26 de janeiro de 2016

Guerra contra o mosquito: 220 mil homens das Forças Armadas irão ás ruas em 13 de fevereiro

Ministro da Saúde diz que governo planeja atuar com 220 mil homens
LETICIA FERNANDES
BRASÍLIA — O ministro da Saúde, Marcelo Castro, anunciou que, no dia 13 de fevereiro, cerca de 220 mil homens das Forças Armadas sairão às ruas em todo o país para orientar os moradores sobre a prevenção ao Aedes aegypti, mosquito transmissor dos vírus causadores de dengue, zika e chikungunya. O governo vai distribuir ainda repelentes para 400 mil grávidas beneficiárias do Bolsa Família. Na quarta-feira, o ministro se encontrará com um fabricante de repelentes para ver a quantidade necessária e viabilidade do negócio.
— Estamos planejando colocar 220 mil homens das Forças Armadas, num dia determinado, que deverá ser 13 de fevereiro, para visitar casa por casa do Brasil distribuindo panfletos e orientando pessoas, porque temos a consciência exata que só seremos vitoriosos nessa luta se contarmos com a contribuição das pessoas. Se a população não chamar para si, uma das crises maiores de saúde pública já vivida em qualquer tempo no Brasil, nós não seremos vitoriosos — afirmou Castro.
O ministro participou de uma renião com a presidente Dilma Rousseff e um grupo de ministros do governo. Mais cedo, antes do encontro, o ministro havia afirmado que o Brasil estava 'perdendo feio' a batalha contra o Aedes.
Segundo Castro, houve uma "contemporização" do Aedes aegypti. Apesar de deixar claro que seu objetivo não era "culpar ninguém", ele lembrou que o Brasil já convive com o mosquito há 30 anos. Ele disse também que Dilma está "tão ou mais preocupada" do que ele com a epidemia de microcefalia que atinge o país e "completamente envolvida" no combate à doença. Castro descreveu como "gravíssima" a situação no país.
— Temos 30 anos de convivência com o mosquito do Aedes aegypti. Sem querer culpar ninguém, houve uma certa contemporização do mosquito. Mas agora a situação é completamente diferente, porque além da dengue, o mosquito está transmitindo a chicungunha e a zika. Não estou condenando ninguém, o fato é que o mosquito está convivendo conosco esse tempo todo. E agora não podemos perder a batalha — disse o ministro, negando que tenha levado qualquer puxão de orelha de Dilma.
Castro disse ainda que a presidente vai visitar, nesta sexta-feira, a Sala Nacional de Coordenação e Controle do Plano de Enfrentamento e Combate à Microcefalia para participar de uma videoconferência com todos os governadores do país, que estarão nas salas estaduais, para discutir estratégias de ofensiva contra o mosquito, que Marcelo Castro chamou de "inimigo número 1 do país".
— É uma ação muito difícil, porque tem aproximadamente 30 anos que o mosquito habita o Brasil e não conseguimos eliminá-lo. Ele existe em mais de 100 países do mundo e não conseguimos eliminá-lo, mas não podemos perder essa batalha —afirmou o ministro.
Castro destacou que, como não existe vacina contra as doenças, a única forma de combater a epidemia é eliminando o mosquito. Ele citou cidades que foram bem sucedidas nessa luta e afirmou que pretende estender para todo o país um programa implementado em Goiás pelo governador Marconi Perillo (PSDB), que monitora em tempo real o trabalho dos agentes de saúde pública.
O Globo/montedo.com

22 comentários:

Anônimo disse...

"400 mil gravidas do Bolsa Familia"???? parei de ler ai. Nao da pra sustentar tanta gente assim.... deveriam estar buscando emprego, trabalho, qualquer coisa.. mas vao engravidar.. ta SSSerto... Bolsa pra todo mundo... isso ai.... tem jeito nao esse país.... nao da nem pra ler mais a materia. ate o foco eu perdi... dos eternos severinos...

Anônimo disse...

— Estamos planejando colocar 220 mil homens das Forças Armadas.......
Se o ministro se refere só as FFAA do Brasil, vai pegar todo efetivo.
Nos pagam uma merreca, ainda nos exigem tarefa da Saude Pública.

Anônimo disse...

Senhor Ministro, cobre essas medidas dos governadores e prefeitos! Eles recebem verbas para isso, os militares das Forças Armadas não vão receber nada! Bom para o governo, que vai ter essa mão de obra de graça! Aí dá um reajuste de 5,5% aos militares com uma inflação acima de 10%!

Anônimo disse...

O que me deixa indignado é que ainda tem militares das Forças Armadas que defendem esse governo do PT com unhas e dentes. Nós sabemos que a grande maioria dos Oficiais vão na onda e não querem contrariar os seus chefes, mas praça, que só toma na cara e é vermelho, tem mais é que se ferrar mesmo!

Anônimo disse...

Solução fácil, mandar os militares agirem.Mão de obra barata, não precisa contratar terceirizados e vão economizando investimentos nas costas dos militares. Enquanto isso vejam o que achei:

http://www.diarioonline.com.br/noticias/para/noticia-357318-militares-cobrarao-que-governo-reajuste-salarios.html
Militares cobrarão que Governo reajuste salários:
Preocupados com a possibilidade de não terem seus salários reajustados conforme prevê a lei, policiais e bombeiros militares decidiram, em assembleia realizada na noite de ontem, apresentar hoje proposta ao Governo do Estado. Segundo o sargento Francisco Xavier, presidente da Associação de Cabos e Soldados da Polícia Militar e Bombeiro Militar, a principal reivindicação está relacionada ao aumento do salário em cima do soldo – vencimento do militar.
...“Dizer que não tem dinheiro para dar o reajuste é balela. O Estado tem receita sim. Por que não diminuiu as despesas próprias?”.

Anônimo disse...

ATENÇÃO,FORÇAS ARMADAS CONVOCADAS! A guerra é séria, a saúde em frangalhos, os vírus se alastrando e... a CPMF se aproximando, como planejado. Os governantes não estão nem ai com o povo.Quanto mais gente doente mais lucro eles dão aos grandes laboratórios e arrecadam por fora.

Anônimo disse...

Enquanto isso o ex-ministro da defesa está todo enrolado no Petrolão. Quanta servidão, quanta leniência. A tropa que lasque.

TEMOS QUE REZAR A ORAÇÃO DO PARAQUEDISTA AO CONTRÁRIO, PRA VER SE DÁ CERTO.

Já estou na reserva, no entanto, tenho dó daqueles que ainda possuem uma longa estrada pela frente, pois, a cada dia a tropa é destinada para aquilo que os outros não querem, parece a Oração do Paraquedista.
- Dai-me, Senhor, o que Vos resta,
Dai-me aquilo que os outros não querem;

- A coragem, a força e a fé, é para aqueles que pensam em pular fora desse barco que está a deriva. Salve-se quem puder, pois, os nossos chefes já estão salvos a muito tempo.

Anônimo disse...

É o bloco do Zicão ! Me leva que eu vou / sonho meu / atras do verde-oliva / só não vai quem já morreu!

Reclamam da quantidade de bolsa família paga pelo governo, e o governo está de olho na quantidade de macho à toa nos quartéis.

No fundo, no fundo a milicada gosta, é muito entediante a vida no quartel, jogo de paciência, Facebook, salas de bate papo, Montedo, fofocas, trairagem... Isso é aquilo que chamam de tempo de serviço útil.

A Dilma pode ser omissa em vários aspectos, mas no quesito ocupação de militar ela se supera.

E outra coisa, a milicada enche a boca para falar que é a instituição de maior credibilidade no Brasil, como é que você acha que se conquista essa honraria? Ficando sem fazer nada no quartel é que não é.

Parabéns ao Blocão do Zicão.



Anônimo disse...

Enquanto isso, é top top ... não temos como completar a nossa remuneração com fartas diárias. Veja as perdas desde o último reajuste em 1º Mar 12.
..............
Está faltando entendimento dos leitores e demais militares, já estamos perdendo até 31 Dez 15, 30,6849% , veja:

- O reajuste concedido em Março 12, foi referente ao PASSADO. A partir de 1º Março 12, começou a contar a inflação, okey !!!!

A variação do índice IPCA (IBGE) para o período de 01/03/2012 a 31/12/2015 é 30,6849% - (incluso as conversões de moeda)

==> Fonte
http://www.debit.com.br/indice_acumul.php?indexador=17&imes=03&iano=2012&fmes=12&fano=2015

Anônimo disse...

Amigos militares. VÃO ESTUDAR. PROCUREM NOVOS EMPREGOS, QUEM JÁ TEM TEMPO PARA A RESERVA PEDE LOGO E APROVEITEM AINDA SUA VIDA PARA FAZER OUTRAS COISAS E BUSCAR OUTRAS FONTES DE RENDA. Estou no EB a 25 anos é tempo suficiente para afirmar com muita certeza que a situação das praças do EB não vai melhorar.

Edi Mor Gmail disse...

Penso a mesma coisa...

Anônimo disse...

O governo corrupto tem 39 ministérios e nenhum planejamento. Máquina inchada e ineficaz, ai o que fazem, chamam os severinos. Só quero saber aonde eles vão conseguir 220 mil homens do EB em fevereiro, época de entressafra, pois estamos sem os pobres severinos EV, do EP muitos em trânsito e férias etc. Será que vão colocar os PTTC tbm no combate a dengue, ou os atletas de alto rendimento militares, rsrs. Essa eu quero ver. Realmente olhamos para cima e não observarmos nada, não brigam por um aumento digno e nem servem para tirar os militares de missões que diga-se de passagem não são deles. Vai sobrar Olimpíadas, Dengue, Eleições etc. Quem viver verá. Aos mais novos, estudem, pq definitivamente não há mais futuro na caserna. Estamos sem Comando, em todos os níveis, sem perspectiva, sem salário, sem motivação e o pior, o inimigo é interno. Vida que segue.

Anônimo disse...

Sugestão para o governo: criem o "Bolsa Militar", antes que a tropa venha engrossar o "Bolsa Família".

Charles disse...

http://airway.uol.com.br/saiba-como-funciona-a-carona-em-avioes-da-fab/

Anônimo disse...

Tem que colocar a vampirada que ficam tomando cafezinho e no ar condicionado PTTC (Of ST, Sgt e Cb) para combater o mosquito da dengue, só assim vão ajudar a nação e fazer jus ao que recebe.

Anônimo disse...

Cadê o corte dos ministérios e dos cargos de confiança(sic)??? Onde está a economia prometida? Será que utilizar as Forças Armadas para tudo é a solução? Agora entendi porque dizem que o governo vai dar repelente para as grávidas do bolsa família. Se forem 400 mil, com o preço superfaturado do repelente, mais dez porcento para o atravessador, etc, etc, vai dar uma boa grana desviada,e, viva ao mosquito da salvação! Graças a ele talvez volte a CPMF. As FFAA serão utilizadas em vez das secretarias de saúde, economizando bastante. Obrigado, PT e Dilma, por fazer o Brasil voltar as origens.

Anônimo disse...

Não sei aonde vão arrumar esse contigente e mesmo que arrumem duvido que o pessoal vai trabalhar nisso vao fazer bico para sustentar suas famílias

Anônimo disse...

Veja bem existe uma instituição que os PTralhas partiram para cima dela com todo força, assim como fizeram com as FFAA.

Só que esta instituição é independente, não possui generais e é sindicalizada, estou falando da Polícia Federal, a mesma que responde o governo federal à altura. Em resposta a cada sacanagem a resposta é um PTralha investigado, intimado, detido e preso. Como a própria Dilma afirmou durante a campanha salarial da entidade: ... " eles acham que tem sangue azul".

A polícia Federal tem sangue azul e as FFAA sangue de barata é uma equação simples. Como diria o Bolsonaro, tem muito afeminado que vem aqui chorar dizendo que é vítima de revanchismo, revanchismo uma ova!!!

A solução da remuneração e condições de trabalho do militar das FFAA não está na política, mas repousa no sindicalismo, representação de classe, coisa de vermelhinho capitalista esperto.

E tenho dito.

Anônimo disse...

Lindo !!!!
Agora além de BOMBRIL desse lixo de governo, agora a estratégia é sermos a PROPAGANDA E MARKETING. É só pra isso mesmo que nós somos lembrados. Pra fazer o serviço que ninguém quer fazer. Depois vem um monte de moral de cueca aqui dizer que só tem reclamão. Nós estamos de saco cheio disso tudo. Será que ninguém enxerga ???

Anônimo disse...

Eu não sabia que o Exército Brasileiro pertencia ao ministério da saúde. Que bom, pelo menos agora temos um ministério, porque o da Defesa é apenas um muro.

Anônimo disse...

Seria legal se o Ministério da saúde pagasse diárias ao militares. Assim como qualquer outro agente receberia se apoiasse outro ministério

Amauri disse...

O Dia da conscientização e COMBATE ao mosquito Aedes aegypti!!!!!!

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics