3 de outubro de 2015

PEC permite que associações representem os militares em negociações salariais

A inclusão das Forças Armadas na PEC 443/2014 pode permitir que as associações que representam os militares participem das negociações salarias, que atualmente estão sob o encargo exclusivo dos Comandantes.

A proposta, de autoria do deputado Subtenente Gonzaga (PDT/MG), trata apenas dos militares estaduais. Entretanto, o relator, deputado Capitão Augusto (PR/SP), promete incluir no texto os militares federais.


Saiba mais assistindo a este vídeo de Kelma Costa:

18 comentários:

anonimo disse...

PÉSSIMO!

BRAÇO FORTE disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
BRAÇO FORTE disse...

Embora a iniciativa tenha as melhores das intenções acredito que, uma vez conquistada a possibilidade das associações militares representarem seus associados em fóruns diversos na esfera administrativa, continuará faltando aos militares da ativa das FFAA os instrumentos de pressão adequados junto ao governo federal, pelo simples fato da impossibilidade constitucional de realização de greves ou de atos contestatórios de caráter remuneratório. Creio que o caminho mais pragmático seja justamente a formação de uma sólida bancada militar visando a aprovação pela via política das PEC de nossos interesses.

Anônimo disse...

Podemos até imaginar quem está por trás desse PÉSSIMO rsss

Anônimo disse...

Precisamos de mais representantes para os militares das Forças Armadas, os comandantes, quando estão na Ativa, só pensam nas promoções deles.

Lauro-EB disse...

Péssimo e passar mais de 10 anos ouvindo que "o Comando está preocupado" e não ter nada de bom resolvido nesses últimos anos. As associações foram as responsaveis até pelas merrecas recebidas nos últimos anos. A prova que são cargos políticos e que a Dilma acabou de tirar o status de ministério do GSI. Isso é péssimo!!!

Anônimo disse...

ÓTIMO!

Anônimo disse...

Esta é a única maneira de melhorar, o resto é balela.

Anônimo disse...

Resta rezar para as "autoridades" nao "melarem" essa PEC com a conversa de que vai atingir os pilares das FFAA...hieraquia e disciplina...
Os outros orgao civis, empresas publicas e privadas tambem possuem hierarquia, os funcionarios tambem possuem um codigo de conduta e nem por isso deixam de ter suas representações.
pelo que eu saiba até outras FFAA já possuem associaçoes , como Portugal, e nem por isso deixaram de existir.

Unknown disse...

Aqui é o Comando!
Pode ter certeza que estamos analisando os estudos e estamos preparando um estudo, para analisar a situação dos estudos que estão sendo realizados pois o Comando está atento!

Anônimo disse...

Cadê o Deputado BOLSONARO, heim? Cadê? Não me representa????????????

Anônimo disse...

PEC 249/2008

Ideia Central ■
Reestruturação dos soldos dos militares

Problema ■
Apoiar a tramitação da PEC 249/2008 que se encontra na Comissão de Relações exteriores e Defesa Nacional, pois os soldos dos militares pode ser considerado como um dos mais baixos de todas as categorias de servidores do poder Executivo. Acresce que a carreira Militar das Forças Armadas é considerada pela Constituição como sendo uma carreira de Estado e sua remuneração não atende este requisito nem é compatível com a situação de outras categorias consideradas como servidores do Estado

Exposição ■
Efetuar uma tramitação urgente da PEC 249/2008 (há sete anos no Congresso Nacional para sua apreciação e votação!)

http://www12.senado.gov.br/ecidadania/visualizacaoideia?id=45469

Anônimo disse...

Muito importante esta PEC, foi este instrumento que alavancou as PM.

Anônimo disse...

Sistema de saúde da MARINHA “complicado”. Marcações para 2016.

http://www.sociedademilitar.com.br/wp/2015/10/sistema-de-saude-da-marinha-complicado-marcacoes-para-2016.html

Anônimo disse...

5% em setembro para receber no pg de outubro de 2016. Estamos presos a essa insignificância até 2019, é só e ninguém pode fazer nada. E agora até os consignados estão inviáveis porque a FEBRABAN desaconselhou os bancos a fazer. Na Marinha isso já vinha ocorrendo devido ao excesso de militares entrando na justiça. É o fim !

Anônimo disse...

Como diria o velho Sr. Burns: Excelente!!!

Anônimo disse...

Sem representação estamos fadados ao fim! Sem direito a ter direitos!

jorge antonio a santos disse...

Muito bom. Torço pela aprovação dessa PEC rapidamente.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics