7 de junho de 2017

Reunião no QG do Exército para discutir política inquieta o Congresso

EPA!
REUNIÃO COM 'RESERVA PRÓ-ATIVA' OCORREU NO QG DO EXÉRCITO
O GENERAL VILLAS BOAS (ESQ.) REUNIU, ENTRE OUTROS, OS GENERAIS ALBERTO CARDOSO E AUGUSTO HELENO.
Tem provocado inquietação no Congresso a reunião promovida nesta terça-feira (6) pelo comandante do Exército, general Eduardo Villas Boas, no Quartel General do Exército, com integrantes do que ele denominou de “reserva pró-ativa”, para discutir a crise política no Brasil.
Dessa conversa participaram os generais de Exército Alberto Cardoso, que chefiou o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) do governo FHC; Augusto Heleno, um dos mais admirados por sua liderança e protagonismo, e Bolívar Goellner, que trabalha com o general Sérgio Etchegoyen no GSI do governo Michel Temer, além do general de divisão Rocha Paiva, considerado um “pensador militar”. Também participaram membros do Alto-Comando do Exército que estavam em Brasília.
O general Villas Boas promoveu essa reunião, da qual participaram representantes de diversas alas do pensamento político-militar, segundo registrou o site DefesaNet, em razão do fato de ser considerado um “fiador” de uma posição legalista que predomina. Essa posição, explica o site, é baseada nos pressupostos da Legalidade, em respeito à Constituição e às decisões do Supremo Tribunal Federal, Estabilidade política, social, a Lei e a Ordem, e a Legitimidade, considerando que “as Forças Armadas, caso necessário, têm legitimidade para intervir”.
Em sua conta no Twitter, o general Villas Boas divulgou foto da reunião, em que aparece ao lado dos generais Cardoso e Heleno, em torno de uma mesa de reuniõa, com a seguinte mensagem: "Mantendo laços com a reserva pro-ativa, convidei os generais Cardoso, Heleno, Bolivar e Rocha Paiva para uma conversa sobre nosso país."
DIÁRIO do PODER/montedo.com

55 comentários:

Anônimo disse...

Tomara saia coisa boa dessa reunião...Já estamos calçados de ver como agem os dirigentes desse nosso Brasil Varonil, com tantos #desmandos...Temos que acreditar, embora não tenhamos visto ainda, nenhuma ação em prol disso...#Torcendo...����

Anônimo disse...

Discutiram os 28 mais alguma coisa por cento ?

Anônimo disse...

Isso que é Happy Hour !!!


Sgt Resenha

Anônimo disse...

"Pensador militar"? Alguém arrisca explicar o que quiseram dizer com isso?

Anônimo disse...

Tem uns ai que certeza "peidaram na tanga" ao ver essa foto hoje!

Anônimo disse...

Gostei do "pensador militar".

Anônimo disse...

depois da liberação do guarda-chuva, deve vir mais coisa por aí........rs

Diego H disse...

Reunião de Generais Esquerdistas, apenas!General é cargo político, a grande maioria dos militares acredita no sistema corrompido ainda.....kkkk

Anônimo disse...

Blz! depois de 15 anos de EB, vou voltar pra faxina!

Anônimo disse...

já pedi mil vezes pra fazer esse curso de "pensador militar", mas só toco !!!

Anônimo disse...

Se vai servir pra alguma coisa ninguém sabe, agora se esse tal de pensador militar pensar mais aí não sai nada.

Joaquim Gomes de Faria Faria disse...

Quando vejo uma reunião desse nível ocorrendo no Alto Comando do Exército, sinto um acalento em minha alma.Percebo que nossos Generais estão prontos para escorraçarem esta corja que esta destruindo nosso país.

Anônimo disse...

Enquanto isso, os DIGNOS MILITARES BRASILEIROS, na maioria do seu efetivo, foram levados a viverem na M com a pior remuneração do funcionalismo público, devido à SUBMISSÃO por parte de uma classe política corrupta, revanchista e com a OMISSÃO dos Comandantes Militares. Ainda chamam de CRISE os ROMBOS dos cofres público da nação, cometidos pelos políticos ladravazes, cínicos e mentirosos; e o que é pior, tudo isso, com os sacrifícios financeiros impostos a classe militar. Veja a famigerada MP 2215 (LRM), que usurpou direitos dos militares e seus pensionistas, que está enterrada nos porões do Congresso há mais de 15 anos, levando a perda do poder aquisitivo da classe em torno de 60%. Veja também, as correções MESQUINHAS de salários, como se fosse um cala-boca, sem contemplar os guardiões da nação com uma correção JUSTA, IGNORANDO O ART. 37, INC. X DA CONSTITUIÇÃO, que prevê a revisão anual dos soldos e pensões. Então vejamos: o vencimento de um CORONEL da ativa (Militar com 25 anos de serviços e com todos os cursos que a carreira impõe) é INFERIOR ao do MOTORISTA do Senado; onde o vencimento LÍQUIDO de um SUBOFICIAL, da ativa, com 30 anos serviço corresponde aos HUMILHANTES R$ 5.500,00; Bem menos que um soldado da PM-DF ou Policial Rodoviário Federal em INÍCIO de carreira, SENDO QUE O DINHEIRO VEM DA MESMA FONTE PAGADORA: A UNIÃO! Onde o vencimento de um GENERAL, com mais de 45 anos de serviço, é IGUAL ao salário de um AGENTE DE SEGURANÇA, de Portaria do Congresso. Sabidamente, os militares pertencem a uma categoria que não foi feita para viver na riqueza, na ostentação, mas em contrapartida, também NÃO JURARAM a viver na MENDICÂNCIA. O MILITAR JURA DEDICAR-SE INTEIRAMENTE AO SERVIÇO DA PÁTRIA E DEFENDÊ-LA COM O SACRIFÍCIO DA PRÓPRIA VIDA, MAS NÃO JURA A PASSAR PRIVAÇÕES, MUITO MENOS A SUA FAMÍLIA!

Anônimo disse...

Estavam discutindo sobre o uso da bengala nas formaturas quando for aprovado a previdencia dos militares.

Anônimo disse...

Digam-me aí, o que pode acontecer se eu me reunir aqui em casa com uns quatro a cinco sargentos da reserva para discutirmos a conjuntura política? Para, por exemplo, verificarmos em que vamos votar no ano que vem?

Anônimo disse...

Dá em nada isso aí. Que inquieta Congresso que nada, um bando de Generais de Pijama que nada fizeram em 2001 (MP do Mal) e além do mais todos aí estão numa "boquinha" em alguma Estatal. Não estão nem um pouco preocupados com nós, bem como o Congresso não está nem um pouco preocupado com eles. Vão caçar o que fazer, curtir seus netos e deixem de firula. O que tinha que ser feito, os senhores não fizeram.

Anônimo disse...

Anônimo 7 de junho de 2017 14:21, gostei de você gostar do "pensador militar".

GO ON...

Anônimo disse...

Reunião da CPA: Café, papo e água!

Anônimo disse...

Por que não convidou o GEN.MOURÃO???

Anônimo disse...

Um Recruta que serve no QG ouviu a reunião me contou. O CMT do EB estava transmitindo o retorno que a mudança do tecido da gravata trouxe para a família militar... E já está sendo finalizado o estudo da portaria que vai regulamentar o uso do guarda chuva... Aguardem que harará mudanças na cor do coturno de Selva em 2019...

Anônimo disse...

estão discutindo uma nova graduação para aumentar o tempo de serviço das pracinhas, ou discutindo a cor da nova gravata, ou o cardo de auxiliar do adjunto de comando são muitas discussões que até da medo mesmo desse pessoal reunido, ou a cor do novo bastão de comando a dar para o novo presidente até agora foi só isso que o Gen vidas boas discutiu e a tropa só ferro.

Anônimo disse...

Não vai acontecer nada. É só ver a sequencia dos fatos. Mesmo com toda a podridão, nada ocorreu até agora. Por isso não vai continuar assim.
Se fosse uma nação séria, a inteligência militar funcionaria para ouvir os verdadeiros bandidos que denigrem a nossas instituições (graúdos dos judiciário e do legislativo) e não ficar infiltrando bobões metidos a rambo nos movimentos sociais só para bater no povo, ficando do lado desses bandidos.
Muito triste a situação das FFAA. Defensores de bandidos.

Anônimo disse...

A vá. vai atrás dessa materiazinha torta que minha nossa!Os caras se reuniram pra conversar qualquer coisa e querem fazer um auê pra ter outro foco.O negócio é que político tá tão enrolado e tão encagaçado em Brasília que se desconfiarem que o juiz Sergio Moro vai passar por lá é capaz de nego largar correndo pra não sair no uber da pf.

Anônimo disse...

No mínimo estão discutindo "como ferrar os praças ainda mais", porque na política, não conseguiu nem ficar fora da reforma da previdência, coisa que os guardas prisionais conseguiu!

Anônimo disse...

A AMAN forma pensadores? Isso é novidade pra mim. Deve ser uma especialidade muito boa.

Pel Eng / Nu 5o Gpt Eng - Raposa Blindada disse...

"Que venham...Por aqui não passarão".

Anônimo disse...

http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2017-06-07/apreensao-de-armas.html

Anônimo disse...

Conversa de chá das cinco. Qualquer mobilização será através de solicitação de um dos poderes constituídos e os militares estão obedientes à Constituição.Parece que são os únicos, mas são. A "chapa" Dilma/Temer está quentíssima. Vai fritar todos.

marcosarapico disse...

Deve ter tido uma repercussão enorme. Deve ter sido noticiado em todos os principais jornais do mundo. Bando de fantoches. Joguetes. Zeros a esquerda. Desvalorizados. Deboches de governo após governo....generais se reúnem para um cafezinho entre amigos.

SAUDAÇÕES TRICOLORES disse...

DESSE MATO NÃO SAI COELHO...

segue o jogo!

Anônimo disse...

Parabéns, palavras justas!

Anônimo disse...

com tanta coisa pesada, vamos descontrair um pouco
mas tb serve para os sem noção tomarem cuidado



http://www.bocaonews.com.br/noticias/principal/mundo/177264,chines-prende-penis-em-chave-inglesa-e-e-salvo-por-dentista.html

Anônimo disse...

Depois dessa reunião, posso afirmar que pela visão do EB não sou pró ativo, pq não fui convidado. Será que somente General que é pró ativo???

Anônimo disse...

Pessoal noticia quente de uma amigo que serve em Brasilia:

- Ele disse que decidiram e agora vai, vão mudar a cor da camiseta!!!!! vai ser verde!!!!

Viva a força!!!!

Anônimo disse...

Essa reunião é para incluir o subtenente na escala de adjunto kkk

Anônimo disse...

Pergunta ao QG Exercito. Quando a página do DGP vai voltar?????? Muita gente sendo prejudicada. Precisamos do acesso a informação. Um colega esta entrando com Requerimento de Promoção precisa ver o almanaque e não consegue. O advogado vai ter que pedir via judicial ; Onde estão os da informática??

Anônimo disse...

Ao companheiro que falou da bengala. No quartel que trabalho um Cabo esta quebrado e usa muleta. O Cmt do Esquadrão mandou ele pintar de verde oliva a muleta. Ele pintou a muleta e o gesso também, ta tudo verde oliva

Anônimo disse...

De onde menos se espera é que não vem nada mesmo.

Anônimo disse...

“Foi uma decepção”, admite Lasier Martins sobre Aécio Neves
Senador gaúcho reconheceu ter votado no tucano para presidência da República
este mediocre senador de um estado e patetas e bananas foi aquele que assinou uma pec sem ler para ferrar com os trabalhadores mas ele sempre fez e faz o interesses da rede globo e RBS TV e a população que se ferre.

Anônimo disse...

Quem promove os Generais é o Presidente, nunca ele irá, dentro do seu poder discricionário, promover um General que se posicionará contra ele, isto se chama escolha ou meritocracia ou então "plena confiança nas forças armadas".

O PT escolheu a maioria dos Generais nos últimos 15 anos, quem não estivesse alinhado com a política do Presidente, certamente não foi promovido.

Não esperem nada de sobrenatural dessa reunião.


Os oficiais promovidos passam por um processo de escolha por parte do alto comando de cada uma das forças. São critérios de avaliação a carreira militar, a vida pregressa, os conhecimentos e o comando anterior de outras unidades.

O tempo de exercício no cargo de oficial-general é de no máximo 12 anos e há uma renovação de 25% nesse escalão a cada ano. Com isso, a cada quatro anos os altos comandos de todas as forças são renovados.

Em entrevista ao Portal Planalto, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, disse que a assinatura do decreto é, também, um ato em que o presidente em exercício, Michel Temer, reafirma a “plena confiança” nas Forças Armadas.

“É uma grande oxigenação e também uma grande prova de profissionalismo e de foco na meritocaracia que faz com que as Forças Armadas brasileiras hoje sejam modernas, contemporâneas e estejam a serviço dos interesses do Brasil”, diz Jungmann.

O ministro também ressaltou que o ato é mais um exemplo da preocupação de Michel Temer em reinstitucionalizar o papel das Forças Armadas. Isso ocorreu também, relembrou o minitro da Defesa, quando o presidente em exercício restituiu aos comandantes das Forças Armadas uma série de atribuições relativas à gestão e comando das tropas, inclusive em reserva, com a revogação do decreto 8.515, no início de julho deste ano.

Anônimo disse...

Sobre o salário, nada. Querem falar sobre política? Se filiem a um partido e concorram a uma vaga do congresso.

Anônimo disse...

Lebrambo que os militares já sofreu a reforma da previdência em 2001 e que acabou com a carreira militar! Agora querem jogar a pá de cal na cova! Direito como anuenio e outros importantes já era!

Anônimo disse...

Bizu promover os sargentos temporários a 2º Sgt, para ajudar na escala de adjunto kkk

Anônimo disse...

E o salário.......óóóóó...

Anônimo disse...

Aos q ainda não sabem, o todo poderoso diretor do DGP, baixou orientação para q as SIP, EM 17/02/2017, q doc assinados por militares R1, teram q ter firma reconhecida em cartorio e testemunhas quando o assunto é FUSEX.
A lei não vale, é um r-quero para todo lado e colocam sgt temporario para atender mal.
SE quiserem alguma informação é melhor procurarem o posto ipiranga, pois tudo esta da cabeça para baixo, a linguiça ataca o cachorro.

Anônimo disse...

Kkkkkkkkkkkkkk Exercito sendo exercito. Normal, sendo aqui nas terras tupiniquins.

Anônimo disse...

Ninguém controla nada, ninguém resolve nada.

Anônimo disse...

porque não convidaram o GENERAL MOURÃO?????? Não deu para entender não convidar o Ministro Raul até da para entender ele é civil e esta no Comando das Forças Armadas porque nossos Generais não tem poder.

Cecília disse...

Os salários pagos nos Poderes, em Brasília exorbitam o bom senso. Fala-se em reformar isto, reformar aquilo mas não se toca no assunto "cortar na pp carne". E tb não se fala que a grave crise do país deve-se aos desmandos e roubalheiras do PT, liderados pelo Lulladrão

QUEIROZ disse...

A pergunta que eu faço é porque todos os comentários são Anônimos. O povo brasileiro continua covarde, e é exatamente por conta dessa covardia quê nosso país hoje sofre, e nós também.
Assumir uma posição e defender os ideais é um ato de coragem.
Eu sou a favor de qualquer medida, drástica ou não, vindas de pessoas sérias ilibadas, que tenha como objetivo nos tirar desse caos em que vivemos. Não só relativo a corrupção generalizada e institucionalizada que vivemos, mas também a degradação moral de tudo aquilo que é bom, começando pela base da sociedade que é a família, em nosso país.
Coragem meu povo.

Anônimo disse...

Se *Gabriel O PENSADOR* tivesse sido convocado,diria que:não baixem a guarda.Mantenham os meios operacionais disponíveis. Paulo nos comunistas ....

Anônimo disse...

Confio em nossos generais. Acho normal é interessante ter a reunião.
Alguns companheiros aqui querem só "sacanear" nos comentários.

2°sgt/2003.

Unknown disse...

É interessante, que ele tenha convidado apenas, aqueles generais que pensam como a esquerda, que agem com a esquerda, e que não tem atitude de patriotismo.

Que dizem defender o respeito às Leis e à Ordem, enquanto o Brasil sangra. É um excelente ator esse comandante do Exército.

Por que ele não convidou o Gen. Mourão? o Gen. Heleno, que são militares de verdade, e realmente pensam e se preocupam com o Brasil e com o seu povo???

Anônimo disse...

O importante é que a cada ano vemos mais e mais jovens interessados pela carreira militar. Vejam como a página oficial do EB é comentada no Facebook. São muitos "likes". Estamos numa profissão digna, de grande orgulho para as nossas famílias! Vejam como é grande a concorrência para os processos seletivos de OTT e MFDV, nos quais só vejo aspirantes oriundos da USP, FGV, PUC, UFRJ, UNB, até egressos de Princeton, Harvard e Cambridge! Em vez de reclamarem por maiores soldos, vc já pensaram que a carreira militar é uma excelente oportunidade de ascensão social? Vamos nos orgulhar de fazer parte de uma das instituições melhor avaliadas! Tenham orgulho em serem sargentos do invicto Exército de Caxias! Brasil acima de tudo!

Anônimo disse...

Acho muito pertinente essa reunião, com certeza

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics