em ofurô , além de churrascadas regadas a picanha,baby beef e cerveja produzida pelos monges tibetanos eunucos e suas virgens sem braços oriundas,claro, das Ilhas Virgens???? Pelo visto, com a seca de dinheiro que foi surrupiado por pessoas como a ex-primeira dama do Rio que agora pratica a maneira correta de defecar e urinar na privada de chão do presídio onde atualmente reside, chamemos o nosso nobre Exército Brasileiro para que ,ao colocar ordem na localidade, desperte o ódio e o rancor dos PMs locais pois como são "baratos", poderam permanecer na áerea "ad eternum" e assim, salvar a pele do governo brasileiro e frustar totalmente as reivindicações certamente justas desta classe.

Anônimo disse...

Alguém mande para o pessoal da Reuters de Brasília. Peçam Pará eles fazerem uma pauta com a tropa que vai atuar referente a adicional noturno, fundo de garantia, 40 horas semanais, diárias, alojamentos, alimentação da tropa, risco de vida, insalubridade e como a família vai ficar bem tranquila em casa com os 0,16 centavos já depositados por dependente este mês, atinente ao salário família. Podiam mandar também para aquela jornalista que adora nos criticar.

Anônimo disse...

Primeiro em Pernambuco, depois vem o Rio e Rio Grande do Sul. Minas está na fila, outros Estados virão, a cúpula do poder está denunciada e todos estão enrolados, até o "vamp" mor e o que detesta militar e é ministro. O Castelo "Transilvânia" está desabando. Prometeram benesses para os militares porque já sabiam do "tsuname" que está se aproximando.

Anônimo disse...

Estado exceção decretado...regimes autoritários agindo sob disfarce de democracia. Exército mais uma vez servindo de bucha pra governos! A PM não quer perder seus direitos, e com razão, pois trabalham 24 hs como alvo de meliantes e sem direito nenhum, mal equipados, mal assistidos.

Anônimo disse...

Enquanto isso, Renan Calhorda e sua trupe usam a CF como peso de papel. E tem gente que acredita que essa repuliqueta de bananas vai ser uma nação algum dia. Ah esqueci, pobre desses militares que irão para essa missão...se prenderem qualquer "coitado" que acabou de matar um pai de família na frente da própria, se prepare, direitos humanos estarão lá para garantir que esse militar seja devidamente "corrigido".

Anônimo disse...

Agora era a hora de as forças armadas aderirem ao movimento também . Quem eles colocariam para fazer a segurança pública ? os políticos ? pensem nisso , irmãos !!!
Sd PMPE soares

Manoel José da Silva disse...

Ordem progresso .

Anônimo disse...

O reconhecimento virá em fevereiro, com a reforma, e tudo em forma de aperto e mais direitos tirados dos militares, como se não bastasse a MP DO MAL!

Anônimo disse...

Eles estão certos! Este governo, senado e cãmara perderam totalmente a legitimidade para fazer qualquer mudanca. Aqueles que me farão ficar 35 anos sem devolver direitos retirados pela MP do mal, são os mesmos que estarão presos amanhã.

Anônimo disse...

Interessante convidar a Sra jornalista Mirian Leitão e outros tantos críticos dos militares a irem às ruas de Recife, e daqui a pouco a outras tantas cidades, fazer o trabalho da PM ao invés dos militares das forças armadas....

Anônimo disse...

Aí que eu me refiro. Ser militar das FFAA é muito maior que tudo isso. Se a M. é grande, lá estamos. Fico triste duas vezes. Porque somos "privilegiados" na opinião de muitos brasileiros formadores de opinião e porque companheiros de caserna rezam para que os integrantes das FFAA tenham comportamento similar ao da PM, narrado na reportagem. Posso estar errado, mas nas minhas andanças na carreira, tenho razoável tempo de serviços prestados, iniciamos o período da maior tempestade política desde 64. Que todas as vezes que chamados, trabalhemos como Estado, para o bem da população. E seremos chamados. O Poder Moderador tem grande chance de prestar socorro nos 4 níveis (tático, operacional, estratégico e político). Não como em 64, mas situações pontuais, para minimizar o efeito da queima, porque o incêndio já começou. Sucesso para todos nós.

Léo disse...

Eu sinto muita saudade de um tempo no qual a palavra de um Cabo do Exército tinha muito valor.Lixos tomaram o controle do país.Lixos é o que são.Vagabundos safados! Um paredão seria alternativa!!!

Léo disse...

Omissão!!! Descaso!!! Lixos é o que são!!!

Anônimo disse...

Situação caótica a desse País, as reivindicações dos Policiais é justa, como vão alimentar seus filhos e pagar suas contas, isso é uma tremenda sacanagem, colocar as Forças Armadas em uma armadilha dessas.
Governo de incompetentes e vagabundos.

Anônimo disse...

Se não fizer isso, os "sanguessugas" vão fazer o que?

Anônimo disse...

Bastou dizer que os militares não serão prejudicados juntos com os civis e, pronto, viraram os culpados do déficit da previdência no Brasil.Só eles, que são cheios de "vantagens", de acordo com a opinião pública.Esqueceram que os "culpados" substituem até civis que não querem trabalhar quando estão nas greves ou com preguiça nos combates aos mosquitos e outras pragas. Só querem vantagens. Ainda não entendi como vai melhorar a arrecadação dos militares mantendo-os mais tempo na ativa se eles continuam a contribuir mesmo entrando na reserva e reformado.Que tal os civis também fazerem isso?

RAIMUNDO JEDEÃO SOUSA DE MENESES disse...

Meus parabéns ao comentarista acima (anônimo 09:33hs). Assino em baixo!

Anônimo disse...

Quem vai se recusar a cumprir a missão ? Concordo com quase tudo que foi publicado, mas continuo indagando: Quem vai dar uma de herói e se negar a cumprir a missão ? Os oficiais generais, os oficiais superiores que sonham com o generalato e os milhares de apaniguados que puxam o saco dos seus chefes não estão preocupados com a crise nas Forças Armadas, eles sabem como complementar seus parcos vencimentos.Estamos no sal ! Neves.

Anônimo disse...

Para o amigo que perguntou sobre a transição de 13(treze) anos, é o seguinte:
Como você abe,os petistas passaram treze anos nos roubando, com a participação dos colaboradores. Agora que estamos no fundo do poço novamente, popularmente "na merda", e os governos não tem dinheiro para comprar nem papel higiênico, lembraram dos militares, que ainda estão recebendo em dia e sempre fazem e pagam tudo e muito bem calados, sem greves ou manifestações. Como o Ministro da Defesa disse, é tipo Posto Ipiranga. Você e todos os militares vão ter que ficar mais 13(treze) anos pagando o prejuízo causado pela roubalheira que estão sendo descobertas a cada dia. Os que estão no poder foram comprados, a peso de sangue, fome e suor dos brasileiros. Depois que passar esses 13(treze) anos, eles inventarão outra coisa, com outro nome ou outra MP, para continuar a "beneficiar" a classe militar. Fique tranquilo, fique suave, pois ha muitos, com estrelas que o defenderão... ou não. E não adianta pedir reserva. Você continuará a pagar...

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics