26 de janeiro de 2017

Previdência: governo quer aplicar teto do INSS aos militares, diz jornal. Jungmann rejeita proposta

Publicação original: 25jan (12:56)
Governo estuda fixar teto para aposentadoria de militares, mas categoria resiste
Ministro da Defesa, Raul Jungmann rejeita colocar como limite para os benefícios o valor máximo pago pelo INSS, de R$ 5.531,31
Resultado de imagem para raul jungmann ministro
Estadão Conteúdo
O governo federal estuda criar um teto para o valor das aposentadorias de militares, no que seria um segundo passo da reforma da Previdência. Essa proposta, no entanto, enfrentará forte resistência da categoria. O ministro da Defesa, Raul Jungmann, rejeita colocar como teto para os benefícios o máximo pago pelo INSS, R$ 5.531,31.
O Palácio do Planalto confirma a intenção de fixar um valor máximo para os benefícios de militares, mas não especifica qual seria o parâmetro adotado. Nos bastidores, a ideia que está sendo costurada é apresentar um projeto de lei que coloque os militares sob as mesmas regras dos demais trabalhadores, o que incluiria a aplicação do teto do INSS, disse um integrante do governo.
— Não existe nada fechado ainda. Vamos discutir em um grupo de trabalho no início de fevereiro. As Forças Armadas estão trabalhando em propostas — rebateu Jungmann à reportagem.
Em outubro de 2016, um militar da reserva recebia em média R$ 9.522, enquanto os pensionistas, R$ 8.116, de acordo com dados do Ministério do Planejamento. Um militar da ativa, por sua vez, recebia em média R$ 4.264. A diferença é explicada pelo fato de o contingente em atividade ser maior e incluir patentes mais baixas. Para efeitos de comparação, o benefício médio paga hoje pelo INSS para os aposentados é de R$ 1.862.
O projeto de lei que trata da aposentadoria de militares deve ser apresentado ainda no primeiro semestre de 2017, em meio à tramitação da proposta mais abrangente da reforma da Previdência no Congresso Nacional.
Além de submeter militares ao teto do INSS, o governo estuda aplicar à categoria as mesmas regras gerais já incluídas no texto encaminhado no fim do ano passado, com exceções de idade mínima e tempo de serviço para determinadas funções exercidas pelos membros da Forças Armadas .

Mesmas regras
— Em princípio, as regras gerais serão as mesmas, mas tem algumas circunstâncias particulares que vão exigir regras especiais — disse um integrante do governo.
Jungmann já declarou em outras ocasiões que os militares darão sua contribuição à reforma nas aposentadorias, mas negou que a classe seja "algoz" do déficit da área. Apesar disso, dados da Previdência mostram que os militares são 30% dos beneficiários, mas representam 45% do rombo, previsto em R$ 152,7 bilhões para este ano.
As mudanças que já vinham sendo negociadas preveem, por exemplo, que o tempo de trabalho para que eles passem para a reserva suba de 30 para 35 anos. Outra possibilidade é que as mulheres beneficiárias da pensão dos militares passem a pagar os 11% recolhidos durante a atividade do militar para terem o direito à pensão. Hoje, o servidor paga o porcentual para garantir o benefício para a cônjuge, mas depois que ele morre, a esposa passa a receber sem ter os 11% descontados.
O governo acredita que o envio do projeto enquanto os parlamentares analisam a reforma será uma sinalização positiva. Em dezembro do ano passado, o Executivo deixou as Forças Armadas de fora da proposta de mudanças na aposentadoria com a justificativa de que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) não seria o instrumento jurídico mais adequado, mas sim um projeto de lei.

Prazos
A expectativa mais otimista do governo é que o tempo de tramitação da reforma da Previdência seja semelhante à apreciação da proposta que criou o teto de gastos. Por esse cronograma prévio, o parecer sobre a PEC da Previdência seria votado em 16 de março na comissão especial, com apreciação do texto no plenário da Câmara dos Deputados em primeiro turno no dia 22 de março.
Em 5 de abril, ocorreria o segundo turno da votação no plenário da Câmara. A avaliação é de que é possível aprovar a medida no Senado ainda no mês de maio.

Moeda de troca
O governo pretende usar o pagamento de emendas parlamentares e de dívidas de anos anteriores (os chamados restos a pagar) realizados em 2016 como moeda de troca durante a tramitação da reforma da Previdência. No ano passado, o Executivo quitou R$ 105,6 bilhões em restos a pagar e também reduziu as inscrições de pagamentos devidos para este ano.
— Isso (quitação de emendas e restos a pagar) é um direito, como nós vamos cobrar que seja um direito que seja votada a reforma da Previdência. Se eles (parlamentares) tinham um crédito, e a gente honrou na plenitude, é óbvio que temos convicção de que eles vão agir como base aliada — disse um integrante do governo que prefere o anonimato.
O Estado de S. Paulo/montedo.com

155 comentários:

Anônimo disse...

Meu Deus !Uma vida de privaçoes para termunar assim !Estudei e perdi minha adolescencia para terminar assim !

Anônimo disse...

Enquanto isso, os DIGNOS MILITARES BRASILEIROS, na maioria do seu efetivo, foram levados a viverem na M com a pior remuneração do funcionalismo público, devido à SUBMISSÃO por parte de uma classe política corrupta e revanchista. Ainda chamam de CRISE os ROMBOS dos cofres público da nação, cometidos pelos políticos ladravazes, cínicos e mentirosos; e o que é pior, tudo isso, com os sacrifícios financeiros impostos a classe militar. Veja a famigerada MP 2215 (LRM), que usurpou direitos dos militares e seus pensionistas, que está enterrada nos porões do Congresso há mais de 15 anos, levando a perda do poder aquisitivo da classe em torno de 45%. Veja também, as correções MESQUINHAS de salários, como se fosse um cala-boca, sem contemplar os guardiões da nação com uma correção JUSTA, IGNORANDO O ART. 37, INC. X DA CONSTITUIÇÃO, que prevê a revisão anual dos soldos e pensões. Então vejamos: o vencimento de um CORONEL da ativa (Militar com 25 anos de serviços e com todos os cursos que a carreira impõe) é INFERIOR ao do MOTORISTA do Senado; onde o vencimento LÍQUIDO de um SUBOFICIAL, da ativa, com 30 anos serviço corresponde aos HUMILHANTES R$ 5.500,00; Bem menos que um soldado da PM-DF ou Policial Rodoviário Federal em INÍCIO de carreira, SENDO QUE O DINHEIRO VEM DA MESMA FONTE PAGADORA: A UNIÃO! Onde o vencimento de um GENERAL, com mais de 45 anos de serviço, é IGUAL ao salário de um AGENTE DE SEGURANÇA, de Portaria do Congresso. Sabidamente, os militares pertencem a uma categoria que não foi feita para viver na riqueza, na ostentação, mas em contrapartida, também NÃO JURARAM a viver na MENDICÂNCIA. O MILITAR JURA DEDICAR-SE INTEIRAMENTE AO SERVIÇO DA PÁTRIA E DEFENDÊ-LA COM O SACRIFÍCIO DA PRÓPRIA VIDA, MAS NÃO JURA A PASSAR PRIVAÇÕES, MUITO MENOS A SUA FAMÍLIA!

Anônimo disse...

Vocês já imaginaram se, realmente, os generais vão querer ganhar o teto do INSS na aposentadoria? Essa proposta amaldiçoada só deve ser para os praças, os "Severinos" da Pátria. Que tal colocar os parlamentares também para receberem o teto? Já estou até imaginando a "mágica" indecente que estão preparando: vão impor o teto, e quem quiser ganhar mais, vai ter que contribuir com uma fortuna do salário atual. Na atual conjuntura, onde só aparecem problemas para os militares resolverem, já está na hora de dar um basta nessas "boas" intenções do governo. Não tem jeito, mesmo. Quando querem aparecer para o povo, se fazendo de legisladores, so miram nos salários dos militares.

Anônimo disse...

Essa reforma da previdência vai ser tiro no pé, empurrando os contribuintes para a previdência privada. Talvez seja essa a intenção do governo e dos fundos de investimento.

Se houvesse Boa Fé, o governo federal criaria um Tesouro Direto Previdência, com rendimentos atrelados ao IPCA+, com um seguro saúde/vida anual de 3%.

No final de 25, 30, 40 anos, etc. cada um cotista, com sua conta, decidiria por sacar ou viver com os rendimentos. Garanto que o que paguei durante 35 anos à previdência federal teria hoje uns 300 mil reais em minha cota.

Anônimo disse...

Estou acompanhando e prevendo que vão enfiar mais bomba nas costas dos militares, eles nunca sentiram um comandante aloprar e tomar uma decisão fora do quartel, as Forças Armadas foram humilhadas nos anos com baixos salários, serviços que não estão destinadas em sua finalidade, associada a aproveitadores fardados, deixando que estes governantes tenham uma Força nas mãos como marionete, hoje as escolas militares estão recebendo os concurseiros que optaram do resto, pois sem salários não existe dignidade. Agora vão colocar goela abaixo um equiparação socialista com trabalhos desiguais e com pessoas que na maioria nunca abdicaram lazer e família com horas de estudos, serviços extras, mudança de cidade deixando de lado vida e laços, muitos não compareceram nem ao enterro de seus entes queridos. Isso é uma afronta a TODOS militares da Reserva remunerada, Pensionistas e ativa, esses lixos não se colocam no lugar das esposas e filhos que perdem a vida e oportunidades por causa de seu esposo ou pai ser militar, uso exclusivo do governo. Devemos pedir indenização do governo para a familia ser tanto humilhada, perder emprego por causa de transferencia e receber esmola para sobreviver, se ate bandido, assasino o governo reconheceu que tratou mau e paga indenização e NÓS? Eles estão brincando com homens e mulheres que na sua maioria estão prontos para guerra, esquecem ou nunca leram sobre história no mundo. Os Comandantes não conseguem segurar mais a tropa desiludida e colocaram a figura de um adjunto para tentar ganhar a liderança. Querem liderar lutem por melhores salários assim se dá dignidade a todos e terão a tropa a seu favor, isso os governantes descobriram e fizeram ao contrário e deixaram a Força totalmente dividida, mas talvez esse seja um estupim para unir e mostrar que a Força é do mais FORTE e de quem trabalha organizadamente.
Sei que o texto é grande mais cabe reflexão e alerta a todos que concordem ou não, pois além de estarmos em um fosso, querem que a gente coma a M que nos rodeia. O DIREITO NÃO ATENDE OS QUE DORMEM!

Anônimo disse...

O teto não passa porque pega os Oficiais...

Bruno Ricardo disse...

Por favor,
Caso possa divulgar o ocorrido vai ajudar ao descaso para com vários militares

https://reconducaonoexercito.blogspot.com.br/2017/01/apos-um-ano-de-vigor.html?showComment=1485356573201

Daniel Camilo disse...

O governo federal não nos paga os 28,86% já ganho na Justiça; Não decide se revoga ou corrige a MP 2215; Não nos dá um reajuste digno,(apesar de reconhecer que somos a categoria que percebe o menor salário) e agora quer mudar, para pior, a nossa "aposentadoria"(reserva e reformados)? Colocar um teto no salário dos inativos é muita crueldade. Alguém tem que exigir a verdade do governo ou seremos massacrados.

keko marques disse...

A mídia e suas "operações psicológicas" ...

marcelo alexandre disse...

O que vai acontecer: Continuaremos a ser o pior vencimento de executivo, o tempo de serviço será alterado de 30 pra 35 anos, será fixado teto para a nossa previdência e não teremos contrapartida. Simples assim. Não acredito que nossos comandantes tenham peito para enfrentar o governo. Nunca tiveram e não terão agora.

Anônimo disse...

Estou querendo ver em que dará isto. Brasil está precisando de uma revolução mesmo.

Anônimo disse...

Desde que venha uma grande reestruturação dos salários junto, pode vir a alteração que for.

Unknown disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

E as leis trabalhistas vão vir junto? Só deveres? E os direitos?

Pra que serve a CF 88?

Não adianta estar escrito que militares são uma classe diferente por N motivos?

Políticos inúteis servem pra isso.

Poderiam começar por eles que se aposentam com 180 dias.

Anônimo disse...

Cadê o famoso: "esclarecer e informar é dever do comando". Ou não existe mais comando.

Anônimo disse...

Até agora eles não entenderam que, só existirá Brasil, com todos os estados federados, enquanto existirem as Forças Armadas, se as destruírem, o Brasil sera destruído junto. Vem aí, República dos Pampas, São Paulo independente, Amazônia dividida, outros estados e mesmo regiões tomarão o mesmo rumo.

Anônimo disse...

Os militares das Forças Armadas, literalmente abandonados, são a classe mais mal paga do funcionalismo, os miseráveis e humilhados da união, constrangidos com seus humildes vencimentos constantes nos seus contracheques perante nossa sociedade e junto aos irmãos de nossas forças auxiliares. Exceção feita aos generais, que conseguiram ser servidos através da MP 2215/2001, e se ajeitam através de novas MP's, decretos leis e leis, que somente os contempla e ainda falam para não mexer na MP 2215/2001 pois vai piorar, lógico só vai piorar para eles, que se valem desta MP.
Para piorar, e ainda mais, querem colocar a servirem as Forças Armadas por tempo maior e ainda estipular um teto para aposentadoria! E isto, já sem eles possuírem FGTS; ANUÊNIO; HORA EXTRA(onde trabalham O DOBRO das 44 horas semanais, prevista na lei); NÃO TEM ADICIONAL NOTURNO; NÃO TEM PERICULOSIDADE; NÃO TEM INSALUBRIDADE; pagam um valor de pensão para aposentar durante 30 ou mais anos, E CONTINUAM PAGANDO depois que aposentam O MESMO VALOR; recebem por cada dependente, um salário família de aproximados R$ 0,25 (vinte e cinco centavos) e etc. . E AINDA QUEREM APROVAR MAIS MAZELAS! Ou seja, teto para os militares da reserva + aumentar o tempo de serviço de 30 para 35/38 anos! Pesquisas feitas mostram que estes 30 anos trabalhados, equivalem-se a 45 anos, pois tiram serviço à noite, além da jornada diária semanal, e as outras escalas que concorrem que são várias (representações, formaturas, acampamento, guarda de honra, guardas fúnebres, alas, instrução, segurança, marchas e etc., muitas destas extrapolando ao horário normal de trabalho.
Mister se faz, salientar para os generais, "categoria que se serve da força" e queriam ficar nela por no mínimo 100 ANOS, pois se "servem da mesma". Flambados a regalias, viagens, diárias, ajuda de custos, aeronaves, festas, moradias, serviçais, bons vencimentos se comparados com os vencimentos dos debaixo que estão se arrastando! E ainda legam a estes, a cada dia, piores condições, fazendo média com o governo, com o pescoço dos coitados e miseráveis de baixo, já chamados até pela mídia de: "SEVERINOS!"
É sabido, do grande êxodo de militares das Forças Armadas, dado aos baixíssimos vencimentos, as altas cobranças e a péssima política de pessoal para os de baixa patente e graduação. Incontestavelmente, com as crescentes e infindáveis ações contrárias ao seu próprio efetivo, sendo apresentadas e aprovadas (manutenção dos mais baixos reajustes e péssima política de pessoal), não existe outro resultado a que se esperar, ainda mais de forma acirrada do aumento do êxodo, que já é um absurdo! Em bem pouquíssimo tempo, entendo que só fiquem os generais nas Forças Armadas e que sejam felizes! Fico perplexo com a barbaridade destas situações a que chegaram, e como se explicar isto! Ou seja, a tamanha concordância de tão somente nós "Forças Armadas", há décadas sendo podados, onde só as nossas verbas e vencimentos que já não se tem onde tirar, ainda é podada há décadas e as demais categorias que ganham nababescamente bem, continuam tendo reajustes com ganhos reais, onde tem mais de trinta anos que não recebemos reajuste com 1% de ganho real, só perdas, é um absurdo! As polícias militares em seus movimentos são apoiadas até pelos seus comandantes gerais e nós em piores situações que as polícias, nem um sussurro em nosso favor é lançado, e sim, mais políticas que fere quem já está ferido, rasgado, agonizando e sangrando, à beira da morte!Respeitosamente.

Anônimo disse...

Querem igualar, criar teto, que incluam auxílio habitação, hoje quase 1/3 do que ganho é pra pagar aluguel. Incluam direito a greve, auxílio periculosidade, hora extra, FGTS. Etc. Só tirar não é igualar.

Luis Fernando Smidt disse...

Nunca se esqueçam que nossos Chefes estão atentos...

Anônimo disse...

Mas que novela essa da previdência dos militares, a cada dia é um capítulo diferente !!!!

Avante Brasil. disse...

Na década de 80,eu tinha muito orgulho de ser militar,pois existiam vários oficiais generais com G maiúsculo e ninguém se quer falavam mal dos militares,pois éramos respeitados.Hoje simplesmente eu tenho muita vergonha de ser militar.

Anônimo disse...

Estão pintado o quadro de trevas, para empurrar os 35 anos e ainda dizer: " lambam os beiços".
Nós já aceitamos sem reclamar. Nós somos muito ingênuos mesmo.

Anônimo disse...

Estou concluindo o superior e estudando para um outro concurso, onde haja sindicalização, pois só assim esse governo corrupto respeita os direitos do trabalhador. Esses generais omissos não estão dispostos a lutar por nada além das próprias carreiras. Vergonhosamente aqueles que supostamente deveriam lutar por nossos direitos, os estão vendendo por benesses políticas.

Anônimo disse...

Companheiros o bizu e pular do barco enquanto há tempo. Agora acabou de vez. Os únicos benefícios que existiam vão pelo ralo. Aposentadoria integral e 30 anos de serviço.O resto já foi perdido anteriormente.

Anônimo disse...

Deixa primeiro as coisas acontecerem, para poder pensar o que fazer, tirar, subtrair o que já é de direitos é contra a lei. uma coisa eu sei, se isso acontecer realmente, será somente para os praças. tá na cara.

Anônimo disse...

Totalmente infundada o argumento publicado na reportagem de que "Em outubro de 2016, um militar da reserva recebia em média R$ 9.522, enquanto os pensionistas, R$ 8.116, de acordo com dados do Ministério do Planejamento. Um militar da ativa, por sua vez, recebia em média R$ 4.264. A diferença é explicada pelo fato de o contingente em atividade ser maior e incluir patentes mais baixas." a comparação feita pela jornalista do Estado de São Paulo é uma mentira deslavada!!! não está correta. Ela está comparando um sargento com um coronel, totalmente infundada a informação, essa mulher é uma irresponsável!!!

Unknown disse...

O governo sempre querendo tirar o pouco q resta para os militares, vergonhoso isso. Kd os nosso supremos oficiais generais ? O q farão a respeito disso? Ou aceitarão tudo isso passivamente como fazem sempre?

Anônimo disse...

Por essas e por outras que virão que finjo que trabalho!!

Anônimo disse...

É hora de vermos se temos representantes e se eles honram as calças que vestem.

Anônimo disse...

Precisamos duma guerra...

Anônimo disse...

Estamos cercados de incompetentes, eis o fim dos militares. Somos escravos da Nação, submetidos a uma vida de servidão, abnegação e espírito de sacrifício. Reconhecimento? nenhum. A última pá de cal que faltava. Apagou-se a luz no fim do túnel.
... somos uns M#*da...

ST Art que a muito tempo desistiu

Anônimo disse...

comandantes FROUXOS nos conduziram a essa situação!!!todos se merecem praças e oficiais!

Anônimo disse...

Onde está o pessoal da CI, do "está tudo maravilhoso"..."nossos chefes estão preocupados...".."só tem chorões e frustrados aqui"....onde está o Maj QCO "grama-verde" Leonardo, cadê o 2º Sgt 2002, cadê o ST vibrador cheio de cursos tomando capote????? E aí..tá bom ou querem mais?

Anônimo disse...

Cadê o tal de "CHAPA QUENTE", com sua fonte super segura!

CHAPA QUENTE DISSE
Meus amigos, boa tarde! Aqui estou novamente, para trasnquizar meu amigo de farda Léo. E dizer pra não ficar preocupado , pois o pagto dos nossos vencimentos,sai do orçamento da Defesa. Em segundo lugar sobre a revistas dos presídios, todos já sabiam que iria acontecer, pois a presidente do supremo já havia anunciado BV semana passada, a possibilidade, de solicitação das forças armadas pra realizar senso nos presídios (conferência e revista ) nos presídios. É uma pena que VC não acredite, mas posso te garantir, até o pagamento de junho de 2017, teremos novidades para valer em nossos contracheques. Vou salvar esta resosta para em breve te questionar se minha fonte era ou não Segura. Abraço Leo, te aguardo até o pagto de junho de 2017.aqui vai, mais uma dica, vamos passar de 7,5% da pensão militar para 14%, todos, ativa, inativos e pensionistas, vamos para 35 anos , felizes da vida , com um salário digno, Sei o que estou falando . Forte abraço, Brasil acima de tudo!


É chapa quente, vai pra reserva mesmo com um salário digno, melhor trocar tua fonte.

Anônimo disse...

E a previdência das excelências, na totalidade após dois mandatos vai para a vala comum INSS também?. Piada, estão brincando com fogo, acho mais fácil a casa cair do que nos colocarem no valão.

Anônimo disse...

Perfeita reflexão.

Anônimo disse...

Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, verdade.

Anônimo disse...

Lamentável. Não publicar meu comentário. Machucou? Tocou numa ferida que você não quer expor? Típico da nossa classe.

Anônimo disse...

Senhores é só o começo da decadência.... o pior está por vir. Temos que falar menos e AGIR mais...

Anônimo disse...

Ano passado um general alertou sob o estava por vir ele disse mais ou menos isso:
" Tenho pena da situação dos militares" Ele já sabia!!!!

charley disse...

Porque não colocam este této do INSS para todos então, começando pelos plíticos e terminando nos operários. Assim seria justo.

Anônimo disse...

Aos mais novos: ESTUDEM.

Anônimo disse...

Nossos chefes confundem hierarquia e disciplina com subserviência, ou agem de ma fé mesmo pois sabem que generais sempre tem carguinho em algum conselho de estatal para ganhar mais de 30.000 sem fazer nada.

Anônimo disse...

Falou tudo esse é o sentimento de todos os militares ...

Anônimo disse...

Bom dia senhores, oque mais me chama a atenção é que so tem notícias catastróficas na mídia, eles poderiam dar alguma noticia que nos incentivassem, porém é só marretada na cabeça. Nos tiram tudo que tinhamos ou quase só sobrando os 30 anos e a ida para reserva integral.

Anônimo disse...

Melhoria salarial com URGÊNCIA!!!
A maioria das PMs dos Estados já recebem salários bem maiores que os das Forças Armadas...
Uma hora essa penela vai estourar ..
A insatisfação não é só de praças mas de Oficiais tb!! Em pouco tempo haverá General com salários vexatórios se nada mudar...O tenente e capitão de hoje olha pra frente e não enxerga mais uma boa carreira .Os jovens Oficiais das Forças Armadas cada vez mais pensam em estudar para outras carreiras de Estado
A reforma "previdenciária" deve de fato ser alterada mas junto a isso uma real valorização salarial dos militares das Forcas Armadas !!
Nossa missão constitucional é muito grande para ficarmos sofrendo com esses salários vexatórios !!

Anônimo disse...

Quanta baboseira nesse texto !!! quanto mais eu leio essas 'notícias' mais me envergonho de ser brasileiro. Comparar média de "benefícios" dos militares com o INSS, "aposentadoria" dos militares, "os pensionistas"(??)(alguém viu algum coronel casado com outro homem?!), a insistência em dizer (depois de provada a inverdade) que os militares são responsáveis por 30 bi de défciti...é triste, lamentável...que país de m..., que imprensa de m..., que povo de m...

Anônimo disse...

Capitão do Exército salário : 8 mil líquidos
Capitão Bombeiro de MG : 14 mil líquidos
Fora Brasília , Piauí , Santa Catarina...
Capitão das Forças Auxiliares ganha mais que Cel das Forças Armadas que tem salário líquido em torno de 11 mil.
Não é o salário dá PM que é alto é o salário das FA que é muito baixo !!!!

2¤ Sgt MB 2003 disse...

senhores ir para o INSS não será tui . teremos o FGTS.
Militar é meio medroso...

Anônimo disse...

Quero só ver essa, pq atinge os oficiais esse teto. A MP do mal na época nem fez cosquinha nos generais.

Anônimo disse...

Está na hora de ter uma atitude de impacto e colocar estes vagabundos para correr.

Anônimo disse...

Vão ameaçar com o teto e no final ficaremos contentes com o aumento do tempo de serviço de 30 para 35 anos, mais o aumento dos percentuais de FUSEx e pensão militar para 14 % dos vencimentos, 15,5 % pra quem não renunciou ao previsto na Lei de Pensões de 1960. Os que deveriam nos defender não estão nem um pouco preocupados, possuem muitas mordomias e recebem diárias até o limite da lei.Orientação aos mais jovens: fujam do EB, no máximo sejam temporários.

Anônimo disse...

Que venha esse teto! Sou praça e não sou puxa saco. Relíquia!

Anônimo disse...

35 anos - 75 % do salário ao passar pra reserva remunerada
36 anos - 80 % do salário ao passar pra reserva remunerada
37 anos - 85 % do salário ao passar pra reserva remunerada
38 anos - 90 % do salário ao passar pra reserva remunerada
39 anos - 95 % do salário ao passar pra reserva remunerada
40 anos - salário integral ao passar pra reserva remunerada

quem viver verá...

Anônimo disse...

frustrante essa carreira de m..., preparem-se para a evasao em massa de varios militares de carreira caso isso aconteca, solucao para o eb sera os temporarios, mas acho que ate temporario nao vai querer esses soldos deploraveis kkkkkkkk

Anônimo disse...

A equipe econômica do governo tem carta branca para propor as mudanças que entender necessárias.

Pelo andar carruagem e pelas notícias da imprensa, eles não estão levando em consideração todas aquelas peculiaridades da carreira militar que a difere dos civis: não tem hora extra, disponibilidade permanente, não ganha adicional noturno, periculosidade, risco de vida, proibição de greve, sindicalização, limitação de carga horária de trabalho etc.

Como não temos sindicatos, ficamos à deriva esperando que o mais antigo faço algo para impedir essa possível aberração. O problema que os mais antigos não serão atingidos por tais mudanças e aí não lutam para evitar esse provável desmanche das Forças Armadas.

Todavia, se aparecer uma ovelha solitária, e for na imprensa e fazer uma declaração contrária a essas mudanças vão vir com facas e foices para cima do cara. Vão dizer que é inadmissível um ato de indisciplina da tropa.

Aliás, onde anda aquele tal Grupo de Recuperação da Imagem Moral dos Subtenentes e Sargentos? As mensagens dele, juntamente com o panelaço da esposa dos militares, nos idos de 2005/2006, foram fundamentais para o governo conceder aquele aumento um pouco mais realista.

Anônimo disse...

Enquanto estamos na ativa e ter um salário ruim e defasado não é o pior dos pesadelos, mas já na velhice ter um achatamento repentino de nossos salários como presente de reserva remunerada/reforma, por termos ficado à disposição da pátria por 30 ou 40 anos de serviço, sem falar nos serviços de 24 horas, acampamentos, cursos em outros lugares, missões reais, etc. isso demonstra não só uma falta de sensatez do governo, mas um desprestígio total e falta de respeito com uma carreira de estado tão importante.

Anônimo disse...

O Comando das Forças Armadas só pode aceitar essa aberração, se todo o funcionalismo do Executivo, Legislativo e Judiciário também fazerem parte do teto do INSS. O resto é balela!

Anônimo disse...

Vamos ao que interessa. Não haverá teto remuneratório para militares conforme noticiado. Haverá sim um pedágio obrigatório para quem quer ir com o salário integral. Explico: - já está acertado que o tempo aumentará de 30 para 35 anos de serviço. O militar que atingir 35 anos de serviço terá direito à reserva, entretanto terá direito apenas a 75 % do salário atual (um pouco mais ou menos, isso ainda não está decidido). Acaso o militar queira ir para reserva com a totalidade da remuneração deverá trabalhar mais. Exemplificando: militar com 35 anos de serviço terá direito a 75% da remuneração. Militar com 36 anos de serviço vai com 80% da remuneração; militar com 37 anos de serviço vai com 85% da remuneração; militar com 38 anos de serviço vai com 90% da remuneração; militar com 39 anos de serviço vai com 95% da remuneração; e militar com 40 anos de serviço vai com 100% da remuneração. Portanto chega-se aos 40 anos de tempo de serviço para se ter salário integral. Essa informação ainda encontra-se em estudo, mas tem viés forte para ser aplicado pela equipe econômica do Governo. É aguardar.

Anônimo disse...

"Haverá choro e ranger de dentes" como está escrito no livro sagrado.

Anônimo disse...

Se o governo conseguir oficializar a proposta, tem grande chance de ser aprovada. Não temos representação política no congresso ou senado pra contrapor esse tipo de medida e de nossos chefes, a unica coisa que se espera é que salvem apenas os seus vencimentos. A tropa ficará por conta e risco novamente.

Anônimo disse...

Cara se analisarmos com precisão não sabemos de nada...estamos igual cego no meio de tiroteio...ninguem tem uma resposta concreta...somos todos infelizes. infelimente

Anônimo disse...

Acredito que essa questão do teto não aconteça. 1º porque quando vamos para a reserva remunerada fazemos jus a remuneração equivalente de nosso posto/grad, acredito ser uma questão de isonomia. 2º porque não estamos aposentados mas somos constitucionalmente uma reserva mobilizável, daí a necessidade de se manter as prerrogativas, inclusive salariais.
Por outro lado pergunto por que somente as FFAA??? E a Polícia Federal, as PMs, PRF, Polícia Civil, guardas penitenciários, Bombeiros Militares, demais carreiras de estado??? ou estes não dão despesas? Uma proposta dessas não pode ser imposta somente a uma categoria mas a todas da área de segurança. Digo isso porque para o governo é melhor impor a uma categoria restrição orçamentária do que a todas as categorias. DIVIDIR PARA CONQUISTAR. Nem em sonho eles vão chamar todos para impor um teto, vão chamar somente o mais obediente.

Anônimo disse...

Cadê? O general vida Bôas.

Anônimo disse...

E quem foi que disse que o PT deixou o governo? O "espírito" da Dilma ainda está lá, incorporado no Temer.

Anônimo disse...

Não esqueçam: Quando a Dilma assumiu, Temer estava lá; quando as câmeras não foram religadas, ele estava lá; durante as reuniões secretas da presidência, ele estava lá; durante todo o governo, sabendo ou não das coisas, ele estava lá; durante todo o governo petista, vendo o que estava ocorrendo, ele estava lá. Agora quer dá uma de corajoso e aparecer às custas dos militares? É bom lembrar, também, que os comandantes também estavam lá. E, agora?????

Essa 93 disse...

Kkkkkkkkk cadê Marcelo?

Essa 93 disse...

O que as PMs tem a ver com isso?

Anônimo disse...

Não passa por dois motivos:
1) Um General iria para receber recebendo o teto máximo, R$ 5.531,31, por que na ativa ganha mais do que este valor. Um Capitão (QAO, QCO, etc) também iria receber os mesmos R$ 5.531,31, por que na ativa também ganha mais do que este valor (embora menos do que um General).
2) O outro motivo é que, remetendo os militares para o INSS, passaria a valer, também, as outras regras trabalhistas, como hora extra, adicional noturno, etc, o que tornaria a atuação das Forças Armadas, nos moldes como é hoje, inviável economicamente.
Haverá perdas para os militares, inclusive se fala em ida para reserva aos 35 anos de serviço mas com apenas 75% do salário da ativa. Para os 100%, seriam necessários 40 anos de serviço. O que, diga-se de passagem, os PTTC (vampiros) demonstram que é possível já que muitos trabalham até os 70 anos de idade.

Essa 93 disse...

Exatamente...e nem tem que existir essa comparação. A única semelhança é que somos militares. Só isso

Anônimo disse...

Agora eu quero só ver esses generais, leões de alojamento que são, conseguirem sobreviver na reserva com um salário de aproximadamente R$ 5.500,00, isso sem direito a PNR funcional, motorista, diárias, taifeiro etc...
Já os praças vão fazer o que sempre fazem apertar o orçamento e viver com dignidade com o teto do INSS, que é hoje maior que meu salário atual de 1° Sgt.
Vamos ver agora se nossos "corajosos" generais irão sair do conforto de seus PCs.

Essa 93 disse...

Vai ser só o teto, bisonho. FGTS nenhum servidor público têm. Só os de empresas públicas, pois não tem estabilidade. Todo servidor federal já está no teto.

Essa 93 disse...

Exceto nós...por enquanto

Anônimo disse...

e o tal do Bolsolixo? sumiu? se abraça a causa dos milicos, ganha rejeição de boa parte da população e não se elege. Se "ficar contra" os militares, idem. Gostaria de ver algum pronunciamento desse senhor que, sabe-se, nunca fez absolutamente nada de concreto por nossa "classe"

Anônimo disse...

Que merda...os chefes vão deixar acontecer essa pilantragens de banqueiros!NÃO EXISTE DÉFICIT!

Anônimo disse...

Vocês não pediram Temer e companhia? Agora tem que engolir.

Vai mudar pra pior sim. Não tem quem represente os militares.
Não há voz.
E não tem corajosos dentro dos quarteis para lutar pelos direitos...
São outros tempos, outra safra..
E sem ilusões de Bolsonaro, por favor...

Militar está cada vez mais desunido, não vota em outro militar, aliás nem vota.
A maioria justifica o voto e ainda conta isso como se vantagem fosse...
Com isso tudo, o governo atual agradece.

Está ai o resultado.

Parabéns militares, pelo tal "espírito de corpo".

Espero que em 2018 alguns acordem e mostrem a ação nas urnas, e não em viverem como Leões do Alojamento, demonstrando força apenas ao acochar subordinados.

Ass: "Quem não PAPIRA, entra em forma pro ASPIRA".

Gen Anibal disse...

Estão fazendo isso porque sabem que quem comanda essa Instituição nunca vai se queimar defendendo o restante da tropa que está comendo o pão que o dito cujo amassou. Senhores, estamos sem comando há muito tempo, pois não há ninguém como dizia o Senador Color de Melo, com aquilo Roxo que brigue com os governantes do nosso Brasil pela causa dos militares.
Cadê o pagamento dos 28% dos militares que é um direito já ganho através do STF? Hoje as Forças possuem muito chefe mais não consigo ver nenhum líder. Chefe por Chefe, prefiro acreditar no Chefe dos Corubos quando eu for viver na Amazônia quando meu salário do INSS não der para pagar minhas contas na minha cidade.

RicardoeThelma Freire disse...

Prezados, não se desesperem. Que é a autora desse artigo? Idiana Tomazelli. Conhecem? Então leiam o que ela tem a dizer sobre Lula:

https://www.google.com/search?num=100&espv=2&rlz=1C1CHBF_enUS728US728&btnG=Search&q=%22Idiana+Tomazelli%22+lula

Ou, o que ela fala sobre os militares:

https://www.google.com/search?num=100&rlz=1C1CHBF_enUS728US728&biw=1920&bih=974&q=%22Idiana+Tomazelli%22+militar+site%3Aestadao.com.br&oq=%22Idiana+Tomazelli%22+militar+site%3Aestadao.com.br&gs_l=serp.3...6978.11641.0.13092.20.20.0.0.0.0.187.1669.16j3.19.0....0...1c.1.64.serp..1.5.627...30i10k1j33i160k1.Ac03921MpB4

Pois bem, senhores. Essa matéria é feita para atingir nossa moral. Ignorem. São apenas os anseios da esquerdalha, da ORCRIM, em mais uma reportagem tendenciosa.

Anônimo disse...

Alguém viu o tal de chapa quente por aí? Disse que viria boas notícias. Estou aguardando por elas. Só comédia!

Anônimo disse...

O que podemos fazer para impedir isso? Como podemos nos unir????????

Anônimo disse...

Anônimo 25 JAN 1605h, os ridiculoes citados sumiram! Pena, eu ria muito com suas histórias de conquistas supremas.

Anônimo disse...

E agora! Quem poderá nos defender? Senhores Adjuntos de Comando, nos ajudem por favor? Qual o objetivo dá criação do cargo? Ainda não vi nenhum benefício para nós pracinhas. A selva nos une e a onça nos fortalece!

Anônimo disse...

Até que em fim um general vai ser equiparado a um praça em final de carreira em termos salariais. teto já. Pena que isso não passa...continuemos com o falso moralismo e nos ferraremos ainda mais...

Anônimo disse...

Quero ssber se esse pessoal que entra para o serviço público no senado, na câmara, e tem salário inicial de 14 mil reais tem ou também terão um teto salarial.

Anônimo disse...

Mas sem farda por favor !! Kkk

Anônimo disse...

Companheiros,será que todos os funcionários de carreiras, consideradas típicas de Estado,estarão nessa mesma situação?
Um juiz,um procurador,um AGU receberão também esse teto?
Um concursado que já inicia com salário por volta de R$21.000,00 ficaria igual a nós?
Eu só queria entender.

Anônimo disse...

A selva nos une a "Rico" nos separa!!! Kkkk

Anônimo disse...

O Chapolin Colorado!!!

Anônimo disse...

Concordo com o o Ricardo essa mulher é uma irresponsável... talvez essa história de teto seja inquietação e estamos caindo feito cordeiros... Eu li o texto e está totalmente infundado. Ela diz que o militar vai para a reserva ganhando R$ 3000,00 a mais de quem está na ativa. Jornalista irresponsável...Pelo que eu vi não houve entrevista com o Temer...

Anônimo disse...

Alguns Estados dá Federação dão o devido valor a seus militares que o Estado não dá as Forças Armadas!!

Anônimo disse...

Eu e muitos,também pensamos da mesma forma. Nunca achei que iria ficar rico mas não assim. Para poder educar meus filhos, pagar uma casa as contas estão no limite. Estudei e perdi minha adolescência para terminar assim!!!!!!

Léo disse...

Até junho, Chapa Quente! Se é que o Temer e o Comandante retórico e bonzinho chegam lá!

Anônimo disse...

É por imbecis como este que vamos nos fuder de verde, amarelo e camuflado.

Anônimo disse...

Esses desgraçados ainda nos proíbem de dar aula nos colégios públicos. Não sei como existem militares que colocam o filho para fazer concurso militar sabendo desta "furada", não deve ter amor ao herdeiro. Minha filha pode ser até gari, mas nunca o lixo de ser da carreira militar. ACABOU!!!

Anônimo disse...

25 de janeiro de 2017 19:54
Filho, PTTC cumpre somente missões administrativas, é só banquinho e sala com climatizador. Não cumpre missões de cunho operacional, não faz TAF, não faz testes de tiro, não é obrigado a realizar saltos de para-quedas, marchas através de selva armado e equipado, não tira serviço, chega o horário do final do expediente, vai pra casa (merecidamente). Então não diga que é possível ser militar, em todas as atribuições até os 70 anos, é uma inverdade, todos sabemos disso.

Anônimo disse...

Kkk... Estou aqui, acompanhando sempre nossas notícias.. e nada dito na matéria trás mudança em nossa visão.
Sabe porquê??!!
Por que se planeja a vida justamente para não depender de governo. Dignidade na se paga apenas com salário...
Por isso temos nossos dois aluguéis, justamente para não depender só do governo.

Mas a minha humilde opinião, creio que os 35 anos passa fácil, pois todos os Oficiais já ficam até lá.

Já o teto, duvido, pois os mais afetados seriam justamente os oficiais.

É que vcs não conseguem analisar as coisas de uma forma macro.

Se formos pró teto, logo logo seria melhor, pois hoje o teto já está em 5.500,00 e o ST hoje com pouco menos de 6mil. Então logo logo o teto será maior que o salário do ST.

O que nos faz concluir que para as praças o teto seria melhor. Se vier com contrapartidas, melhor ainda.

Contudo, pra mim é indiferente, já tenho meu planejamento e todos os de carreira tem a mesma oportunidade e possibilidade, então para ter uma reserva tranquila, só depende de vc e não de governo.

2° Sgt 2002

Anônimo disse...

Adjunto de comando serve para carregar cordinha no ombro e agenda. Transfigurou-se, o tal cargo, em uma aberração, uma boa ideia nascida em um exército evoluído, (e não feudal e atrasado como o nosso) que aqui não achou serventia. Os oficiais veêm com desprezo e resalvas a tal figura, o cmt da bda disse que por sua própria opinião, ele dispensaria o adjunto de comando, que não têm serventia, e ele não se referia ao militar investido, mas à própria utilidade do cargo. Que benefício esse cargo trouxe ao universo das praças?

Anônimo disse...

Até os magistrados estão com medos e dúvidas ,falo porque sei...

Anônimo disse...

Salário inicial de analista do senado não é de 15 é de 23 mil fora os adicionais no final o salário beira o limite dos Ministros do STF...

Anônimo disse...

Você deve ser um milico que transferiu seu título de eleitor pro RJ e votou, juntamente com toda sua família, nele!? Caso contrário não me venha com demagogia e hipocrisia...

Anônimo disse...

Ola pessoal, se puderem me ajudar fico grato.
Sofro um dilema muito grande na minha vida. Daqui a 4 meses completo 30 anos e não consigo planejar minha vida.
Toda hora são boatos, entrevistas, histórias, etc
A ultima que escutei foi que que quisesse sair com 30 anos levaria 30%; e 100% so com 40 anos.
Alguém sabe onde surgiu isso?
Bem, e no meu caso? De 4 meses pulo para 10 anos (sem qualquer regra de transição?)
Caso algum colega possa me ajudar e me tranquilizar fico grato

Anônimo disse...

O problema é salarial!!!!

hugo augusto alemida de melo disse...

Prefiro a clear

Anônimo disse...

Tudo isso é balela. Duvido que um General vai para reserva com teto de INSS. O problema é que não temos comando. Antes os generais queriam ir para a petrobras e hoje eles não tem mais essa boquinha. A teta secou.

Anônimo disse...

Esse vai ser o "prêmio" por sermos a categoria mais desunida, mais omissa e mais "vaquinha de presépio" de todo o funcionalismo público.

Léo disse...

É provável que somente os Generais-de-Exército receberão 100% dos vencimentos da ativa ,quando da passagem para a reserva,logo que aprovada a reforma da previdência.Mas,muito provavelmente, e para passar a imagem de lealdade(?), aceitarão,goela abaixo, a tabela escalonada citada acima, a qual vai de 35 a 40 anos de serviço,com vencimentos de 75% até os 100%. Ora, qual coronel ou Praça vai ficar até 40 anos de serviço para levar os 100% ? Forças mal pagas:Grande Credibilidade e VENCIMENTOS VEXATÓRIOS, HUMILHANTES,VERGONHOSOS E RIDÍCULOS.Essa mesma sociedade ,cujos comandantes afirmam,a cada ano, que nos vê com muita confiança - Grande merda !Credibilidade não paga nossas contas!!!- nos trata com desdém,pois já sabem que recebemos VENCIMENTOS inferiores a muitas Polícias Militares.

Anônimo disse...

Ainda estou confiante e aguardando o estudo de reestruturação que o Sr Ari do MD prometeu em 2013. Vem muita coisa boa por aí. Abraço da velhinha de taubaté.

Anônimo disse...

Tomara que isso passe , pois brevemente o teto salarial da iniciativa privada vai ser maior que o salário de um suboficiAl em fim de carreira, meu soldo de suboficial com 28 anos de serviço já está quase igual ao teto dos celetistas , e um sgt da EsSA em um futura não tão distante vai ganhar um salário mínimo .
Estou muito feliz com essa mudança , pois só assim ganharei igual a um general kkkkk
Suboficial quase indo embora Jaison

Anônimo disse...

Para colocar em vigor a "previdência dos militares" não precisa de lei complementar, basta uma Medida Provisória.

Achei o texto bacana e estou repassando:

A MEDIDA PROVISÓRIA No 2.131, DE 28 DE DEZEMBRO DE 2000, foi em um período onde todos estavam de férias, com informações diferentes da propagadas pelos "informex" da época. Isto foi possível depois dá Criação do Ministério da Defesa. Pegou de surpresa até os Comandantes das Forças Armadas. Isto pode acontecer novamente, os Comandantes das Forças Armadas atualmente não possuem força política nenhuma neste caso. Podem ser surpreendidos a qualquer momento, só nos restará apelar para o “jus sperneandi,” (o direito de espernear).🤔🤔

Anônimo disse...

Todo servidor que entra no site público após 2013, mesmo que tenha inciso de 20 mil se aposenta pelo teto ou paga preV. Complementar para ganhar um pouco mais. Para de choro mil içada please

Anônimo disse...

Que história impressionante....Vc devia escrever um livro, 2° Sgt 2002. Ia virar filme e ganhar um Oscar.

Anônimo disse...

Essas notícias são apenas inquietações injetadas pela esquerda. A idéia é criar discórdia e tumulto dentro das FFAA. Serviço de contra-inteligência. Lembrem-se, as FFAA é o último bastião da Nação, qquer abalo, provocado pelos esquerdopatas, será uma vitória. Sejamos conscientes, tenhamos calma, esperemos pelo melhor.

Anônimo disse...

Chamem os paneleiros, chamem os paneleiros. Eles deviam saber o que estavam fazendo.
Chegou a hora de nos mostrar.
Se for para isso, não acredito?
Noto que são os mesmo que falam do militar melancia. E agora?
Nos mostrem por que bateram panela, precisamos ouvir.
Meus amigos, entendam bem, não precisávamos estar passando por essa humilhação. Não foram nesses corruptos em que votamos. Os outros (corruptos), que tínhamos votado, eram mais justos e não nos faziam mal.

MESSIAS DIAS disse...

Engraçado,
E os militares das Forças Armadas, ainda acham que BOLSONARO e os Deputados Federais, da bancada da bala (PF, PM, PC e PRF) nos representa.
Representa nada.
BOLSONARO com toda a família mamando nos cargos eletivos, propostas zero para a Tropa, ainda mais com o seu alinhamento com Generais e Oficiais Superiores.
Os Deputados federais oriundos das polícias, aprovando diversas medidas em benefício de suas classes. Vide Deputado Capitão Augusto da PM SP, enganando um monte de idiotas das Forças Armadas, com o papo de Partido Militar do Brasil; mentira; o nome correto é Partido da Polícia Militar do Brasil. O Bombeiro Cabo Daciolo, uma piada, mas os militares das Forças Armadas no Rio de Janeiro votam nele.

A realidade é que esse bando todo está se lixando para os militares das Forças Armadas. Vão aprovar tudo no Congresso Nacional contrário a nós.

HIPÓCRITAS!

"É A VERDADE QUE ASSOMBRA, O DESCASO QUE CONDENA, A ESTUPIDEZ É QUE DESTRÓI"

Sgt 2003 disse...

concordo com o 2ºsgt 2002

planejem galera, o teto será melhor. Qual a certeza de sairmos QAO?

a minha turma já tem 25% do efetivo fora, muitos foram pras PM etc.

eu tb estou estudando, e vou passar.

mas se por ventura não sair logo já planejo a vida na reserva com 30a mesmo no proporcional (tempo de guarnições especiais e vida civil).

Anônimo disse...

Kkk as FAs apoiou esse golpe e agora estamos levando fumo! Esse déficit da previdência pilantragem pois é uma importante fonte de lucro para banqueiros!

Anônimo disse...

Um amigo comentarista disse que as "FFAA são o último bastião...". Acho que são os principais... BESTÕES da Nação. Acreditam nas "boas intenções" do governo e seus comandantes e só se ferram.

Anônimo disse...

É muito fácil fazer qualquer mudança e meter a mão no bolso dos militares das Forças Armadas, que nada dirão ou farão. Quero ver é mexer com os PM.As forças auxiliares serão as mais beneficiadas. As Forças Armadas? Calados, amordaçados.

Essa 93 disse...

Existe previdência complementar. Na prática eles iam pagar 500 por mês para ter acesso ao resto da previdência. Estude

Essa 93 disse...

Todos federais civis tem teto já faz anos. Eles pagam uma merreca a mais de previdência para ter acesso ao outro resto do salário(prev complementar)

Essa 93 disse...

Aleluia alguém pensante. E os oficiais e praças que ganham mais de 5 e pouco podem contratar previdência complementar para ganhar a fatia que passar do teto. Na prática é uma merreca a mais

Anônimo disse...

Quero só ver essa, pq atinge os oficiais esse teto. A MP do mal na época nem fez cosquinha nos generais.

Anônimo disse...

Desprezam a vida toda as outras polícias e ainda queriam ajuda??

Anônimo disse...

Não sei porque tanto mimimi. O S Ten e SO ganham R$ 5.500,00, o teto da previdência. Mas e o General que ganha R$ 15.000,00? Dou minha cara para bater se o FAM POUPEX já não está se transformando em previdência complementar para oficiais. E quem vai pagar essa previdência? Os juros das pracinhas endividadas.

Anônimo disse...

Gostaria de lembrar que o maior posto é de Oficial General. O teto é dele o STen vai receber uma meia parede e um terceiro um rodapé e olhe lá. Essa é a verdade. Teto é o máximo.

Anônimo disse...

Ao anônimo de 26 de janeiro de 2017, às 10:37: Golpe? Que golpe? Está falando do golpe que a Petrobras levou, durante quase 13 anos, da quadrilha comandada pelo PT? Ou do golpe que a ex-guerrilheira aplicou na mente dos brasileiros na campanha eleitoral de 2014, em que mascarou as pedaladas fiscais de bilhões de reais e todos os outros sintomas da crise econômica - prometeu até que a conta de luz continuaria abaixando! - só para se eleger? Você acha que seria melhor com mais 3 anos de Dilma??

Anônimo disse...

Concordo. Apoiamos e agora levamos fumo.

Anônimo disse...

Quero ver general Coronel ir de pijama com 5 mil...capaz...

Anônimo disse...

Para a troca de presidentes vale a fala de Charles Dickens para a revolução: "Foi o melhor dos tempos, foi o pior dos tempos." , para nós, está prometendo o pior dos tempos. Difícil é admitir isso, retirar os Petralhas não melhorou no geral, e no nosso caso promete ser pior.

Anônimo disse...

Concordo ,só falta melhorar significativamente esses salários vexatórios!!!

Anônimo disse...

Com certeza.

Anônimo disse...

Esta conversa de teto de pouco mais de 5,5 mil reais não entra nem na cabeça de um jumento. Então todos os militares irão aceitar este vendo senadores, deputados, governadores, prefeitos, vereadores, terroristas e todos os outros ganhando muito mais?
Eu duvido que isto seja verdade. Na realidade estão querendo tirar o foco do aumento do tempo de serviço e usam este ardil de teto salarial ridículo.
Não percamos tempo discutindo chifre em cabeça de cavalo. O que interessa discutir é o aumento do tempo de serviço para aposentadoria sem nenhuma contrapartida.
O próprio Temer já declarou que "OS MILITARES TIVERAM OS SEUS SALÁRIOS MUITO TEMPO HIBERNANDO".
A hora é de reivindicar um reajuste salarial que nivele os nossos salários aos das PMs de todo o Brasil.
A que ponto nos levaram. Reivindicar isonomia com a Polícia Militar.
Dá para se comparar a formação de um oficial da FAB. Marinha ou Exército com a de um oficial PM de algum estado brasileiro? E os cursos para ascender na carreira?

Anônimo disse...

Acho não. Tenho certeza que nós não seriamos jogados no INSS.

Anônimo disse...

Certo. E no alojamento silênciooooo.

Anônimo disse...

O meu edital de mais de 20 anos atras dizia que eu iria sair Cap QAO teria LE 1% e tudo mais...porém fizeram uma transformaçao pra pior. Lancem agora um edital para essa galera geraçao Google para entrarem na carreira e ser igual ao inss no fim d vida. Pode mudar...mas muda pra quem entrar ano que vem em 2018. Coloca o teto pra eles ! Serio ...nem eu queria pretar esse concurso...so se pagar 8.000 para um 3 sgt na ativa e ao longo da vida comprar imoveis...e quando chegar a Sten simples pode me mandar com o teto poos nem do governo vou precisar. 3sgt 8.000 2.sgt 11.000 1sgt 14.000 St 17.000 poxa ....faço meu pe de meia facil...é isso que acontece com os analistas e auditores da Recwit federal. Assim se um militr quiser ir acima do teto paga uma previdenci privada e escolhe se vai com 25% , 50,%, 75% ou 100% a mais em relaçao ao teto...mas ai o militar tera como pgar pois vai ter seu ptrimonio alugado...e eu com salario de fome a vida toda como vou fazer agora !

Anônimo disse...

Boa Tarde
Relutei dois dias em postar esse comentário, com medo dos S2. S2 das antigas que ficam de leva e trás pros Cmts. Pensei e repensei e avalio que não seja nenhuma ofensa expor meus sentimentos. Meus caros amigos de farda, 40 anos para receber integral não dá, é muito para um pracinha que vive tirando serviço toda semana, é muita missão pra um praça. Pra um general é louvável, pq ele já passa isso quando chega ao generalato. Mas minha idéia, é criar uma "vaquinha" eletronica, tipo aquela que arrecadaram pro Lula. Sei que aqui tem gente que consegue fazer um video, eu queria que fosse institucional, mas infelizmente não pode, então que seje informal mesmo, e com esse dinheiro fosse pago uns 30segundos de propaganda na Globo, em horário nobre, mostrando todo o nosso trabalho, (Engenharia de Construção, Patrulhamento de Fronteira, Aeroportos, Haiti, Favelas, Olimpiadas, Copa do Mundo, Combate a dengue, e outras missões como agora a do presídio, substituição das PMs quando entram em greve) e todas os nossos sacrifícios, sem FGTS, sem greve, sem trabalho para esposas, sem adicional disso e daquilo). Jogar limpo, mostrar a realidade, como era os governos militares. Acho que 30 segundos não dá, mas uns 60 min acho que daria pra mostrar isso tudo. E isso seria uma maneira de pressionar o governo e trazer a opinião publica para o nosso lado. Sinceramente não sei nem quanto custa 1 min da madrugada na globo, imagine no horario nobre. Mas sei que tem muitos Sgt/Of empresarios que poderiam fazer suas doações, e nós também poderiamos doar, sei que estamos na merda, 10,00 a mais ou menos não vai nos afundar mais ainda. Gostaria de apoio dos Srs, não seria nada ofensivo, apenas vamos mostrar o que fazemos e o que o governo faz conosco. Seria a nossa contrapartida
SELVA

Anônimo disse...

Resumiu tudo em uma palavra: DESPRESTÍGIO. Excelente comentário.

Anônimo disse...

É a velha história do rei e o prisioneiro. "Um rei prendeu injustamente seu súdito, e este não se conformava em ficar na cadeia. Para piorar a situação, o rei mandou também prender um bode fedorento na mesma cela. Então, o prisioneiro não aguentou e protestou para que tirassem o bode, o que foi feito, e daí em diante ele continuou preso sem reclamação alguma."
Parece ser esta a tática que está sendo aplicada no caso dos militares.

Anônimo disse...

Eu não elegi esse governo que esta ai! Não acho certo um governo que não foi eleito pelo povo, querer empurrar goela abaixo essa tal reforma da previdência as custas dos militares...Somos diferentes por ter regime diferentes dos civis. Agora, não sera justo igualar ao regime previdenciário atual só por causa de uma verdadeira má administração e uma péssima gestão por parte do governo.

Anônimo disse...

40 anos de serviço para um Oficial é mole, porque eles quando são promovidos a Capitão-de-Corveta, no caso da Marinha, já saem da escala de serviço. Praça vai até o fim da carreira dando pau.

Anônimo disse...

Com isso vai acabar com a dedicçao exclusiva porque com esse salario ja ta dificil e com teto vou ter que começar a trabalhar para consehuir meu teto. Entreguei minha vida perdi minha adolescencia e tenho VERGONHA de ter escolhido essa carreira...fazem o querem conosco e nao tem um homem de verdade para dar a cara e defender a classe. Rodo dia leio esse blog e ensino aos meus filhos para nao cometerem o erro que cometi..destrui minha vida e luto para nao destruir a vida dos meus filhos...vendo pastel na feira e sou pintor para pagar um estudo melhor para as crianças. Uso antidepressivi para nao pensar besteira !

Anônimo disse...

40 anos de serviço para receber o teto do INSS, sem ter hora-extra, adicional noturno, adicional de periculosidade, horário de trabalho definido, sem poder fazer greve e tudo mais, a carreira militar só servirá para os mais desqualificados da sociedade. Acho que aí melhora porque a hierarquia e disciplina vai pro barro.

O problema dos militares é que um fica olhando para cara do outro esperando sempre que o mais antigo faça algo.

Pode ter certeza, o governo irá publicar outra medida provisória e aí nos restará ficar só lamentando.

Quem está com mais de 30 anos de serviço não irá mexer um agulha para evitar isso, já que tem direito adquirido.

Até pouco tempo a trás, pensava que a carreira militar como oficial seria uma boa para meu filho, mas já visualizo que isso seria um pesadelo para ele. Não quero algo tão ruim para ele.

Que Deus abençoe nossa classe!

Anônimo disse...

Tenho lido que os militares aqui dizem ser difícil passar o Teto, pois iria afetar principalmente os Oficiais. Os oficiais estão preocupados com isso, mas já está em trâmite a solução.

Boatex do Gabinete: Saibam que em 2022 terá uma reestruturação na carreira dos militares, com a desvinculação de carreira dos Graduados com a dos Oficiais.

Serão duas carreiras, e elas não irão se encontrar (como ocorre nos EUA).
Provavelmente o Topo da carreira dos Graduados, será soldo compatível com o de Major.

E esta é a solução do teto dos Oficiais, para que não sintam muito afetados:

Existirão dois Tetos, uma para cada "carreira".
A do Oficial, muito provavelmente terá um bom Teto.
Quanto a dos Graduados, com um pouco de Reflexão já podem imaginar se será um teto bom ou ruim...

O Teto é certo que irá ocorrer, mas não talvez neste ano.
Vão esperar o próximo governo.

E precisam de tempo para realizar esta desvinculação.

Anônimo disse...

AO Anônimo de 26 de janeiro de 2017 17:35:
.
.
.
posta agência e conta corrente pra esse projeto, que tô dentro...
e tem mais gente que vai apoiar, viu?
ST

Anônimo disse...

Eu topo

Anônimo disse...

Parabéns pela sinceridade. Aqui na unidade essa sua percepção é expressada com o silêncio sepulcral dentro do alojamento sobre política. Bem diferente de 6 meses atrás.

Anônimo disse...

Concordo!!!

Anônimo disse...

Kkkkkk que piada...ninguém dá a mínima. Vcs acham que são grandes coisas...

Anônimo disse...

desde 2009 quando entrei escuto essa de reestruturação em 2022.

Anônimo disse...

Do jeito que as coisas estão caminhando, vai ser decidido que o Teto será o salário mínimo.
Tá na hora de parar com essa palhaçada, não somos culpados pelo descontrole desses governos de corruptos e de imcompetentes.
Merecemos respeito por toda a tradição de nossas Forças Armadas.
Pátria, Brasil

Anônimo disse...

Kkkk
Anônimo de 07:41,
Obrigado pela dica, mas posso lhe afirmar que já estou escrevendo.
Logo poderei divulgar aos amigos do blog e trata justamente da parte motivacional do militar recém egresso das formações.

Fui motivado pela Professora Doutora que foi a orientadora na minha defesa de monografia dá minha pós.

Trabalho este que foi publicado e que serve de modelo para as novas turma.

O livro está quase saindo, e terá um pouco as observações motivacionais colhidas aqui e em outros informativos militares.

De qualquer forma, obrigado pela diga.

2° Sgt 2002

Anônimo disse...

sabe o que isso significa (NÃO TEMOS COMANDANTES) Só isso.

Anônimo disse...

Eu começo a achar graça quando vejo alguns desses muitos celerados que ainda existem, cobrarem que façamos serviços fora do expediente em razão da tal dedicação exclusiva. Simplesmente não dá mais... quando chega o início do mês, a prestadora de energia elétrica, de água, o dono do imóvel que alugo não querem saber se me dedico exclusivamente a alguma coisa e sou mal remunerado... eles querem receber o pagamento e pronto... então, a solução é se virar por fora para complementar o soldo. Ou vendendo lanches, ou como taxista, segurança de boate, personal trainner, buscando e revendendo muamba do Paraguai, lecionando em cursinhos ou faculdades, etc. A sorte dos nossos chefes é que não existe previsão de guerra, pois certamente, os primeiros projéteis disparados seriam destinados a eles.

Anônimo disse...

As Forças Armada fazem guardas de 24 horas, ou seja, 3 períodos de 8h direto e ao amanhecer o dia se forem rápidos conseguem tomar um banho antes de começar outro período e 8 horas de instrução do recruta. Ou seja, 32 horas direto no trabalho. Enquanto a PRF e Policia Federal são compensados por folga ou hora extra para reparar períodos maior que suas 8 horas diárias. Uma carreira especifica para os servidores especiais constitucionalmente. Operam diferente usando o mesmo que trabalhou na madrugada para dar instrução de dia. Para economizar para nação, mantendo a guarda das armas nacionais e instrução dos recrutas com o mesmo pessoal, sem aumentar o efetivo. Economizando em horas extras. Simplesmente é assim. Hoje a compensação deste trabalho é dada no final da carreira quando saem do serviço ativo e permanecem na reserva pronto com um plano especifico. Precisamos divulgar isto aos jornalistas que não tiveram a oportunidade de servir e conhecer o trabalho de troca dos postos de 2 em 2 horas na madrugada, ronda, ficando assim só este efetivo reduzido tomando conta de tudo para pátria. Jornadas (especifica) diferentes dos civis federais. Isonomia salarial com outras carreiras federais é o mínimo.

Anônimo disse...

Os militares que estão na ativa e já alcançaram os 30 anos de serviço estão mais tranquilos, não serão atingidos em nada, (isso se caso os militares forem mesmo atingidos pela reforma da previdência), pois o direito adquirido os ampara, ou seja, é cláusula pétrea. Isso engloba o universo dos oficiais Generais, da maioria dos Coronéis e também de grande parte dos oficiais do QAO, QCO e de alguns Subtenentes, mas não todos. Esses citados não correm o menor risco de serem prejudicados. Porém a enorme maioria do universo dos militares(90% ou mais de todo efetivo profissional) que estão na ativa e estarão abaixo dos 30 anos de serviço após a reforma passar a valer, devem ficar mais preocupados, pois podem ser atingidos em cheio. Mas sinceramente não creio na aprovação que inclua um teto do INSS para os militares....o governo embora sonhe com isso, sabe que não pode cutucar a onça com vara curta...mudanças deverão acontecer sim, como a passagem do tempo de 30 para 35 anos e outras coisas...mas o bicho não será tão feio como pintam...grande parte dessa imprensa, ou midia como queiram chamar, são em sua maioria esquerdistas e sempre odiaram as FFAA...colocam em suas manchetes noticias sensacionalistas e mentirosas justamente para mexerem com o psicológico dos militares...repararam que eles nunca colocam o nome de alguém do governo que tenham declarado isso ou aquilo?? Usam sempre a expressão de uma tal de "fonte segura"...ou de "alta autoridade palaciana" e etc...Apesar de serem tradicionais meios de comunicação como a "Veja" ou a "Época"...eles não batizam os "os pais" de tais declarações...portanto não acreditem em tudo que essa mídia que nos odeiam escrevem....calma, fiquemos atentos sim, mas não tomemos decisões precipitadas que possamos nos arrepender depois. Aqui todo mundo fala o que quer, e essas foram as minhas considerações. Um abraço a todos.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics