14 de junho de 2017

Correio sentimental...


26 comentários:

Anônimo disse...

Até com professora cinquentona aposentada, o Sub velho está em baixa. kkkk

Anônimo disse...

Rsssss.
Parabéns montedo pela forma inteligente de nos trazer informações e diversão.
Prestas um grande serviço a família militar.

Quanto ao anúncio acho que não dá para mim. Acabei de sair primeiro e dona Maria tá toda radiante.
Já comeu pão duro quando eu 3 e 2 sgt.
Agora que chegou a mortadela não posso largar a nega.rssss.

Que chegue um tempo que passamos comentar aqui expondo nossa imagem.

Você merece nosso respeito.



Anônimo disse...

Tô dentro. Me interessou he he he he ... será que ela ganha bem ?

Anônimo disse...

Poxa Montedo! Libera o telefone.

Anônimo disse...

Arre égua, por que essa divorciada não procura um praça? SÓ "coroné"?
Um Sg com o salário nas "arturas", não interessa?Então viva São João e Santo Antonio que é casamenteiro.

Anônimo disse...

Todo praça é um aventureiro !!!


Sgt Resenha

Anônimo disse...

Kkkk será mesmo que ela quer um coronel?��

Anônimo disse...

Kkkk
Ela tá querendo garantir o FUSEx.
Kkkk

Anônimo disse...

Discriminação contra os CAP QAO. Kkk

Anônimo disse...

Pense numa cinquentona porreta, dispensando os Capitães QAO, deve achar que um tenente ganha mais kkk

Anônimo disse...

Hoje em dia, com viagra o militar desemboca.

Anônimo disse...

Claro q ela se equivocou. O q ela procura é tereré, tenente ou capitão.

Anônimo disse...

Subão com 8 qa esta interessado. Divorciado esposa não aceitou ficar ao lado de um subão. Estou na pista

Anônimo disse...

Olha aí, olha aí! Que discriminação é essa? e os "subão"?? Até nisso os militares estão em alta.kkkkk

Anônimo disse...

Ela quer até um tenente nessa idade? Hummmm, mas 85? Vai para porta do hospital militar, mulher! Ela deve ser professora de enfermagem para gostar de tanto "véio". Tá vendo no que dá em comentar que os militares vão ter aumento e saúde para esperar a aposentadoria nova?

Anônimo disse...

Toda brincadeira tem um fundo de verdade e um veneno escondido as vesperas de mais um pacote de maldades....Antes de 2001 o militar ia pra casa com 28 anos, após com 30 e agora depois do esTALO 35 anos. Meu Deus o primo da minha esposa casou com uma veterinaria da Marinha que ficou gravida e hoje ela trabalha 4 horas e o rrsyo em um cargo publico no Acre como medica...Ele ta rico !!#

Anônimo disse...

Ela quer um Cel ou Ten QAO. Ela quer moleza. kkkkkkkk

Anônimo disse...

Daqui a pouco será difícil conseguir estes felizardos professora, estarão na ativa, ainda.

Inácio Almeida disse...

É por causa de caçadoras de pensões que querem incluir cláusulas de barreira na reforma da previdência. A principal é que só terá direito ao recebimento da pensão vitalícia a relação que durou mais de 15 anos.
Não se preocuparam com as pensionistas de militares que perderam seus maridos com poucos anos de relacionamento devido a acidente ou a alguma doença grave que o companheiro foi acometido mesmo ainda sendo jovem.
Não duvido que este anúncio tenha sido plantado para justificar o absurdo que querem fazer com as pensionistas.
Em matéria de ardis não duvidem de nada destes políticos que saquearam o país e agora querem que o povo pague a conta.
Precisamos estar atento aos direitos das nossas pensionistas.
O desconto que querem fazer na pensão para tapar rombo causado por fraudes lançará ao desespero pensionistas que hoje já recebem minguadas pensões.
NÃO PODEMOS PERMITIR QUE NOS FAÇAM DE BOBOS.
As pensões são e devem continuar INTOCÁVEIS.

Anônimo disse...

Acho que houve erro de edição, onde está escrito tenente, leia-se tenente-coronel.

Jessica Toledo disse...

Isto prova ao público Civil que a classe militar quer manter, a todo custo, privilégios calcados em legislação da Guerra do Paraguai. Tem muita vantagem que só vigora e se mantém à classe de vocês. Não adianta argumentar que são vantagens da categoria "A" ou "B" analisando de maneira abrangente se percebe que todos vocês estão cobertos por estas benesses. Se estão caçando é porque existem privilégios, não adianta negar e tentar esconder. Se todos são iguais perante a lei porque uns perdem e outros mantém (me refiro aos militares).

Anônimo disse...

O escantilhão dela só pega oficial...

Anônimo disse...

Para os que pensam que militar só tem vantagens, se fosse assim, nenhum profissional da área de saúde pedia para sair. Não fica um. Entram pensando uma coisa e quando começam a trabalhar e serem exigidos, se desiludem. Enquanto os civis curtem os militares surtam. Concordo com a comentarista que diz que todos são iguais perante a lei... mas no tratamento com os milicos isso não é levado em conta, não à favor, e sim contra. Não se iluda.

keko marques disse...

Seja militar vc tb. Preferencialmente, praça. Verás as "benesses" que temos...
Tu não sabes o que fala.

Lopes disse...


Ela não é "professora", é "cuidadora de idosos" hahahahahah!!!!!

Anônimo disse...

Jessica Toledo, 15 de junho de 2017 12:43, seu comentário é igual a de qualquer brasileiro quando se refere à corrupção dos políticos: reclama da corrupção porque não está lá, mas se conseguisse entrar seria um dos maiores corruptos também. Agora, voltando para o caso aqui, a pensão é um direito de toda esposa de um trabalhador, e no caso do militar ela é muito bem descontada para tal. O problema é que a senhora não é pensionista e nem tem direito a esse tipo de pensão, porém se tivesse direito garanto que estaria brigando aqui também. "Quando vir alguém na lama não lhe dê a mão, pois ela, em vez de sair, irá puxá-lo para a sujeira também!" (PC).
E quanto a professora, ela não sabe distinguir postos e graduações, mas uma coisa ela sabe bem: acumular pensões. Na verdade, ela quer um velho, pode ser subtenente, que ela não conhece e fala tenente, ou coronel. O que interessa é ser "coroa" para morrer rápido.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics