15 de janeiro de 2016

Exonerado por criticar o Governo, General Mourão recebe maior honraria do RS

Reprodução: Correio do Povo

31 comentários:

Edi Mor Gmail disse...

A mídia gaúcha é a mais nojenta e canalha de todas. É só abrir o jornal que da vontade de vomitar...

DIEGO H disse...

Bom dia!

Fui sargento no 27 GAC de Ijuí quando o Cel, hoje Gen Mourão servia, ela não mudou nada, tem personalidade, tem moral, infelizmente como militar ele está lutando sozinho, porque nem vou comentar o resto senão meu comentário não pode ser postado.
Talvez deixando o militarismo possa ser um dia presidente desse país, eu teria orgulho de ter uma pessoa assim lá em cima. Não vim aqui babar em ninguém, mas....
Parabéns general Mourão, você é um exemplo de como esse país DEVERIA ser.

Sgt da reserva

Anônimo disse...

Título tendencioso assim como a grande maioria da imprensa (maioria, não totalidade). O Gen Mourão foi exonerado por que completou seu tempo de comando, como seria de qualquer maneira, não por punição, que se houve, foi não atende-lo em sua aspiração de ser comandante do COTER, como o mesmo por diversas vezes externou que pleiteava, mas foi para a SEF. Nenhuma das duas funções tem "tropa" como se alardeou que o haviam afastado, aliás, para 98% dos Gen Ex não existe comando com "tropa". Mas fizeram uma tempestade num copo de água, e o Gen, além de ser um excelente militar, agora virou uma "celebridade". Mereceu a homenagem do Governo do RS, pelas ligações que tem com o estado e principalmente, pelo apoio prestado pelo EB aos gaúchos, durante seu comando, sempre que foi solicitado.

Garivaldino Ferraz - Brasília disse...

O comentário que se segue, eu já havia feito na publicação original do SUL 21, mas "misteriosamente desapareceu".
Acho que o "jornaleiro" autor do texto não gostou. Publiquei de novo e espero que agora ele permaneça.
"" Mal intencionada a manchete chamando atenção para a justa homenagem prestada ao falecido Coronel Ustra, como se o General Mourão só tivesse feito isso no RS. O autor do texto poderia ter procurado um pouco a saberia que o General Mourão serviu no RS como Comandante de Unidade quando Coronel.
Como General, Comandou a Artilharia Divisionária da 3ª DE, em Cruz Alta.
Posteriormente, comandou a extinta 6ª Divisão de Exército, cuja sede era em Porto Alegre.
Agora, exonerado depois de mais de dois anos comandando o CMS, o General Mourão aguarda a data para a passagem de comando para seu sucessor.
É de destacar que em todas as missões que o General desempenhou no RS, sempre teve excelente relacionamento com a sociedade. Eis o motivo, penso, de receber a Honraria Gaúcha.""

Anônimo disse...

E... resolveu alguma coisa sobre a situação dos militares? Resolveu a dele.Mais um para tomar chazinho lá no clube.

Anônimo disse...

Publica aí Montedeo:
A Portaria nº 10, de 13 JAN 16, do Ministério do Planejamento, publicada no D.O.U, de 14 JAN 16, reajusta o Aux. Pré-Escolar que passará para R$ 321,00 a contar de 1º JAN 16, para todo o Brasil. abaixo segue o Link onde estão as legislações do Ministério do Planejamento:
https://conlegis.planejamento.gov.br/conlegis/legislacao/atoNormativoDetalhesPub.htm?id=11623&tipoUrl=link

Anônimo disse...

Anônimo 16:59, isso vale para os militares também?














Anônimo disse...

Não pega nós não....
Pois a portaria fala que para os servidores público... Classe que nós não nos enquadrados....
Somos categoria especial....
Essa aí não nos pega

Anônimo disse...

A portaria vale sim para todos os militares "O valor-teto para a Assistência Pré-Escolar, a ser pago aos servidores da administração pública federal direta, suas autarquias e fundações, será de R$ 321,00 (trezentos e vinte e um reais), com efeitos financeiros a partir de 1º de janeiro de 2016."
Art. 3º Fica revogada a Portaria MARE nº 658, de 6 de abril de 1995.
pesquuisem a portaria revogada é a base para os valores pagos pelo EB hoje
https://conlegis.planejamento.gov.br/conlegis/pesquisaTextual/atoNormativoDetalhesPub.htm?id=5219

Anônimo disse...

Vão estudar bando de desocupados. Parecem um bando de chorões! Cada um com os seus problemas! Milico não foi feito para aparecer. Milico deve apenas cumprir a missão! Os mais espertos que saíam e deixem o barco para os burros remar!

Anônimo disse...

E tem mais a portaria de 1995 revogada tinha valores por estado, agora o valor de 321,00 será para todo o país sem discriminacao, vale lembrar q em 1995 o salario minimo era de 100,00 e o pre escolar o teto de 95,00 para o DF hoje o salario minimo é 880,00 e foi para 321,00

Anônimo disse...

Esse general só abriu o bico pq com certeza já queria pendurar seus coturnos. Desde que eu entrei nas FA, nunca vi um oficial de alta patente brigar pelos interesses da tropa. Considero esse Sr. uma versão militar de Joaquim Barbosa que fez o seu teatro e do nada saiu de cena. Só tolos acreditam que existem pessoas de boa índole nesses cargo de confiança. Ele quis fazer sua propaganda antes de ir para a reserva.

Anônimo disse...

Selva !!!! Merece toda honraria !!!!

Anônimo disse...

http://blogs.oglobo.globo.com/ancelmo/
Governador de Sergipe muda nome de escolas que homenageavam militares

por Ancelmo Gois

16/01/2016 08:00
Lá na minha terra
O governador Jackson Barreto, um ex-preso político, mudou os nomes das escolas públicas estaduais de Sergipe que homenageavam os militares do golpe de 1964.
O Colégio Castelo Branco passou a ser chamado Professor Paulo Freire — aliás, Freire teve seus direitos políticos cassados por Castelo. O Colégio Médici passou a ser chamado de Nelson Mandela e por aí vai.

Anônimo disse...

Claro que essa nova Portaria da Assistência Pré-Escolar vale para os militares, pois a outra foi revogada. Se não valer, então agora não iremos receber mais nada, pois foi revogada a portaria anterior.

Anônimo disse...

É impressionante que ainda tem gente que reclama da atitude do general "pq ele já ia pendurar os coturnos ". Essa anta desse comentário deve ser general de exército pra saber o que se passa lá em cima. Burrice é realmente uma virtude.

Anônimo disse...

Militarismo no Brasil, República-do-Jeitinho-Brasileiro, é uma grande farsa. Somos vistos como um mal desnecessário e caro à sociedade, porque a mídia e os formadores de opinião de hoje, são compostos pelos subversivos de ontem, lógico, qualquer um que não receba R$ 35,00 e um sanduíche de mortadela (sem queijo) para protestar sabe disso. Porém somos plateia cativa e conivente de um estado democrático inexistente. Cmts amigos íntimos dos maiores inimigos de qualquer estado democrático (comunistas) cobram valores básicos da tropa, e servem sacerdotalmente a um governo corrupto,de olho em benefícios pessoais futuros.
Cada vez mais me convenço de que na "República das Bananas", a honra tem preço. Enquanto os CMTs afogam uma tropa maltrapilha e mal paga (ganhando menos que PM) em combates imaginários, país azul X pais vermelho, fazendo trabalho de outros servidores melhor remunerados e ineficientes (zoonoses, dengue, reservas indígenas...), armas e drogas entram pelas fronteiras, ONGS travestidas de humanitarismo dessangram nossos mais valiosos recursos na região amazônica, movimentos chamados populares tomam vulto abaixo "dos narizes" de nossa ineficaz inteligência (que serve para rastrear Facebook do público interno). Não vou entrar na questão política. Quando um se levanta alguns tremem, fico imaginando quantos mais tremeriam, se mais se levantassem. Essa nação, e principalmente essa tropa, que não mostrou ainda para que serve ou existe, precisa urgente de mais Generais Mourões.
2 Sgt

Anônimo disse...

Após ler os comentários, faço os seguintes comentários:

1) O Gen Mourão apesar de já está a frente do CMS a quase 2 anos (que é o que normalmente um Gen 4 estrelas fica nos Comandos de Área) foi exonerado SIM por ter falado o que falou, isso foi confirmado pelo Gen Vila Boas, que ainda afirmou que "...quem fala em nome da Força é o seu Comandante".

2) Essa onda de esclarecimento dos períodos autoritários/ditatoriais como queiram aconteceu e está acontecendo em todo o mundo. Vide os crimes cometidos na antiga Iugoslávia que deu origem a vários países, como: Montenegro, Kosovo, Croacia, Servia, etc, lá todos os militares envolvidos foram processados e presos pelo Tribunal Penal Internacional.

3) Na America do Sul já aconteceu no Chile, Uruguai, Argentina, etc..
E só lembrando foram punidos os nazistas na Alemanha e os Facistas na Italia e Espanha.

4) Então meus caros é questão de tempo para o Congresso Nacional derrubar a Lei da Anistia e os militares e civil agentes de Estado no período militar, mortos ou vivos, serem julgados e condenados.

5) Lembrando que essas providências não podem serem imputadas ao PT, Dilma ou Lulla, o Brasil faz parte da ONU e assinou e ratificou os tratados internacionais que cobram esses esclarescimentos ainda na década de 1990 se não me engano, portanto, essas mudanças de nomes de pontes, ruas, escolas, etc.., é apenas a ponta do iceberg.

OBS: Para fazer parte do tão sonhado Conselho de Segurança da ONU o Brasil terá que tomar essas providências se não nem terá chance. Assim é o mundo: Mando os Americanos (ONU) e obedece o 3º Mundo.

S Ten Infa Brasil!

1 sgt inf disse...

Concordo...mas kd o nosso glorioso exercito q ainda naum se manisfetou para esclarecer essa situaçao. Estamos em cima de mandar o pagamento e os quarteis naum sabem de nada...eh impressionante! !!!

Anônimo disse...

Se for assim, companheiro! Que os dois lados sejam punidos, inclusive estes que estão no poder.

Anônimo disse...

Complementando o comentário do dia 16 de janeiro de 2016 13:52 e respondendo ao Anônimo do dia 16 de janeiro de 2016 23:21:

6) Não existe punição ao "outro lado" no modo como as coisas foram construídas pelos tratados internacionais, assinados e ratificados pelo Brasil. Os crimes cometidos pelos "subversivos" do período 64 a 85 são considerados "crimes comuns", todos foram processados pela justiça da época "já pagaram" seus crimes e mesmo assim hoje todos já estão prescritos, é só ver o Código Penal e Código de Processo Penal. Acontece que nesses mesmos tratados internacionais os crimes praticados pelos "agentes militares/civis de Estado" são definidos como crimes de tortura e esses pelos tratados não prescrevem. Hoje o Direito Penal Internacional entende que em 1964 houve um Golpe de Estado praticado pelas Forças Armadas com a participação de Civis contra um governo eleito democraticamente e nessa situação é legítimo quem quer "lutar" para restaurar a "Democracia". Assim toda essa turma Genoíno, Dirceu, Dilma, Gabeira, e outros, para o Direito Penal Internacional são os "heróis" os "mocinhos" que tentaram salvar o Brasil. Lembrando a Argentina, Chile e Uruguai já passaram pelas mesmas fases que o Brasil passa com relação a esse assunto.

7) O único empecilho no momento para os "agentes militares/civis de Estado" do período não terem ainda sentado no banco dos réus é a Lei da Anistia (LEI No 6.683, DE 28 DE AGOSTO DE 1979) e a decisão do STF que afirma que a referida Lei anistiou os "dois lados". A Lei da Anistia pode vir a ser revogada pelo Congresso Nacional e a Decisão do STF com mais uns Ministros Bolivarianos também. Vale lembrar os Organismos Internacionais de Direitos Humanos não reconhecem a Lei da Anistia para os "dois lados", para esses órgãos só os "subversivos" estão amparados por essa Lei. A ONU, OEA e outros fazem pressão constante para que o Brasil derrube essa Lei e puna os "agentes militares/civis de Estado".

8) Em alguns países os Governos e Forças Armadas pediram desculpas/perdão as famílias dos mortos/desaparecidos nesses períodos autoritários/ditatorial, foi assim na Espanha, porém lá as famílias dos mortos e desaparecidos que lutaram contra o Fascismo do Ditador Franco não receberam polpudas indenizações, receberam um agradecimento do governo e bola para frente.

9) Aqui em Terras Brasílis querem a mesma coisa, o governo já pediu desculpas formais com a Comissão Nacional da Verdade, além das polpudas indenizações pagas aos familiares. Então o que falta? O pedido formal de desculpas das Forças Armadas, o que até agora não aconteceu e é a grande frustração da "esquerda", eles achavam que um governo de esquerda ia "obrigar" os "milicos" a pedirem desculpas, o que tal governo não se "atreveu" e convenhamos, acho que ele não se atreverá.

10) E Sim, como o Brasil assinou e ratificou vários tratados internacionais tem que segui-los, sob pena que sanções possam serem impostas por esses organismos, ONU, OEA, etc. Imagina a ONU proibindo o Brasil de exportar carne, ferro, soja, seria um desastre. Vide o que está acontecendo com as sanções (por outras causas) impostas a Russia, Irã, etc.

S Ten Infa Brasil!

Anônimo disse...

Ao S T Infa, Acho que não devemos pedir desculpas alguma, muito menos aceitarmos que companheiros sejam julgados, por comissões orquestradas.Você nunca entrou numa selva atrás de guerrilheiro, nunca combateu subversivo, terrorista. Você nunca viu companheiro seu ser abatido por tiro ou ser explodido por ação desses calhordas. Você não viu como ficou o Sd Mário Kozel, não viu como ficou como ficou o Ten Alberto Mendes Jr, não viu como ficou o Maj Martínez. Eu vi e vivi tudo isso.Você, ST Inf, é mais um desses que só fica solapando a Instituição, procurando afogar as mágoas e a sua covardia em não pedir para ir embora. Vamos respeitar a coragem e a determinação daqueles que combateram essa corja de terroristas. Outra coisa, dizer que essa cambada de terroristas foi julgada e já cumpriu a pena, não é verdade. Muitos crimes e atos terroristas ficaram impunes. Não queira mudar a história, eu vi e vivi essa época. Para seu conhecimento, boa parte desses terroristas fugiram do País para não serem presos, ou seja eram fugitivos e não exilados e coitadinhos, como falaram para Vc, S T Inf (Se é que vc não sabe disso). Me aponte um decreto de exílio dessa cambada, a começar pelo J Dirceu (este mesmo do mensalão, da lava jato etc), que foi trocado pelo embaixador sequestrado. Então, S T Inf, vá estudar mais, deixa de ser recalcado, OK

Set Inf Guerra na Selva

Anônimo disse...

Ao Set Inf Guerra na Selva, comentário do dia 17 de janeiro de 2016 09:36:

11) Vi que você leu e não entendeu o que está escrito, sugiro ao Senhor ler novamente. Eu entendo muito bem a história e sei do que os militares livraram o Brasil, NÃO SOU FRUSTRADO, RECALCADO ou outro adjetivo que você usou ou quiser usar para DESQUALIFICAR. Sugiro ao Senhor, que disse ter vivido a época e embrenhado na Selva, a ajudar a manter elevado o tom da discussão, possibilitando que outros militares e civis que acessam ao Blog discutir e esclarecer esse assunto, principalmente agora contando com alguém que viveu (Set Inf Guerra na Selva) aqueles momentos e pode engrandecer a discussão.

12) Em momento algum disse que DEVERÍAMOS pedir desculpas, disse que isso é o que "outro lado" almeja e é o que consta nos Tratados Internacionais os quais o Brasil assinou e ratificou, caso queira pesquisa no site da ONU (Organização das Nações Unidas), OEA (Organização dos Estados Americanos) ou mesmo em pesquisas livres na internet.

13) Tudo o que você relatou sobre (... nunca entrou numa selva atrás de guerrilheiro, nunca combateu subversivo, terrorista. Você nunca viu companheiro seu ser abatido por tiro ou ser explodido por ação desses calhordas. Você não viu como ficou o Sd Mário Kozel, não viu como ficou como ficou o Ten Alberto Mendes Jr, não viu como ficou o Maj Martínez. Eu vi e vivi tudo isso.), nós os militares de hoje RECONHECEMOS e VENERAMOS a esses nobres colegas aos quais você se inclui (afirmação sua).

14) Acontece, INFELIZMENTE, o que VOCÊS fizeram naquela época era HEROÍSMO tanto para os militares, como para a sociedade civil, hoje para os militares de ontem e de hoje continua SENDO, mais para a SOCIEDADE CIVIL viramos TORTURADORES, OCULTADORES, etc. Aquelas mesmas instituições se calaram e abandonaram os envolvidos naquela época, vide o calvário sofrido pelo Cel BRILHANTE USTRA, perseguido até a sua morte.

15) Caro Set Inf Guerra na Selva, aqui coloquei a REALIDADE DE HOJE, não falei de política (esquerda ou direita), etc, FEROCIDADES e FRUSTRAÇÕES nos comentários não colaboraram na defesa dos atos praticados por quem arriscou ou deu sua vida para defender o Brasil dos COMUNISTAS, LADRÕES, etc.

15) Quanto ao seu conselho (... vá estudar mais, deixa de ser recalcado, OK.) já sigo ele a muito tempo, por isso consigo entender o mundo em que vivemos, "não basta ter vivido uma história e não consegui situá-la no mundo de hoje", esse é meu conselho para o Senhor Set Inf Guerra na Selva, pois, não será com os conceitos "atrasados" que defenderemos os feitos dos militares do passado.


Set Inf Guerra na Selva



Anônimo disse...

esse cara de 17 de janeiro de 2016 15:51 não é militar. É algum comunista infiltrado no blog. Vide sua assinatura. ele criticou o Set Inf Guerra na Selva e tb assinou com Set Inf Guerra na Selva.

Anônimo disse...

voltando a Portaria de Assistência Pré-Escolar (que é mais importante), alguém sabe informar se o CPEx já vai pagar no mês de fevereiro ou só vai pagar em março, juntamente com a diferença?

Anônimo disse...

S Ten Inf, "Situar a história no mundo de hoje", ou seja, mudar a história para atender os interesses dos terroristas de ontem, atuais saqueadores da nação de hoje. A história tem que se situar é no mundo da sua época. Quer dizer que temos que ir mudando, ou melhor contando a história ao sabor da época e dos interesses dessa corja de terroristas que você tenta, de forma dissimulada tenta defender? Vou dizer mais, você, S Ten Inf não é milico, na verdade você é comunista infiltrado no Blog.Outra coisa, a sociedade não nos transformou em ocultadores e torturadores, quem prega isso é essa cambada esquerdista bolivariana, que você deve fazer parte. Quer saber onde tem torturador, paredon,ocultadores, vá para Cuba! Suas colocações dá a entender que devemos pedir desculpas sim, diz claramente que nossos companheiros devem ser julgados, que a lei da anistia deve ser revogada, ora é só ler o que você explanou nos itens 7, 8 e 9. Depois com o cinismo, que é próprio dos esquerdistas comunistas, diz que em momento algum falou para pedir desculpas. Veja a contradição do que você afirma e sugere nos itens 6,7, 8 e 9 com o que você diz no item 12. Você não me engana não. Não queira mudar a história, transformar terrorista em herói. Bandido em mocinho. O povo não engoliu essa balela de comissão da verdade. O povo tá de saco cheio dessa corja de ladrões que fica pregando que foi torturado, que foi perseguido, que foi exilado. O Povo está preocupado é com a impunidade, com a roubalheira, com a falta de emprego, de saúde, de tudo. O problema de vocês, comunistas esquerdistas, é que quando se deparam com gente que conhece a verdade, a história, ficam sem argumentos, e tentam dizer que não disse, ou que disse mas não falou.
Sgt Inf Guerra na Selva
Sgt Inf Guerra na Selva

Anônimo disse...

Tem gente por aqui que não sabe interpretar um texto...

Anônimo disse...

Vendo a dificuldade que nos militares temos de interpretar textos e entender o que esta escrito fica fácil entender por que chegamos a situação atual.

Anônimo disse...

Concordo com seu comentário. Sofrível.

Nei Carmelita disse...

Li os comentários de "S Ten Infa Brasil" e lhe dou os parabéns pela análise real do que está acontecendo e do que pode acontecer aos militares, especialmente os envolvidos na chamada "ditadura militar". Fica claro que o STen não é comunista, mas fez um relato do que aconteceu e está acontecendo no mundo e que, perigosamente, o "cerco" vem se fazendo aqui no Brasil, vide caso do Cel Ustra que sofreu horrores sem que o Exército o defendesse. O que me parece incrível é que outros militares venham a atacar o Sub na análise que ele fez (ou não entendem português ou não sabem interpretar texto! ou ainda acreditam que são heróis e estão protegidos no mundo esquerdizado de hoje!). A situação está séria mesmo, a tal ponto que as Forças Armadas já estão à algum tempo sendo transformadas para serem "democráticas", na visão dessa gente de esquerda. O desmonte já começou: destruição de quartéis, vilipêndio do movimento de 64 e dos governos militares em todos os níveis, mudanças na formação militar, militares aliados sendo promovidos e comandando a Força, mulheres na AMAN e Colégio Militar etc Por isso é um alento e uma esperança o surgimento de um Gen Mourão que ainda possue a coragem de falar e fazer alguma coisa em prol da verdade. Pois o que a esquerda quer é impedir generais de tal envergadura. Por isso o interesse em mudar a formação militar para que outros Mourões não sejam possíveis no futuro.

Anônimo disse...

Ola o cpex não vai fazer nada amigo, quem altera valor e pede atrasados é o spp da sua OM, deve sair uma regulamentação do EB nesses dias após isso a OM poderá tomar providencias. Creio q seja assim

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics