13 de junho de 2017

Imagem do dia...

Campo Grande (MS) - O Comandante do Exército, General Villas Bôas, apoia-se em um aparato especial durante a passagem de comando do Comando Militar do Oeste. Há cerca de um ano, o general foi diagnosticado  com uma doença neuro motora degenerativa que o obriga a usar bengala.

21 comentários:

Anônimo disse...

Se ele tem essa doença grave, por que não foi para a reserva para se tratar? A saúde primeiro.

Ander Faria disse...

Boa noite senhores.

Este 'aparato especial' chama-se Genuflexório, e destina-se a cerimonias religiosas onde os noivos se ajoelham para receber a benção matrimonial. Neste caso foi usa para apoio do Srº Comandante.

Grato
Brasil!!!

Anônimo disse...

Jamais tinha visto uma situação desta, um militar sem condição de ser militar por estar doente, ainda na ativa. Depois disto, deveriam acabar com o exame de saúde para o ingresso na carreira militar. Daqui a pouco, algum advogado vai formular uma tese em cima disto para obrigar as escolas militares a ingressarem doentes, tudo por causa deste general que, certamente, já mandou reprovar muita gente por doença.

Anônimo disse...

General, vá para reforma sem peso na consciência. A missão já foi cumprida. Dedique-se a sua saúde e à família.

Anônimo disse...

Não seria o caso exonerar o Cmt, para que ele possa ter mais tempo e cabeça para realizar o tratamento de forma mais acertada? Mesmo que o cargo seja administrativo, exige muito. Melhoras, General.

Anônimo disse...

Cargo administrativo? Se ocorrer uma situação de emergência ele terá de tomar decisões importantes. Ele está fisica e mentalmente pronto? Sr. General, primeiro a saúde e a familia...o Sr. é um grande Cmt, mas missão cumprida!

Anônimo disse...

Bravo Comandante, mesmo enfermo está lutando contra essa reforma da previdência dos militares, pois já tivemos nossa reforma em 2001 e caso esse escalabro aconteca agora, será o fim da carreira militar! Força Comandante, conhecemos o seu valor e sua sua integridade e sabemos que jamais, mesmo doente, abandonaria sua tropa! Selva!

Anônimo disse...

Caro Anônimo13 de junho de 2017 19:20:

É lastimável o tipo de análise feita por você, ainda mais com palavras que tentam evidenciar uma propriedade que certamente você não tem.
Em primeiro lugar é nítido que o Cmt do EB tem uma séria doença, a qual, sem sombra de dúvidas, o permitiram estar em casa, se tratando.
Porém, o General não está mais na ativa. O cargo que ocupa é uma nomeação de oficial que já se encontra na reserva. Portanto, penso assim: o que faria esse homem suportar tal situação se já tem sua reserva garantida? Se não precisa de mais nada?
Certamente, muitos falarão: o General não quer largar o osso de cmt do EB. Seria isso mesmo? Em sã consciência alguém permaneceria nessas condições apenas pelo cargo? Acho que não.
Pra mim, o que move o General Villas Boas é o espírito de cumprimento de missão. É acreditar que o trabalho que ele iniciou será concluído (refiro-me à reestruturação da carreira, que sem ele provavelmente nunca existiria).
É um espírito que muitos jovens não tem...se entregam por muito menos, e o pior, com a certa intenção de tirar vantagem da situação.
Louvo o trabalho desse general, e torço para que seu esforço, no final, seja recompensado. Com certeza um dia muitos se envergonharão das besteiras infundadas que falam.
Força General! Que Deus o abençoe e o recompense por todo seu trabalho.
Tenho, e com certeza muitos outros tem, orgulho do cmt que hoje temos em nosso EB.
Que o exemplo do sr se reflita pelas próximas gerações de comandantes!

Anônimo disse...

Saúde e paz Cmt. Missão cumprida.

Anônimo disse...

Não general,não saia ainda, pois sua missão não terminou.Aguarde pelo menos a nossa melhoria salarial e depois, aí sim,MISSÃO CUMPRIDA.
Saúde, general, pois essa doença exige paciência.

Anônimo disse...

A VIDA DE COMANDANTE DE FORÇA DEVE SER MUITO BOA

PARA NÃO QUERER IR PARA CASA TRATAR DA SAÚDE E

DA FAMÍLIA.

Anônimo disse...

Comandante

Que Deus lhe conceda a força necessária para estar sempre a nossa frente e nos liderar!!! SELVA!!!

Anônimo disse...

Obrigado general.
Por trazer de volta a esperança.
Por trazer de volta o orgulho.
Por elevar nossa instituição.
Obrigado porque em 17 anos de sgt nunca tive orgulho de meus chefes.
O senhor resgatou isso e mostrou que ainda temos líderes.
Deus te abençoe e te guarde.

Anônimo disse...

Muitos de nós, somos formados para ser um LIDER, poucos mantem a posição até o término da carreira, ou seja, muitos cairam. Mantenha a posição Comandante, estou confiante na sua pessoa perante as futuras propostas para o MD.

anonimo disse...

Parabéns pelas palavras. Pensamentos positivos só somam.

Unknown disse...

Ele está se tratando. Ficar à toa não ajuda a recuperar a saúde. Ainda bem que o comandante é ele.

Anônimo disse...

General de fibra, demonstra a luta continua para deixar a tropa amparada. Ninguém imagine o que o Comandante teve que passa, superar e decidir para que a tropa não fosse mais prejudicada. As ações deste Nobre militar não nos deixou cair nas mãos destes políticos inescrupulosos para caprichos e ideologias políticas de profundo caos que poderiam ocorrer. Rogo a Deus Todo Poderoso sua recuperação plena e que continue na condução do Comando do Exército, que há muitos anos não se tinha um LÍDER como este Ser Humano! General, muito obrigado e muita saúde.

Gabriel disse...

Resposta ao Anônimo de 14 de junho de 2017 às 08:41 horas.
Parabens pelas suas palavras de incentivo e de apoio ao nosso Comandante do Exército. Que ele tenha forças para cumprir a missão e implantar as mudanças pretendidas.

Anônimo disse...

Cometário imbecil!

Unknown disse...

Cuide de sua saúde, Comandante. A Missão foi cumprida. Saúde e Paz!

Unknown disse...

Parabéns pela sua resposta. O Gen Villas Boas sabe o que está fazendo. Na atual conjuntura política, seria um desmando colocar um aloprado no comando.

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics