15 de junho de 2016

As esquerdas piram: alunos do Colégio Militar de Porto Alegre brilham em Olimpíada de Matemática!

Nota do editor: a manchete acima é do blogueiro

Alunos brilham na 14ª Olimpíada Sinodal de Matemática


Coronel Araujo
No dia 08 de junho de 2016, alunos do 6ª ano do Ensino Fundamental ao 2º ano do Ensino Médio do CMPA participaram do evento de premiação da 14ª Olimpíada Sinodal de Matemática.
A atividade contou com a presença do Comandante do CMPA, Cel Inf José Herculano Azambuja Junior; a coordenação dos alunos esteve a cargo das professoras Cap Adriana Hartmann e 2º Ten Paula Diovana Ricaldes Miranda de Oliveira.
Em sua segunda participação nas Olimpíadas de Matemática do Colégio Sinodal, localizado no município de São Leopoldo, novamente os alunos do CMPA obtiveram ótimos resultados.
A prova, ocorrida no início de maio, reuniu mais de 800 alunos de 15 instituições de ensino diferentes, dos municípios de Porto Alegre, São Leopoldo e Novo Hamburgo. Os alunos puderam realizar a prova individualmente ou em duplas.
No ano de 2016, 39 alunos do CMPA participaram, e destes, 33 foram premiados dentro de suas categorias. São eles:
6º ano
Classificação
Nome dos alunos
Giovani Servergnini Vargas
Níkolas Fernandes de Moraes
Diana Pereira Couto
Eduarda Heisler Tavares
Tales Hoffmann da Motta
7º ano
Classificação
Nome dos alunos
Bernardo Henkel Estivalet
Ramyro Corrêa Aquines
Felipe Reis Maccari
João Pedro Seibel Cervo
Gustavo Machado Demin
Leonardo de Andrade Paes
8º ano (empate em 1º lugar)
Classificação
Nome dos alunos
David Nicilovitz Chapper
Giovanni Borsato da Silva França
Guilherme Culau
Paolo Gabriel Orguim Simioni
Guilherme Ferreira Cruz
João Vítor Trogildo Foresti
   
9º ano (empate em 1º lugar)
Classificação
Nome dos alunos
Bernardo Peruzzo Trevisam
Ângelo Mateus Cadore Pierezan
Gabriel Neumann
Marcelo Koji Moori
Andressa Barreto Secretti
Bernardo da Cunha Ramos
   
1º ano do Ensino Médio
Classificação
Nome dos alunos
Juan Nicolas Avila Teixeira
Luca Silveira Escopelli
Carolina Klauck Novaes
Laura Gonçalves Patricio
Artur Torres Netto
Luis Henrique Rigon
2º ano do Ensino Médio
Classificação
Nome dos alunos
Gabriel Tabbal Mallet
Rafaela Borba Aquino
Laura Tamborindeguy França
Raquel Luckow Ferreira

CMPA/montedo.com

6 comentários:

Anônimo disse...

OS ALIENADOS PREOCUPADOS EM ENSINAR SEXO NAS ESCOLAS NÃO SABEM/ESQUECERAM/DETURPAM A FINALIDADE PARA TER O CONTROLE.

Perdoe estar em caixa alta, mas cada dia fica mais difícil as pessoas lerem. Vivemos um período de trevas em todas as áreas.
Incentivar sexo desde a primeira infância, como insistem os esquerdistas é quebrar o vinculo de família, ter pessoas com baixa/sem escolaridade onde o controle se torna muito mais fácil, eles nunca contestaram nada, total subserviência.

Não esquecer que onde tomaram o poder uma das primeiras medidas foi o fuzilamento dos mais escolarizados que chamam de elite.

Mas ninguém dá conta que com a morte da "elite" só sobra os não pensantes, bucha de canhão, que passam a ser os escravos dos "libertadores".

Aos que duvidam que fizeram fuzilamentos em massa, seria muito util usar a net e pesquisar.


Anônimo disse...

DIVULGUEM:

https://www.youtube.com/watch?v=s8xhTcSyCe0

Anônimo disse...

Será que é tão difícil ter esse padrão nos colégios públicos? Eu sei que a intensão dos governantes, que também são ou são amigos de empresários do ramo do ensino, querem que o ensino público "exploda" e leve os estudantes para os colégios pagos, além de ser fonte de verbas inesgotáveis. A qualidade está tão fraca, que ha faculdades com prestação menor que colégio de segundo grau.

Anônimo disse...

Não é preciso pesquisar na net, pergunte ao seu avô, pois na época dele era comum noticiarem na TV que Fidel Castro mandou fuzilar "fulano, beltrano e sicrano", eu mesmo era criança mas me lembro disso. Agora, quanto aos alunos premiados aqui, estão de parabéns! O que eu acho é que o dia que as escolas militares passarem, em vez de ensinar, dar trabalhinho em grupo com dança de FUNK, aí direi que as escolas públicas aqui fora estão ensinando corretamente. Porém, enquanto isso não acontecer, não venham esses diretores dos estados e dos municípios tentarem me enganar, não.

Anônimo disse...

quarta-feira, 15 de junho de 2016

LICENÇA ESPECIAL: STJ confirma o direito de conversão em pecúnia

https://odireitodomilitar.blogspot.com.br/

https://odireitodomilitar.blogspot.com.br/2016/06/licenca-especial-stj-confirma-o-direito.html

Léo disse...

Parabéns a todos os integrantes do Colégio Militar de Porto Alegre!!! Eu não tenho a mais ínfima dúvida quanto à qualidade do ensino e da eficiência e eficácia na preparação intectual dos alunos dos colégios militares administrados pelo Exército Brasileiro.Agora, a pergunta que cada um de nós devemos fazer a nós mesmos( Em especial, os generais) é a seguinte: Qual a percentagem dos alunos referidos que ingressam realmente na carreira miltar das Forças Armadas, após a conclusão do segundo grau? E qual a trajetória da função: ingresso de ex- alunos dos CM/ano na AMAN ? Nunca li esse estudo-se é que existe- mas imagino que a trajetória supracitada é descendente, a cada ano que passa. E o motivo principal é o óbvio: vencimentos menores,e muito, que quaisquer Carreiras de Estado.Alguém tá preocupado com isso? Os mais preparados vão para lá, os menos ficam aqui(com raríssimas exceções).A nação pagará um preço muito alto, questão de tempo.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics