30 de junho de 2016

Conselho de Ética faz muito bem em instaurar processo contra Bolsonaro

Nota do editor
Lamento decepcionar alguns, mas concordo integralmente com a opinião do Reinaldo Azevedo.

Chegou a hora de este senhor saber que o estado de direito e a civilidade repudiam a apologia do crime, ainda que feita sob o manto da imunidade parlamentar, que não existe para proteger o crime

Reinaldo Azevedo
É evidente que a imunidade parlamentar não é um valor absoluto, seja na esfera criminal, seja na política. O Conselho de Ética instaurou nesta terça um processo contra o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) por quebra do decoro parlamentar, acusado de apologia do crime de tortura. Por quê? Ao proferir seu voto em favor do envio da denúncia contra Dilma Rousseff para o Senado, ele o fez exaltando a memória de Carlos Alberto Brilhante Ustra, reconhecido pela Justiça como torturador.
Desde logo, antes que avance, noto: este ou aquele podem até dizer que não há provas de que Ustra tenha sido torturador — afirmação que acho uma patacoada. Não interessa. Vivo numa democracia de direito. Para a Justiça, ele foi. E esse mesmo apego ao estado de direito me fez combater a tese dos que queriam rever a Lei da Anistia. Eu não combati a revisão porque achasse Ustra e outros torturadores inocentes. Eu a combati porque ela afrontava princípios do direito.
Se um deputado, numa atitude claramente política, exalta alguém que se tornou notório por ser, segundo a Justiça, torturador, é claro que está fazendo, ainda que de modo malandro, apologia da tortura — ou que a está admitindo como método eficaz de fazer política. Se não acho isso tolerável para o cidadão comum — e não acho —, tanto menos deve sê-lo para um parlamentar, que, ao assumir, jura cumprir os mandamentos da Constituição, que repudia a tortura. Sim, senhores! Processo nele por quebra de decoro!
Mas não só para ele. Pergunto se ninguém vai ter o bom senso de denunciar também Glauber Braga (PSOL-RJ), que, ao votar, o fez em nome de um terrorista facinoroso, que escreveu um Minimanual de Guerrilha em que defende, abertamente, a morte de inocentes e as ações terroristas. Refiro-me, claro!, a Carlos Marighella. A organização à qual este pertencia não via mal nenhum em matar inocentes para realizar seus propósitos políticos.
Alguns amigos, já comentei aqui e em toda parte, dizem ser preocupante que se possa punir alguém por emitir uma opinião… Ah, por opinião, também acho. Mas que opinião há em exaltar Ustra ou Marighella, a não ser fazer a apologia da violência, da truculência e da barbárie — valores que são repudiados pelos diplomas legais que os tornam parlamentares?
Espero que Glauber Braga também seja denunciado. Vamos ter, inclusive, a chance de testar a coerência dos senhores deputados do Conselho de Ética. Vamos ver se será preciso lembrar aos parlamentares as vítimas de Margihella para que, então, em consonância com o que fizeram com Bolsonaro, abram também um processo contra o psolista.
Nenhum direito é absoluto. A imunidade parlamentar não pode ser um biombo para os que pretendem cometer crimes. O senhor Bolsonaro quer defender o golpe de 1964? Que o faça! Ele tem, vejam só, até o direito de negar que tenha havido tortura no país. Pode até esbravejar porque torturadores são demonizados (felizmente!), e terroristas, incensados (infelizmente). Mais: pode fazer especulações sobre a guerra suja havida entre os porões do regime militar e os terroristas… O campo da opinião, mesmo a mais estúpida, é vasto.
Fazer, no entanto, a exaltação de um torturador, aí, meus caros, realmente não dá. Como é inaceitável que se cantem as glórias de um terrorista assassino.
Para encerrar: o STF já aceitou uma denúncia contra Bolsonaro por apologia do estupro, o que me pareceu igualmente merecido. Não são apenas os corruptos que aviltam a representação parlamentar. Este senhor tem de saber que o estado de direito repudia seu circo de estupidez e grosseria.
Veja/montedo.com

78 comentários:

Anônimo disse...

Cuidado, nobre blogueiro. Por mais deselegante que tenham sido as palavras do Bolsonaro, ele tem imunidade parlamentar. Por mais absurdo que isso seja, na constituição;
Quanto ao Reinaldo Azevedo, é notório que ele quer destruir a imagem de qualquer um que se torne ameaça ao PSDB. Reinaldo Azevedo é um notório tucano, muito inteligente, sabe usar as palavras certas para obter o convencimento de quem o ler.
Não se enganem!
De todos os prováveis candidatos, até o momento, o meu voto ainda é para o Bolsonaro. E não por ser um " ex-militar", e sim por que o discurso dele é totalmente diferente dos outros candidatos...Brasil acima de tudo!

Anônimo disse...

Concordo e parabenizo o editor, este Deputado parece qe gosta de viver envolvido em temas polêmicos.

Anônimo disse...

Jair Bolsonaro está a mais de 20 anos no Congresso e até hoje ainda não fez um projeto de lei, nem para os militares, nem para os civis.
Dinheiro público jogado fora.

Anônimo disse...

Por isso que este País está uma bagunça!!! Prefiro Bolsonaro como presidente do que os lulas e dilmas da vida! Ele, Bolsonaro, foi infeliz em dizer algumas bobagens, como o "não estupro vc porque não merece" em que virou polêmica por ele usar uma ironia contra a "maria dos bandidos". Chamá-la de vagabunda, também ele foi infeliz. Considero ele um excelente político, que nunca se envolveu nos mensalões da vida, radical naquilo que fala, e é esse tipo de político que nosso País precisa! Mas como o povo é burro, ignorante, mamador de "bolsa parasita", creio que a pátria afunde cada vez mais por conta disso!

Anônimo disse...

Se Bolsonaro valesse alguma coisa teria se esforçado para levar ao parlamento outros militares. O que ele fez? Elegeu a primeira esposa, depois um filho, depois outro e outro.

É esse tipo de nepotista que alguns chamam de "Salvador dos Militares"? Faz-me rir.

Anônimo disse...

Não lamente, chegará a hora de muito sofrimento e ranger de dentes, deixe às famílias enlutadas e para os pais e mães desempregados lamentarem, deixe aqueles que sofrem lamentarem, deixe pra lamentar em um futuro próximo. Governo e instituições éticas,probas e competentes não é sinônimo de ditadura, liberdade de escrever, falar e reivindicar não é sinônimo de democracia. Se a democracia é isto que está ai...não quero pra meus filhos e netos.

Anônimo disse...

Também concordo. Um parlamentar é eleito para representar o seu estado, ou município e não para fazer "guerra" com grupos ou assuntos que não tragam benefícios ao povo.Existem meios para combater isso. Alguns, após serem eleitos, se acham o todo poderoso, acima das Leis, e esquecem o respeito e partem para provocações e grosserias. Assim como ele, outros envolvidos nas confusões e cusparadas, devem ter seus mandados cassados.Para fazer "barraco" não precisar ganhar trinta mil, isso tem de graça.

Anônimo disse...

TRISTE CONCLUSÃO
Montedo, o que é ventilado pelos Canais de Comunicação remete- me a um pensamento mais profundo:
- os militares brasileiros são um caso raro de leniência;
- distribuem insígnias, condecorações e tapinha nas costas, para quem nunca trabalhou pelas causas militares e nem da nação;
- prestam obediência a pessoas das mais duvidosas índoles (qualquer um), promovendo formaturas monstruosas para políticos sem compromisso com a pátria;
- submetem seus “Quadros” a uma servidão que só atende a um grupo de privilegiados e de interesse escuso;
- e por fim, quando recorrem a “Entidades de Consignados”, são surrupiados em seus pífios vencimentos.
FALTA CORAGEM, LIDERANÇA, FALTA TUDO.

O BOLSONARO SERÁ MAIS UM CASO “DE BOI DE PIRANHA”, temos coisa mais importante para tratar.

Anônimo disse...

Reinaldo Azevedo se acha o dono da verdade o negócio dele é defender tucanos, e Bolsonaro é alvo do PT citado até em cartilha do partido com objetivo de ter seu mandato cassado, só por esse motivo já merece meu apoio. Brasil acima de tudo!

Anônimo disse...

Ustra não é considerado um torturador pela justiça. Ele é considerado assim pela Comissão da Verdade, que foi inteiramente indicada pela esquerda. Ao concordar com essa posição, o blog está concordando com os termos estabelecidos pela Comissão da Verdade . Ustra foi condenado na justiça por responsabilidade civil, não por tortura. O processo que corre contra ele por tortura nunca se concretizou em sentença. Respeito muito o blog, não gosto do Bolsonaro, mas não acho que ele fez apologia a tortura. Recomendo que o blog estude bem os processos contra o Ustra.

Marinho disse...

Cuspir na cara de outro deputado pode né, diletos "anônimos"?

Anônimo disse...

Não tenho o condão da Defesa do Deputado Jair Bolsonaro, já discordei várias vezes dele inclusive pessoalmente porém muito dos senhores viveram os idos do "chamado 64", data em que tinha apenas um ano de idade, o que fez Bolsonaro exaltou um Um Brasileiro, com uma História de sacrifico pela Mãe Pátria os Soldados de verdade jamais deixarão de reverenciar os seus heróis. Lembro ainda que a iniciativa se deu após dois canalhas travestidos de deputados um exaltando, o traidor da pátria e de um juramento sagrado para todos nós soldados e verme da pior espécie Carlos Lamarca e outro trouxe a memória de Marighella, até hoje exaltado por terroristas do mundo todo, cujo manual inspira até o EI, senhores devo lembrá-los que na guerra há de tudo menos beleza. TC ref. Júlio Augusto de Oliveira Soares Ex- Presidente da FAMIL-MT.

Anônimo disse...

Eu só não entendo porque tem milico que ainda defende esse deputado. Tenho "apenas" 19 anos de EB, mas até hoje desconheço qualquer iniciativa, projeto ou lei de autoria desse deputado que beneficiasse os militares. Pois ele se define como defensor dos militares. Alguém poderia me informar sobre alguma medida do deputado que nos beneficiou? Posso até estar enganado por estar desinformado. Mas, até o momento não sei o que esse deputado "caricato" fez de benefício aos militares.

Anônimo disse...

Perfeita a opinião. O maior inimigo do Bolsonaro, é a boca dele mesmo. Sempre foi motivo de chacota, claro,chamou a atenção graças a essas polêmicas,mas quando parou de fazer teatro, e começou a expor suas ideias,que na maior parte coincidem com o que pensam muitos brasileiros decentes, aí começou a crescer e ser ouvido por gente de bem. Trocou de partido, por que realmente continuar no que estava, era assinar um atestado de corrupção, mas de repente, não sei se achou faria "sucesso", disparou mais essa papagaiada. Sr Deputado, divulgue suas ideias, seu projeto, com seriedade, sem demagogia, continue no caminho da honestidade, lute pela classe que representa, mas no plenário, com projetos e propostas realistas, sem gritaria e ofensas, e não em discursos vazios para alienados políticos,faça isso e terá um grande futuro, como um dos poucos que não se deixam vender por dinheiro algum. E não se esqueça nunca de seu passado, perseguido, condenado e cassado injustamente pelo Exército, hoje nos representa.

1 sgt inf disse...

Antes estar envolvido em temas polêmicos a estar envolvido em corrupçao, desvio de dinheiro publico, etc

1 sgt inf disse...

Se fez ou não fez, não sei, mas luta diariamente para proibir um monte de leis absurdas q tentam aprovar. mas vc, comunista, nao tem a quem defender, entao prefere atacar quem tem valor e respeito

1 sgt inf disse...

Eleitos de acordo com a lei. E ganham salarios com trabalho.

Ao contrario dos filhos do seu patrão q estao milionários e nunca assinaram uma carteira de trabalho.

Faz-ME rir mortadela. Larga este osso e vai trabalhar.

1 sgt inf disse...

Saia da sua garrafa e procure saber o q BOLSONARO vem tentando consquistar, porem, sozinho, nunca vai conseguir nada.

Rommel disse...

Artigo 53 da Constituição Federal: Os Deputados e Senadores são invioláveis, civil e penalmente, por QUAISQUER de suas opiniões, palavras e votos.
.
A pior ditadura é a ditadura do Poder Judiciário. Contra ela, não há a quem recorrer. (Rui Barbosa)

Anônimo disse...

lei e lei , ele e protegido com imunidade parlamentar . E nao fez nada de mais , so citou o nome do Cel. e nao fez nenhum tipo de apologia a crimes de qlqer natureza . Falar que ele nunca aprovou nada e sacanagem , ele nao vota nenhum projeto sozinho , depende que a maioria aprove e que o presidente da camara ponha seus projetos para votar em plenario , se nao fazerem isso nao vao aprovar nada msmo

Anônimo disse...

porra , entao vao defender um deputado do psol que citou "marighela" na votacao . Bolsonaro pode nao ser o mais simpatico , mas pelo menos nunca ouvi uma sitaçao envolvendo seu nome em casos de desvio de verba publica ; que por sinal mata muita gente com falta de atendimento em hospitais ..

Anônimo disse...

defendam os comunistas msmo que nao qerem a reducao da maioridade penal , que choram em defesa dessas pobres "vitimas" da sociedade , que fazem de tudo para militares serem tratados com inferior , qe morrem em defesa de desconhecidos que sequer mostram gratidao .. Bolsonaro 2018 !!! (minha opiniao)

Anônimo disse...

http://www.fatosdesconhecidos.com.br/conheca-9-projetos-de-lei-de-jair-bolsonaro/ Se nunca for para o plenario nao tem como ser aprovado

Anônimo disse...

Bolsonaro poderia mesmo ter virado réu no STF por dizer que Maria do Rosário "não merece ser estuprada", desde que a mesma também fosse processada por chamá-lo de estuprador, fato esse que gerou a resposta do parlamentar. E quanto ao conselho de ética, poderia sim aceitar a denúncia contra o Bolsonaro, desde que no mesmo momento também aceitasse denúncia contra o Glauber Braga do PSOL exatamente pelo mesmo motivo, pois o primeiro homenageou um Coronel do Exército Brasileiro, e outro homenageou um guerrilheiro. Pau que bate em chico tem que bater em francisco. Na minha opinião isso tudo é excesso de mimimi, mas se querem atribuir culpa por expressar opinião, que se faça para os dois lados na mesma medida.

EJL disse...

Continuo com o Bolsonaro. Ele só precisa de focar mais na presidência e parar de se envolver nessas besteiras. Ele vai precisar de muitos votos, sejam eles de gay, petistas, feministas, etc

Anônimo disse...

Santo ninguem é:http://exame.abril.com.br/brasil/noticias/funcionario-fantasma-irmao-de-jair-bolsonaro-e-exonerado.

Anônimo disse...

Alguns colegas estão se queixando do Bolsonaro, a esses, eu os digo que continuem a votar em PT, PC do B, REDE, P Sol, e tantos outros, pois eles tem enorme compromisso para com o país e com os militares. É por isso que estamos desse jeito, ACORDA, o país foi destruído e vocês continuam dormindo? é o único deputado que vem dando a cara a tapa a favor do país e mesmo assim os senhores não conseguem enxergar. nossa, coisa típica de milico mesmo.

Anônimo disse...

Na camara para aprovar uma lei tem que se ter apoio dos outros parlamentares se nao voce nunca ira aprovar nada e para ter apoio vc tem que comungar com eles. Sempre apoiou militars candidatos nas eleicoes passadas entao quem comenta deve se informar primeiro

Anônimo disse...

A revista Veja não tem credibilidade para criticar nem o bandido da luz vermelha. No mandato Lula, puxava a sardinha para o governo. Nos últimos tempos sentou a pua nesse mesmo governo. Hoje, queima preventivamente o Deputado Bolsonaro prevendo bajular um eventual governo do PSDB. A imprensa do Brasil nunca será digna de credibilidade, até mesmo porque aqui, a imprensa é livre só na cabeça dos inocentes. Na minha humilde opinião, se condenarem o Dep Jair Bolsonaro por apologia ao estupro ou ao terrorismo, crimes no plano do convencimento em que não se pode determinar nem se tiveram resultados práticos, todos os políticos corruptos, que de fato lesaram o patrimônio e o povo brasileiro, deveriam ir para a cadeira elétrica. Enquanto isso sonhem com o todo mundo no sol ou todo mundo na chuva.

Anônimo disse...

Ridículo Montedo, já que achou errado as atitudes do bolsonaro você que deveria redigir uma carta ao leitor expressando suas insatisfações com a causa, não colocar no seu blog uma carta de um cara que vive por conta de escrever matérias tendenciosas...meu deslike pra você Montedo.

Anônimo disse...

O Reinaldo Azevedo é alinhado a oligarquia paulista, e o Bolsonaro estava roubando as intenções de votos dos ultradireitistas que sempre votaram no candidato da elite paulistana.
Esses movimentos da impressa paulista para denegrir a imagem de quem pode dar trabalho para o preferido dela é uma tática usada a bastante tempo.

Anônimo disse...

ao anonimo de cima , oq o irmao do bolsonaro tem a ver com ele ter citado o cel ?? qm cometeu algo de errado foi ele , e nao o deputado , qe ate o momento nao foi sequer citado em qlqler denuncia de corrupcao , diferentemente de boa parte de ptistas , pcdob , psol .

Anônimo disse...

falam que o bolsonaro nao faz nada pelos militares , mas nao vejo nenhum esquerdista propondo reajuste salarial digno para vcs , valorizacao de vossas carreiras , etc .

Anônimo disse...

Monte do, se antes admirava sua opinião, hoje parece defender a corja do stf, defende Mariguela e Maria do Rosário. Teu blog caiu o conceito e muito.

Anônimo disse...

A real intenção é tirá-lo do páreo em 2018...

Eduardo ST Art disse...

Não adianta. Sou Bolsonaro até a morte que me separe. Meu voto é dele e sou consciente de tudo que ele fala, é por isto mesmo que sou Bolsonaro. Gostaria sim, que ele voltasse mais seus interesses para nós militares, mas melhor tê-lo assim que não ter ninguém. Vamos ver no que vai dar. Eu torço pelo sucesso dele, embora acredito que não ganha eleição para Presidente, pois tem um discurso inflamado para essa nossa maioria de sociedade fabricada com idéias comunistas. Eduardo

Anônimo disse...

Anônimo 30 jun 16:34

Continue a votar no PSDB,PMDB E DEM e se prepare para passar fome e necessidas depois de dois mandatos consecutivos destes crápulas.

Anônimo disse...

Nas aulas de Processo Penal Militar da EsIE, aprendi que a Justiça baseia-se em princípios, dois deles dizem: 1) ninguém será punido por algo não previsto em lei, e; 2) a lei não retroage para prejudicar o acusado. Portanto, mesmo supondo que o Cel Ustra tenha torturado alguém naquela época, independente de considerar ou não a Lei Anistia, a Justiça NÃO pode condená-lo como torturador, pois só recentemente a tortura tornou-se crime.
Ah! mas o Conselho de Ética é um órgão político. É verdade, mas então, ao dar um verniz *legal* às suas preferências políticas, o Reinaldo Azevedo está tratando os seus leitores como idiotas. Na minha opinião, a sucessão de ataques grosseiros do jornalista ao deputado, é parte de uma agenda política; nada a ver com ética ou, menos ainda, com justiça.

Policarpo

Anônimo disse...

Me apresentem um, só um, projeto do Bolsonaro. Esse deputado é o típico falastrão, fala bobagens no Congresso como se estivesse no cassino dos oficiais na hora do almoço ou no churrasco de aniversariantes do mês rolando em pleno expediente.Que eu saiba a única família militar que ele beneficiou foi a dele. Espero que seja cassado,se não arrumar nada para fazer, com certeza conseguirá uma vaga de PTTC no QGEx ou no MD.

Anônimo disse...

Não estou emitindo opinião, só esclarecendo para alguns pouco esclarecidos, até para que não falem asneiras. O Cel USTRA foi sim declarado "torturador" pela Justiça, nada a ver com a famigerada Comissão da (in)Verdade. Resumo da matéria publicada na imprensa:

"SÃO PAULO - Nesta quinta-feira, o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra foi considerado torturador pela Justiça de São Paulo. O juiz Gustavo Santini Teodoro, da 23ª Vara Cível do Estado de São Paulo, deu ganho de causa à família de Maria Amélia de Almeida Teles, a Amelinha, militante de esquerda presa e torturada com o marido, Cesar, os filhos pequenos e a irmã, Criméia, no prédio da Operação Bandeirantes em dezembro de 1972.

A família Teles ingressou em 2005 com uma ação civil declaratória na Justiça exigindo apenas uma coisa: que o coronel reformado fosse reconhecido como torturador. O processo é o mesmo de uma ação indenizatória, mas não é pedido dinheiro por reparação por danos materiais ou morais. Também não tem efeito penal, já que é um processo cível e a Lei da Anistia não permite punições nesse sentido."

Agora minha opinião: acho que está faltando coragem aos nossos superiores, atuais e passados, para honrarem a farda como fizeram os militares da Argentina, Chile, Paraguai e outros, de admitirem que prenderam, torturaram e mataram, pois beira o ridículo negarem ou se fazerem de surdos/mudos. Fizeram, com objetivos concretos, operacionais, não pessoais, e foram anistiados, assim como os comunistas/terroristas também foram. Eles são heróis por terem feito e nós somos a vergonha, é isso?

Anônimo disse...

Arrego Sr Montedo!

Anônimo disse...

eu nao vejo petista defendendo uma vitima que foi presa injustamente ao defender sua famila

Anônimo disse...

Não concordo com a reportagem nem o opinião do Blogueiro

Anônimo disse...

Meu amigo montedo ustra não foi condenado pela justiça portanto não pode ser considerado torturador, lembro ainda que nós milikos seguimos ordens então antes de condenar ustra condene se os cmts da época condene se o estado brasileiro e tomando um gancho elementos descompensados vão a comícios e dizem aos 4 ventos q se o 4 dedos ou o PT cair vão as ruas com armas e nada e feito, que democracia é essa com medidas diferentes???

Anônimo disse...

Ustra não é considerado um torturador pela justiça. Ele é considerado assim pela Comissão da meia Verdade.

Anônimo disse...

Fumaça Branca:

O INFORMEX COM AS PROMOCOES E MOVIMENTACOES JA ESTA NA PAGINA DO EB!!!

Anônimo disse...



Decreto nº 8.793, de 29.6.2016 - Fixa a Política Nacional de Inteligência.

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2016/Decreto/D8793.htm

Anônimo disse...

Realmente, o Bolsonaro às vezes passa do tom. Mas o grande pecado dele mesmo - e esse a esquerda não perdoa - é que ele é praticamente o único remanescente na política a ter a coragem de defender os governos militares, demonizados por praticamente todos os segmentos dos formadores de opinião. E quando a esquerda elege um para inimigo, só desiste quando destrói sua reputação. Eles são muitos. O objetivo aqui é calar o Bolsonaro e, parece, estão conseguindo...

Anônimo disse...

O deputado Jair Bolsonaro é muitas vezes criticado pela sua suposta falta de habilidade no uso das palavras e pela aparente rispidez de seu discurso. É bem verdade que nenhum líder político deve estar acima de críticas, mesmo aquelas feitas por quem o apoia. Mas é preciso entender que a maior parte das críticas dessa natureza feitas a Jair Bolsonaro se baseiam, muitas vezes inconscientemente, numa certa concepção de discurso político que é ditada pelo politicamente correto. Mas acontece que o politicamente correto nada mais é do que uma ferramenta inventada pela esquerda para justamente cercear a liberdade de pensamento e de expressão.

Anônimo disse...

Para quê serve um deputado? Principalmente cuidar do orçamento federal e a sua fiscalização. Elaborar PL rolha como mudar nome de rua e outras palhaçadas qualquer idiota faz. Bolsonaro tem poucos projetos, mas têm relevância. E realmente policiar PL e PEC desses comunistas que estão aí talvez hj seja o mais importante trabalho do Bolsonaro com o País.

Anônimo disse...

Esta pauta é tendenciosa e no minimo ridícula, Jair Bolsonaro representa a moral e os bons costumes. Agora os retrógrados do politicamente correto, gosta de se mostrar suas hipocrisias. Inversão de valores. Salve USTRA, salve Bolsonaro e aos demais fiquem com sua Dilma, Lula,Matia do Rosário e outros lixos. Montedo triste sua opção. Pense!

Anônimo disse...

Arrego Montedo

Paranaense disse...

Nunca tinha visto tantos anônimos comunistas....mostrem a cara. O Reinaldo Azevedo se acha o dono da verdade. Afirma sempre que estamos em plena democracia. Porque não aceita o contraditório? É um ditador admirável....quando apresenta os pingos nos "IS". Muita gente desinformada sobre o Deputado Bolsonaro. Arrego!!!

charley disse...

Eu voto Bolsonaro para Presidente

Marco Soares disse...

O Bolsonaro parece que já não representa 100% dos militares. Parece que perdeu o foco. Não somos citados (eu sou militar) em nenhuma de suas reivindicações. Pegou o filão da polêmica para se promover. Fala o que muitos gostariam de falar e não tem coragem. É inteligente, mas até hoje não vi propostas que justifiquem meu voto nesse cidadão. Se diz honesto, mas acho que usar a imunidade para falar o que quer e o que pensa, mesmo ofendendo a tudo e a todos, sem se importar com as consequências, demonstra também um caráter duvidoso. Na minha humilde opinião ele está comprando guerras por simples auto promoção e está conseguindo, porém, dando muitos tiros no próprio pé. Essa é minha opinião pessoal.

Anônimo disse...

Isso não é nepotismo,meu caro! Os filhotes do Bolsonaro foram candidatos e eleitos pelo povo.Nepotismo é arranjar emprego público para a parentela por pura indicação.Normalmente estes parentes são incompatíveis com o cargo ou pior,são funcionários fantasmas!

Anônimo disse...

BOLSONARO PRESIDENTE 2018. TEM MEU VOTO!

Anônimo disse...

Antes de ser militar sou cidadão, você como a maioria só pensa no seu bem comum, o que importa é que o deputado Jair Bolsonaro é honesto e se opõe a imposição do comunismo no Brasil, você deve ser mais um leão de alojamento, não quer pede baixa estude e saia, seu parasita.

Anônimo disse...

2

Anônimo disse...

Anônimo de 30 de jun. 20:16;
Apóie o PT, PSOL, rede, PC do b, etc. E jogue no lixo os valores morais que seus pais usaram para te criar e no qual se sustenta a humanidade, principalmente os valores cristãos.

Anônimo disse...

Eu só gosto de ler os textos e ouvir o Reinaldo Azevedo em seu programa quando ele esculacha os PETRALHAS e corriola, mas o Reinaldo é um esquerdista, um TUCANO enrustido, ele mesmo já falou em seus programas que ele era fã do socialismo quando estava na faculdade.
Bolsonaro é o nome que está crescendo muito para 2018, por tanto uma ameaça para os políticos em geral, que não querem que a direita assuma o poder no Brasil.
Sem contar, que sei não hein....esse Reinaldo Azevedo adora uns chiliques nos seus programas Pingo nos Is da jovempan, vocês já ouviram? Sei não hein...

1 sgt inf disse...

Tah certo...vote em lula, como o bolsonaro mesmo diz, vote em mim quiser!

Soluções em Informática disse...

Pisou na bola com teu comentário nobre Montedo... Vivemos numa democracia! Mas elogiar marighella, che guevara e familia castro pode? Leia o que foi Cheguevara e as atrocidades de Fidel em Cuba até os dias de hoje!!! Esta esquerda corrupta que mudou até o nome de ruas em Porto Alegre! Pode fazer a alteração do nome do Colégio Estadual Presidente Emílio Garrastazu Médici para Colégio Estadual Stiep Carlos Marighella de salvador...botou o com o nome guerrilheiro assassino baiano!!! Que piada!!! Tão de sacanagem!!

Osvaldo Aires Bade disse...

Atacar o Bolsonaro é muito fácil ele não roubou ninguém e nem vai roubar.

Anônimo disse...

.

acp

Como já escrito antes Bolsonaro já apresentou muitos projetos. Um foi aprovado e vetado pela diuma em 2013. Concedia porte de arma a agentes prisionais. Em 2014 ela apresentou PL quase idêntico que se tornou lei.

A ler:
http://www.camara.gov.br/internet/sileg/Prop_lista.asp?Autor=5310721&Limite=N

Ele mantém os temas de remuneração e respeito a Militares em destaque. Defende valores conservadores e da família.

No é possível processar Bolsonaro pelo que disse. Claro caso de imunidade.

acp

.

Anônimo disse...

Não fez nada pq seus projetos não tem força para aprovação devido a seu modo correto e ético, porém agressivo de ser. Dizer que ele não faz nada por nós chega a ser um pouco insulto.

Ten AMAN 2012

Anônimo disse...

Infelizmente o Brasil está cheio de comunistas que em vez de se mudar para Cuba ficam querendo derrubar quen ainda tem moral para lutar pelos bons costume nessa terra cheia de corrutos e vagabundos que ficam exaltando esses ladrões PTralhas. BOLSONARO PRESIDENTE 2018.

Anônimo disse...

Mortadela

1 sgt inf disse...

Muito bom ten aman 2012...falou tudo!!!

Anônimo disse...

Estamos perdidos, além do major QCO Leonardo, agora temos de aguentar o ten AMAN 2012.

Anônimo disse...

como tem babaca que fica só repetindo "comunista", em qualquer assunto, parecem que só tem 1 neurônio, e manco ainda por cima. Quem não aceita opinião contrária, principalmente a do editor do blog, esses sim tem que ir pra Cuba, Coréia do Norte, etc, lá não existe opinião contrária, alias, nem esse blog, existiria. Mas como vivemos numa democracia, temos que ouvir esses ridículos, que não aceitam que tem gente que pensa diferente deles, e ainda tentam se impor, intimidar, outros leitores e até mesmo o nosso caro Montedo. Não merecem viver numa democracia, com liberdade de imprensa e de opinião, merecem passar a vida acorrentados na coleira de seus donos.
Honório.

Anônimo disse...

Tenente AMAN 2012, vai entrar em forma pro sgt major!

Anônimo disse...

Bolsonaro já é um MITO!!!
O resto é mimimi dos medrosos que ele vença em 2018.

Anônimo disse...

Bolsonaro é bisonho. Quanto a Reinaldo Azevedo, este procura trabalhar com a lógica, coisa a qual nós brasileiros temos dificuldade. Nós gostamos de espancar a verdade para defender uma posição. Aconselho aos colegas militares ler muito, vários autores e comparar com os fatos.

Anônimo disse...

Maldito gosto de idolatrar pessoas e criar salvador da pátria. Foi nessa que entramos no buraco com Lula. O que vale são intituições democráticas fortes, isto é o verdadeiro desenvolvimento. Procurem exemplos no mundo desenvolvido, lá não tem esta de defender fulano ou Sicrano, falou mal das instituições (congresso, justiça, imprensa livre e outras) definem o protoditador e faz a sociedade reagir.

1 sgt inf disse...

Entramos???
Quem votou nele e na dilma foram vcs civis...naum nos inclua nessa burrice.

raseC disse...

O que dizer então, do Governo da Bahia que em 17/02/2014 mudou oficialmente nome do Colégio Estadual Presidente Emílio Garrastazu Médici para "Guerrilheiro" Carlos Mariguella. ???? O Então a época Governador Jaques Wagner Também deveria ser Processado, pois seria uma IMENSA Apologia as atitude do GUERRILHEIRO.

Anônimo disse...

Bravo!! Muito boa opinião, companheiro!

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics