23 de março de 2017

MS: Canadá tem interesse em ajudar o Estado a patrulhar fronteiras

COMBATE AO TRÁFICO
Canadá tem interesse em ajudar o Estado a patrulhar fronteiras
RENAN NUCCI0
Mato Grosso do Sul pode receber ajuda do Canadá no combate ao tráfico de drogas nas fronteiras com Bolívia e Paraguai. O interesse foi declarado pelo embaixador canadense no Brasil, Riccardo Savone. Ontem, ele participou de reunião com o governador Reinaldo Azambuja e o secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, José Carlos Barbosa, além do governador de Mato Grosso, Pedro Taques.
O apoio se daria por meio de investimentos em aparelhamento e modernização da polícia, treinamentos, troca de experiências e de dados sigilosos. Parceria assim ocorreu durante os jogos Olímpicos do Rio 2016, quando o governo canadense também cedeu à Polícia Federal equipamentos de detecção de armas químicas, biológicas e nucleares, a fim de prevenir ataques terroristas.
O interesse do Canadá se dá em razão do fato de que boa parte da maconha e cocaína que entram no Brasil por território sul-mato-grossense, vindas do Paraguai e Bolívia, chegam à América do Norte, potencializando problemas de saúde e segurança nos países daquela região.
A reunião com o embaixador ocorreu durante o 2° Encontro de Secretários de Segurança Pública, realizado em Campo Grande. Savone destacou o trabalho feito na fronteira de seu país com os Estados Unidos, no que se refere ao combate ao tráfico. Segundo ele, as experiências promovidas lá serviram como ponto de partida para ação internacional estendida também à Colômbia, Peru, Equador e Bolívia, grandes fornecedores de cocaína. “Estas operações preventivas garantem a soberania e a prosperidade das nações, diante do crime organizado”, disse.
CORREIO DO ESTADO/montedo.com

8 comentários:

Anônimo disse...

Incompetência total! Se não somos capazes de cuidar dos galinheiros do nosso quintal, que dirá dos ratos.

Anônimo disse...

Sei não. Meio esquisito isso. As drogas entram pela fronteira da Bolívia e vão para o Canadá pelo Brasil? Não é impossível, claro, já que podem sair por Tabatinga ou via Venezuela, mas também podem sair da Colômbia, Peru, Venezuela direto pra lá. Mesmo com a presença forte dos americanos na Colômbia e América Central, o "término" das FARCs, os traficantes não se intimidam. Será bom se o Brasil ganhar conhecimento e tecnologias.

Essa 93 disse...

Enquanto isso o exército preocupado com coquetel e pnr em Corumbá

Anônimo disse...

Todo mundo querendo um pedaço! A coisa agora corre solta!

Anônimo disse...

Pantanal...água abundante, rico em minério, flora e fauna. Será esse o verdadeiro interesse?

Léo disse...

Uma vergonha deplorável...O Brasil da roubalheira , INSTITUCIONALIZADA, precisar de apoio do Canadá para se equipar em segurança.Uma vergonha.Se os políticos safados, ladrões, vagabundos, ordinários,lixos e criminosos que saqueiam o país ,há 32 anos, não tivessem formado a MAIOR ORGANIZAÇÃO POLÍTICA-CRIMINOSA para ARROMBAREM O BRASIL, certamente jamais precisaríamos ouvir uma proposta destas.Arrombaram o Brasil! Hoje o Temer anunciou que ,além dos R$ 140 Bilhões de reais previstos de déficit no Orçamento Brasileiro de 2017, teremos que arrumar,de qualquer jeito,mais R$ 60 Bilhões...O ROMBO JÁ ESTÁ EM R$ 200 BILHÕES.E agora que estamos em março,senhores.Isso foi checado antes da "OPERAÇÃO CARNE FRACA". Imaginem,lá em outubro,novembro quanto estará aquele ROMBO...Alguém tem dúvida de que o prejuízo,para o BRASIL,nas exportações de carnes será enorme? Vai haver mais contingenciamento,senhores.Haverá mais arrocho de quem o Governo Federal pode arrochar,congelar vencimentos.E quem os senhores imaginam que,dentro do Governo Federal, terá,mais uma vez- e não será a última- seus vencimentos congelados? Até onde vamos suportar essa patifaria no Brasil? A Dilma Rousseff ,em entrevista desta semana,afirmou, literalmente,que não deixou o"ANGORÁ" roubar ,durante o seu governo.O Angorá,senhores,para quem não sabe, é nada mais,nada menos que o ministro Moreira Franco.Ex- Governador do arrombado Rio de Janeiro.Oh estado pra ter políticos procurados pela PF.Dois ex-governadores já foram presos.Cabral,o saqueador voraz,e o Garotinho.Ora,se a Dilma afirmou que expulsou o Moreira Franco do seu governo para que ele não roubasse,pressupõe-se que ela já sabia que ele é ladrão.

Anônimo disse...

Não entendi, pelo mencionado, a droga vindo pela Bolívia se o Canadá, pelo que entendi, já atuou ou ainda atua na Bolívia. Por que essa droga, em relação a Bolívia, ainda chega ao Brasil? Então o Canadá falhou! É o Brasil com seus políticos novamente imitando o governo anterior em beneficiar alguém.

Anônimo disse...

Há pouco mais de um mês uma comitiva Norte Americana interessada nas fronteiras localizadas no Mato Grosso; e agora, o Canadá utilizando o argumento parecido no Mato Grosso do Sul.

No mínimo curioso.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics