4 de outubro de 2015

Profissão: Militar. Por que vale a pena!


 
Posted by Moises Pedalada Pedalada on Quinta, 17 de julho de 2014

17 comentários:

Anônimo disse...

É por essas e outros que, mesmo diante de todas as diversidades, em vivermos num país de corruptos, ME DÁ ORGULHO DE SER MILITAR!!!
VELAME!!! SERTÃO!!!!

2° Sgt 2002

Anônimo disse...

Já valeu a pena ! Se fosse hoje, eu não entraria, talvez nem como oficial.

Anônimo disse...

http://www.eb.mil.br/web/midia-impressa/noticiario-do-exercito/-/asset_publisher/IZ4bX6gegOtX/content/301-reuniao-do-alto-comando-do-exercito?redirect=http%3A%2F%2Fwww.eb.mil.br%2Fweb%2Fmidia-impressa%2Fnoticiario-do-exercito%3Fp_p_id%3D101_INSTANCE_IZ4bX6gegOtX%26p_p_lifecycle%3D0%26p_p_state%3Dnormal%26p_p_mode%3Dview%26p_p_col_id%3Dcolumn-1%26p_p_col_pos%3D2%26p_p_col_count%3D3

Anônimo disse...

Já valeu a pena, hoje em dia não vale a pena, não existe incentivo, não tem salario bom e nenhum beneficio...
Isso porque sou oficial, imagino se colocando no lugar dos praças...
Estudo para sair prestar outro concurso ou um negocio e dar um futuro melhor aos meus familiares fora das FFAA.
Se continuar da forma que esta em breve tera poucos militares, pois a maioria estuda para sair...

Anônimo disse...

E qual é o pensamemto do EB? Falou e não disse nada neste texto.

Anônimo disse...

O Exercito Brasileiro é uma vergonha mesmo, pelo relato do miitar este é o salto 107 dele, na qual ele diz fazer isso a 25 anos...
Em um exercito profissional com 25 anos ele já teria feito muito mais de 1000 saltos. Fico vendo o povo que chega no quartel dizendo que é PDD pergunto quantos saltos tem eles dizem que tem 1, 2 ou 3 saltos, pois conheço isso e que foi o de formação e se orgulhão de usar o breve. Na aviação civil para voce ter o breve de PQD é de no minimo 10 saltos enganchado e depois 5 saltos livres ao lado do instrutor para então pegar a carteira de PQD. E o militar com 2 se diz PQD. Fico indignado com casos assim. Parabens ao militar, pelo orgulho dele, afinal ele não tem culpa e sim o comando de não formar os militares da forma que deveria.
Igual o TAT tiro anual 15 tiros por ano e 3 TAF aptidão fisica. O que é mais util TAT ou TAF? Tem que ter mais TAT e menos TAF. O EB tem que mudar. Piada...

Anônimo disse...

Guerra: invenção dos velhos, onde morrem os jovens !

Anônimo disse...

Não vale mais a pena, igual diz o anonimo acima...
Esta correto perdemos a moral e a dignidade perante a sociedade por não fazer nada frente as atualidades politicas e sermos passivos quanto a falta de estruturação das FFAA, policamente entre outros.

Anônimo disse...

O negócio é ser Auditor Fiscal! Faça uma faculdade e parta 'pra' dentro.

Anônimo disse...

Pela manhã é a preparação, à tarde eu salto e a noite dirijo um táxi para não morrer de fome!!!

porquinho do camorim disse...

Excedente. Irei copiar!

Anônimo disse...

Infelizmente não vale mais a pena... todos que me perguntam, tenho que dizer que existem muito mais óbices que benefícios com a carreira verde-oliva. A baixa procura pelos concursos militares resulta nesse pessoal que já chega desmotivado com as atividades inerentes e estudando para sair o quanto antes... e o pior de tudo, é não ver nada de bom no horizonte.

Anônimo disse...

INFELIZMENTE o Escalão Superior está MUUUUUUUITO preocupado com a situação, tanto é verdade que as ações e atitudes, por parte deles, os militares estamos esperando ha MUUUUUUITO tempo.

Anônimo disse...

Djalmão diz:
È nós do boot!!!

Temos orgulho sim, de sermos paraquedistas e pertencermos ao glorioso Exército de Caxias...não "cuspimos no prato que comemos" quando entramos, sabíamos que não ficaríamos ricos...que não estiver satisfeito, vá estudar.
Parabéns Moises, tenho orgulho de compartilhar alguns saltos com vc e a rapaziada do 27...vc tem 107 saltos? alguns acharam que é pouco? porém, só saltaram do beliche e ficam criticando algo que não conhecem...não compreendem o desgaste de saltar de uma aeronave militar com um T10 "queixo duro", que após a aterragem, o pqd tem que conferir o corpo, antes de levantar. De chegar na "rodoviária" as 7 da manhã para saltar as 17 horas. De saltar à noite, no mar, na caatinga, em Itaguaí, enfim, nos "jangais" da vida (só quem é sabe)...comparar 1000 saltos de paraquedas civis, navegável, que te colocam no chão, com 107 saltos de T10,é comparar dormir numa rede de selva e dormir na suite do copacabana palace...

Djalmão PQD

Anônimo disse...

Já disse um Prec ex-intrutor, amigo meu, ao indagá-lo sobre servir lá:
"Se é loko é? Vá terminar teus estudos e picar mula"

Anônimo disse...

Boa noite.
O fato das coisas não andarem como gostaríamos que estivesse tentam minar o sentimento pela Profissão, mas não podemos nos deixar influenciar por pensamentos ruins, pois ser militar é muito mais do que ter uma profissão, ser militar é como um sacerdócio! Basta voltarmos no tempo que vamos refletir que a missão de nossos antepassados foi muito mais árdua que a nossa, eles demarcaram as nossas fronteiras, muitos pereceram na nobre missão, em situações insalubres sem o aparato da moderna medicina que conta com evacuações aeromédica e medicamentos de última geração! Cada tempo tem os seus desafios, temos que seguir em frente sempre, só conquistamos batalhas com perseverança e união! Parabéns por mais um salto, parabéns pela declaração, parabéns pela orgulho de mostrar o carinho pela profissão! Senhores, "Lembrai-vos da Guerra."

Anônimo disse...

Não vale a pena!!

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics