17 de outubro de 2015

General Villas Bôas na AMAN: reajuste salarial, tempo de serviço, 'MP do Mal', etc.

Em visita a AMAN esta semana, o General Villas Bôas abordou alguns temas que circularam por aqui recentemente. Em sua maioria, as declarações do Comandante do Exército vêm ao encontro do que foi noticiado pelo Blog. Confiram:




Reajuste
Os 25,5% parcelados a partir de março ainda nem haviam sido oficializados e já foram adiados para agosto, pelo menos. Por enquanto, o assunto está só no 'fio de bigode'. Não há nada publicado.

Reajuste diferenciado
Estudo prevê reajuste maior para capitães, segundos e terceiros sargentos.

Promoção de militares temporários
Confirmado. Os oficiais chegarão a capitão e os graduados a segundo sargento.

Tempo de serviço
Palavras escolhidas à dedo: a dilatação do tempo mínimo de permanência para 35 anos 'é um projeto do governo', mas não está em pauta 'no momento'.

Perdas da "MP do Mal"
Promoção ao posto acima, Licença Especial e anuênio? Esqueçam!!! Não voltarão.

Auxílio Moradia
As Forças Armadas estão empenhadas na volta da volta da indenização.  "Não desistiremos facilmente", disse Villas Bôas.

Leia também
Os militares e os 35 anos de serviço: além do 'boletim das baias'
Exército reduzirá turmas de formação na AMAN e escolas de sargentos. Temporários serão promovidos a capitão e segundo sargento
Reajuste dos militares ficou para o final de 2016, com índice maior para capitães, 2º e 3º sargentos.

45 comentários:

Anônimo disse...

Confiem em nossos Of.Generais, eles estão muitos preocupados com a tropa. Rsrsrsrs

Anônimo disse...

Os sindicatos, MST, MTST, Via Campesina, CNBB, Liga dos Camponeses e mais umas 100 mil ONGs que defendem os índios(é uma ONG para cada 8 índios) estão com mais credibilidade do que as FFAA e recebendo alguns bilhõe$ nesses 13 anos de PT.
É lamentável, ainda assim, o abandono dos nossos irmãos indígenas.
O comando das FFAA precisa entender que o "cerumano" está em 1º lugar.

Anônimo disse...

Como será esse reajuste diferenciado, Supondo hoje em dia de 3* para 2* e de 2* para a 1* sargento tem uma diferença de 500,00 mais ou menos. Esse reajuste visa diminuir essa diferença seria isso?

Anônimo disse...

Já que não haverá a volta do posto acima pode-se então alterar a tabela de escalonamento vertical, onde as maiores diferenças estão entre o Soldo de Capitão para Major e de Subtenente para 2º Tenente, já que irão dar aumento diferenciado para os Capitães, 2º e 3º Sgt, que acarretará mudança na tabela, porque não fazer essa alteração dos escalonamento para os outros postos e graduações, diminuindo principalmente a diferença de Subtenente para 2º Tenente uma vez quem saiu perdendo com a MP do mal, foram os praças.

Seria uma maneira de melhorar os vencimentos de todos e há possibilidade de ser feito, basta que o Cmt do EB se empenhe, já que está demonstrando estar preocupado com a tropa.

Já fui 3º e 2º Sgt e o salário naquela época apesar de ser pouco estava dando, pois meus filhos eram pequenos e não davam tantas despesas, porém hoje infelizmente ainda sou 1º Sgt e se não houver sacanagem na promoção de Dez 15 como houve na de Jun 15, onde a T 93 deveria ter sido promovida, talvez seja promovido a STen, o que irá melhorar um pouco, pois meus filhos estão na faculdade e estou fazendo das tripas coração para poder mantê-los estudando.

Então Sr Cmt do EB os Capitães, 2º e 3º Sgts merecem sim aumento, porém nós 1º Sgt e STen que estamos com filhos cursando a faculdade também merecemos um aumento digno, fica aí minha sugestão ao Sr.

Sgt T 93

Anônimo disse...

Enfim... adeus forças armadas!

Anônimo disse...

Esse coma andante é tudo dos mesmos omissos de sempre, não faz nada para motivar a tropa esfarrapada, pobre Brasil que terá apenas um exército de ficção sem o poder de operacionalidade bom para fazer figuração para filmes e novelas.

Anônimo disse...

Bom dia! E sobre o interstício dos 3º Sgt de Carreira para 2º Sgt Carreira há alguma previsão de redução. Se tiver deve ser no mínimo o mesmo tempo de interstício do pessoal temporário caso contrario o 3º Sgt de carreira vai formar o 3º Sgt temporário e mais tarde será mais moderno. Se não houver redução do interstício do pessoal de carreira, com certeza, o concurso da EsSA irá ficar menos atrativo.

Anônimo disse...

Sobre auxilio-moradia "Não desistiremos facilmente", há 10 anos que ouço isso e até agora nada foi feito, nem PNR e nem auxilio-moradia.

Anônimo disse...

Resumo da palestra... coisas boas: "esqueçam", a situação só tende a piorar. Os aspirantes já vão chegar vibrando para dar um jeito de cair fora desta barca furada...

Anônimo disse...

Uma coisa é certa na carreira... eu preciso melhorar minhas condições de sobrevivência, e pelo jeito não vai ser o EB que vai me proporcionar isso em troca da do meu conhecimento, meu serviço e da minha abnegação profissional (tem gente que fica dizendo por aí o EB faz um favor em pagar seus integrantes)... ou estudamos para dar no pé ou arrumamos outra fonte de renda paralela - "De onde menos se espera... é de lá que não sai nada mesmo... essa é a nossa carreira no Exército hoje". Amanhã vai ocorrer as provas para a EsSA... confirmem em suas guarnições a baixa procura de candidatos... aqui na minha, chega a ser ridícula a procura em relação à quantidade de habitantes da cidade... o pessoal da comissão estava até brincando que vai ter mais gente envolvida na organização da prova que candidatos. É pessoal, vamos se mexer e não tá morto quem peleia!

Amauri disse...

Como sempre, O EB vai tentar apagar outro incêndio!!! Capitães, Tenentes, Segundos e Terceiros-Sargentos são os militares q estão estudando com afinco (faculdade e/ou cursinho) e dando "linha na pipa" do EB....

Jonny Cardim disse...

KKKKK... os mais antigos reclamando do aumento diferenciado para 2° e 3°, dizendo "na minha época" , "terceiro não tem passarinho pra dar água", pois bem, senhores só pra relembra,na época de vocês a formação era de 10 meses,a tabela de transferência estava atualizada,a promoção a segundo sargento demorava de 5 a 6 anos, existia ano ênio o qual vocês recebem até hoje,então parem de reclamar que filho está na faculdade pois com certeza já deve ser maior de idade, manda ele fazer concurso pra força ou trabalhar, hoje o militar passa 10 anos na força e ainda está na graduação de 3° sargento, se tiver tempo de serviço, com 17 anos ele ainda vai estar na graduação de 3°...
Att, 3° Sgt 2008

João Luiz disse...

Já foi mais do que provado que esse negócio de reajuste diferenciado é ilegal...olha ai o exemplo dos 28%...ou são muito burros ou estão de conchavo com o judiciário, só pode...

João Luiz disse...

gostaria de saber então como ficará a diferença de um subtenente com quase 30 anos de serviço para um tenente que hoje passa dos mil reais...isso ninguém quer ver

Unknown disse...

O último apague a luz.

Anônimo disse...

Os 35 anos é um projeto do governo. E daí, o que Vossa Excelência e os demais estão fazendo para que isso nunca seja uma realidade?
Os direitos adquiridos que foram perdidos (licença prêmio e posto acima) seriam mais do que justos para uma tropa que não tem direitos trabalhistas como os celetistas.
Ainda acho que a tropa deveria se mobilizar a fim de pressionar os nossos comandantes para serem mais ativos. O Exército é feito de praças e oficiais e não de alto comando.

Anônimo disse...

Não nos iludamos, o cmt do EB e os apaniguados não esquentam suas moringas com esses problemas, isso é coisa de tropeiro, operação-tartaruga e desabafar aqui no site é o que a maioria pode fazer, quem tiver oportunidade caia fora, soldado da PMMG ganha 3900,00 , 3000,00 realizando o curso e outras facilidades. Rabugento.

Anônimo disse...

Técnico TJ início de Carreira: R$ 3.500,00
Técnico TJ Fim de carreira: R$ 10.500,00

3º Sgt (início carreira): R$ 3.500,00
Subtenente (fim de carreira: R$ 5.500,00


As outras carreiras CIVIS, a Direção/seus integrante buscam aumentar a remuneração de quem vai progredindo na carreira, assim deixando ela mais atrativa, ou seja: alguma carreiras (Quase que a totalidade) como exemplo um TJ o cidadão entra ganhando pouco, contudo no decorrer da carreira, com as progressões na carreira(nossas promoções), ele é estimulado a continuar no órgão, pois sabe que ao final vai ganhar um bom salário.

Nossos Chefes não estão percebendo que o que desestimula os militares não é o baixo salário no início de carreira (3º Sgt/Tenente) e sim o final da carreira (ST/Cel), pois no início ele não tem "um passarinho para dar de comer", porem começa enxergar que o tempo vai passando e as promoções não tem aumento significativo (começa enxergar o fim da carreira sem perspectiva de crescimento de salario). Se o pensamento continuar no curto prazo (aumento maior para o inicio de carreira) o militar ficar por um tempo, depois se desestimula, pois não vê uma luz no fim do túneo e começa a correr atrás de outra carreira mais atraente, mesmo que essa pague menos no início, mas compense no final (aposentadoria).

Reflitam para a próxima reunião.

Anônimo disse...

Enquanto não tivermos uma bancada de Militares e pessoas comprometidas com a causa Militar seremos tratados em segundo planos, pois nossos Oficiais estão mais preocupados em suas promoções, Comandos, Transferencias e nossos Of.Gen. à muito tempo que não se preocupam com a tropa, me parece que o lema mudou para eles de TUDO PELA PÁTRIA para TUDO PELA PRATA. Nenhum deles querem arriscar seus cargos, mordomias e seus futuros cargos nas estatais e nas Organizações internacionais quando passarem para reserva, para defender a tropa, quem poder caiam fora, não vejo nada de bom a curto e longo prazo para nós Militares.

Anônimo disse...

Sem sombra de dúvida, essa é a classe mais esculachada que existe!! É a classe mais sem moral do Brasil, ou melhor , não existe classe!! O Comandante do Exército foi escolhido a dedo pelo PT, o que vocês esperam dele?? Digo a vocês, procurem uma atividade paralela ao Exército!

RESUMO DA VISITA

REAJUSTE - Só vai sair (se sair) em dezembro de 2016 para justificar a compra do novo uniforme para janeiro de 2017, pois eles não darão nenhum auxílio.

REAJUSTE DIFERENCIADO - provavelmente para tentar segurar os 3º e 2º Sgt e 1º, 2º Ten e Capitães que são o maior índice de pedidos de demissão. Não pensem que é para tentar amenizar nada. E digo mais, isso não vai adiantar nada. Será mais uma avalanche de processos contra aumentos diferenciados.

PROMOÇÃO DE MILITARES TEMPORÁRIOS - medida paliativa, desesperada, que só servirá para empobrecer a mão de obra militar, que quando ficarem safos, terão que dar baixa.

TEMPO DE SERVIÇO - esse sim vai sair, aliás, já saiu. Só estão esperando a poeira assentar.

PERDAS DA MP DO MAL - alguém ainda tinha dúvidas de que não iria voltar nada???? Acordem!!!

AUXÍLIO MORADIA - Se não conseguem um aumento de 6% agora para janeiro (1ª parcela de 4 dos 25%), o que dirá do auxílio moradia, que para ser decente, seria maior que esse aumentinho.

Anônimo disse...

Lendo os comentários de alguns companheiros acima percebo que esse tipo de reajuste diferenciado, entre oficiais e praças, tem o efeito nefasto de dividir a tropa. Divididos somos mais fracos, reflitam.

Anônimo disse...

Qual a credibilidade que sustenta essas informações? Nenhuma. O reajuste ou "expansão" ou qualquer outro apelido que derem as migalhas que queriam, não virá nem em 2016. Aposto um sanduíche de mortadela(só um), que é o que meu salário permite,que em 2016 vão dizer que só vai ser possível no final de 2017. Os comandantes que arriscam falar em reposição dita pelo governo estão colocando suas reputações em jogo por acreditarem neles..

Anônimo disse...

Querem tornar a carreira atrativa para ingresso. O 3º Sgt sera enganado ao entrar, não irão avisar que vai ficar 9 anos na graduação e será tratado como descartável.

https://www.youtube.com/watch?v=tRSL6ci_MkE

Usam e abusam da mão de obra.
o Plano de desvalorização dos Sgt de carreira vai continuar.

Anônimo disse...

A dica já está dada para as praças de carreira! Quem sonha com alguma melhoria, que busque individualmente, por via judicial.

Anônimo disse...

Calma pessoal, aumento para que? Vamos tirar serviço R$ e fazer bicos para comprar os novos uniformes!

Anônimo disse...

Por enquanto, o assunto está só no 'fio de bigode'. Não há nada publicado.

Acredito que caiba a máxima: "O que não está nos autos, não está no mundo!"

Heloisa Sardinha disse...

Esses generais, são piadas.

Anônimo disse...

Campanha SALVE UM 3º Sgt de carreira
Sargentos de carreira com menos de 29 anos de idade, não é vergonha caia fora.
A coisa vai piorar, vai trabalhar até 35 anos de Serviço, S Ten vai tirar SV.
Punições e transferência serão julgados pela justiça militar, composta por oficiais.
Promoções demoradas e não sairão QAO, que será extinto.

CONCURSO:
SOMENTE 40 HORAS SEMANIAS PREVISTAS EM EDITAL. ( fim da escravidão)

1590 Vagas, nível superior, o próximo será nivel médio por 5 anos, Concurso Sd PMMG (como e o primeiro de nível superior a concorrência vai diminuir):
- inscrever até o dia 29 de outubro de 2015;
- salário de aluno R$ 3.049,05, durante o curso, aluno:
- Cabo R$ 5.900,00
- STen R$ 9.000,00
- Como PMMG praça não existe limite de idade para concurso para Oficial, Ten Cel salário de R$ 25.000,00


550 vagas, ainda não saiu o Edital. Concurso do Bombeiro Militar MG, nivel médio, não mudou ainda será de 500 vagas.
Mesmo salário da PMMG, sem limite de idade para quem é da força para concurso para oficial.

Anônimo disse...

O "plano de desvalorização dos Sgt de carreira" continua e vai piorar.

Os 3º Sgt merecem o aumento, mas não estão pensando neles não, vai ficar mais atrativo para o ingresso nas FFAA.
O camarada entra e fica 9 anos na graduação. E no futuro vai será o S Ten com baixa remuneração.

https://www.youtube.com/watch?v=tRSL6ci_MkE

O video acima mostra como os generais usam e abusam da mão de obra. Deveria ter crime de submeter militar a condição analoga de escravo. Acham que criando um sistema de renovação pode explorar com toda intensidade a mão de obra. Só que o militar praça de carreira esta inserido neste nefasto jogo de exploração. Por isso apoio a promoção dos Sgt QE, pois sofreram muito.

O Sgt de carreira hoje troca a sua qualificação feita com muito sacrificio em troca de elogio e conceito. O camarada sai promovido 6 meses na frente da turma e acha que foi valorizado e reconheceram o seu trabalho. Ledo engano a turma toda foi lesada. Na PM todos já seriam oficial.
Dirigir viatura, fazer sindicancia, armeiro, assessor juridico, assessor de informatica e ai vai. Possuir um cargo honorifico de Sgt Brigada ou Adjunto de comando. Deixe acreditar que é importante e outros almejarem a função pomposa. Mudança mesmo nada. Desculpe teve mudança para pior. Desvalorize o de carreira com um nome inocente "PLANO DE VALORIZAÇÃO DOS PRAÇAS"
Inclusive aparece Militar praça julgando quem deve sair QAO ou não. Quem fez estagio de 45 pode. Quem ficou 29 anos não pode. O EB teve 29 anos para preparar o militar e ele não esta em condições. Se todos os QE sairam 2º Sgt porque quem fez concurso não pode.
Todos os Sgt QE devem ser promovidos a 2º Sgt e todos os S Ten devem ser promovidos a Ten QAO.
Sei que serei criticado, pois alguns se acham muito especiais e só eles podem ser promovidos. Estes são os sangue azul que não enxergam que todos estão no mesmo barco. Sempre acham que são melhores que os outros.

O pessoal que não foi promovido deve entrar na justiça, não esperem.

Anônimo disse...

Querem mesmo acabar com o militar de carreira e fazer do Exército um bando de temporários não é de hoje. Vamos aos concursos, porque aqui não está dando para aguentar.

Anônimo disse...

Também sou 1° sgt e sinto na pele o mesmo que você. Esperamos que o comando reveja esta situação!

Anônimo disse...

E o que tem os 28℅.....
O EB nunca pagou mesmo....
A justiça aqui não manda em nada....
Por isso vão errar novamente

Anônimo disse...

Auxílio moradia ??? Levamos pra reserva ??? Quando mais precisamos de um teto !!! Acho que seria melhor um aumento decente no SOLDO

Anônimo disse...

PMMG Bizúuuuuu, aliás qualquer PM tá melhor que FA, força auxiliar aqui...somos nós.

Anônimo disse...

Nada pode ser pior do que ser representado por fantoches.

Anônimo disse...

Ou seja, foi lá só para ganhar diária !

Anônimo disse...

Na verdade, só são vistos como militares os oficiais. Dos praças, os que mais são desprezados são os sargentos de escola. Criaram lei para promover taifeiros a suboficiais, cabos foram promovidos a sargentos. Somente para a classe dos sargentos de carreira que não melhora nada. As pessoas estão corretíssimas quando dizem que o melhor é fazer concurso e sair. Melhor ainda seria nem ter entrado para não perder tempo na vida. Tudo, na vida militar, é para enrolar. Na Aer., a cada 2 anos a mais que o cara ficar após trinta anos de serviço, pagam 5% do soldo. Desse modo o militar fica 4 anos achando que é lucro, porém não observa que, após ele ir para a reserva, vão pagá-lo com seus próprios salários que receberia estando em casa, na reserva, e ainda vai sobrar dinheiro para o governo, pois a pessoa vai morrer antes de receber toda a quantia acumulada. É questão de matemática simples, basta raciocinar e calcular um pouquinho. Mas lembre que a referência é a “merreca” do soldo!

Anônimo disse...

Replicando um comentário!!!
Campanha SALVE UM Sub Tenente de carreira
Subtenentes de carreira com menos de 45 anos de idade, não é vergonha, caiam fora.
A coisa vai piorar, vai trabalhar até 35 anos de Serviço, S Ten vai tirar SV.
Punições e transferência serão julgados pela justiça militar, composta por oficiais.
Promoções demoradas e não sairão QAO, que será extinto.

CONCURSO:
SOMENTE 40 HORAS SEMANIAS PREVISTAS EM EDITAL. ( fim da escravidão)

1590 Vagas, nível superior, o próximo será nivel médio por 5 anos, Concurso Sd PMMG (como e o primeiro de nível superior a concorrência vai diminuir):
- inscrever até o dia 29 de outubro de 2015;
- salário de aluno R$ 3.049,05, durante o curso, aluno:
- Cabo R$ 5.900,00
- STen R$ 9.000,00
- Como PMMG praça não existe limite de idade para concurso para Oficial, Ten Cel salário de R$ 25.000,00


550 vagas, ainda não saiu o Edital. Concurso do Bombeiro Militar MG, nivel médio, não mudou ainda será de 500 vagas.
Mesmo salário da PMMG, sem limite de idade para quem é da força para concurso para oficial.

Anônimo disse...

Em 1999, quando eu ainda estava na ativa como Suboficial da MB, dei serviço de Supervisor de Serviço, que era o equivalente a Oficial de Serviço. Estou pensando nos Suboficiais com 35 anos de Supervisor de Serviço. Todos Oficiais com 35 anos de serviço já são Oficiais Superiores e não entram mais na escala. Vai sobrar para quem?

Anônimo disse...

tudo para beneficiar o velho cabide.
Quanto aos concursados só o reconhecimento que deve trabalhar mais e reclamar, quanto as promoções, menos.

Anônimo disse...

"É um projeto de governo"

Há estudo que demonstra que os 30 anos de serviço do militar equivale a 42 anos de serviço do servidor público civil, já que o militar não está sujeito à limitação de 40 horas semanais.
As vezes, passa dias no campo, tira serviço de 24 horas e emenda com o expediente, só sai quando a missão termina.

Ora, General Villas Boas.

Não podemos simplesmente aceitar passivamente este "projeto de governo". Argumentos técnicos não lhe faltará.

Quando e se este assunto vier para pauta, caberá ao Sr. indagar se irão igualar ao civis no que tange às benesses como, por exemplo, salários, hora extra, greve, sindicalização etc.

Não seja omisso. Não é porque o Sr já tem mais de 45 anos de serviço que deve fazer vista grossa.

Anônimo disse...

visitem o meu facebook , digitem o nome mendes visqueira

Anônimo disse...

Acham eles que o militar trabalha pouco para ir para a reserva. Pelo que está no regulamento, militar é militar 24 horas, e é verdade, haja vista a dedicação exclusiva, pois militar na ativa não pode trabalhar em outro cargo público como , por exemplo, magistério. Pela Matemática, se um civil trabalha 8h/dia e o militar 24h/dia, este deveria se aposentar com 1/3 do tempo do civil, não ampliar para 35 anos. Ao contrário do que dizem, militar está trabalhando mais para se aposentar há muito tempo!

Anônimo disse...

Tenho muito orgulho de ter sido formado em 10 meses. Agora vejam como um colega aí acima(a criticar os sargentos de 10 meses)formado em um ano e meio usa o idioma: "(...) ano ênio (...)".

Traduzindo: ele tentou se referir ao "anuênio".

Por isso, em certos casos, prefiro a minha velha formação de 10 meses!

Renato Freire disse...

É verdade que existe uma possibilidade de mudança de Lei e do Regimento Interno, da possibilidade do Militar Temporário tornar-se definitivo? Um dos pontos para diferencia-los dos de carreira seria o fator aposentadoria, fazendo do Temporário a inclusão no sistema INSS, onde existe um teto.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics