22 de outubro de 2015

"Nova Serra Pelada": governador quer Forças Armadas na desocupação de garimpo ilegal no MT

Taques pede atuação das forças nacionais em desocupação de garimpo ilegal
A cidade de Pontes e Lacerda ficou conhecida como 'Nova Serra Pelada' e já atraiu cinco mil pessoas de todo o Brasil para a extração irregular
O governador de Mato Grosso, Pedro Taques, solicitou hoje (20) a atuação conjunta das Forças Armadas, da Força Nacional de Segurança Pública e a Polícia Militar de Mato Grosso para cumprimento de decisão judicial que determina o fechamento imediato do garimpo ilegal localizado em Pontes e Lacerda (a 448 km de Cuiabá). A região ficou conhecida como “Nova Serra Pelada” e já atraiu cinco mil pessoas de todo o Brasil para a extração irregular.
Para o governador, o trabalho em conjunto dos órgãos estaduais e federais evitaria um esforço demasiado e concentrado da Polícia Militar para o atendimento da medida judicial. O que poderia gerar prejuízo na atuação em outras regiões do Estado. Lembra ainda que a operação deve ser prolongada – primeiro com a desocupação, seguindo com a manutenção/reintegração de posse.

Acidente
Na tarde de segunda-feira (19), o Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Mato Grosso de Pontes de Lacerda, foi acionado para o resgate de cinco vítimas de um deslizamento de terra na região da Serra da Borda e Santa Bárbara, que fica a 18 km do município. Segundo o comandante da CIBM, 1º tenente Walestein Maia Santana, as vítimas estavam com vários ferimentos e foram encaminhadas para o Pronto Socorro local. A
O Hospital e Santa Casa Vale do Guaporé, do município de Pontes e Lacerda, também informou à Secretaria de Estado de Saúde que não houve mortos e nem feridos graves no incidente ocorrido no garimpo no município. A Secretaria de Estado de Saúde mobilizou o Hospital Regional de Cáceres para receber possíveis vítimas graves do deslizamento de terra ocorrido no garimpo. (Portal Amazonia) 
Noticias de Mato Grosso/montedo.com

5 comentários:

Anônimo disse...

Exército pra quê? Manda a polícia, Força Nacional, estadual, municipal, etc. Já chega de fazer tudo e continuar na escravidão!Quando começou o "burburinho" no local, eles ficaram quietos faturando e, agora que as coisas estão sem controle, lembram de quem? "SEVERINOS!!"

Anônimo disse...

“Taí” um bocado de analfabetos, ambiciosos por dinheiro, que nunca quiseram estudar para ser alguma coisa na vida e que logo logo vão estar se destruindo. Haverá muitas mortes covardes nesse local, muitos pescoços cortados. Eu mesmo perdi um amigo, covardemente enforcado, na época de Serra Pelada.

Anônimo disse...

Prezado Montedo, a cidade de Pontes e Lacerdas fica no MT e não no MS.

blog montedo.com disse...

Ops! É verdade. Já corrigi, obrigado.

Anônimo disse...

É verdade! O governo vê quando invasões, favelas, milícias etc começam e se omite. No entanto, quando não há mais controle, nem com as polícias, chama o EB ou os FN. Por que os políticos não vão lá tirar os caras? Mas não, são sempre as FFAA que têm que corrigir a situação para outros levarem a fama.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics