8 de fevereiro de 2017

Com crise de segurança, governador do ES transfere poder de polícia ao Exército

Do UOL, em São Paulo
O governador do Espírito Santo em exercício, César Roberto Colnaghi, transferiu para as Forças Armadas o controle operacional dos órgãos de segurança pública estadual. A decisão foi publicada em edição extra do Diário Oficial do Estado na tarde desta quarta-feira (8).
Segundo o Ministério da Defesa, essa transferência faz parte da burocracia necessária para o envio de tropas federais - desde segunda-feira (6), agentes das Forças Armadas e da Força Nacional de Segurança estão nas cidades capixabas para substituir os policiais militares, que no último final de semana iniciaram um motim.
Com a medida, há uma autorização por parte do governo estadual para que o general de brigada Adilson Carlos Katibe seja o responsável pela força-tarefa que atua no Estado. Segundo a Defesa, o decreto não anula os poderes da Secretaria de Segurança Pública estadual.
Procedimento semelhante foi adotado em todas as outras ocasiões em que houve envio de tropas federais - por exemplo, durante a Olimpíada e Paralimpíada no Rio de Janeiro, no ano passado, e no Amazonas e em Roraima, neste ano.
Pelo menos até o dia 16, o comandante das forças públicas de segurança no Estado do Espírito Santo passa a ser Katibe, responsável pelas operações das Forças Armadas para a Garantia da Lei e da Ordem nos municípios capixabas. Essa situação pode ser estendida para além do dia 16. (Com informações do Estadão Conteúdo)
UOL/montedo.com

Um comentário:

Diego H disse...

OU seja: "chamaram a mãe" definitivamente.....vamos ver se esses cú frouxos desses generais, mesmo com tudo que está acontecendo, vão deixar eles afundarem as forças armadas mais ainda...

Arquivo do blog

Compartilhar no WhatsApp
Real Time Web Analytics