19 de janeiro de 2017

É de mentira a intervenção das Forças Armadas na crise do sistema penitenciário

Mentira (Foto: Arquivo Google)Ricardo Noblat
A ideia inicial foi de Alexandre Moraes, ministro da Justiça, que a levou direto ao presidente Michel Temer: por que não usar as Forças Armadas para enfrentar o agravamento da crise no sistema penitenciário brasileiro?
Temer gostou da ideia e chamou para conversar a respeito os ministros Raul Julgmann, da Defesa, e Sérgio Etchegoyen, do Gabinete de Segurança Institucional. Foi longa a conversa.
Os dois desaconselharam Temer a embarcar na canoa furada de Moraes. Argumentaram com a falta de treinamento das Forças Armadas para cumprirem tal papel.
Falaram dos riscos de contaminação dos militares em contato direto com o crime organizado. E lembraram que a Constituição é muito clara quando define quais são as verdadeiras funções das Forças Armadas.
Mas Temer insistiu que alguma coisa deveria ser feita mesmo assim. Foi então que se inventou a intervenção militar de mentirinha. Porque é disso que se trata, e nada mais.
Uma vez que os governos estaduais peçam, uma vez que os detentos do presídio a ser vistoriado sejam retirados de lá e isolados em outro lugar, militares com detectores de metal inspecionarão as celas.
O serviço poderia ser prestado por empresas privadas que dispõem do mesmo tipo de equipamento. A farda, porém, servirá para lhe conferir maior credibilidade.
Servirá, também, para demonstrar a preocupação do governo com a situação dentro e fora dos presídios. Nada mal para um governo carente de popularidade e de boas ideias.
O Globo/montedo.com

21 comentários:

Anônimo disse...

Vergonha desse pais. Vergonha de ser militar. Classe sem força. Deveria se chamar "MOÇAS ARMADAS"
Triste, sempreee se dar mal!!

Anônimo disse...

Lembrança dos meus tempos de baculejo nas carceragens da PCMG. Preparem-se pra a murrinha de preso, odor que impregna as roupas, impossível de lavar. Muita doença de pele e respiratória. E fiquem ligeiros pra não furar o dedo na hora de revirar as jegas, porque tem muita AIDS nos chuchos e outros objetos pontiagudos.

Léo disse...

Meu amigo nos chama de Posto Ipiranga.Os Marechais e Generais, heróis brasileiros, falecidos devem estar se contorcendo nos túmulos.Vejam no YOU TUBE os vídeos do falsário Chico Buarque de Holanda afirmando que roubava carros e que não é compositor coisa nenhuma ( Cantor nunca foi).Compra as musicas e as letras que os merdas da esquerda( PT,PC do B ,PCB,PT do B, PSol, PCO...Etc) as ouvem como inspiração para seus delírios de merda.O Lula ainda levou o bosta do falsário para o Congresso Nacional, a tira-colo, como representante dos intelectuais da esquerda brasileira,quando o país mandou embora,com o impeachment, a corrupta , incompetente,ex-guerrilheira ,Dilma Rousseff! Vejam quem é Chico Buarque de Holando.Um ladrão de carros e falsário.Ele é um excelente exemplar do PT,dos petralhas.Realmente um comparsa ideal para o Lula.Tá demorando,Dr Sérgio Moro!!!

Unknown disse...

E servirá também para jogarem pedras nas FFAA quando algum presídio já vistoriado volte a se rebelar.

Anônimo disse...

Mas o que tem de mítico por aí já chorando e diZendo que vão salvar a Pátria nessas ações não cabe no papel...

Anônimo disse...

http://g1.globo.com/politica/blog/blog-do-camarotti/post/estados-nao-resolvem-sozinhos-emergencia-nacional-diz-jungmann.html

Camarotti: No momento da varredura das Forças Armadas nos presídios, caso haja uma rebelião, como se evitaria um novo Carandiru?

Jungmann: Em primeiro lugar, quem vai lidar com os presos serão as polícias militares, os agentes penitenciários e, em alguns casos, a Força Nacional. O que as Forças Armadas vão cuidar é de fazer uma limpeza completa nas instalações, deixando elas limpas e, daí em diante, a responsabilidade para que elas assim permaneçam vai ficar na mão dos governos estaduais.

PM ou PC não fariam este serviço.

Anônimo disse...

Vazou a missão do EB nos presídios:
Em primeira mão, o Ministro da Defesa acabou de divulgar a missão do Exército nos presídios:
À comando, um grupo de Sd Evs, comandados por Sub Tenentes com CHQAO , serão feitas lavagens dos banheiros, desentupimento dos encanamentos dos banheiros e do esgoto, pintar paredes, arrumar a fiação elétrica, soldar as grades, consertar rebocos danificados, trocar vidraças quebradas, organizar as salas dos funcionários, organizar o depósito dos materiais de faxina, colocar plaquinhas indicativas, conserto de cercas e alambrados, podas de árvores, caiação de meio fio, corte das gramas com abelhinhas, tem tarefa pra não acabar mais. Missão dada, missão cumprida.
Quem tiver interesse: o código pra cadastrar curso de carcereiro no SICAPEx é NTO01
Vale pontos pra caramba (na testa, nas costas, nos braços) ...

Anônimo disse...

Acho interessante o seguinte comentário:..."Falaram dos riscos de contaminação dos militares em contato direto com o crime organizado"...Então chegaram à conclusão que a natureza do brasileiro é ser criminoso e corrupto. Basta ter contato direto com os presidiários para se contaminar. Ignoram a formação, a índole, o caráter e a honestidade da pessoa. Se ninguém ou nenhuma entidade merece confiança absoluta, não há o que fazer. É caso perdido! Queimem tudo e cubram de sal pois nada se salva neste país!

Anônimo disse...

Intervenção em presídio é golpe contra o militar. Fonte: http://www.alertatotal.net/2017/01/intervencao-em-presidio-e-golpe-contra.html?m=1

Essa 93 disse...

Claro que não. Tá achando bom?

Essa 93 disse...

Pois é...essa é a mesma instituição que só libera porte para o Praça após 10 anos de serviço e num calibre teoricamente pior do que o dos oficiais. Lixos

Anônimo disse...

Esse ministro Alexandre de Morais mais parece um candidato ao programa Bigbrother. E pensar que eh (ou foi?) um jurista de renome!

Anônimo disse...

Essa 93, mas o porte é liberado MESMO depois de 10 anos? ou é questão de sorte(peixada)?

Essa 93 disse...

Questão de implorar pro Cmt que vai te negar Pq tem medo de pvc fazer mrda. Pasme...

Anônimo disse...

Comentarista - 19 de janeiro de 2017 19:21

Você não deve morar no mesmo país que eu.
Você acha que colocando um soldado temporário (ou qualquer outro posto temporário) pra ficar atuando em presídio, não há o risco deles serem "contaminados" ?
O cara tá lá no presídio hoje, brabão, aloprando o preso. Ou no minimo fazendo o dele conforme a lei. Ano que vem ele tá na rua sem assistência nenhuma pq acabaram os 8 anos dele.
Tá mais do que errado, usar as FFAA pra esse tipo de atividade, até pq a chance do militar (SD e CB principalmente), encontrar "conhecidos" lá dentro do sistema é imensa.

Anônimo disse...

Porém, no mucho! Vão me dizer que os militares não vão ser chamados para isso? Duvido.Todos os militares talvez não tenham o treinamento adequado, mas tem aqueles que foram para o Haiti. O certo é não ter nenhum, pois exite a Força Nacional criada para isso e, como era de se esperar, insuficiente.

Anônimo disse...

Cara... Não sei qual a dificuldade de se conseguir porte.

Pedi o meu no sexto ano e em três meses já estava comigo.

Foi no 25° BC,
O CMT nem questionou....
Simplesmente concedeu.

2° Sgt

Anônimo disse...

Faz tempo isso? Pois hoje em dia para pedir o porte deve ser estabilizado, ou seja 10 anos...

E após de formar na EsSA, ja pode ter a POSSE de arma sem problemas?

Anônimo disse...

Sou Praça e desconheço que o calibre liberado após a estabilização seja "teoricamente pior do que o dos oficiais"

Anônimo disse...

Queria uma resposta de amigos mais letrados ou que tenham experiência em segurança pública: Se é proibido o uso de celulares dentro das prisões, porque que o governo federal liberou dinheiro para a segurança, dentre outras compra de bloqueadores de celulares. Não entendi isso. Não seria mais econômico o "reeducando" como dizem os direitos humanos, não ter contato durante as visitas de advogados e parentes e muito menos a entrada de alimentos e outros objetos. Eles deveriam sobreviver com que o Estado fornece e ponto final.

Essa 93 disse...

Pq um sgt tem que demorar 6 anos para dar sorte de pegar um cmt que talvez conceda um direito a seu subordinado?Um sgt corre menos riscos?Ainda aposto que vc porta uma .380 acp

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics